Até quando?

0

Não há como negar que é correta a luta dos professores da rede estadual pelo reajuste do piso salarial para toda a categoria. De braços cruzados, eles, ou qualquer outro trabalhador, não conseguem ver atendidas suas reivindicações. Mas como obrigar o governador Marcelo Déda (PT) a pagar o que pedem os educadores, se este confessa que o cofre do estado secou? Seria, convenhamos, uma irresponsabilidade do petista conceder o reajuste solicitado e não honrar o compromisso no final do mês. Portanto, é preciso se encontrar uma saída para o impasse, pois milhares de estudantes correm o risco de perder o ano letivo. Os professores não podem continuar nessa quebra de braço indefinida, sob pena de perderem o apoio que sempre receberam da sociedade sergipana. Sem isso, mesmo sendo justa, a luta ficará ainda mais difícil.

Fascista

Depois da deputada estadual Ana Lúcia (PT), que comparou o governador Marcelo Déda (PT) a Hitler, agora foi a vez do ex-deputado federal Iran Barbosa fustigar o aliado. Entrevistado ontem pela rádio Ilha/FM, ele afirmou que, como professor de história, também identifica traços fascistas nas atitudes do governo. “Ele só exercita o diálogo do não posso, não tenho, e utiliza mecanismos que nem governos avaliados como mais autoritários usaram”, fustigou Iran. Misericórdia!

Clima tenso

A proximidade das convenções partidárias tem elevado a tensão entre os políticos. Prova disso foi dada ontem pelos vereadores aracajuanos Danilo Segundo e Bertulino Menezes, ambos do PSB. Os dois discutiram feio no plenário da Câmara, mas baixaram a voz quando os repórteres se aproximaram. Nenhum quis revelar a causa do forte desentendimento.

Sem máquina

O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PC do B), disse que não será solidário com nenhum auxiliar que fizer uso da máquina pública para fins eleitorais. A advertência foi feita ontem na abertura do curso sobre legislação eleitoral, lei de responsabilidade fiscal e contratações públicas, ministrado para secretários, diretores administrativos e financeiros do município. O comunista lembrou que jamais fez uso da máquina e, por isso mesmo, não respondeu qualquer processo quando disputou a eleição.

Evite as águas

Depois da CPMI aberta pelo Congresso para apurar as falcatruas promovidas pelo bicheiro Carlos Cachoeira, a Polícia prendeu em Rio Largo (AL) o prefeito Toninho Lins e nove vereadores do município. Quem tem juízo deve evitar as águas turvas para não chafurdar no mar de lama, onde a corrupção nada de braçadas por esse país afora.

Royalties

Sergipe teve neste mês a segunda maior receita de royalties pela extração de petróleo e gás. O estado recebeu R$ 13,9 milhões, assinalando uma alta de 22,4% em relação ao que foi pago em maio de 2011. Entre os municípios sergipanos, Carmópolis foi o que recebeu mais royalties neste mês: R$ 3,4 milhões, seguido por Aracaju, com R$ 2,8 milhões.

Agora é crime

Já está em vigor a lei que considera crime a exigência de cheque caução para atendimento médico de urgência. Agora o Código Penal estipula pena de detenção de três meses a um ano e multa para os responsáveis pela prática de exigir cheque caução, nota promissória ou qualquer garantia como condição para o atendimento médico-hospitalar emergencial. Os hospitais particulares ficam obrigados a afixar, em local visível, cartaz ou equivalente, informando sobre a proibição.

Congresso

O presidente do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, Márcio Pochmann, será palestrante do VIII Congresso da Federação Interestadual dos Odontologistas (Confio), promovido pela Federação Interestadual dos Odontologistas, em parceria com o Sindicato dos Odontologistas de Sergipe. O evento será realizado no Hotel Mercure, na orla da Atalaia.

Viva o esporte

Quem estará em Aracaju amanhã é o ministro do Esporte, Aldo Rebelo. Vem prestigiar a inauguração da Escola de Esportes Professor Kardec, construída pelo governo estadual no bairro Santa Maria. Com capacidade para atender 400 crianças e adolescentes, a escola oferecerá modalidades esportivas como futebol, voleibol, handebol, basquetebol, futsal, karatê, boxe, taekwondo, judô, jiu-jitsu, kickboxing. Legal!

Do baú político

Poucos sabem, mas sob a estátua de Fausto Cardoso, no centro de Aracaju, estão depositados os restos mortais do próprio tribuno sergipano e do cidadão comum Nicolau do Nascimento. Este foi o primeiro a ser morto, no dia 28 de agosto de 1906, pelos comandados do general Firmino Rego, enviados a Sergipe para retomar o governo dos “faustistas” e devolvê-lo o ao presidente do Estado, Guilherme Campos. No estudo “Fausto Cardoso, herói de Sergipe”, a professora e pesquisadora Terezinha Alves de Oliva expõe uma série de fatos pouco conhecidos pelos sergipanos. Ela conta que durante seis anos o povo fez grandes romarias ao cemitério Santa Izabel no dia 28 de agosto, data dos dois assassinatos. Que o deputado federal paraense Artur Lemos enviou uma coroa toda em alumínio e feita em Paris para ser colocada no túmulo. Em memória ao poeta e tribuno sergipano, a fábrica de charutos de Cupertino Xavier de Mello produziu o charuto “Fausto Cardoso”, e o especialista em rosas Joaquim Martins Fontes criou a rosa “souvenir de Fausto Cardoso”. Em bronze, a estátua do político sergipano é de autoria do escultor italiano Lorenzo Petrucci, tendo custado vinte contos de réis, dinheiro todo doado pelo povo.

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais