Alto lá! Respeitem o MDB! Muda a pele, mas continua cobra venenosa.

0

“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

O MDB histórico foi um Movimento Democrático Brasileiro no qual cabiam todos àqueles que lutavam por liberdades, por democracia e pela soberania nacional, diante de uma ditadura sanguinária, apoiada pelo empresariado encastelado na CNI/FIESP e pelo governo dos Estados Unidos da América, sob o pretexto de combater o "comunismo.”

Após 21 anos de lutas, de torturas e de mortes, com a força da luta do povo brasileiro, o antigo MDB ajudou a "redemocratizar" o Brasil, tendo como

 ápice a promulgação da Constituição da República de 1988, sob a inquestionável liderança de Ulysses Guimarães.

No entanto, ao longo dos últimos 30 anos, àquele MDB que abrigará pessoas, com e se filiações partidárias, se transformou num Partido, em cujo seio passou a abrigar os mais escusos interesses antinacionais, a corrupção, basta ver a denúncia que o senador e ex-governador de Pernambuco Jarbas Vasconcelos, publicou na reveita VEJA, em 2009, com o título: "O PMDB é um partido corrupto.”

Depois da operação "abafa", do cala-te a boca, parecia que o PMDB da corrupção havia se regenerado das acusações que o senador pernambucano lhe imputará…

Ledo engano! Os fatos publicados em toda a imprensa nacional revelam   que o PMDB se tornara um quartel general da corrupção brasileira, em cujas ordes abrigou os mais espúrios interesses financeiros antinacionais, para se manter no poder político e financeiro do Brasil.

Mas, aos caciques do PMDB não lhes bastavam manter Sarney como dono do Maranhão, do Amapá e do Senado Federal, era preciso galgar espaços de poder político e financeiro para figurinhas como: Eduardo Cunha, Gedel Vieira Lima, Renan Calheiros, Eunício Oliveira, Romero Jucá, Eliseu Padiha, Moreira Franco, Sérgio Cabral etc.

Dentro do ambiente de dissimulação, para corromper a consciência dos cidadãos de todo o Brasil, o PMDB reuniu-se em "convenção nacional", em cuja oportunidade mudou-se de nome, para MDB, como se uma serpente ao mudar de pele deixasse a sua condição de "cobra venenosa.”

Vê-se que os "caciques do PMDB", após figurarem em processos de organizações criminosas, resolveu tomar uma dose de "diabo verde", para amputar-se do "P" que lhe era muito oneroso, passando a se autodenominar "MDB".

Ora, embora juridicamente sustentável,  a operação que amputou o "P" do PMDB configura-se  num atentado, não só à democracia, mas à memória e à imagem de cada um dos operários, camponeses e donas de casa que lutaram contra a ditadura cívico-militar que matou e torturou milhares de pessoas, pois enquanto o MDB histórico lutava pelo Brasil, dos brasileiros, o MDB amputado tem como objetivo disfarçar-se de cordeiro, enquanto no seu papel de lobo do Brasil, trama manter-se no poder político e financeiro, para a entrega criminosa das riquezas do País ao capital financeiro nacional e internacional…

Portanto, cabe à justiça eleitoral, não homologar mais essa farsa do PMDB amputado, pois atentatória às eleições de 2018! E aos poucos herdeiros de verdade do MDB levantarem suas vozes.

Na sua opiniao, quais os melhores e os piores secretários de Jackson e de Edvaldo? O blog vem conversando nos últimos dias com pessoas de diferentes segmentos. Foi uma abordagem sem dizer o objetivo final, apenas de forma jornalística. Pelo que o blog conversou o resultado final é o seguinte.

Os melhores e piores do Estado. Melhores do Estado: 1 – Valmor Barbosa (Infraestrutura, difícil realizar obras sem pagar as faturas); 2 – Sales Neto (Secom, é uma barra defender esse governo) e Cristiano Barreto (Justiça, acabou com os conflitos e fugas). Piores do Estado: 1 – Benedito Figueiredo (Governo, sem comentários); 2 – Almeida Lima (o primeiro ministro responsável pelo caos atual em vários segmentos, não só a saúde) e Josué Modesto (Fazenda, ainda sem compreender os números dos números).

Os melhores e piores da Prefeitura de Aracaju. Melhores da PMA: 1 – Luiz Roberto (Emsurb, mesmo com todo o escândalo conseguiu desentravar a licitação que ainda não foi concluída, mas até o momento a babel foi estancada); 2 – Sérgio Ferrari (Emurb, mesmo com pouco recursos vem mostrando que é técnico assim como fez nos governos Déda na PMA e do Estado); 3 – Augusto Fábio (Planejamento, outro técnico importado dos governos Déda que foi jogado ao relento por JB quando “pegou” os recursos da fundo da previdência e Augusto pediu demissão. Vem otimizando vários serviços da PMA). Piores da PMA: 1 – Jeferson Pasos (Finanças, está fazendo o que fez no Estado, nada); 2 – Waneska Barboza (Saúde, a área continua um caos e o episódio com o Cirurgia foi desastroso); 3 – Ari Fernandes (SMTT, não manda e conseguiu deixar o trânsito pior do que na administraçao João Alves). 

Mais uma bola fora de Almeida Lima que completará um ano à frente da saúde: SE tem a 2ª pior oferta de leitos e de infraestrutura hospitalar entre os Estados brasileiros. Fonte: Economia de Serviços: A demanda por mais médicos para atendimento público e o déficit de leitos no país são questões que tendem a se agravar frente ao envelhecimento populacional e a crise fiscal.Quando comparamos a densidade de leitos entre os Estados, observamos dois fatos estilizados. Os Estados com menor razão de leitos por habitantes estão na região Norte e Nordeste.

AL tem 3,5 leitos por mil habitantes. SE, tem 1,5 leitos A região Nordeste é a que apresenta mais disparidade. Por exemplo, Alagoas apresenta 3,5 leitos por mil habitantes em 2015, enquanto que Sergipe, estado vizinho, tem apenas 1,5 leitos de densidade. Seria como se o primeiro possuísse densidade similar aos EUA, e o segundo com densidade do México (que possui 1,68). Ainda na região Nordeste, a maior proporção de leitos do país está no Estado de Pernambuco, com 4,3 leitos por mil habitantes, enquanto que a Bahia possui apenas 1,94. Toda matéria: https://economiadeservicos.com/2016/04/14/leitos-hospitalares-no-brasil-temos-pouca-infraestrutura/

Almeida se preocupa com atividade meio, falta gestão e sobra arrogância Relatos de médicos do HUSE é que o secretário Almeida Lima se preocupa com atividade meio e não com atividade fim: prestação de serviços. A revolta dos profissionais é grande, condição de trabalho horrível, falta de gestão do trabalho e das coisas. E sobra arrogância.

Soluções locais de JB aprofundaram mais a crise A análise feita por Gilmar Carvalho, noNenoticias, sobre a situação financeira do Estado está correta: faltou ao governador Jackson Barreto nomear para a Secretaria da Fazenda e para a Secretaria do Planejamento técnicos do Governo Federal.

Soluções locais de JB aprofundaram mais a crise II O Estado de Alagoas, que até pouco tempo disputava com o Estado do Maranhão os piores índices de desenvolvimento econômico e social, vem dando um banho de competência em Sergipe. A solução ou soluções locais encontradas pelo governador Jackson Barreto aprofundaram ainda mais a crise.

Soluções locais de JB aprofundaram mais a crise III O radialista e deputado estadual Gilmar Carvalho está certo, quando o governador Jackson Barreto percebeu que o melhor era trazer um técnico – ou técnicos – da Secretaria do Tesouro Nacional, o fato já estava consumado, o Estado de Sergipe já havia passado do ponto de não retorno.                   

Jardim da rótula do aeroporto: quem cuida e quem refaz a todo o momento? Moradores das mediações do aeroporto, funcionários e passageiros semanais descobriram algo interessante. O jardim da rótula do aeroporto é refeito a todo o momento. Quem contou já foi a terceira vez ultimamente. Todas as plantas são retiradas e um novo jardim e feito.O problema é que depois esquecem das plantas e do belo jardim ,não voltam para molhar e todas plantas  morrem. Das duas uma: Ou isso é  mais um elefante branco ou a incompetência de gestores que não se programam para o básico. Se plantou tem que molhar, pior ainda numa região próximo a praia no calor infernal. Estranho, muito estranho.

Confissão de Sukita que assinou documento de renúncia derruba qualquer perícia na Justiça. Ou seja, Sukita é a principal testemunha contra ele mesmo Mesmo com o laudo da PF atestando como falsa a assinatura de Sukita no termo de renuncia à candidatura em 2014, algo chama a atenção. Além de duas testemunhas (Paulo Viana e Felizola) arroladas no processo judicial o próprio Sukita confessou que assinou a renúncia, reconhecendo a assinatura.

Mandado de segurança No processo Nº 201700621522 do mandado de segurança, impetrado pelo próprio Sukita, tem uM  trecho especifico do despacho do desembargador onde ele (Sukita) “alega que assinou o documento de renúncia por suposta coação exercida pelo partido demandado como condição para efetivação do registro de sua candidatura, em razão de medida cautelar restritiva de liberdade que outrora teria sofrido e que, se ocorresse novamente, autorizaria a referida agremiação política a apresentá-lo junto ao Tribunal Regional Eleitoral – TRE.”

E tem mais do depoimento de Sukita á Justiça: “E aduz que poucos dias depois que assinou o termo de renúncia, de fato sofreu nova medida constritiva de liberdade, situação fática que ensejou o partido demandado a protocolar o referido documento. Mas questiona a atuação do partido ao argumento de que essa condição de renúncia prévia para sua candidatura, nos moldes aos quais foi submetido, teria tolhido sua garantia constitucional de ser votado." Ou seja, para a Justiça a maior testemunha que assinou a renúncia é o próprio Sukita. Se ele falsificou a própria assinatura aí é caso não só judicial…

Tobias Barreto: prefeito não cumpre acordo com MPE e não publica edital de concurso Em outubro deste ano, precisamente no dia 10, ao conceder entrevista o promotor de Justiça do MPE/SE, Paulo José informou que desde que chegou ao município de Tobias Barreto em 2016 cobrou a realização de um concurso público. A gestão anterior queria realizar no fim de dezembro e ele disse que era melhor esperar para a nova gestão.

Prefeito assinou compromisso “Está assinado pelo prefeito Diógenes Almeida que o município deverá publicar o edital de concurso público para várias áreas”, disse, já que a prioridade é a contratação pelo modo mais democrático, que é o concurso público e o cargo comissionado é regra excepcional. Até ontem, 27, nada do edital.

Carta divulgada pelos governadores do Nordeste – e enviada ao presidente Temer –  protestando contra 'ameaça' de Marun por apoio à reforma da Previdência “Os governadores do Nordeste vêm manifestar profunda estranheza com declarações atribuídas ao Sr. Carlos Marun, ministro de articulação política. Segundo ele, a prática de atos jurídicos por parte da União seria condicionada a posições políticas dos governadores.”

Práticas inconstitucionais e criminosas E continua a carta: “Protestamos publicamente contra essa declaração e contra essa possibilidade, e não hesitaremos em promover a responsabilidade política e jurídica dos agentes públicos envolvidos, caso a ameaça se confirme.Vivemos em uma Federação, cláusula pétrea da Constituição, não se admitindo atos arbitrários para extrair alinhamentos políticos, algo possível somente na vigência de ditaduras cruéis. Esperamos que o presidente Michel Temer reoriente os seus auxiliares, a fim de coibir práticas inconstitucionais e criminosas.” Governadores do Nordeste.

Jackson recebe nova direção da TV Sergipe O governador Jackson Barreto recebeu ontem, 27, no Palácio dos Despachos, a empresária Lourdes Franco, Carolina Franco, acionista e diretora-presidente da TV Sergipe e a diretora comercial da emissora, Bartira Brito.  Na ocasião, a empresária veio comunicar a compra de 50% das ações da TV Sergipe com sua filha Carolina, tornando-as novas diretoras da empresa.

Sergipana “Fico feliz em saber que essa grande empresa continua sendo 100% sergipana. Desejo muito sucesso às novas diretoras da TV Sergipe e a emissora que há 47 anos leva informação e entretenimento ao povo sergipano”, declarou o governador Jackson Barreto.

Exagero E pelas atividades realizadas ontem, 27, percebe-se que foi exagero a forma como alguns divulgaram o pequeno derrame que o governador teve em um dos olhos. Todo cuidado é pouco, mas se fosse grave ele ficaria descansando pelo menos alguns dias.

Simpósio do XLIII Encontro Cultural de Laranjeiras começa próxima semana O ano de 2018 começará agitado com mais uma edição do Simpósio do Encontro Cultural de Laranjeiras, que acontece entre os dias 4 a 6 de janeiro, com uma programação especial.  Tendo como tema central “Nosso Palco é a Rua”, esta 43ª edição do evento é voltada aos artistas de rua, tanto no que diz respeito à cultura popular, ao teatro, como outras manifestações artísticas.

Encontro Cultural Com 43 anos de história, o evento integra o Encontro Cultural de Laranjeiras voltado para o debate acadêmico, buscando promover discussões construtivas para as artes.  O Simpósio é promovido pela Secretaria de Estado da Cultura (Secult) em parceria com a Universidade Federal de Sergipe (UFS), Secretaria do Turismo e do Esporte de Sergipe (Sectur), Secretaria de Estado de Comunicação (Secom) e Secretaria Municipal de Cultura de Laranjeiras.

Debate  Como de costume, o evento irá reunir pesquisadores e agentes culturais de várias partes do país para debater sobre estas manifestações, verificando questões históricas, tendências e políticas públicas sobre o tema. Entre os palestrantes confirmados estão os secretários de Estado da Cultura do Ceará, Fabiano Piuba, e de Pernambuco, Marcelino Granja, além de mestres da cultura popular dos dois estados e de Laranjeiras.

Futuro das políticas culturais De acordo com o superintendente executivo da Secult, Irineu Fontes, o Simpósio é uma grande oportunidade que a comunidade tem de discutir o futuro das políticas culturais de Sergipe e do Brasil. "Durante três dias, trazemos para Laranjeiras grandes nomes da Cultura no país e transformamos a cidade, que já é um grande polo de cultura popular, no centro das atenções dessas discussões", destaca.

Primeiro ano na presidência da CMA O presidente da Câmara Municipal de Aracaju (CMA), Nitinho (PSD), fez um balanço dos trabalhos durante o ano de 2017, revelando como positivas as ações dos 24 vereadores que representam a população aracajuana. Apesar de estar no quinto mandato, o parlamentar assumiu um novo desafio este ano: comandar o Poder Legislativo promovendo as mudanças necessárias. “Neste ano foram apresentadas quase cinco mil proposituras, divididos em Projetos de Lei, Requerimentos, Indicações e Moções”.

Ações Além dos atos desenvolvidos no Plenário, o empenho do presidente da CMA foi voltado para o fortalecimento do Poder Legislativo em busca de melhorias constantes. Entre as novidades implantadas na Câmara durante este período estão a instalação da Escola do Legislativo, a inauguração da TV Câmara Aracaju em sinal aberto, a criação do aplicativo ‘Na Palma da Mão’, o corte de 37% dos cargos comissionados, Portal da Transparência, convênio com o Banco do Brasil para realização de Pregão Eletrônico e o ponta pé para o concurso público.

