SergipeTec: computação cognitiva faz parte do cotidiano

0
SergipeTec: computação cognitiva faz parte do cotidiano (Foto: SergipeTec)

O Happy Hour promovido nesta terça-feira, dia 1º, pelo Sergipe Parque Tecnológico (SergipeTec), em conjunto com a IBM, foi além da sua proposta, “Soluções cognitivas: vamos falar dela, antes que ela fale sobre nós?”. A analista de sistemas do SergipeTec, Mirza Tâmara Barros, comprovou isso. “A palestra foi muito interessante, pois a computação cognitiva já faz parte de nosso cotidiano. Como falou o palestrante, a transformação digital é vista como a quarta revolução industrial, trazendo novas experiências, perspectivas, contextos e transformando nossa realidade. É a ficção tornando-se realidade, assim como víamos no desenho Jetsons ou na atual série Westworld, onde robôs aprendem a tomar decisões”, pontuou.

Valter Fontes é gestor da Marpnet, empresa de provedor de internet, e, mesmo atuando profissionalmente na área de Tecnologia da Informação, afirmou que a palestra foi surpreendente e instigante. “A apresentação de Márcio [Marcio Saeger, Solutions Architect & Health Ecosystem, da IBM] foi bem proveitosa. Ele trabalha com o que há de mais evoluído no mundo IBM. Acredito que toda essa sabedoria embutida na tecnologia nos trará muito desenvolvimento. É o futuro que já chegou!”, disse.

De acordo com a gestora de TI do SergipeTec, Carla Almeida, a proposta e repercussão da palestra foram bastante positivas. “Isso ficou reforçado nos vários feedbacks que recebemos dos participantes, tanto pessoalmente, como pelas redes sociais, o que nos deixa muito felizes e estimulados a continuar pensando, executando a TI e promovendo outros encontros como esse, que trazem e discutem sobre as tendências tecnológicas, e maneiras de aplicá-las em nossos projetos, empresas e rotinas. Nosso muito obrigada a todos que fizeram esse momento acontecer”, agradeceu.

Watson: o desafio de todos os tempos

A palestra de Marcio Saeger, da IBM, apresentou e detalhou sobre a idealização, projeção e desenvolvimento do Watson, sistema da IBM desenhado para responder às perguntas de um dos programas de televisão americanos mais importantes chamado Jeopardy!. De acordo com a IBM, ele representa uma revelação no processamento da linguagem e a analítica. O Watson competiu contra dois dos campeões do Jeopardy! mais famosos e bem-sucedidos do mundo, o Ken Jennings e Brad Rutter.

Apoio

Promovida pelo SergipeTec e IBM, a iniciativa contou com o apoio do CIO-SE (Associação dos Gestores de Tecnologia da Informação do Estado de Sergipe), da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (Sedetec), e da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz).

Fonte: SergipeTec

Comentários