Bancos dispensam mais de mil funcionários

0

Cerca de 1 mil bancários foram demitidos em São Paulo e Osasco nos últimos três meses, segundo cálculos do sindicato da região. O movimento começou pelos bancos pequenos, mas, nas últimas semanas, se estendeu para alguns maiores. O caso mais recente é o do Banco Safra, o nono maior do País pelo critério de ativos, que, na sexta-feira, dispensou cerca de 200 funcionários, de acordo com fontes consultadas pelo jornal O Estado de S. Paulo. A assessoria da instituição não informou quantas pessoas perderam o emprego, mas disse que as demissões não fogem ao padrão.

 

A área mais atingida foi a de crédito, que sofreu um duro golpe após o agravamento da crise financeira internacional, em meados de setembro. A maior parte das linhas externas que financiavam empresas e bancos brasileiros foi cortada de lá para cá. Em conseqüência, os empréstimos em segmentos como o de automóveis rarearam. A demanda também caiu por causa da piora da crise, que levou os brasileiros a ficarem mais cautelosos com o futuro.

 

Segundo o Sindicato dos Bancários e Financiários de São Paulo, Osasco e Região, entre setembro e meados de novembro houve 774 demissões, o que representa um aumento de 133% em relação a igual período do ano passado. Se for acrescentado o Safra, o número sobe para quase 1 mil. Há, ainda, profissionais que não precisaram passar pela homologação no sindicato, pois tinham menos de um ano de casa. A região de abrangência do sindicato tem cerca de 120 mil bancários, 20 mil deles empregados em instituições de porte médio – as mais afetadas pela escassez de crédito externo.O presidente do sindicato, Luiz Claudio Marcolino, reuniu-se ontem com parlamentares, em Brasília, para tratar do assunto.

 

Segundo ele, os trabalhadores propuseram mudanças na Medida Provisória 443, editada em outubro para abrandar os efeitos da crise no sistema financeiro brasileiro. O texto permite, entre outras coisas, que Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal comprem participações em outras instituições. “Queremos que a MP inclua alguma contrapartida que garanta o emprego durante um período”, disse Marcolino. “Não se trata de estabilidade ad aeternum, mas de evitar demissões em um momento de crise.” As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

 

Tiro pela culatra

Numa empresa estatal um jovem administrador resolveu usar de uma prática antiga. Com receio da reforma administrativa, resolveu estimular servidores mais próximos a realizarem um abaixo-assinado, que será entregue ao governador, pedindo que o mesmo continue no cargo. Um gesto não tão espontâneo que era usado por governos autoritários quando seus administradores usavam do artifício colhendo assinaturas de representantes da igreja católica, do comércio e por aí vai. Esquece que com o atual governador o tiro pode sair pela culatra.

 

Ana Lúcia volta a AL em 2009

Ao conceder entrevista no programa “Gente Urgente” apresentado por Gilmar Carvalho na TV Cidade, a deputada e atual secretária da Inclusão Social, Ana Lúcia disse acreditar que em 2009 deve retornar para a Assembléia Legislativa, mas quem vai decidir qual será o melhor momento é o governador Marcelo Déda. Ana Lúcia disse que a pasta que dirige tem muitos projetos em andamento para o grupo mais carente da população e que tudo que se faça ainda é pouco para resgatar essa divida de 500 anos.

 

Prestação de contas de Agripino

Em Areia Branca o prefeito eleito Agripino terá muito o que explicar a procuradoria eleitoral. A prestação de contas dele é de aproximadamente R$ 60 mil, mas nas conversas telefônicas entregue ao MPF, o próprio Agripino diz ter recebido R$ 40 mil do deputado Arnaldo Bispo e outro tanto da deputada Célia Franco. E o pior: essas “doações” não foram contabilizadas na prestação de contas do candidato.

 

Reinaldo eleito presidente do TCE

O conselheiro Reinaldo Moura presidirá o Tribunal de Contas do Estado (TCE) de março de 2009 a março de 2011, tendo como vice-presidente Heráclito Rollemberg e como corregedor geral, Carlos Alberto Sobral de Souza. A eleição da nova mesa diretora da Corte de Contas aconteceu na sessão do pleno na manhã de ontem, 04. Reinaldo Moura, que é jornalista e radialista profissional de formação, adiantou que sua maior atenção será na interação de comunicação com a sociedade. “O grande diferencial de minha gestão será na área de comunicação”, disse Moura. 

 

Blog torce para maior transparência no TCE

O blog torce para que a gestão de Reinaldo Moura no próximo ano possa aproximar o TC mais da sociedade. Como profissional da comunicação Reinaldo Moura terá a chance de dar uma maior transparência as ações do órgão, principalmente dos processos que demoram muito para receberem seus pareceres. O TC, não só em Sergipe, mas em quase todo país, está sangrando, e para reverter a atual situação somente com muita transparência e um diálogo aberto com a sociedade.