Escola do Legislativo De acordo com Nitinho, a Escola do Legislativo Professora Neuzice Barreto era um apelo antigo dos vereadores e que agora, finalmente, foi inaugurada. “A Escola foi inaugurada no final de agosto com o intuito de capacitar vereadores, servidores, assessores e estagiários visando um melhor serviço prestado para a população. Neste ano foram oferecidos quatro cursos: Noções de Direitos Humanos e Cidadania, Redação Oficial, Licitações e Contratos e Gestão Pública”.

TV Câmara Aracaju em sinal aberto Outro grande marco da gestão da CMA em 2017 foi à disponibilização da TV Câmara Aracaju em sinal aberto, com isso a população pode acompanhar todas as ações dos vereadores. “Conseguimos colocar a TV no ar, no canal aberto 48.4, no dia 7 de abril, em comemoração ao Dia do Jornalista. Através da TV, a população aracajuana pode acompanhar as ações dos vereadores por Aracaju” destaca Nitinho.

Transparência e pregão eletrônico Trabalhando para modernizar e dar mais transparência ao Poder Legislativo, Nitinho implementou algumas ações que aumentaram consideravelmente a nota da Câmara Municipal de Aracaju junto ao Tribunal de Contas do Estado de Sergipe. “Com algumas ações que desenvolvemos saltamos da nota 1,2 para 7,4 já visualizando um 10. Para chegar nesta nota implantamos o Pregão Eletrônico, junto a uma parceria com o Banco do Brasil, disponibilizamos tudo no Portal da Transparência e o aplicativo ‘Na Palma da Mão’”.

37% de redução dos cargos Visando dar um folego ao Poder, o presidente da Casa Legislativa assinou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com o Ministério Público selando o compromisso em balancear o número de comissionados com servidores efetivos. “Assim que assumimos o Poder Legislativo cortamos o número de cargos em comissão e mesmo assim o Ministério Público recomendou que reduzíssemos mais 15%, e com todos estes cortes, chegamos a 37% de redução”.

Concurso público Referente ao concurso público da Câmara Municipal de Aracaju, Nitinho revelou que a previsão será em 2018. “Estamos finalizando a elaboração do Organograma, que esta previsto para ser concluído em abril 2018, porque o que está em vigor é muito antigo, defasado e não condizer com a nossa realidade. Após isto, iremos lançar o edital para a realização do concurso público. A nossa previsão é que seja realizado em outubro de 2018”.

Nova responsabilidade Apesar de estar no quinto mandato na Casa Legislativa, Nitinho revelou que ficou nervoso no inicio do mandato como presidente da CMA. “A maior dificuldade foi assumir o cargo de presidente, mesmo com muita experiência nesse parlamento, confesso que a maior dificuldade foi quando eu sentei na cadeira de presidente. Quando comecei a presidir as primeiras sessões fiquei muito nervoso e preocupado. Era uma responsabilidade nova, mas Deus foi muito bom comigo, me iluminou bastante. Tenho pessoas extremamente competentes do meu lado, uma equipe de primeira linha”, finalizou Nitinho.

Falta de priorização do governo com a segurança Um levantamento do jornal O Globo revelou que mais de um terço dos municípios sergipanos estão sem delegados efetivos. Uma situação que, para a deputada estadual Maria Mendonça (PP), ratifica a ausência de planejamento do Governo do Estado em relação à segurança pública. “Para cobrir o déficit, muitos delegados estão tendo que acumular delegacias o que, certamente, precariza o trabalho de investigação criminal”.

29 cidades sem delegados De acordo com a reportagem, 29 das 75 cidades de Sergipe estão sem delegados, segundo dados que foram fornecidos pelas Associações de delegados de cada Estado. “Como é possível garantir segurança eficiente para a nossa população sem um efetivo adequado?”, indagou a parlamentar, ressaltando ainda que além da carência de pessoal, “faltam condições dignas de trabalho para os agentes da Polícia Civil”.

Situação provisória Em setembro, observou Maria, a Assembleia Legislativa chegou a aprovar um Projeto de Lei que regulamentou provisoriamente as situações de acúmulo de delegacias, permitindo que os delegados pudessem se responsabilizar por até três municípios, desde que a soma das populações não ultrapassasse 50 mil habitantes. “No entanto, a medida ainda não foi colocada em prática pelo Governo”, lastimou a deputada.

Sucateamento Preocupada com o quadro de “desleixo” do Governo estadual, a parlamentar apresentou ao Orçamento de 2018 uma Emenda modificativa que transferia R$3 milhões da Secretaria da Comunicação para a Secretaria da Segurança Pública (SSP) com o intuito de garantir melhores condições de trabalho das forças de segurança, mas ela foi rejeitada. “O Governo insiste em manter uma política de sucateamento da nossa segurança e o cidadão de bem paga a conta e continua sendo vítima dos criminosos que estão à solta”, apontou Maria Mendonça, destacando a falta de priorização da área que é uma das mais sensíveis da atual gestão.

Banese implanta novo canal de atendimento ao consumidor O Banco do Estado de Sergipe (Banese) conta a partir desta quinta-feira, 28, com um novo canal de atendimento ao consumidor. De acordo com o gerente da Área de Canais e Marketing do banco, Édivam Clinger, o novo canal visa proporcionar um melhor atendimento ao cliente da instituição.

Serviços Agora para obter informações, fazer sugestões, elogios, reclamações, dúvidas e cancelamentos, o Banese oferece ao cliente o Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC), através dos números de telefone 0800 021 9013 e 0800 021 9010 (SAC Deficientes Auditivos e de Fala).

Protocolo e ouvidoria Caso o cliente não fique satisfeito com a solução apresentada pelo SAC, de posse do protocolo de atendimento deve ligar para o novo número da Ouvidoria Banese 0800 021 9009, que funciona nos dias úteis, das 8h às 18h.Para a obtenção de saldos, extratos, consultas e outras operações, o banco continuará atendendo através dos números de telefone do Alô Banese: (79) 3218-2020 (capitais e regiões metropolitanas) e 0800 284 3218 (demais praças).

PELO ZAP DO BLOG CLÁUDIO NUNES – (79) 99890 2018

Pré-candidato em Estância E o estanciano Titó informa que é pré-candidato a deputado federal pelo Partido Pátria Livre – PPL.  “E defendo a renovação geral em Sergipe”, avisou.

Curso Sempre em busca do conhecimento o diretor de Negócios da JFilhos, Evislan Souza, participou do curso de Planejamento Comercial e Marketing para Lançamentos Imobiliários em Salvador. Para você, cliente da JFilhos, isso é a certeza de uma empresa que veio para ficar e que está crescendo a passos seguros e sempre procurando o que há de mais atual para entregar a você.Em 2017 a JFilhos atualiza sua marca e inicia um novo modelo de negócio, focado na construção e incorporação imobiliária, se especializando em construção de empreendimentos habitacionais 

Firmino, do Liverpool, dançou após o gol e marcou o cantor na página do instagram. 

no segmento econômico contemplados no programa Minha Casa Minha Vida, com o objetivo de dar oportunidade às famílias sergipanas a realizarem o sonho da casa própria, com um imóvel com a marca e de qualidade JFilhos.

Será que a Inglaterra já se rendeu aos sucessos de Devinho Novaes? Depois de passar pelo Programa de Rodrigo Faro na Rede Record, de lançar seu mais novo clipe ao lado do fenômeno Wesley Safadão chegando a 2 milhões de visualizações no YouTube em menos de uma semana, agora foi a vez do futebol se render ao som de Devinho Novaes. O jogador titular do Liverpool (Inglaterra), Roberto Firmino, marcou o cantor em sua página do Instagram após dançar em comemoração à um gol.

PELO E-MAIL E FACEBOOK

O Parque da Sementeira – Não é justo que o Parque da Sementeira viva de improvisos, um puxadinho aqui, outro acolá. Por Antônio Samarone

Apesar do abandono, o Parque da Sementeira é muito frequentado. O Parque aguarda um destino. O Prefeito anterior encomendou um projeto a 

Jaime Lerner, que em seu estilo, apresentou uma coisa mirabolante, cheia de lagos, luzes e passarelas. Claro, ficou no papel. Depois de ouvir alguns especialistas, tomei a ousadia de oferecer ao Prefeito Edvaldo Nogueira uma proposta:  – prefeito, transforme o Parque da Sementeira num Jardim Botânico.

Faça em parceria com as universidades, com a EMBRAPA, escolas, iniciativa privada, etc. Os custos serão reduzidos. Um Jardim Botânico não impediria a atual função recreativa, e ajudaria na preservação das matas da restinga, em extinção. Teria ainda funções educativas, de pesquisa, de espaço para a volta dos pássaros, entre outras. O Prefeito prestou a atenção, sorriu e até completou a ideia. Eu sair com a impressão que ele tinha concordado.

Só que hoje, durante a caminhada, observei que estão fazendo um puxadinho numa área da Sementeira (foto). Perguntei o que era, e fui informado tratar-se da ampliação do horto. Só tem um problema: a obra interpõe-se exatamente na cerca que divide o Parque da Sementeira do fundo da EMBRAPA. Aquele terreno da EMBRAPA, sem serventia, tinha sido doado a Prefeitura na gestão anterior. Fui informado que o atual Prefeito devolveu, por não ter interesse em sua utilização. Perguntei ao Prefeito e ele negou. Ocorre, que a proposta do Jardim Botânico precisa de espaço, e esse puxadinho segrega o terreno da EMBRAPA.

Não é justo que o Parque da Sementeira viva de improvisos, um puxadinho aqui, outro acolá. Claro, a administração pode ter uma ideia melhor que a de um jardim botânico. Pode inclusive retirar as repartições públicas que ali funcionam, com me disse o Prefeito, num vai e vem inadequado de veículos. O que me parece é que o Parque não pode ficar abandonado, nem ser feito a base de improvisos. O poder municipal, que administra a área, precisa planejar um destino para o Parque da Sementeira.

Mais textos: https://blogdesamarone.blogspot.com.br/

PELO TWITTER

www.twitter.com/Acarlosmota Vc tem dinheiro em conta bancaria, é Seu, vc vai sacar 51 mil, ai o banco ou governo quer saber onde vc vai usar. Isso é uma violação aos  direitos do cidadão. Isso é inconstitucional.

www.twitter.com/Capsamuel HPM continua fechado e com uma dívida acumulada de mais de 600 mil ,com receita de serviço prestado à Secretaria de saúde no valor de 2,5 milhões,o Ipes saude deve. 900 mil. Absurdo está situação..

www.twitter.com/RicMarquesTV Quem for candidato nas próximas eleições terá um grande desafio: fazer uma política diferente da criada pelos chamados “políticos de carteirinha”. A imagem está muito desgastada. Outra coisa, seria importante também fazer um curso básico de gestão pública. #RM

Cláudio Nunes no Face e no twitter:

https://www.facebook.com/blogclaudionunes/

Frase do Dia
“O poder não corrompe o homem; é o homem que corrompe o poder. O homem é o grande poluidor, da natureza, do próprio homem, do poder. Se o poder fosse corruptor, seria maldito e proscrito, o que acarretaria a anarquia.” Ulysses Guimarães.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais