Brasília – Agitação noturna, civismo e poder

0

Uma discussão vem acalentando o ambiente científico brasiliense: transformar o canteiro central da avenida da Explanada dos Ministérios em uma praça arquitetada por ninguém mais que Oscar Niemeyer, porém, o movimento cultural brasiliense afirma que a construção da nova praça irá mexer no traçado original da cidade. Controvérsias à parte, Brasília mantém seu charme de cidade projetada, funcional e vem desenvolvendo um grande potencial turístico para receber bem a quem ela escolhe para visitar ou até mesmo unir trabalho e lazer.

 

Um roteiro de três dias é o suficiente para conhecer os principais monumentos e um pouco da vida do brasiliense. Bons restaurantes, vida noturna e monumentos, além do turismo cívico. Brasília tem grandes pontos a serem desbravados.

 

Sem sombra de dúvida, o turista deve começar pelo Plano Piloto, onde se concentram os principais monumentos e edifícios públicos projetados por Niemeyer.  De um lado, a Asa Norte, do outro, a Asa Sul, ao centro, o Eixão, onde foram projetadas avenidas e a rodoviária da cidade, além do Centro de Diversão Norte e do Centro de Diversão Sul, hoje um shopping popular decadente, mas ainda vale a pena visitar com um olhar do que foi em tempos de outrora.

 

A dica é conhecer os monumentos da avenida da Explanada dos Ministérios a pé, a começar pela Biblioteca Nacional e o Museo Nacional com sua cúpula redonda que se parece com um disco voador cortado por uma longa rampa. Continue percorrendo até chegar a Catedral Metropolitana – um marco religioso também projetada por Niemeyer e inaugurada em 1967. Sua sinuosidade perfeita provoca uma acústica sem igual. A nave principal fica abaixo do nível do solo e recebe iluminação natural através de seu “teto” de vitrais coloridos. As estátuas de anjos suspensos completam a imponência da catedral. Abre das 8 às 18h.

 

Não percam de vista os prédios onde abrigam os ministérios, muitos deles, hoje passando por reformas. Se for no final de semana, poderá encontrar alguns aventureiros pilotando asa-delta, pequenos ultraleves e balões que sobrevoam o céu dos Ministérios. Se tiver coragem o passeio está garantido.

 

Espelhos D’água –Ainda no Plano Piloto, pode-se conferir o Palácio do Itamaraty. O jardim do Congresso Nacional e seus espelhos d’água também são atrações a parte. Dizem os guias que a cidade tem muitos espelhos d’águas para aliviar a falta de umidade e o calor. Pode-se participar das visitas guiadas ao Congresso, que ocorrem de hora em hora, tanto da Câmara quanto do Senado.

 

Há também visitas guiadas aos domingos ao Palácio do Planalto. O setor de Relações Públicas da Presidente acompanha o visitante até os salões dos Espelhos, o Oval, o Leste, além da sala do presidente, onde vasos chineses foram trocados por artesanato nordestino. A troca da guarda acontece a cada 2 horas. Na frente do Palácio fica a Praça dos Três Poderes, onde abriga órgãos federais, museus e monumentos. Na praça central está a Bandeira Nacional, que com 286 metros quadrados é sustentada por um mastro de 100 metros de altura e é trocada em solenidade todo primeiro domingo de cada mês.

 

Ir a Brasília é não conhecer esses prédios públicos e monumentos é como ir a Paris e não ver a Torre Eifel. Há outros prédios como o Panteão da Pátria Tancredo Neves, que contem um painel sobre a Inconfidência Mineira pintado por João Câmara e homenageia os heróis da Pátria; o Supremo Tribunal Federal; a sede do Poder Judiciário todos eles oferecendo também visitas guiadas.

 

Eixo Monumental – No segundo dia de passeio, pode-se conhecer o Memorial JK, local onde está enterrado o ex-presidente Juscelino Kubitschek. O visitante irá fazer uma viagem pela história, ver fotos e documentos sobre a construção da cidade e a vida pessoal do ex-presidente.Logo depois, a pedida é ir a Torre de Televisão, um mirante com 75 metros de altura, com vista do Plano Piloto.

 

No turno da tarde a visita será ao Palácio da Alvorada, residência oficial do Presidente da República. Diariamente ocorre o hasteamento da Bandeira às 10h e o arriamento às 18h. A visitação é apenas externa. Fica no Lago Norte. 

 

Outra construção bem mais nova, inaugurada em 2002, porém que chama atenção é a ponte JK sobre o lago Paranoá. Passando pela ponte no sentido Lago Sul, o visitante conhecerá a ala nobre da cidade, cheio de mansões e hotéis. Chega-se ao Pontão do Lago Sul, onde foi construído um atracadouro e diversos bares e restaurantes. Observe a competição dos barcos luxuosos. São vários restaurantes e bares onde a vida noturna acontece.

 

O trânsito da cidade é bem congestionado nos dias de semana. A dica é relaxar e curtir a noite brasiliense. A cidade oferece muitas opções em bares que agradam todos os tipos de gostos e estilos, desde um divertido happy-hour à uma agradável noite em companhia de amigos ou aquela pessoa especial. Vá aos bares do Portal Lago Sul.

 

Depois de unir o monumental e cultural, o dia de deixar à capital Patrimônio Histórico e Cultural da Humanidade chegou. Programe a nova temporada de férias para o próximo ano, afinal, além de ser um marco arquitetônico do país, a capital reserva uma cidade viva e única. Vale à pena retornar!

 

Dicas de viagem

 

Para quem gosta de turismo de aventura, no entorno da cidade e nas cidades satélites há varias cachoeiras, corredeiras e trilhas. A dica é a cachoeira do Poço Azul, Mumunhas, o Salto do Tororó, a Cachoeira da Alminha, a Cachoeira de Salto do Corumbá e a Cachoeira e Gruta do Rio do Sal;

 

É utopia dizer que “Brasília é somente para quem tem négocios”. A capital lhe reserva bons restaurantes e há bares para todos os gostos. Nos hotéis há diversos panfletos turísticos;

 

Consulte os horários de vistas dos prédios públicos:

Palácio do Itamaraty – (61) 3411-6640

Congresso Nacional – Câmara: (61) 3318-5107, Senado: (61) 3311-3343

Palácio do Planalto – (61) 3411-2317

Memorial JK – (61) 3225-9451

Torre de TV – (61) 3363-4360

 

 

 

Na Bagagem

 

A TAM Viagens está com promoções imperdíveis em passagens aéreas + hotel nos dias 14,15,16 e 17 de março. Corra que só são quatros dias. Em Aracaju a TAM Viagens fica na Av. Barão de Maruim, 138, esquina com a Praça Camerindo;

 

Brasileiros que quiserem fazer turismo no Reino Unido não vão precisar se preocupar em tirar um visto de entrada. O governo britânico concluiu sua primeira revisão global para exigência de visto – que havia incluído o Brasil numa lista “negra” divulgada em julho de 2008. Depois da conclusão, acabou mantendo a dispensa de visto para os visitantes brasileiros;

  

A crise mundial e a oscilação do câmbio têm mudado o rumo do turismo nacional. Nos últimos quatro meses, a procura por pacotes turísticos internacionais caiu 30%;

 

Em contrapartida, as vendas por pacotes nacionais tem aumentado substancialmente nos primeiros meses de 2009;

 

No verão de 2009 as praias do nordeste continuam sendo os principais roteiros do país. A liderança continua sendo Porto Seguro (BA), seguindo de Salvador (BA) e, por ordem, Natal (RN), Fortaleza (CE), Maceió (AL) e Porto de Galinhas (PE);

 

Agências de turismo em Aracaju já estão vendendo pacotes de viagem para o Grande Prêmio do Brasil de Fórmula I. O evento acontece em Iterlagos (SP), no período de 16 a 19 de outubro. A oportunidade de comprar com antecedência é dividir em seis vezes, sem juros.

 

 

 

Passaporte

 

Paris antiga a pé – Quarta parte

 

Partindo da Ilê de la Cité seguiremos no sentido da esquerda do rio Sena e chegaremos ao bairro Latino, ou Quartier Latin. A dica é seguir pelo charmoso Boulevard Saint Michel. A cada rua e avenida se ouve histórias do movimento estudantil e sinais de mais de 800 anos de história. Percorra a avenida observando as vitrines, os cafés, as livrarias e logo-logo estará na praça da Sorbonne. Mais a seguir, na Place de St. Michel, placas de mármore homenageiam estudantes que morreram em 1944 lutando contra nazistas.

 

Cafés, livrarias, lojas e casas noturnas apresentam-se aos turistas neste boulevard. Mais adiante se chega ao Jardim de Luxembourg, já no bairro do mesmo nome. Antes de conhecer os jardins, percorra a Rue Soufflot e visite o Panthéon,  monumentos inspirado no romano. Na próxima semana visitaremos o bairro de Luxembourg.

Fotos: Silvio Oliveira

Comentários