Ensaio Fotográfico Mostra Belezas Inesperadas

0

O Espaço Cultural Yázigi inaugura na próxima terça-feira, dia 06 de julho, a exposição “Aqui jaz a Vida”, um ensaio fotográfico de Carla Sousa e Ian Moreira. Na abertura, a partir das 19h, acontece a mesa redonda “Morte e Fotografia”, conduzida por Lílian França – doutora em comunicação, professora do Departamento de Arte e Comunicação e Pró-reitora de Graduação da UFS – e Romero Venâncio – mestre em filosofia e professor do Departamento de Filosofia da UFS. A mostra tem o apoio da Gráfica Triunfo, Tequila Café, Color Prints e da Adufs – Associação dos Docentes da UFS. “Aqui jaz a Vida” traz vinte e duas fotografias que pretendem despertar nas pessoas outro olhar para um universo cheio de símbolos e representações, captando vida no meio da morte. As imagens são acompanhadas de textos de autores como Edgar Morin e Câmara Cascudo, que procuram traduzir o significado da morte e do cemitério para os povos antigos, de diferentes lugares e religiões. Os textos funcionarão como complementos das imagens, para que as pessoas parem diante das fotografias e reflitam. “Queremos despertar a discussão e o interesse por novos e inusitados objetos artísticos e principalmente motivos fotográficos. Nossa intenção não é chocar, pelo contrário, é sensibilizar”, dizem Ian e Carla. Sem saber exatamente qual seria o resultado, Carla Sousa e Ian Moreira atravessaram os portões do Cemitério São João Batista, um dos maiores e mais conhecidos da capital, e conseguiram registrar belezas nem um pouco mórbidas. Cores, brilho, flores, anjos e revelações. Conseguiram capturar o paradoxo. E é através dele que resolveram falar de algo que causa desconforto em muita gente. E por que não falar do nosso destino irremediável? Por que temer? Afinal, nascemos para morrer e fazer do cemitério nossa eterna morada. Segundo a jornalista e fotógrafa Isa Vanny Farias no texto de apresentação da exposição, “nesses tempos atuais, em que a imagem está por demais banalizada, os jovens aspirantes a fotógrafos Ian e Carla demonstram muita sensibilidade ao dirigir suas lentes para detalhes que talvez passassem desapercebidos ao olhar daqueles poucos que se aventuram por cemitérios. Suas imagens nos fazem pensar, nos aguçam a curiosidade. Num momento em que me encontro desanimada com os rumos que a fotografia toma em nosso Estado, estes meninos surgem trazendo um renascimento e dizendo-nos que, apesar de tudo, sempre vale a pena acreditar. Mais que evocar memórias e indagações, Ian e Carla fizeram poesia.” Carla Sousa e Ian Moreira são estudantes do sétimo período de jornalismo da Universidade Federal de Sergipe. Carla descobriu a fotografia há pouco mais de dois anos e sempre que é possível sai para fotografar informalmente. Já participou de algumas exposições coletivas. Ian aprendeu a fotografar há pouco tempo, mas já participou de algumas exposições na UFS e pretende trabalhar com fotojornalismo depois de formado. A exposição prossegue até o dia 30 de julho de 2004 e pode ser visitada de terça a sexta-feira das 14h às 20h. O Espaço Cultural Yázigi fica na Rua Vereador João Calazans, 494, Praia 13 de Julho, próximo à Biblioteca Epifânio Dória. Release

Comentários