Café Pequeno – Adeus Natal iluminado…

0

Feliz Natal e and happy new year-Foto Ana Libório
Há pelo menos dez anos, mesmo sem morar nas praias Formosa ou Treze de Julho, avisto da janela de casa a “maior árvore de natal do mundo” iluminando o Bico do Pato e as nossas vidas.

E eu, daqui da longínqua Hermes Fontes, sempre tive o privilégio de ter os meses de dezembro e janeiro iluminados. Não precisava nem montar árvore de natal.

Mas a cidade foi crescendo, para cima, e a cada ano um pedacinho da minha árvore foi sumindo… Até que esse ano ficamos, apenas, com a pontinha dela a iluminar nosso Natal e uma péssima notícia.

 Explico: o Plano Diretor que, após a revisão participativa realizada em 2005 na FAPESE pela SEPLAN-PMA, reaparece com a manchete: Aracaju terá 30 andares.

E aí eu me pergunto em quais gavetas a revisão do Plano Diretor dormiu nesses cinco anos para acordar assim, tão diferente?

E se ele ainda não foi votado de onde vem a notícia, já como fato?

E as aspirações por uma cidade mais humana e sustentável onde ficam?

Será que precisamos verticalizar tanto a ponto de concorrer com a árvore de natal mais alta do mundo?

Bom perguntar não ofende e não custa nada estar atento, afinal esse assunto nos interessa de perto.

Em relação ao tamanho da árvore essa estória de altura é pura bobagem o que importa é que continue sempre linda e a abrilhantar os natais de Aracaju.

Quanto ao meu Natal iluminado acho que vou precisar mudar de apartamento!

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários