Até quinta, adutora estará restabelecida

0

  “O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

A agilidade que vem ocorrendo, desde sábado, para restabelecer a adutora do São Francisco, através da Deso, fará com que os prejuízos no abastecimento de Aracaju e toda região metropolitana sejam bem menores do que o esperado. A constatação é deste espaço, após conversar com alguns engenheiros da área que analisaram as medidas que o governo estadual vem tomando.

Os engenheiros consultados pelo blog foram unanimes em afirmarem que a medida de construir imediatamente, a tubulação provisória na ponte nova da BR-101, foi acertada e, se não tiver contratempo 80% do abastecimento será restabelecido até quinta-feira. A Seinfra, a Deso e o DNIT estão fazendo uma ação conjunta exemplar.

Petrobras, através da Fafen, cedeu soldadores – Toda tubulação e coordenação técnica da obra da adutora provisória é da Deso. A Petrobras, através da Fafen, cedeu soldadores com experiência para agilizar os serviços.

Ponte velha de Pedra Branca –  A ponte de Pedra Branca, que caiu, foi inaugurada em 1933 e servia, além de sustentação da tubulação da adutora, para passagem de pessoas e animais.  Resta saber se o governo estadual vai tentar recuperar a ponte antiga da forma que era, por conta do valor histórico.

Vida útil e solução provisória – Pela rede social (um grupo do watsApp), o engenheiro Carlos Henrique, especialista em estrutura deu uma opinião que merece a leitura:  “Vida útil prevista de pontes são de 100 anos enquanto de prédios 50. Entretanto, ambiente agressivo que potencializa corrosão dos cabos que sustentavam o tabuleiros   pode reduzir  sobremaneira a vida útil.A ponte já deu o que tinha de dar. Na minha,  visão pelas fotos,  avaliaria a estrutura remanescente principalmente de fundações e pilares para criar novos apoios ao novo trecho de adutora. Porém a variável tempo será determinante e uma opção provisória para regular o abastecimento poderá ser estudada pela ponte nova com redução de vazão para compatibilizar sobrecarga na ponte a um valor suportável sem riscos.Claro que não seria um provisório definitivo. Apenas para manter o abastecimento mesmo com redução do fornecimento. Ter-se-á tempo suficiente para solução definitiva ao meu ver na estrutura remanescente não colapsa da velha ponte. A Deso tem engenharia competente para solucionar isso.”

A Deso prefere não cravar o dia, mas anunciou que até o fim desta semana a adutora auxiliar estará em funcionamento.  Com isso, 80% do abastecimento será restabelecido, enquanto não for construída uma nova ponte no lugar da antiga como também uma nova tubulação, já que a base da adutora fica naquele local.

Jackson chegou e foi logo para o local
O governador Jackson Barreto chegou de viagem ontem, 10, à tarde e foi logo visitar o local do rompimento da adutora com  uma equipe de auxiliares. Jackson elogiou as ações da equipe, principalmente porque viu o trabalho adiantado com as tubulações para a adutora auxiliar. Desde sábado, os técnicos da Deso estão trabalhando para recuperação do sistema.

Estado de emergência e obra definitiva
O governador informou que nesta segunda-feira, 11, será decretado estado de emergência e que será elaborado um documento solicitando recursos ao Governo Federal. O objetivo do pedido é facilitar a obtenção de equipamentos e a contratação de pessoal e de tudo o que for necessário para andamento das obras de reparação da adutora no local definitivo, onde era antes.

Atestados médicos na PMSE. Investigação sigilosa
O blog foi informado que está sendo realizada uma investigação sigilosa sobre diversos atestados médicos na PMSE. Tem PM que está de licença médica, mas faz bicos diariamente.  Tudo registrado com depoimentos e fotos. Os IPM serão abertos de uma vez. Vão enxugar do quadro quem apenas quer receber salário e não fazer a parte dele.

Transporte escolar: ao invés de respeitar licitação, SEED continua fazendo convênios com as prefeituras
Parece que o Ministério Público Federal terá muito trabalho com processos para que a SEED cumpra a licitação feita pelo próprio governo estadual e não repasse recursos federais para o transporte escolar em convênios com prefeituras que não seguem as normas licitatórias.

Bagatela de R$ 250 mil para prefeitura de Frei Paulo
Na semana passada foi publicado no Diário Oficial do Estado o convênio com a prefeitura de Frei Paulo, a partir de 01 de abril deste ano na bagatela de R$ 250 mil. É assim que o dinheiro vai para o ralo da educação. Chega lá a prefeitura faz os contratos que deseja. Até quando?

Orçamento 2016
Nesta segunda-feira, 11, a Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag), reunirá representantes de secretarias e órgãos do Governo, bem como sindicatos e demais pessoas da sociedade civil, para discutir algumas diretrizes do Orçamento 2016 do Estado. No encontro que acontecerá a partir das 9h, no Auditório da Seplag, será debatido também o Plano Plurianual 2016-2019, que define as principais ações do Governo para os próximos quatro anos.

Aracaju: PRP, PHS e PSDC fazem blog para disputar eleição
Os dirigentes do PRP, PHS e PSDC em Aracaju começaram a discutir a formação de um bloco para disputarem a eleição em Aracaju. Além de uma chapa para a Câmara Municipal pretendem apoiar juntos um candidato que faça oposição ao prefeito João Alves.

Presente de milhão
Para ampliar e estruturar melhor suas instalações administrativas em Aracaju, a seccional da Ordem dos Advogados do Brasil recebe hoje um belo e expressivo presente de aniversário: um cheque de 1 milhão de reais, assinado pelo presidente nacional da entidade, Marcus Vinicius, que está chegando para comemorar os 80 anos da OAB de Sergipe.

César Britto
O prestígio do ex-presidente nacional César Britto tem sido decisivo para o sucesso de reivindicações desse porte. Foi com recursos da OAB nacional que a seccional da ordem adquiriu, restaurou e instalou a sua majestosa sede no histórico casarão da rua da Frente, isso na gestão do presidente Henri Clay. Agora, na gestão do advogado Carlos Augusto Monteiro a OAB de Sergipe recebe mais uma generosa contribuição.

Professores karatecas de SE participam de um curso com o melhor atleta do mundo
E os professores karatecas Yoacan Jócelis e Edson, ao lado do atleta Alex, participaram no último fim de semana de um curso de

Professores Yoacan e Edson recebem diplomas de participação no curso de Kumite.

 Kimute, com Douglas Bronze, um dos maiores atletas da modalidade no mundo.  O curso serviu para para aperfeiçoar as técnicas e os professores repassarão os conhecimentos para os alunos. “Conhecimento nunca é de mais por isso aprender é necessário, iremos em busca de novos horizontes”, disse Yoacan, lembrando que o Clube União sempre está em busca de  renovação e novos conhecimentos.

Semana do Assistente Social é marcada por ações do CRESS em Sergipe
O Dia 15 de maio é o Dia Nacional do Assistente Social. Para marcar a passagem data, o Conselho Regional do Serviço Social 18a. Região/Sergipe realiza, entre os dias 13 e 15 de maio, a “Semana do/a Assistente Social”. A atividade contará com vasta programação, que inclui Sessão Especial na Câmara de Vereadores de Aracaju, palestra com a professora da UFRJ, Yolanda Guerra, apresentação de trabalhos acadêmicos e confraternização da categoria.

Ações
Com o tema “Profissional de luta, profissional presente!”, o evento integra uma série de ações realizadas em todo o país pelos Conselhos Regionais e Federal de Serviço Social e discutirá o papel do Assistente Social na implementação de políticas públicas de seguridade social e na garantia dos direitos humanos. O tema é escolhido durante o Encontro Nacional do conjunto CFESS/CRESS, realizado anualmente.

Nova diretoria toma posse no Sistema Indústria
Tomou posse na última sexta-feira, 08, a nova diretoria da Federação das Indústrias do Estado de Sergipe (FIES). A cerimônia aconteceu durante a reunião ordinária da diretoria e conselheiros da Instituição realizada periodicamente.Permanece no cargo de presidente para os próximos quatro anos à frente do Sistema Indústria, o industrial e economista Eduardo Prado de Oliveira, 69, nascido em Aracaju.

Unanimidade
Eduardo Prado foi eleito por unanimidade no último mês de março. Segundo o presidente, a sua reeleição se deve ao esforço do trabalho realizado em conjunto com os demais conselheiros. “Devo agradecer a todos os colegas que participaram e confiaram nesse trabalho de fortalecimento da indústria em Sergipe, sempre buscando o melhor para a capacitação dos nossos industriais e na qualificação e formação de profissionais para atuar na indústria sergipana”.

FlaCaju comemora 2 anos com feijoada e presença de craques do Flamengo
Alô, rubro-negros! Neste mês de maio, a Flacaju completa 02 anos de muito amor ao FLAMENGO e convida vocês para uma

 grande comemoração! É a FLAjoada! Uma feijoada caprichada, ao som de Jota Mascarenhas, transmissão do Fla X Flu, e na ilustríssima companhia de JÚLIO CESAR "URI GELLER" e ADÍLIO! Isso mesmo! Os eternos ídolos rubro-negros estarão comemorando conosco! Nenhum flamenguista de verdade vai querer ficar de fora! Corra e garanta já o seu ingresso, que será limitado.

FlaCaju comemora 2 anos com feijoada e presença de craques do Flamengo II
Será no dia 31 de maio, a partir das 14h, no restaurante Renatão da 13 de Julho. Além do direito a feijoada e ao show de Jota Mascarenhas os flamenguistas terão as companhias dos ídolos rubro-negro, Julio César e Adílio e sorteio de brindes. Pontos de venda: Academia Beth Medeiros (Galeria do Posto Petrox – Vizinho ao Parmegianno);Restaurante Bonaparte e Restaurante Donatário (Praça de Alimentação do Shopping Riomar).A feijoada será servida das 14h às 17h.Transmissão do clássico (Flamengo X Fluminense), a partir das 18:30h.Cerveja Devassa no valor de R$ 5,50. Informações: Thalita Coutinho – (79)9937-6367;Wilson Mendonça – (79)9837-7755 e Vitor Déda – (79)9988-3328.

PELO TWITTER

www.twitter.com/jsantana61 Amores, ódios, erros, acertos, escândalos, algozes, verdades e mentiras à parte, a república teve 3 estadistas: Getúlio, Juscelino e Lula.

www.twitter.com/italomarcos__  Uma semana sem água – a coisa vai feder.

www.twitter.com/Marcelo_Efron  Liberte-se! Plante amor.

www.twitter.com/Milton_Junior80  Ex-globeleza iguala-se a Albano na produção literária…

www.twitter.com/ValadaresPSB  A morte do senador Luiz Henrique enluta o Brasil. Exemplo de ética e decência deixado para as novas gerações que lutam por um Brasil sério.

www.twitter.com/ClovisCBMelo  A festa para Carlos Ayres de Britto na Bahia foi muita bonita. Teve música, poesia, discursos, loas à Bahia, à Sergipe e a Castro Alves.

DO LEITOR

Parmegianno: fumaça e fritura
E-mail de Genilson Santos: “Insuportável e cheiro e a fumaça de fritura do Restaurante Parmegianno, total desrespeito ao moradores da região, e principalmente ao ministério público.Pelo cheiro da fritura imagina-se a qualidade da comida, um horror!!!!”

ARTIGO

A novidade não é a corrupção, mas a indignação por Jorge Santana de Oliveira*

Lembro bem da minha condição de membro do clube dos indignados, escasso de sócios, sobretudo nos governos Sarney e FHC.

A escandalosa compra de parlamentares por R$ 200 mil per capita para aprovar a emenda da reeleição; os bilhões (fala-se em 100 bi) do Banestado; os anões do orçamento; a privataria (imaginemos uma empresa como a Vale ter sido vendida pela bagatela de R$ 3 bi) etc, etc, etc.

Mas por que havia tão poucos indignados?

Primeiramente, porque não existiam as redes sociais; em segundo lugar, porque a grande mídia, quando muito, dava a esses fatos "destaque" de notas de pé de página. A Polícia Federal estava longe de ter a autonomia que tem hoje. O Procurador Geral da República (criativamente chamado de Engavetador Geral pelas mais óbvias razões) era escolha exclusiva do presidente, sem essa modernidade de submeter-se ao resultado da eleição da associação dos procuradores. A CGU? Foi criada em 2003.

Conclusão: houvesse tapete para esconder tamanha sujeira.

Hoje, a história é outra, revelando o quanto estamos progredindo no combate aos efeitos (prestem atenção, não estou falando das causas) da corrupção.

Tristemente, embora previsível, percebemos que a mesma mídia que ignorava os esquemas do passado, agora amplifica os do presente (que existem e são igualmente reprováveis), agindo com vergonhosa seletividade. Isso desperta na desavisada audiência um natural sentimento de indignação – facilmente convertido em ódio -, que passa a ser manipulado objetivando, tão somente, a troca de governo, enquanto ignora solene e intencionalmente o verdadeiro alvo a ser mirado.

Trocar A por B no governo, sem tocar no viciado e exaurido sistema político-eleitoral, equivale a somar zeros.

Gritar "Basta" e bater panelas, é indignação produzindo ação inócua. Mais ou menos como querer curar uma doença grave com medicamentos que apenas mitigam os sintomas.

A palavra de ordem tem que ser outra.
Precisamos gritar, em uníssono:
Basta de hipocrisia!
Reformas Já!
*engenheiro, empresário e indignado desde sempre, sem bater panelas.

ARTIGO

Sergipe: o Estado caranguejo       Por Goisinho*                                                                                                                                                                                                                                                                 Pela tradição desse bichinho gostoso  e que anda para trás, o nosso estado sempre foi conhecido pelo seu consumo e terapia  em torturá-los em vida, na forma de matá-los e depois de mortos, no modo de quebrá-los e  saboreá-los acompanhado de uma cerveja bem gelada.

Dessa tradição e lutando pela sua preservação, nasce o caranguejo elétrico do nosso querido Antônio Leite, tão aplaudido nos nossos carnavais. Mas, nem a luta do caranguejo elétrico evitou o seu quase extermínio com a introdução da criação do camarão em viveiro.

Para não perder essa tradição, o nosso estado que há anos vem cambaleando, começou a andar como o nosso bichinho gostoso, ou seja, para trás.

Se a perda do caranguejo não foi sentida pelas autoridades, botando a culpa apenas no camarão de viveiro, aumentou a destruição dos manguezais.

Com a destruição dos manguezais por ocupações ilegais, Sergipe passa a ter o que eles chamam das praias mais belas do país.

Orgulham-se de ser grandes produtores de cana-de-açúcar  e milho, sem falar do agrotóxico, lançado de avião em todo o nosso território, atingindo todos os mananciais, a agroecologia em alguns locais,  a agricultura  familiar e principalmente a saúde de toda a população.

Por falar em mananciais, o nosso Velho Chico, que nos abastece  em 70% do nosso precioso líquido, está morrendo e esta semana ele não vai nos abastecer por falta de manutenção da antiga ponte de Pedra Branca, por onde passam as tubulações, que ontem caiu.

O grande projeto platô de Neópolis, tão alardeado e que consumiu fortunas do nosso povo, hoje se planta coco verde com agrotóxico, eucalipto e grama.

Em se falando em saúde, o quadro é mais caótico do que se imagina, só sabe, quem enfrenta, no dia a dia, os hospitais e postos de saúde de nossas cidades.

Na educação não é bom falar, pois é a pior do Brasil no ensino fundamental (público e privado) e ganha apenas  de Alagoas no ensino médio.Segurança nem para os mortos, pois tem túmulos sendo violados.Empresas públicas, todas no prejuízo.

E agora a onda da vez é a termoelétrica que vai gerar renda e emprego.

E falando em indústria, temos que relembrar a indústria de camarão da época que governava o nosso estado o único interventor da ditadura vivo, quando o “investidor” curtiu as autoridades, mamou nos cofres públicos e foi embora.

A indústria do petróleo de um governo anterior e dois recentes, se não fosse a prisão de Paulo Roberto Costa, seria mais uma mariscada.

As indústrias de tecidos, como Vila Romana …, fábrica de carbono, biscoito e tantas outras que, quando acabam os incentivos, adeus Sergipe.

Não sei se essa é mais uma, mas com certeza é o atraso do atraso, senão vejamos:
No Brasil existem 50 termoelétricas que produzem energia elétrica à base de combustíveis fósseis, como carvão, diesel e gás, que no seu conjunto produzem 15 mil megawatts, 7% da produzida no país.

Essa energia é a chamada energia reserva, pois só é utilizada quando as hidroelétricas  estão com seus reservatórios baixos por falta de chuvas, mas pagamos a conta, ela funcionando ou não. Neste ano já tivemos dois aumentos de energia por conta das termoelétricas em funcionamento.

A  usina termoelétrica só tem de  vantagem  a sua rapidez na produção de energia e mata mais lentamente que a nuclear.As desvantagens são:  altamente poluidoras por utilizarem combustíveis fósseis e a custos elevados.

Pensar em investir em energia é pensar na natureza, no sol e nos ventos, que somos ricos e o nosso estado apenas iniciou na eólica.

Para clarear as nossas mentes, vou dar um exemplo, de como a energia solar  pode ser a alternativa de imediato, para que a nossa energia  hidráulica possa sobrar ainda mais, no nosso pequeno território.

Parto de um exemplo prático, de uma residência, que consome, em média, 400 Kw mês e paga em torno de R$ 170,00. Para instalar energia solar com a mesma voltagem, o custo médio é de R$ 26.000,00. Com um financiamento pelo BNDS em 15 anos, a prestação seria em torno de  R$ 160,00, ou seja, menor do que a conta de luz.

Como as placas solares têm uma garantia de 25 anos, o custo da conta de energia seria reduzido pela metade, com energia limpa, renovável  e independente.

Para tanto, basta a vontade política do Governo Federal ou do Congresso Nacional, como já foi sugerido a alguns parlamentares, a iniciativa de tal projeto de lei.

Em vez de uma usina termoelétrica, vamos trazer uma indústria de placas solares e utilizar a nossa fibra de coco como isolante térmico, criando emprego e renda e utilizando produto nosso, natural e renovável, além de incentivar o plantio de coco que está em extinção entre nós.

ABAIXO A ENERGIA SUJA E POLUENTE E VIVA OS CARANGUEJOS.

*Integrante do Movimento de Mobilização da Sociedade Civil pela Revitalização do Velho  Chico.

Blog no twitter: www.twitter.com/BlogClaudioNun   

Frase do Dia
“A forma mais elevada da inteligência humana é a capacidade de observar sem julgar.” Jiddu Krishnamurti, filósofo e místico indiano, nasceu em 11 de Maio de 1895 e morreu em 1986.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários