O Que é Notícia Em Sergipe

Piriápolis: Pelas histórias de Píria

0

Castelo Museu de Píria é um dos legados

Foi graças ao empreendedorismo e o misticismo de Francisco Píria que a cidade balneária de Piriápolis foi fundada em 1890, primeiramente, com o nome de Balneario del Porvenir. Descente de italiano, Píria contruiu um dos maiores e mais modernos hotel da América do Sul, na época, empreendeu a construção da orla no estilo dos balneários europeus, além de expandir seu império também para a capital dos argentinos e dos 

Sua população fixa de 9.000 hab mas com uma população flutuante que quadruplica na alta estação de verão uruguaio (dezembro a março), a cidade tem sua maioria de casas fechadas durante a maior parte do ano, porém, continua a receber durante visitantes argentinos e brasileiros e uma quantidade crescente de europeus, por conta do charme de suas construções e história.

Simbologias da Maçonaria e Alquimia presentes

Para entender melhor a cidade, comece a visita pela lendária residência de Francisco Píria, na redondeza da cidade, sobre a Rodovia 37, que conecta Piriápolis com Minas. Ao chegar na propriedade, o visitante verá a suntuosidade da construção em estilo medieval, com duas torres parecidas com peças de xadrez e impactantes jardins. Finalizada em 1897 foi residência oficial do fundador da cidade e também residência de veraneio.

Atração de de Piriápolis

Duas esculturas de cachorros adornam a entrada principal do castelo e quando o visitante o acessa, entrará no mundo de Píria. Móveis, obras de arte, utensílios e objetos recriam os ambientes onde habitou. Também se exibe material documental sobre a história do litoral.

Há tour gratuito guiado que permite entrar em contato com as lendas que envolve o criador de Piriápolis, por ter Píria dedicado parte de sua vida à arte da alquimia, hoje vista desde signos nos jardins, até místicos objetos que se assemelham a maçonaria, a símbolos também espalhados pela cidade. Na cidade, é cada vez maior o número de pessoas que creem nos mistérios de Píria e que percorrem os símbolos, em uma espécie de peregrinação.

Para quem quer conhecer mais sobre o empreendedorismo de Píria, observe em documentos, fotos e registros que o império não se restringiu apenas a Piriápolis. Em Montevidéu há também outras construções que o fez um grande empresário uruguaio e visionário para a época, a exemplo do Palácio Píria, hoje a Suprema Corte de Justiça del Uruguai, na Plaza Cagancha. Há também o Palácio Píria Buenos Aires, ambos serviram de residência da família. O legado de Píria está presente também em fotos e documentos nos museus de Montevidéu.

Playa de los Argentinos

Balneário e sonho europeu

Depois de conhecer todo o empreendedorismo do fundador da cidade, a avenida Playa de los Argentinos e as praias de areias brancas, como São Francisco e Praia Formosa, são alguns dos atrativos.

Veja o hotel Argentino que demostra bem os tempos áureos da cidade. Construído em 1930, já foi considerado o maior hotel da América do Sul, com fachada imponente, em estilo clássico dos SPAs europeus. Pertinho dele também há um outro empreendimento hoteleiro, o hotel Piriápolis, hoje funcionando como uma creche pública.

Após, conhecer a região balneária, o visitante deverá subir as colinas da cidade, a mais famoso: Cerro Santo Antônio. Antes de chegar lá, irá ver vários casarões de veraneio fechados, dentre eles, dois que foram dos filhos de Píria.

Hotel Argentino é legado de Píria

No Cerro Santo Antônio poderá apreciar a vista panorâmica da cidade e a capela em homenagem ao santo que nomeia o cerro. A lendária capela faz jus ao Santo Casamenteiro e conta a lenda que mulheres solteiras devem percorre-la três vezes a sua volta. Lá também fica alguns restaurantes e lojinhas de souvenir. Um teleférico liga o cerro ao porto da cidade, mas só funciona na alta estação.

Para viajantes mais intrépidos, existe a possibilidade de escalar o terceiro cerro mais alto do Uruguai, o Pan de Azúcar, nos arredores da cidade homônima, cerca de 10 km fora do balneário.

Vista do Cerro Santo Antônio

Piriápolis é praia, SPA, história de empreendedorismo, natureza, caminhos místicos, como os caminhos da Cabala e da Alquimista, eleitas por místicos como locais para meditar e se conectar com os sítios energéticos. Por que não conhecer o mundo de Píria?

Dicas de viagem

  • A cidade encanta pelo seu estilo provinciano (quase não há prédios altos), pelos Cerros San Antonio e Pan de Azucar (montanhas que emolduram a cidade) e pelas Ramblas (os calçadões de frente à praia).

  • Para quem quer conhecer o castelo museu de Píria, a empresa Guscapar tem ônibus que partem do terminal da praia de Piriápolis e param na porta do Castelo, na rodovia 37.

  • O hotel Argentino permite a entrada de visitantes, porém não é costume ter visita guiada, restringindo-se às instalações coletivas.

Vista do Cerro Santo Antônio
Iglezia de Santo Antônio
Detalhes do Castelo de Píria
Detalhes dos jardins do castelo

Gastroterapia

Os doces expostos nas vitrines das docerias da cidade fazem jus ao patamar de o Uruguai ter um dos melhores doces de leite do mundo. Há também os alfajores, iguarias bem apreciadas nos países do sul da América.

*Tô no Mundo viajou para participar do I Congresso Internacional da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo, em Punta del Este.

Fotos: Silvio Oliveira

Comentários