Nota fiscal escrita deverá ser substituida até dia 30

0

A Secretaria da Fazenda do Estado de Sergipe anunciou o prazo final de 30 de junho próximo, para que os comerciantes introduzam o Emissor de Cupom Fiscal, com as especificações exigidas pela própria Secretaria.

A máquina vai substituir a nota fiscal escrita à mão e é obrigatória para contribuintes varejistas que tenham faturamento bruto anual acima de 120 mil reais. Espera com o novo equipamento – que aliás, custa mais de 4 mil reais a unidade – a Secretaria da Fazenda reduzir a evasão de receita.

Para cada máquina adquirida, até um máximo de 4, a Secretaria da Fazenda está dando um crédito de R$ 1.500.

Comentários