A briga pelo TCE

0

As atenções da classe política estão voltadas hoje para a Assembleia. É que na sessão desta terça-feira será escolhido o novo conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE). Concorrem à vaga o secretário da Educação, Belivaldo Chagas (PSB), e a deputada estadual Susana Azevedo (PSC). Contando com o apoio dos irmãos Amorim, a parlamentar deverá ser a escolhida, principalmente se, no último instante, for aprovado requerimento propondo a votação secreta. A escolha do novo conselheiro não trará qualquer benefício aos cidadãos comuns. Serve apenas para o governador Marcelo Déda (PT) e os irmãos Amorim medirem suas forças políticas.

Emendas

Os senadores e deputados federais de Sergipe vão se reunir no próximo dia 7 para discutir as sugestões das emendas estaduais ao orçamento da União de 2013. Coordenado pelo senador Antônio Carlos Valadares (PSB), o encontro vai acontecer às 16h em Brasília. Na ocasião, os parlamentares também escolherão o novo coordenador da bancada sergipana.

Vida longa

E quem completa 104 anos de vida nesta terça-feira é o frei Miguel, capuchinho da Igreja São Judas Tadeu. Nascido em 30 de outubro de 1908, em Cingoli, na Itália, e batizado como Serafim Césare, ao ser ordenado ele escolheu o nome de Frei Miguelângelo de Cíngole, porém foi rebatizado pelos brasileiros como Frei Miguel. Antes de se estabelecer em Aracaju, ele já atuou nas paróquias de Santa Rosa de Lima, Divina Pastora, Rosário do Catete, Maruim e Santo Amaro.

Mais votado

O procurador-geral de Justiça, Orlando Rochadel, foi o mais votado ontem na eleição realizada no Ministério Público Estadual (MPE) para escolher a lista tríplice da qual sairá o novo procurador-geral. Concorreram com ele os promotores Deijaniro Jonas Filho, Antônio Carlos Nascimento, Virgílio do Vale e Antônio César leite de Carvalho. Como o governador Marcelo Déda (PT) sempre escolhe o mais votado, é quase certo que Rochadel permanecerá comandando o MPE.

Voo maluco

Um Airbus A320 da TAM teve que ser escoltado por um caça da Força Aérea Brasileira, quinta-feira passada, após perder contato com o controle aéreo em grande parte do voo entre Aracaju e São Paulo. A informação só foi divulgada ontem pelo portal Uol. O avião decolou da capital sergipana às 13h35 com destino a Guarulhos e ficou sem comunicação por mais de uma hora. Que maluquice, sô!

Passaportes

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Carlos Ayres Britto, não recebeu pedido para recolher passaportes de réus da Ação Penal 470, o processo do mensalão. Ele não negou, no entanto, que o documento possa estar com o relator do processo, ministro Joaquim Barbosa.

Vai vetar

E quem está invocado com os vereadores é o prefeito eleito de Aracaju, João Alves Filho (DEM). Ouvido ontem pela TV Sergipe, ele disse que os parlamentares cometem um grande equívoco ao votarem as emendas do Plano Diretor da capital no final do mandato. O demista afirma que há emendas liberando a construção de edifícios muito altos na orla de Atalaia e suprimindo a exigência de áreas verdes e comunitárias. João promete vetá-las assim que assumir.

Justificativa

O eleitor que não votou no segundo turno das eleições por estar fora de seu domicílio eleitoral e não justificou a ausência tem até o dia 27 de dezembro para regularizar sua situação. Quem faltou ao primeiro turno do pleito deve regularizar a situação até o dia 6 do mesmo mês. O eleitor faltoso que não fizer isso fica impedido de tirar passaporte, participar de concurso público, obter empréstimos em bancos públicos, etc. e tal.

Empréstimo

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de Sergipe, Eduardo Prado de Oliveira, defendeu ontem que a Assembleia autorize o governo estadual a contrair o empréstimo de R$ 727 milhões junto à União. “O aumento da capacidade de investimento dos estados da região Nordeste é uma demanda legítima, pois todos carecem de maiores investimentos”, afirma o líder empresarial.

Do baú político

Nos anos 80, quando o Brasil ainda vivia uma ditadura militar, um filme colocou em pé de guerra os estudantes da Universidade Federal de Sergipe e a Polícia Federal. Cedido pelo jornalista e cinéfilo Ivan Valença, o polêmico filme ‘Je vous Salue Marie’ só foi exibido porque a reitoria da UFS bateu o pé e impediu que os homens da PF invadissem o campus universitário para apreender a fita. Considerada um sacrilégio pela Igreja Católica, a película do diretor Godard transportou a concepção e o nascimento de Jesus Cristo para o mundo imaginário de hoje. No filme, em vez de um anjo do outro mundo, Gabriel é um homem comum, que viaja de avião, José tem um caso com outra mulher e Maria duvida do seu amor. Apesar da pressão recebida para não ceder o filme, Ivan Valença não apenas o emprestou como aceitou fazer uma palestra para os estudantes antes da exibição. Indignada, a Igreja Católica exigiu que a Polícia Federal colocasse um ponto final na heresia, porém os policiais tiveram que ficar no entorno do campus, enquanto um auditório lotado assistia o polêmico ‘Je vous Salue Marie’.

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários