A ascensão das Fintechs

0

A tecnologia transformou a maneira como fazemos praticamente tudo, desde as compras até a socialização, e também está virando a indústria de serviços financeiros. Nos últimos anos, surgiu uma safra de startups de fintechs, usando a tecnologia para facilitar o investimento, o pagamento e até mesmo um empréstimo.

A ascensão das fintechs
A ascensão das fintechs (Foto: Pixabay)

Para a geração do milênio, é particularmente atraente porque eles cresceram com dispositivos móveis e desejam realizar transações financeiras da mesma maneira que compartilhariam fotos ou se candidatariam a um emprego. As empresas de tecnologia reconhecem isso e capitalizaram isso.

Mas não é apenas a nova perspectiva dos mercados financeiros que está possibilitando esse setor. É também uma convergência de tecnologia e big data, permitindo que todos os tipos de empresas aproveitem e analisem informações de novas maneiras, seja criando um plano de investimento personalizado ou aprovando um empréstimo por meio de um processo de inscrição diferente.

Mas afinal, o que é uma Fintech?

A Fintech, ou tecnologia financeira, abrange uma grande variedade de empresas que usam software para fornecer serviços financeiros. As empresas de tecnologia financeira são geralmente caracterizadas como startups criadas para interromper os modelos financeiros existentes e as grandes empresas financeiras menos integradas à tecnologia. No entanto, as grandes empresas estão cada vez mais reconhecendo a necessidade de soluções de software e estão recorrendo à fintech para aumentar e melhorar suas ofertas de serviços financeiros.

O investimento global em tecnologia financeira explodiu nos últimos anos. A Fintech agora compõe uma indústria multibilionária, ainda dominada por startups que oferecem soluções tecnológicas para serviços e produtos financeiros.

E quais são as vantagens da Fintech?

A Fintech também nivelou o campo financeiro para as pessoas comuns, dando-lhes acesso a serviços anteriormente reservados para os ricos ou indivíduos de uma certa estatura econômica. Tome investimento para um exemplo. A tecnologia e uso dos dados tornam muito mais fácil e barato levar conselhos de investimento para as massas, o que significa que algo voltado para um determinado nível de ativos está agora aberto a todos.

Quando se trata de fintech, o número de “players” e serviços é abundante, principalmente nos aspectos mais básicos dos serviços financeiros, incluindo serviços bancários, investimentos, empréstimos e economias. Para os próximos tempos a Fintech também estará encontrando seu caminho para solicitar hipotecas e até mesmo adquirir seguros, oferecendo assim aos consumidores diversas novas opções.

Comentários