Brasil: crise não depende apenas vacina, mas da estabilidade política

0


“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

Se o leitor fizer uma leitura nas principais matérias sobre economia em todo o Brasil perceberá que a crise econômica não passará quando o pico das mortes e dos contaminados reduzir.
Os economistas e os empresários de todos os setores avaliam que a crise só terá fim quando houver uma vacina para todos. Ou seja, que alcance toda a população.

Ou seja, quando o pico passar algumas medidas atuais continuarão quando o comércio reabrir de uma vez. As medidas de prevenção e de distanciamento social ficarão no cotidiano de todos por muito tempo até aparecer a vacina.

E o pior, que embora já existam testes de vacinas em vários países, ninguém pode dizer claramente quando elas estarão à disposição de toda população mundial.

Então, a tal normalidade só aparecerá com uma vacina. Ninguém, ninguém mesmo pode apostar numa data factível. Enquanto isso, a crise continuará e o tamanho dela pode ser proporcional à demora do surgimento de uma vacina.

E o Brasil tem um fato a mais do que os outros países: um forte panorama de instabilidade política que poderá agravar e prejudicar mais ainda a retomada econômica.

Ninguém investe em um país com instabilidade política, onde semanalmente uma declaração ou ato do presidente derruba a bolsa e provoca aumento do dólar e a consequente fuga de divisas.

Ou seja, o Brasil torce para o surgimento de uma vacina, mas sabe que só ela não ajuda a resolver a crise política que promete ser profunda, com impeachment ou não.

 

 Farinha pouca, meu pirão primeiro Em tempos de coronavírus, as lives estão em moda em todo o país e a UVB não poderia deixar de aproveitar essa oportunidade para fazer o seu lobby.

Prorrogação Na semana passada, a UVB – União dos Vereadores do Brasil reuniu todos os representantes dos 26 estados para que se pronunciassem a respeito do adiamento da data das eleições marcadas para o próximo mês de outubro. Todos foram contrários ao adiamento, mas foram unânimes em querer prorrogar os atuais mandatos e que as eleições ocorram somente em 2024, ou seja, uma prorrogação de seus mandatos, não passando pelo crivo da população sobre seus mandatos em 2020. Ficou decidido na live que seria redigido um manifesto aos deputados federais uma posição favorável à prorrogação dos atuais mandatos, pois eles estavam ali graças ao apoio dos vereadores.

Lembrança Quando o então deputado federal Almeida Lima propôs a unificação das eleições, essa mesma entidade se manifestou contrária dizendo que seria um atentado à democracia.

Cidadania pediu ao MPSE que disponibilizasse a cópia da dispensa de licitação do hospital de campanha de Aracaju O Diretório do partido Cidadania, através dos advogados José Edmilson da Silva Júnior e Saulo Ismerim Medina Gomes, solicitou ao Ministério Público do Estado de Sergipe, que disponibilizasse a cópia da dispensa de licitação do hospital de campanha de Aracaju, uma vez que o prefeito entregou toda documentação ao órgão. Mas até agora não obteve resposta. A solicitação foi protocolada dia 20 de abril no e-mail da ouvidoria do MPE.

A quem interessar possa O titular deste espaço, enquanto Deus permitir e tiver forças, continuará nas lutas, algumas delas solitárias, em busca da verdade e da justiça. Já foi vitorioso em muitas, mas também em outras quem deveria investigar e fiscalizar cruzou os braços. Porém, tem a certeza que já contribuiu para moralizar muita coisa em Sergipe.

Circulando E anda circulando por todo o estado de Sergipe, nos telefones dos tios e tias de WhatsApp, a brilhante mensagem enviada por uma autoridade para outra autoridade classificando um jornalista de “pseudojornalista”. Segundo um grande figurão do judiciário, que ficou estarrecido com o linguajar chulo da autoridade, ele nunca tinha visto um comportamento tão deselegante. 

Filas nos terminais Neste período de coronavírus, a Prefeitura de Aracaju deveria colocar equipes da guarda municipal com servidores da SMTT nos terminais integrados para organizar as filas e fiscalizar o uso das máscaras. Os motoristas e cobradores de ônibus não podem e não têm essa função. Já têm um trabalho desgastante e a responsabilidade não é das empresas e sim da PMA.

Orações para recuperação de Candelária E Candelária, citada ontem, 13, pelo blog como um dos nomes que deveria ocupar a Academia Sergipana de Letras, no fim da tarde da quarta-feira teve um AVC e como consequência desmaiou ocasionando um trauma cerebral, que acometeu o lado direito do cérebro. Passou pelo centro cirúrgico do Hospital de Urgência das 21h às 6h e ontem estava na UTI para o acompanhamento da evolução do quadro, já que o trauma foi grande. A família elogiou o rápido atendimento do SAMU como também todo atendimento no Hospital de Urgência. Ela aguardava para ser transferida para o Hospital de Cirurgia.


BOMBA: Gaeco abre procedimento para apurar suposto esquema de propina em contrato da coleta de lixo em Lagarto Deu no site Xexo Sergipano: O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) abriu procedimento para apurar um suposto esquema de pagamentos de propina no município de Lagarto a partir de contratos que envolve uma empresa de coleta de lixo (veja print da instauração do procedimento ao lado matéria).De acordo com o procedimento do Ministério Público, a denúncia é sobre “lavagem de dinheiro ou ocultação de bens, direitos ou valores oriundos de corrupção, dano ao erário, enriquecimento ilícito e violação aos princípios administrativos”. É esperado que nos próximos dias o Ministério Público notifique a prefeitura de Lagarto para prestar esclarecimentos sobre a notícia de fato de supostas irregularidades da empresa Ramac Empreendimentos Ltda pelo município de Lagarto.

Itabaiana: infraestrutura em diversos bairros Uma das premissas de uma saúde pública de qualidade é infraestrutura e saneamento básico acessíveis a um número cada vez maior de moradores. E isso se comprova pelo fato de que uma população que vive em condições melhores, recorre muito menos aos serviços públicos de saúde por conta de doenças adquiridas a partir da insalubridade em que se vive. Essa situação faz toda a diferença em qualquer tempo, mas, em tempos de pandemia do novo coronavírus, ela se faz ainda mais notada.

Algumas obras No elenco de obras que estão sendo tocadas nesse momento, destaque para o esgotamento sanitário da Moita Formosa. “Um dos lugares mais esquecidos de Itabaiana. Mais de 30 anos sem uma intervenção por parte do poder público. Agora estamos vendo as coisas acontecerem”, disse Valmir. As ações se estendem até a rua São Domingos, com calçamento a paralelepípedos, e a finalização do asfaltamento de diversas ruas nas adjacências da rua 28 de Agosto, já nas proximidades do bairro Marianga.

Análise do blog Em gestões passadas, o abandono de Itabaiana começava na entrada da cidade com a estrutura abandonada do pórtico. Depois que Valmir de Francisquinho assumiu a Prefeitura, iniciou a obra e concluiu, mostrando compromisso com o dinheiro público e com os itabaianenses. Desenvolvimento de verdade, por isso reconhecimento da maioria esmagadora da população.        

São Cristóvão: efetivado contrato com Hospital Senhor dos Passos Uma boa notícia em São Cristóvão: a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), formalizou um contrato de prestação de serviços para análise dos exames laboratoriais da Urgência 24h, localizado no Eduardo Gomes, com o Hospital Nosso Senhor dos Passos. O valor médio mensal é 13 mil reais, totalizando 156 mil reais ao ano.

 Outro contrato Segundo a secretária de municipal de Saúde, Fernanda Santana, está em discussão para que seja formalizado outro contrato de prestação de serviços ou um convênio para a ampliação da oferta de exames laboratoriais a população pela regulação geral, de aproximadamente 30 mil reais por mês.  O objetivo é diminuir a dificuldade de regulação com a capital, proporcionando um maior número de exames ofertados nas Unidades de Saúde do munícipio.

 Leitos Buscando meios de enfrentamento a pandemia, a Gestão Municipal procurou o Hospital Nosso Senhor dos Passos em março para propor a contratação de 11 leitos para a população sancristovense, a serem instalados na área do Centro Cirúrgico que estava desativada. O Hospital, que pertence a gestão estadual, teve como resposta da Secretaria Estadual de Saúde (SES), ao entrar em contato, que a mesma tinha planos para a implantação de leitos no local, que serão de regulação estadual, não sendo necessária a contratação pelo município. A SMS tem planos para, a depender do cenário epidemiológico e da demanda, instalar novos leitos de observação num espaço adaptado no Centro Histórico.

 Fluxos Outro acordo já havia sido realizado no dia 17 de abril entre a SMS e o Hospital. O objetivo foi estabelecer fluxos de desospitalização dos pacientes elegíveis para tratamento em domicílio, através do programa Melhor em Casa. A coordenadora da Atenção Especializada, Ingrid Santos, destaca que essa é uma decisão para agilizar o fluxo hospitalar durante a pandemia. “Em virtude do atual cenário alinhamos que para a liberação mais rápida de leitos, pacientes hospitalizados no HMNSP com suspeita de COVID-19 serão desospitalizados e acompanhados pelo Município através da equipe do

 Centro A Prefeitura abriu o Centro de Atendimento Exclusivo a Pacientes com Síndrome Gripal na última terça-feira (12), que está localizado anexo a Urgência 24h no bairro Eduardo Gomes, com 14 leitos equipados e um investimento de mais de R$ 879 mil reais. Além disso, já haviam sido disponibilizadas duas Unidades de Referência para atendimento ao novo Coronavírus: Jairo Teixeira de Lima, localizada na Rua Félix Pereira S/N no bairro Centro; e Maria José Soares Figueiroa, localizado na Av. Marginal S/N no bairro Eduardo Gomes.

                                                                                                   

Live SOMESE O isolamento social decorrente do COVID-19 visa o controle da propagação do vírus, no entanto está gerando um aumento alarmante nos casos de violência doméstica. Nossa live do dia 16, iremos debater sobre: “Violência doméstica em meio ao COVID-19” em que contaremos com a presença do Dr. Antônio Geraldo da Silva. Amanhã, 16, às 10h pelo link:
https://instagram.com/somese?igshid=125uvyzk0n643


Live: Covid-19 na Oncologia Como manter os serviços oncológicos seguros durante a pandemia? Quais as medidas exitosas colocadas em prática ao redor do planeta? Quais os protocolos estabelecidos pela SBCO para manutenção de vias livres de Covid-19 nos serviços de oncologia? O cirurgião oncológico da Onco Hematos, Roberto Gurgel, receberá o Dr. Rodrigo N. Pinheiro (DF), titular da SBCO, mestre em oncologia e diretor da SBCO, para discutir essas dúvidas na próxima Live da Onco Hematos, que será realizada na segunda-feira, 18, às 18h. Acompanhe no instagram @oncohematosse.

 


PELO ZAP DO BLOG CLÁUDIO NUNES – (79) 99890 2018

Em casa com Maurício Pimentel voz e violão, live hoje, 15 Nesta sexta-feira, 15, os amigos do consultor e ex-secretário de Estado de Esportes e Lazer, Maurício Pimentel, que já tiveram a oportunidade de ouvi-lo cantar nas reuniões sociais, terão a oportunidade de matar a saudade em tempos de pandemia através de um live a partir das 20h no instagram: @mauricio.mpaesporte. Leia o convite postado por ele; “Apesar de todo esse grave problema que você tá passando , tenha fé ; DEUS CUIDA DE VC, nesta sexta dia 15 as 20 h teremos um tempo para agradecer a Deus e curtir uma MPB de qualidade , pois alegria e paz no coração são fundamentais para enfrentarmos esse momento que com certeza vai passar. Deus nos dará forças para reconquistar tudo de novo; você é meu convidado da Live ; TRILHA SONORA DA MINHA VIDA.”

Câncer – tipos mais frequentes – Prevenção – Dr. Cláudio Geriatra. Confira:


MISSÃO COVID-19 Se conhecerem alguém que está sem convênio e tiver com algum sintoma da COVID-19 (tosse, febre, falta de ar, dor de garganta), orientem para entrar na plataforma do Missão Covid www.missaocovid.com.br É uma plataforma de telemedicina que conecta o paciente com um grupo de médicos que se reuniu para atender gratuitamente as pessoas com os sintomas.A pessoa se cadastra e rapidamente um médico entra em contato e faz uma vídeo consulta. Atendimento gratuito. Vamos compartilhar essa iniciativa.


PELO E-MAIL E FACEBOOK

ARTIGO

Pandemia, a morte ronda Sergipe. Por Antônio Samarone

Até ontem (13/05), a Pandemia matou 294 mil pessoas no mundo. Os países mais atingidos foram EUA, com 82 mil, Reino Unido, com 33 mil e a Itália, com 31 mil mortos. O Brasil chegou a 13 mil óbitos.

Mesmo assim, tem muita gente minimizando. No Brasil, o combate a Pandemia tem oposição organizada. E não é pequena.

Os negacionistas usam os argumentos que aparecem. Ouvi de um jornalista: “todo mundo que morre, seja lá do que for, a causa é sempre o Corona. Morreu um caminhoneiro de Itabaiana, de acidente, foi sepultado como Corona. Desse jeito, disse ele!”

Tentei argumentar: você sabe quantas pessoas já morreram em Sergipe esse ano, de primeiro de janeiro até ontem, 13 de maio? Quantos desses morreram da Covid? Ele não sabia. Eu informei: Já morreram esse ano em Sergipe, 4.053 pessoas, e de Corona, 42 pessoas. Menos de um por cento.

A afirmativa que o Corona passou a ser a causa de todas os óbitos é uma grande mentira. Os dados desmentem!

Credo, ele se espantou. E morre tanta a gente assim em Sergipe? Morre! Apenas ninguém divulga, são mortes silenciosas. Só em Aracaju, são 11 sepultamentos por dia.
Já os 42 que morreram de Corona deram manchete.

No Brasil, em 2020, para os 13.266 que morreram de Corona até o dia 13/05, morreram 422.073 de outras causas. Entendeu? Ele resmungou. Mas permaneceu com a convicção que a Pandemia não existe, é inventada pela imprensa.

Os números da Pandemia de Corona são expressivos? Depende das comparações.

Entre 1918 e 1919, a Pandemia de Gripe Espanhola infectou um terço da população mundial e matou entre cinquenta milhões e cem milhões de pessoas – cerca de cinco a dez vezes o número de pessoas que morreram na Primeira Guerra Mundial.

Somente nos Estados Unidos, a Gripe Espanhola matou pelo menos 675.000 e fez a expectativa de vida cai em doze anos.

A taxa de letalidade é um indicador muito usado pela Saúde Pública, ela mede a proporção de óbitos sobre o número de casos diagnosticados. Simples, quantos morrem em cada cem doentes.

A taxa de letalidade no Brasil é 6,9%. A cada cem pessoas identificadas com a doença, 6,9 pessoas vão á óbito. Entre os Estados: Pará – 9,9%, Pernambuco – 8,2%, Amazonas – 7,3%, Ceará – 7.3%, Alagoas – 5,9%, Paraíba – 5,2%, Maranhão – 4,5%, Rio Grande do Norte – 4,4%, Bahia – 3,6% e Piauí – 3,2%.

Em Sergipe, a taxa de letalidade é 1,9%. Totalmente fora da curva. Os 42 óbitos por Corona, para os 2.268 casos até 13/05, estão sub notificados. Estão escondendo? Acho que não. É a qualidade do serviço.

Existe uma pista. De primeiro de janeiro a 13 de maio de 2019, morreram de pneumonia em Sergipe, 527 pessoas; no mesmo período de 2020, a pneumonia já matou 584 pessoas, 57 óbitos a mais, sem razões aparentes. Um parte desses óbitos por pneumonia pode ter sido por Corona, não diagnosticada. Uma suspeita a ser pesquisada.

O enfrentamento à Pandemia de Corona continua. Em pouco tempo, a ciência encontrará uma medida eficaz de combate.

A varíola devastou partes do globo, por séculos, matando cerca de um terço dos que a pegaram. A vacina, combinada com financiamento e vontade política, erradicou oficialmente a doença em 1980.

Somente em 1967, dois milhões de pessoas morreram de varíola. Foi a última grande colheita de mortos pela varíola.

A poliomielite também foi quase erradicada, embora não totalmente. Apenas trinta anos atrás, a poliomielite era comum em 125 países. Hoje, é endêmico em apenas três: Afeganistão, Nigéria e Paquistão.

Existem mais de cem vacinas contra o Coronavírus em desenvolvimento pré-clínico, mais de setenta deles estão sendo rastreados pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

A ciência tem créditos com a Saúde Pública.

NOTA PÚBLICA

Nota do Governo de Sergipe sobre Carta Aberta enviada por empresários

O Governo de Sergipe foi alvo de uma carta aberta assinada por empresários do estado e vem, por meio desta nota, fazer alguns esclarecimentos:

Não é verdade que não existe um plano estruturado para combater a Covid-19 que proteja a saúde das pessoas. Esse plano existe e teve construção antes mesmo do registro de primeiro caso no estado, prova é a ampliação de novos leitos de UTI e de enfermaria, dos protocolos e da regulação que foram implementados para atender os casos provenientes do coronavírus.

Não é verdade que o isolamento social não tem surtido efeito. Caso as medidas de isolamento não fossem tomadas pelo Governo do Estado no início da pandemia, Sergipe estaria com números de infectados e hospitalizados muito mais alarmantes do que os atuais.

Não é verdade que não houve diálogo com os representantes do setor produtivo, mas a reivindicação apresentada ao governador na ocasião foi de uma isenção de ICMS que causaria um prejuízo aos cofres públicos de quase R$ 900 milhões, ou seja, algo impensável para um governo que precisa honrar seus compromissos com servidores públicos, fornecedores, repasse para os Poderes e para os 75 municípios, entre outras responsabilidades.

Com relação aos respiradores que eles alegam que compraram, pelo que consta, ainda não chegaram em Sergipe, e nem um será disponibilizado para o sistema de saúde do Governo do Estado ou de Prefeituras, mas para os Hospitais Cirurgia e Universitário, porém temos certeza que irão ajudar o sistema de saúde como um todo.

O que a carta aberta dos empresários chama de recuo de abertura de alguns setores sem justificativa técnica, por parte do Governo do Estado, aconteceu exatamente o contrário.

O Governo, de forma responsável, estava preparando uma abertura ainda maior contendo outras atividades, além das que já estão abertas atualmente, mas devido à orientação dada por cientistas da Universidade Federal de Sergipe, técnicos da Secretaria de Estado da Saúde, e cientistas de renome internacional, o governador decidiu, por bem, acatar a orientação da ciência, algo que ele vem fazendo desde o início dessa crise. O governador sempre disse que caso fosse preciso recuar nas medidas para preservar vidas, faria sem problemas.

Desde o início da pandemia, o Governo do Estado vem realizando estudos para permitir que uma série de setores estejam com suas portas abertas nas diversas áreas, a exemplo de lojas de produtos essenciais (supermercados, atacadistas, farmácias, açougues, postos de gasolina), lojas específicas em ruas (óticas, oficinas, material de construção, auto peças), hotéis, pousadas, escritórios de contabilidade e advocacia, construção civil, indústria, atividades agrícolas, incluindo as feiras para dar escoamento à produção rural, entre outras atividades, que foram amplamente divulgadas.

Com relação a ações concretas para ajudar empresas, que a carta dos empresários alega que não existem, o Governo do Estado ressalta que além de uma série de adequações de ordem tributária que facilitaram a vida das empresas, o Governo intermediou junto ao Banese, linhas de crédito em condições especiais de prazos e taxas de juros, em valores que chegam a R$ 500 milhões para capital de giro e investimentos.

O Governo do Estado informa que todo o setor de Desenvolvimento Econômico da administração pública estadual é comandado por representante do setor produtivo que indicou o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico, e os presidentes e corpo técnico de empresas coligadas, a exemplo da Codise, Sergipetec.

Por fim, o Governo do Estado informa que trabalha com responsabilidade, confia na competência do setor de saúde e reafirma a existência do plano para combater a Covid-19 em Sergipe. Além disso, repudia a forma como a carta coloca essa questão como se houvesse irresponsabilidade e incompetência nessa gestão.

Com relação à retomada e abertura das diversas atividades econômicas em nosso estado, o Governo do Estado possui uma estratégia, mas entende que neste momento de crescimento da curva de novos casos de contaminação e óbitos, não é adequado sua divulgação e lançamento.

 

NOTA É DE SERGIPE 

 



NOTA DE ESCLARECIMENTO

Pedido de Resposta – Armando Batalha

Através de nota pública o ex-pré candidato a prefeito de São Cristóvão, Armando Batalha, pede direito de resposta ao jornalista Cláudio Nunes, que em sua coluna publicada na última segunda-feira, 11, apresentou acusações sobre a postura do líder político que não condizem com a sua forma de pensar e fazer política. Confira a nota:

“Para mim é inadmissível que um espaço destinado a comunicar seja utilizado para confundir o povo. Através desta carta aberta, quero afirmar que as acusações direcionadas a mim na publicação, onde o jornalista cita meu nome como se eu estivesse utilizando de um momento de grande comoção mundial, provocada pelo Coronavírus para descredibilizar o atual gestor do município são infundadas, pois nenhuma delas se enquadra como Fake News. As informações lançadas por mim, através de minha assessoria de comunicação, durante a minha pré-campanha foram calçadas por provas e documentos.

Outro detalhe importante é que inúmeras vezes convidei o atual prefeito para um debate público, para que todas as acusações fossem esclarecidas, porém todos os meus convites foram negados, ou seja, quem tem condição de fazer um convite desse calibre, pode estar distribuindo Fake News?

E mesmo tendo suspendido minha pré-candidatura, para evitar dúvidas e estratégias no intuito de confundir o eleitor, por parte dos adversários políticos, eu, enquanto líder político, mantenho o convite, e caso seja de interesse do prefeito irei debater perante a população e do veículo de comunicação que ficar definido para deixar claro para população de São Cristóvão quem de fato está prestando informações verídicas, ou falsas notícias. Afinal não é segredo para nenhum morador de são Cristóvão as campanhas de marketing milionárias pagas por Marcos Santana, para ludibriar o povo.

Quem trilha o caminho da verdade não teme o confronto, meu objetivo é trazer para o conhecimento da população de São Cristóvão a realidade dessa gestão, através da apresentação dos fatos calçados pela verdade, pois já cansei de ver o quanto os cidadãos vem sofrendo e sendo enganados por esse prefeito que não gosta do povo”.

Armando Batalha.



TV ATALAIA completa 45 anos de amor a Sergipe

12 de maio 2020 – Pioneirismo e tradição são palavras que marcam a história da TV Atalaia. Hoje, a mais sergipana das emissoras de televisão de Sergipe, pertencente ao Sistema Atalaia de Comunicação, completa 45 anos no ar. Afiliada da Record TV há quase duas décadas, o Canal 8.1 digital registra mais um ano de vida em 2020 celebrando uma forte programação local de conteúdos multicanais, às vésperas de outro marco histórico: a estreia do seu estúdio web e do parque tecnológico de energia solar, dois projetos sustentáveis e que colocam a TV dos sergipanos, como empresa de produção conteúdos vanguardista em seu Estado.

“Buscamos estar sempre à frente nos quesitos tecnológicos e no que envolve a aproximação com o telespectador do nosso Estado, fortalecidos ainda mais com o nosso slogan que é “A TV dos Sergipanos”, reforça Carlos Eduardo Marques, Diretor de Projetos MultiPlataforma do Sistema Atalaia de Comunicação. E é junto aos telespectadores que a TV Atalaia quer comemorar esta nova fase. A partir de hoje, o público vai acompanhar durante a programação até o próximo domingo, mensagens especiais de aniversário gravadas pelo casting da Record. Rodrigo Faro, Ticiane Pinheiro e Renata Alves – que apresentou o famoso Prêmio Grandes Marcas da TV Atalaia, em parceria com o Ibope Intelligence em outubro de 2018 – vão celebrar com o público sergipano.

Além dos artistas nacionais, outras afiliadas da Record também vão parabenizar o Canal 8 pelos seus 45 anos. Comunicadores de emissoras como TV Vitória, Record Rio, TV Pajuçara também vão deixar suas mensagens ao canal sergipano, reforçando o espírito de integração e a importância da TV Atalaia como uma das principais emissoras do Nordeste.
Junto às mensagens comemorativas, também será lançada a Campanha Sergipe Minha Terra Meu Amor idealizada pelo publicitário Valfran Soares como prova de amor da emissora a Sergipe. Todos os apresentadores da TV Atalaia estão engajados nessa campanha. “Estamos totalmente envolvidos com esse projeto que retrata a Sergipanidade que a TV Atalaia sempre abraçou. E buscamos, com o nosso casting e produção contínua e diária de jornalismo e entretenimento, apontar para os telespectadores, sobre esta mais sergipana do que nunca do nosso Sistema”, explica Carlos Eduardo Marques, Diretor de Projetos Multiplataforma.

É através desta qualidade de som e imagem aliada à forte programação local que a TV Atalaia reafirma o seu lugar na história da televisão brasileira em 2020. É o que explica Eduardo do Vale, diretor de Jornalismo da TV Atalaia: “A televisão no Brasil tem um papel diferente de qualquer lugar do mundo. É o maior meio de propagação de cidadania, quando faz um jornalismo de qualidade, e também de uma capilaridade, do ponto de vista do entretenimento, que gera uma intimidade com o povo brasileiro. A TV Atalaia cumpre exatamente essas duas tarefas: promove uma reflexão profunda através de seu jornalismo, junto ao entretenimento que se diferencia desde a sua raiz até agora porque mantém a cultura de Sergipe que é muito forte”.

Com uma história de 45 anos aliados ao poder de inovação, o canal digital 8.1 pretende acompanhar o seu público, de mãos dadas, para esse marco na TV Sergipana, que será a retomada da audiência com o propagação das fake news nas redes sociais. “Nós unimos a credibilidade da TV Atalaia com o melhor do que há em tecnologia. Somos a companheira e a grande cúmplice do povo sergipano do ponto de vista de distribuição do audiovisual e da notícia como ela tem que ser dada. Doa a quem doer.”, afirma Eduardo do Vale.


PELO TWITTER

www.twitter.com/delucca Não está entendendo o que está acontecendo no país? Pronto, agora você vai entender.


www.twitter.com/frednavarro Bolsonaro na campanha se comprometeu a: 1) não disputar a reeleição; 2) divulgar os gastos do cartão corporativo; 3) não negociar cargos com os partidos. A tal “verdade vos libertará” é conversa pra boi dormir.

www.twitter.com/Paulocostaneto6 Odorico Paraguaçu levou um tiro de Zeca diabo( de mentirinha) depois foi a delegacia prestar queixa. Como a delegada, Donana Medrado,não prendia Zeca diabo.Odorico ligava pro governador pra trocar a delegada. Qualquer semelhança é mera coincidência.

www.twitter.com/BlogClaudioNun ALERTA GERAL – Quem tem negócios com “hospitais de campanha” que se cuide. A Polícia Federal está na cola dos contraventores.


www.twitter.com/rosana Parabéns a você.




Siga Blog Cláudio Nunes:                     

Instragram

 Facebook

 Twitter


Frase do Dia
“Em tempo de paz convém ao homem serenidade e humildade; mas quando estoura a guerra deve agir como um tigre!” William Shakespeare.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários