Polícia civil aguarda laudos sobre a morte de motorista

0
Altamir Monteiro dos Santos, 40, morreu esmagado por um ônibus (Foto: Arquivo Infonet)

A polícia civil continua investigando a morte do motorista Altamir Monteiro dos Santos, de 40 anos, que morreu esmagado por um ônibus no mês de setembro em São Cristóvão, quando tentou desatolar o veículo que dirigia.

O caso está sendo investigado pelo delegado João Moreira da 12ª Delegacia Metropolitana. Segundo o delegado, algumas pessoas já foram ouvidas como o dono da empresa onde o motorista trabalhava e os parentes da vítima. “Falta o laudo cadavérico do IML e o da perícia criminal. A conclusão do inquérito vai depender da perícia. Quem vai me dizer o que aconteceu são os laudos porque se a terra cedeu temos que saber de quem é a culpa”, diz o delegado.

Relembre

O motorista tentava colocar um macaco para desatolar o ônibus, quando a terra cedeu e o peso atingiu sua cabeça. A via onde ocorreu à tragédia estava sem asfaltamento em virtude de uma obra da Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso).

Segundo a empresa, o asfaltamento seria colocado quando as chuvas cessassem. Ainda de acordo a Deso, a vala aberta para a realização dos trabalhos foi fechada em seguida. Apesar das alegações, a Deso ressaltou que irá aguardar o laudo da perícia para se pronunciar oficialmente sobre o caso.

Por Aisla Vasconcelos

Comentários