Sindicato discute atualização da Lei do Motofrete

0

Reunião aconteceu na SMTT (Fotos: Portal Infonet)

Na manhã desta quinta-feira, 11, uma reunião foi realizada da Superintendência Municipal de Transporte Trânsito (SMTT) para discutir com o Sindicato dos Mototaxistas de Sergipe a atualização da prática no serviço de motofrete.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Mototaxistas, Irinaldo Oliveira, o objetivo da reunião é a atualizar a lei de nº 3.117 de 2003, que cria o sistema de entrega de mercadorias por meio de motocicletas. A lei foi implantada em 25 de agosto de 2013, sob coordenação da SMTT.

“A lei está desatualizada e alguns pontos precisam ser revistos, a exemplo da padronização de coletes, mata-cachorro, protetores para as pernas e outros assessórios utilizados pelos motociclistas”, explica Erinaldo.

Lei cria a profissão de motoentrega

O presidente do Sindicato dos Mototaxistas ainda alerta que a atualização ajudará a diminuir os impactos dos acidentes. “O tipo de capacete utilizado hoje é aberto deixando o queixo dos motociclistas descoberto. O mata-cachorro usado hoje também é pontudo o que durante um acidente pode agravar a situação do motorista, queremos propor outro modelo”, afirma Erinaldo.

SMTT

A SMTT informou que qualquer mudança que ocorrer vai ser através do diálogo entre a SMTT e a categoria. “Vamos chegar a um consenso  junto a categoria, e se estiver de acordo com a legislação as mudanças vão ocorrer”, ressalta o assessor de comunicação da SMTT, Flávio Vasconcelos.

Segundo Irinaldo, atualização é necessária

Ainda segundo a SMTT, assim como o layout do táxi mudado recentemente, a atualização da lei proposta pelo presidente do Sindicato dos Mototaxistas será discutida.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais