Maria Cristina e os Elísios farão show em homenagem a Elis Regina

0
Show “Para Elis, Inesquecível” também marca os oito anos do tributo, na Arena Aracaju Circo da Praia (Foto: divulgação)

Em 19 de janeiro de 1982, o Brasil assistia a partida da maior intérprete de todos os tempos. Elis Regina, equiparada às maiores cantoras da história da música, foi e segue sendo inspiração para legiões de artistas em todo o mundo. Neste 19 de janeiro de 2022, sua memória será reverenciada no Show “Para Elis, Inesquecível – 40 anos de saudade”, por Maria Cristina e os Elísios, na Arena Aracaju Circo da Praia, a partir das 20h. No repertório, canções que marcaram a trajetória da cantora em interpretações imortalizadas através do tempo, povoando as histórias de vida de muita gente.

Também psicóloga, escritora e compositora, Maria Cristina lançou, recentemente, o seu álbum autoral “Brisa, Vento e Vendaval”, trazendo nove sambas, que carregam consigo a influência de Elis. Para ela, o que Elis representou para a Música Popular Brasileira justifica todas as homenagens. “Na década de 1960, Elis foi uma espécie de porta-estandarte na defesa da música popular brasileira. Foi uma artista que contribuiu decisivamente e vivenciou todas as etapas do processo de legitimação da MPB nas décadas de 1960 e 1970, passando por todas as fases e dialogando com as diversas demandas do mercado de música no Brasil. E conquistou o público com o seu talento e revelou, com sua voz, novos e grandes compositores, como Ivan Lins, Belchior e Milton Nascimento”, comenta.

A apresentação também celebra os oito anos do tributo. “Depois de um simpósio de música na UFS, em 2011, a vontade de voltar a cantar me tomou completamente. Humberto Barretto me perguntou o que eu gostaria de fazer com música, se aceitaria fazer um tributo. Disse a ele que só me debruçaria para estudar Elis Regina. Ele paralisou diante de mim. Pouco entendi, naquele momento, o que teríamos que enfrentar dali em diante. Só o caminho me fez perceber a grandiosidade daquela escolha, que ele abraçou sem mesmo me conhecer. Nesta longa jornada, muitos desafios nos foram apresentados. Foram dois anos de pesquisa e inúmeras tentativas de formar o grupo que abraçaria este sonho conosco. Assim nasceram Os Elísios. Depois de quatro meses de ensaios intensos, estudos individuais e muitas emoções compartilhadas, nasceu ‘Para Elis’, estreando em 11 de abril de 2014”, conta Maria Cristina.

Na primeira formação, além dela, integraram o grupo Humberto Barretto (direção musical e violões), Fabio Oliveira (baixo), Rafael Júnior (bateria) e Rafael Ramos, que um ano depois deu lugar a Ítalo Neno (teclado). Uma das curiosidades sobre o show é que são preservados os arranjos e tons originais do trabalho de Elis. De acordo com Maria Cristina, o público pode esperar ser surpreendido com participações especiais. Ingressos podem ser adquiridos antecipadamente no Sympla. A venda do segundo lote vai até o dia 13 de janeiro. Acesse: https://www.sympla.com.br/show-para-elis-inesquecivel—40-anos-de-saudades__1453561.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais