Espetáculo “O que o mordomo viu”

0
Marisa Orth e Miguel Falabella são as estrelas da peça (Foto: divulgação)

Marisa Orth e Miguel Falabella em “O QUE O MORDOMO VIU”,  a famosa farsa do escritor inglés Joe Orton estreia no Brasil com versão e direção de Miguel Falabella. O espetáculo ,que estreou no Queen´s Theatre em Londres em 1969 e desde então tem sido sucesso absoluto,  chega finalmente ao Brasil e promete divertir a platéia. Participe da promoção do Portal Infonet e concorra a ingresso.

A história gira em torno de Dr. Arnaldo, um psiquiatra tentando seduzir sua atraente secretária, Denise Barcca. A peça abre com ela sendo examinada pelo Dr. Arnaldo, durante uma entrevista de emprego. Como parte da entrevista ele aconvence a se despir. A situação vai se tornando mais intensa a medida que a entrevista avança, quando a sua esposa Sra. Mirta entra. Neste momento ele tenta encobrir a sua atividade atrás da cortina. Sua esposa, no entanto esta sendo seduzida e chantageada por Nico, a quem prometeu o cargo de secretário, o que aumenta ainda mais a confusão. A clínica do Dr. Arnaldo passa por uma inspeção do governo, que é liderada pelo Dr. Ranço, revelando então o caos na clínica. Situação que o Dr. Ranço usará para desenvolver um novo livro.

O espetáculo  tem todos os ingredientes de uma brincadeira muito agradável: manias dos personagens, enredos tortuosos, confusão de identidades, portas batendo, roupas que desaparecem, e, acima de tudo, a sagacidade subversiva de Orton, que foi considerado um dos dramaturgos mais criativos do século 20. E como se não bastasse, a versão brasileira e direção de Miguel Falabella, garante ao público uma dose de humor extra.

ESPETÁCULO: O QUE O MORDOMO VIU
LOCAL: Teatro Tobias Barreto
DATAS: 22/02 (SÁB) e 23/02 (DOM)
HORÁRIO: 21h e 20h, respectivamente
PONTO DE VENDA: Bilheteria do Teatro
VALOR: PLATEIA: R$90 (inteira) e R$45 (MEIA); MEZANINO: R$80 (inteira) e R$40 (MEIA) – OBS: os 200 primeiros ingressos (qualquer localização) serão vendidos por R$50 (INTEIRA) e R$25 (MEIA).
INFORMAÇÕES: (79) 3179-1490

Fonte: Assessoria de Imprensa

Comentários