 

Esclarecimentos do conselheiro

Através de e-mail o conselheiro Reinaldo Moura voltou a afirmar que não existe nenhum funcionário em seu gabinete envolvido com o sumiço das travações do processo de Flávio Conceição. ”Continuo afirmando que não é verdade. A sua apuração por telefone não está correta. Um simples procedimento poderia dirimir qualquer dúvida, mas você faz questão de insistir com uma fonte mentirosa. Basta pedir esta informação no gabinete do presidente desta Corte ou no setor de recursos humanos do Tribunal de Contas, pois é uma informação pública e não lhe será negada”. Em relação as contas de Pirambu, Reinaldo lembra que sempre se declarou impedido em julgar na época que seu filho era prefeito e que agirá da mesma forma com a prefeitura de Japaratuba que será administrada por sua nora, Lara Moura.

 

Mercados funcionam até o meio-dia no feriado da segunda-feira

Em virtude do feriado em homenagem a Nossa Senhora da Conceição, na próxima segunda-feira, 8, a Prefeitura Municipal de Aracaju (PMA), por meio da Empresa Municipal de Serviços Urbanos (Emsurb), alterou o horário de funcionamento dos Mercados Centrais (Albano Franco, Antônio Franco e Thales Ferraz) e setoriais do município. Todos eles funcionarão até o meio-dia. A medida foi tomada em acordo feito entre a Emsurb e os feirantes, para não prejudicar as vendas e, ao mesmo tempo, preservar a data. Vale salientar que durante todo o mês de dezembro, exceto domingos e feriados, o funcionamento dos Mercados Centrais está sendo das 6 às 19 horas. (Ascom/Emsurb).

 

Atuação parlamentar

O deputado federal Eduardo Amorim (PSC-), teve importantes encontros essa semana em Brasília. O parlamentar como vice-líder do PSC na Câmara, participou de um café da manhã com o deputado Michel Temer (PMDB-SP), na ocasião eles debateram sobre defesa nacional e suas principais diretrizes para os próximos anos; Em reunião com o senador relator geral do Orçamento da União, Delcídio Amaral (PT-MS), Amorim frisou a importância dos investimentos federais para o desenvolvimento sergipano, principalmente, para obra da ponte que liga Estância a Indiaroba, projetos de infra-estrutura turística para o município de Socorro, além de recursos para a Saúde nos setores de urgência e emergência. Já com o presidente da Sociedade Brasileira de Anestesiologia, Jurandir Coan, o parlamentar recebeu um anteprojeto que dispõe sobre a exposição dos anestesiologistas a contaminantes, que são usados nos procedimentos médicos.

 

Problemas no abastecimento

Desde a última terça-feira, 2, a Deso está enfrentando problemas no abastecimento de água em diversos municípios do Estado por conta da falta de energia elétrica. Os problemas foram iniciados com as chuvas nesta semana, onde municípios e povoados ficaram sem energia, afetando áreas de captação e bombeamento da Deso. Embora a Deso tenha feito diversos comunicados à Energisa, ainda na manhã de ontem, 4, as unidades operacionais da Deso permaneciam impedidas de funcionar em virtude da falta de energia, interrompendo o abastecimento de água em municípios como Ribeirópolis, Carira, Frei Paulo, Poço Redondo e outros. Até ontem os municípios atingidos pelo desabastecimento são Poço Redondo, Monte Alegre de Sergipe, Nossa Senhora da Glória, São Miguel do Aleixo, Nossa Senhora Aparecida, Frei Paulo, Pinhão e Pedra Mole – abastecidos através da Adutora Alto Sertão -, Feira Nova, Cumbe, e Carira – estes abastecidos através da Adutora Sertaneja – e Ribeirópolis, abastecido através de uma rede de poços.A estimativa da Deso é de que o restabelecimento normal do fornecimento de água nestes municípios aconteça até o próximo domingo, embora as equipes técnicas da Deso estejam preparadas para recolocar em operação os equipamentos assim que a energia elétrica for restabelecida em todas as áreas onde há unidades de captação e bombeamento.

 

Reunião inicia ajustes para Verão Sergipe 2009

Com a programação definida, a segunda edição do Verão Sergipe já entrou na fase dos preparativos finais. Na manhã de ontem, 04, representantes da Secretaria de Estado da Comunicação (Secom) se reuniram com as secretarias, órgãos e prefeituras envolvidos com a organização, estrutura e segurança do evento. A reunião foi o primeiro contato com todos os envolvidos para que eles pudessem conhecer a planta da realização, a programação e saber quais são as responsabilidades das secretarias e prefeituras. A partir de então, os órgãos vão trabalhar na elaboração de um plano de trabalho para os dias 16 e 17 de janeiro, quando o Verão Sergipe chega à Praia da Caueira, e 30 e 31 do mesmo mês, data em que Pirambu recebe o evento. Saiba mais sobre o Verão Sergipe no sítio http://www.tevejonoveraosergipe.com.br/

 

Esclarecimentos de delegados I

E-mail de alguns delegados: Não fico mais surpreso com os excessos que sua coluna vem publicando contra a carreira de Delegado de Polícia. Quando a crítica é dirigida com o objetivo de construir uma política de segurança pública mais humana, justa e eficiente, nenhum problema há. Entretanto, como responsável pelo blog, é indispensável que tenha o compromisso com a verdade, não permitindo e-mails apócrifos que impossibilitam acionar judicialmente os detratores. Em sua coluna do dia de hoje, um missivista demonstrou total descompromisso com a verdade e desconhecimento da missão da polícia civil, acredito que nem seja policial civil, posto que estes possuem discernimento suficiente para distinguir polícia ostensiva/preventiva (PM, Polícia Rodoviária Federal), da polícia judiciária (Polícia Civil e Polícia Federal), confusão reforçada historicamente.

 

Esclarecimentos de delegados II

Continua o e-mail: “Somos Delegados de Polícia e como todos os demais não possuímos um carro descaracterizado para uso pessoal, nem temos gasolina, nem celular livre. Por isso, nossa indignação. Novamente recorreremos à justiça para ver sanada mais essa ofensa gratuita, despropositada e mentirosa, fruto de mentes maliciosas que não entendem a importância da carreira, nosso compromisso com a sociedade e com a segurança pública.O seu ‘blog’ é um espaço democrático, mas democracia se faz às claras, sem pseudônimos ou qualquer outro subterfúgio que disfarce as verdadeiras intenções do autor. Toda generalização é ofensiva e deve ser combatida por aqueles que, como você, acreditam numa sociedade mais justa”. DELEGADOS DE POLÍCIA: Ronaldo Marinho, Antônio Francisco de Oliveira Filho, Robério Santiago, Alexandre Sérgio Bezerra e Pires, Edeilson Lins de Souza Júnior, Kássio Kellington Viana Santos e Everton dos Santos (Diretores da Associação dos Delegados de Polícia do Estado de Sergipe – ADEPOL)

 

Esclarecimento sobre comentário

O comentário a que se refere os delegados foi publicado ontem, 04. Só para informar ao leitor: os comentários  são postados da redação, não passando pelo crivo deste jornalista. Os e-mails dos remetentes ficam devidamente guardados no sistema.

 

Solução na Sefaz I

O Secretário da Fazenda, Nilson Lima, informou na manhã de ontem, 04, aos representantes dos sindicatos, Cantidiano Novaes (Sindifisco) e Marcos Lima (Sindat), que estavam acompanhados de outros dirigentes, que o impasse que estava impedindo o governo de pagar a diferença da gratificação de produtividade, parte incidente sobre  o triênio, acabou. De acordo com Nilson Lima, a Secretaria de Estado da Administração já foi autorizada a preparar uma folha complementar, contendo os valores retroativos ao mês de julho de 2008, além de regularizar o pagamento, a partir de agora.

 

Solução na Sefaz II

“Desde o mês de julho, quando ocorreu essa situação, que mantivemos um diálogo permanente com os representantes sindicais no sentido de solucionar a questão, e ao mesmo tempo, sempre empenhamos a nossa palavra de que, em nenhum momento este governo, liderado pelo governador Marcelo Deda, iria prejudicar os trabalhadores do fisco, a prova disso foi o entendimento que fizemos na Mesa de Negociação”. Afirmou o Secretário. No acordo, foram consagradas conquistas históricas da categoria, a exemplo do aumento da gratificação da produtividade, de 33 para até 100%; o pagamento do adicional noturno (antes não era pago), e a adequação da escala de trabalho, que antes era de 1×3 e agora é de 1×5. Com este entendimento, a tranqüilidade para os auditores fiscais, no que diz respeito aos seus direitos foi restabelecida, o que permite a retomada das atividades funcionais, a fim de que não haja nenhum tipo de prejuízo para o Estado. (Ascom/Sefaz).

 

DO LEITOR

                                                                                                                                

Iluminação da ponte Aracaju/Barra

Do leitor Michael Almeida: “Achei sua idéia sobre a iluminação da ponte Aracaju/Barra muito boa, realmente a ponta ficaria muito bonita e a cidade ganharia um novo icone neste Natal, já que este ano não haverá mais árvore. Vejam todos como a nossa ponte poderia ficar na foto ao lado”.

 

 

 

 

 

Sobre segurança pública

Comentário de Luizinho Santana: “Sobre o editorial de hoje (dia 04), algo errado na segurança pública, quero expor que eu como cidadão comum e como sou bastante observador a quase tudo que me cerca, me parece que a segurança pública do nosso Estado já sabe de primeira mão o que vai sair nesta coluna, digo isso, porque ontem (dia 03/12), era notável a presença de viaturas policiais em vários pontos da nossa capital, no período noturno, não sei entretanto informar se pelo dia às mesmas também estavam nestes pontos estratégicos, não é o ideal, mas é uma ação que inibe as ações marginais, necessário se faz também ação integrada com o Juizado de Menores, vez que é grande a quantidade de menores cometendo delitos no período noturno na nossa capital”.

 

Reclamações da PM

Do leitor Edilson: “Não passa um só dia sem que seu blog receba ao menos uma mensagem de algum soldado ou oficial da PM reclamando de alguma coisa. Remuneração, carga horária, condições de trabalho, pagamento por horas-extras, uso indevido de material ou de pessoal, etc. Tudo é insatisfatório, segundo esses cotidianos missivistas. Conclui-se, por tanto e por tantas, que a PM/SE é algo parecido com o inferno, tanto para trabalhar quanto para administrar. O curioso é que, apesar do queixume “generalizado”,  não se houve falar de solicitações de “baixa” ou demissão. Cabe reflexão!”

 

Sobre a Deso

De uma leitora: “Gostaria de saber se um diretor de empresa pública pode participar ( mesmo não sendo convidado) de reuniões sindicais?  O diretor administrativo da DESO, tentou à força participar da reunião sindical no último sábado na sede do SINDISAN, tentando coagir os mesmos que ali estavam para aprovarem uma proposta feita por ele no acordo coletivo deste ano”.

 

Vazamento na Travessa Juca Barreto

E-mail recebido: “E o vazamento na caixa do hidrômetro do CASE (trav. Juca Barreto) continua sem qualquer providência de seus dirigentes. O vazamento vem ocorrendo desde o dia 01/12. No período do dia fecham o registro e ameniza o vazamento. No final da tarde abrem o registro para abastecimento daquela Unidade e aí é aquele desperdício. Um absurdo. Será que não tomarão providencias? Já basta a falta de limpeza da frente daquele órgão, até parece que não possuem nenhum serviço de asseio e conservação”.

 

Uma cidadã revoltada com o descaso da segurança pública I

De uma leitora: “Sou estudante e estou revoltada, já fui assaltada 6 vezes este ano, e olhe que o ano ainda não acabou. Não tenho mais celular, por que ainda estou pagando os 3 primeiros que me roubaram, perdi todos os meus documentos, seis bolsas, contatos profissionais… Enfim, um prejuízo e tanto, mas o que me revolta mais é que todas as vezes que sou assaltada ligo pro 190 e sempre fico esperando a viatura chegar, acontece  que as vezes que a viatura chega (geralmente muito tempo depois) o bandido já está muito longe.  O que me deixou mais revoltada foi saber, através do meu vizinho que é PM, que muitas viaturas estão nas mãos do que na PM são conhecidos como “oficiais”, por que todas as vezes que fui assaltada e que policiais chegaram, fiquei sabendo pelos próprios que foram me “socorrer” que eles só ficaram sabendo do assalto havia pouco tempo e que estavam em mais 2 ocorrências e que no PAC que eles trabalhavam só tinha 1 viatura para atender mais de 8 bairros, aí meu vizinho PM me explicou que realmente  faltam viaturas e sobram ocorrências e que a culpa não de é dos policiais que estão nas ruas, mas é porque não tem viatura o suficiente para atender as solicitações, meu vizinho me explicou novamente, que as melhores e equipadas viaturas estão a disposição desses “oficiais” e que eles levam a viatura para casa, que deixam em suas garagens”.

 

Uma cidadã revoltada com o descaso da segurança pública II

Continua a leitora:”Queria saber por que existem tantas viaturas nas mãos de tão pouca gente? Servindo muitas vezes para interesse particular. Como tenho acompanhado nesta coluna e visto pessoalmente, levar filhos na escola, esposa no shopping, em festas e até o cúmulo de levar cachorro no veterinário, enquanto nós (simples mortais) ficamos a mercê dos bandidos. Cláudio, não agüento mais ser assaltada quero poder sair de casa e ter a certeza que vou voltar.. Será que preciso pagar a mais para ter segurança extra? Será que não posso ter um celular? Para quem posso reclamar? Queremos mais viaturas na rua comandante geral! E que Deus nos proteja! Já sei o que vou pedir a papai Noel, mais segurança pública é claro. Aproveitando a oportunidade, meu vizinho disse que sua coluna faz muito sucesso entre os PMs”.

 

Frase do Dia

“O homem não é feito para a derrota. Um homem pode ser destruído mas não derrotado.” Ernest Hemingway.

 

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários