Caminhos do populista ao estadista

0

 

 

  O leitor que acompanha este espaço diariamente sabe que nos últimos dias a cobrança por ações efetivas na segurança pública é uma tônica. São cobranças de quem vive o dia a dia das ruas. Já sobre o conflito entre a PM e o governo do Estado este espaço há mais de um mês vem defendendo o diálogo permanente para que se chegue a um consenso.

 

 Este espaço já analisou por várias vezes o que sente a população, na questão da falta de segurança e dos próprios policiais militares nas suas reivindicações. Após a reunião realizada ontem, 15, entre vários secretários e as lideranças da PM, este espaço entende que chegou o momento de analisar para o leitor o lado do governador. E este espaço tem credibilidade para isso. Ontem, 15, o secretário Clóvis Barbosa participou da reunião e disse que falava em nome do governador. As lideranças da PM saíram otimistas e hoje a possibilidade de um acordo é real.

 

Como bem escreveu Francis Bacon, “não é tão fácil como se pensa transmitir o conceito da mente de um homem para a de outro sem perda ou erro, especialmente em se tratando de noções novas e diferentes daquelas estabelecidas”. Ou seja, é preciso analisar também a visão do governador por um ângulo diferente.

 

Do ponto de vista eleitoral, em meio a seca que afeta duramente o sertão, a falta de água e o conflito com a PM, seria bem melhor para o governador fazer promessas mil e adotar o estilo populista, onde a história é feita pelos “chefes”, as “grandes personalidades”, os “heróis”, que as massas seguem cegamente. A história está cheia de populistas que no decorrer do tempo mostraram que são iguais ou até piores, aos grandes ditadores.

 

Já o estadista é um político que tem uma visão ampla e não sacrifica nada – no caso o Estado – ou ninguém em detrimento da maioria da população. Com certeza, o governador hoje tem a convicção que está seguindo o caminho contrário ao populismo, mesmo que este possa deixar feridas profundas que podem chegar a campanha de 2010 ainda com cicatrizes. Por outro lado ele sabe que tem um momento que um líder político tem que escolher o caminho de ser populista ou estadista. No último caso é preciso não só visão, mas uma coragem e determinação em defesa de um Estado ou Nação.

 

O estadista sabe distinguir corretamente a diferença de possibilidade e realidade. A possibilidade formal, abstrata mostra que “tudo é possível”, já que não se baseia em condições concretas, reais que tornem necessária a sua transformação em realidade. Já o populista não importa distinguir claramente a possibilidade da realidade. Importa resolver a situação e cair “nos braços da massa”.

 

O estadista não vai ao vento da possibilidade formal, mas sim da possibilidade real, que é aquela, que objetivamente, pode ser realizada em condições bem determinadas. Ou seja, torna-se realidade. Pode ser que algum leitor não entenda essa análise, mas a concepção de um estadista deve ser bem maior do que seus interesses eleitorais.

 

É uma análise fria, para que o leitor tire suas conclusões, que não deseja ser a verdade absoluta ou muito menos a verdade concreta. É apenas uma reflexão de quem não entende nada de política, para mostrar que o governador está consciente que está seguindo o caminho mais realista possível sem usar de artifícios demagógicos e populistas.

 

 

Apoio da iniciativa privada para shows

Em tempo de crise os prefeitos precisam ter criatividade para realizar seus eventos sem gastar recursos das prefeituras. Várias empresas, como Maratá, Petrobras e Banese já vêm apoiando alguns eventos. É preciso que outras indústrias que receberam incentivos fiscais para se instalarem no Estado também ajudem. Por exemplo, alguém já viu o grupo Mabel patrocinar algum evento no Estado? Mas na terra do deputado Sandro Mabel…

 

Aumento Militares de Sergipe

A valorização dos servidores da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros têm sido uma prioridade para o Governo de Sergipe. Ao longo dos dois anos de administração foram investidos mais de R$ 31 milhões para corrigir distorções salariais da tropa, gerando aumento nos vencimentos do soldado ao coronel que vão de 48,58% a 69,24%, índices que chegam a ser seis vezes superiores à inflação desse período, que foi de 11,15% segundo dados do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).Em 2007, em seu primeiro ano de mandato, o governador Marcelo Déda destinou cerca de R$ 8 milhões para corrigir distorções salariais para a corporação. No ano seguinte, foram aplicados mais R$ 23 milhões, numa ação que, além de elevar o valor dos vencimentos, retificou incongruências no escalonamento salarial da tropa gerados pelo governo anterior. O último reajuste, concedido em janeiro exclusivamente aos servidores militares do Estado, foi de 10%.

 

Continuidade da valorização

Segundo levantamentos feitos no início de 2007 pelas secretarias de Estado da Segurança Pública (SSP), de Administração (Sead) e de Fazenda (Sefaz), havia casos em que um cabo tinha dez triênios e superava o salário final de um sargento com somente seis triênios, enquanto recrutas em treinamento ganhavam mais que um militar mais experiente, dentro do mesmo quadro. A inquietação justa dos servidores foi acatada de imediato pelo Governo de Sergipe, pois a remuneração na Polícia Militar e no Corpo de Bombeiros estava aquém do que todos mereciam. “A idéia é continuar essa valorização, dentro das possibilidades orçamentárias do Estado, mas não só em salários, como também com melhoria das condições de trabalho”, ratificou o governador.

 

Gratificação por atividade

Pontos importantes como a criação da Gratificação por Atividade em Eventos (Grae) e o efetivo pagamento desse direito aos militares empregados em escalas extra; a aquisição de armamentos, fardamentos, equipamentos, mobiliário e frota, e a reforma e construção de novas unidades são provas desse interesse. “Outro exemplo é o investimento em tecnologia, com a criação do Ciosp 190. Isso tudo soma mais de R$ 38 milhões em investimentos nesses dois anos”, reforçou Marcelo Déda.

 

Transporte em Lagarto

Na semana passada este espaço divulgou o resultado da licitação do transporte da Prefeitura de Lagarto, para a área de educação, onde venceu a empresa Vitória. A licitação foi feita em tempo recorde e uma das empresas que perdeu iria questionar o resultado, mas “de repente” resolveu não entrar com o mandado de segurança. Não é que ontem, 15, foi divulgado o resultado de outra licitação de transporte, desta vez para a área da saúde e quem venceu? A mesma empresa que ameaçou entrar com um mandado na licitação anterior. Esse caso vai longe…

 

Promoção da Igualdade Racial

Com o apoio do Governo do Estado, no dia 19 de maio será realizada a 2ª Conferência Estadual de Promoção da Igualdade Racial, antecedendo a Conferência Nacional, que ocorrerá de 25 a 28 de junho em Brasília. A validação da Conferência Estadual se deu durante reunião realizada no Palácio dos Despachos, na tarde de ontem, 15, entre o secretário-chefe da Casa Civil, Oliveira Júnior, o secretário de Estado do Trabalho, da Juventude e da Promoção da Igualdade Social, José Sobral, e coordenadores das Conferências Estadual e Nacional de Promoção da Igualdade Racial.

 

Mudanças na PMA

O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, anunciou na quarta-feira, 15, mudanças no secretariado. A vereadora Karla Trindade (PCdoB) se licenciará da Câmara Municipal para assumir a Secretaria de Governo.  Lucivanda Nunes deixa a Chefia de Gabinete do prefeito e fica à frente da Secretaria Municipal de Controle Interno e, em seu lugar, assume Bosco Rolemberg, que deixa a Secretaria Municipal de Governo.

 

Votação

Durante o anúncio das mudanças no secretariado, o prefeito Edvaldo Nogueira agradeceu aos 14 vereadores que aprovaram o aumento salarial de 1% para os servidores municipais. “Foi uma posição de solidariedade, maturidade e de compreensão do momento de crise econômica. A cidade de Aracaju vai reconhecer o esse esforço que estamos passando para, mais à frente, com determinação, honradez e dedicação, alcançarmos benefícios maiores”, disse o prefeito.

 

Prioridade

Sobre o aumento de 1%, o prefeito Edvaldo Nogueira disse: “Tenho que me preocupar com os servidores municipais e também com os habitantes de Aracaju. Não posso conceder um reajuste muito alto para a nossa realidade atual e deixar faltar remédios nos postos, recolhimento de lixo, falta de livros nas escolas, entre outros cuidados com a cidade. De cada R$ 100 que entra no cofre da prefeitura, R$ 51 é para pagar aos servidores e R$ 49 é para beneficiar uma população de 520 mil pessoas”, revelou o prefeito.

 

20 engenheiros no TC?

O blog recebeu a informação de que o Tribunal de Contas tem cerca de 20 engenheiros lotados naquele órgão. Será que todos trabalham fiscalizando obras? Será que todos sabem onde estão lotado?

 

Pesquisa I

Em pronunciamento na tarde de ontem, 15, o deputado federal Jackson Barreto (PMDB), destacou pesquisa recente feita em Sergipe, mas precisamente em oito municípios do agreste sergipano, onde a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, registra uma grande vantagem contra o pré-candidato do PSDB a presidente da República, governador de São Paulo, José Serra. Segundo o deputado, dos oito municípios pesquisados, em apenas um, a ministra perde com diferença de um ponto percentual, empata em outro e ganha nos demais municípios.

 

Pesquisa II

De acordo com a pesquisa, no município de Canindé do São Francisco, José Serra aparece com 18,9%, e Dilma Rousseff, após o apoio do presidente Lula, tem 51,1%; em Nossa Senhora da Glória, José Serra está com 42,5%, Dilma Rousseff, com 41,3%; em Monte Alegre, José Serra está com 25%, Dilma Rousseff com 53,3%; em Nossa Senhora Aparecida, José Serra está com 35,2%, Dilma Rousseff com 44,4%; em São Miguel do Aleixo, José Serra está 19,8%, Dilma Rousseff, com 55,4%, em Ribeirópolis, José Serra está com 32,4%, Dilma Rousseff com 39,8%; e no Município de Poço Redondo, Dilma Rousseff perde por 4 pontos.

 

Bodega e dinheiro público

O prefeito de Poço Redondo, frei Enoque, ainda vive no passado, pensando que emprestar dinheiro pelo Estado é o mesmo do que chegar na bodega da esquina e pendurar a conta. Só para se ter uma idéia dos financiamentos liberados no sertão pelo Banese, cerca de 80% foram através do Fundo de Aval, porque os beneficiados tinham problemas com outras instituições financeiras. Todo mundo sabe que é difícil contrair empréstimo numa instituição financeira quando se deve a outra.

 

Feira da Indústria é apresentada

 Empresários, dirigentes de instituições de Ciência e Tecnologia e  representantes de indústrias sergipanas conheceram o projeto para realização  da Feira da Indústria e Inovação Tecnológica (Fitec) durante almoço  realizado na Federação da Indústria de Sergipe nesta ontem,  15. O evento é uma iniciativa da FIES e governo do Estado, através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia (Sedetec), e  acontece entre os dias 27 e 30 de maio no Centro de Convenções sob a coordenação da Êxito Eventos. A idéia é criar meios para promover um maior intercâmbio entre as empresas sergipanas, a divulgação dos produtos fabricados no Estado, além de proporcionar uma maior aproximação entre a indústria de Sergipe e as instituições de Ciência, Tecnologia e Inovação.

 

Importância para economia local

Na oportunidade o presidente da FIES, Eduardo Prado, destacou a importância da realização da feira para a economia local, diante do cenário de crise. “É em momentos de crise como o que vivemos agora que surgem as melhores idéia se nada melhor do que eventos desse porte para os melhores possam se destacar no mercado, já que no mundo globalizado como esse só quem é competente terá vez”, afirmou antes de passar a palavra para o secretário Jorge Santana, que após uma breve explanação sobre os índices da indústria sergipana, enfatizou a relevância do evento para o governo do Estado.

 

Vitrine para a indústria

 “Não se trata de mais uma feira e sim de um evento de grande relevância em um momento oportuno, como resposta para a crise econômica tão propagada. Vários estados já organizam esse tipo de evento que se configura como uma  ótima oportunidade de consolidar ainda mais o papel da indústria sergipana  na economia local”, ressaltou Jorge Santana que ao apresentar o quadro  demonstrativo de projetos industriais incentivados pelo governo também pôde  destacar a diversidade do perfil industrial de Sergipe. “A Fitec será uma  grande vitrine para a indústria do Estado e servirá para incentivar a  sociedade a consumir cada vez mais os produtos locais”, disse ao destacar que a feira será aberta à visitação pública.

 

Juíza do Trabalho lança livro hoje, 16

O estudo do Direito Constitucional do Trabalho é muito importante na sociedade atual, visível nos atuais tempos de crise econômica, uma vez que as normas de proteção ao trabalhador constantes da Constituição Federal podem formar os “direitos fundamentais do trabalhador”. Com uma abordagem bem clara e objetiva, este é o tema do livro “Curso de Direito Constitucional do Trabalho: Uma abordagem à luz dos direitos fundamentais”, da professora da Universidade Federal de Sergipe, Flávia Moreira Guimarães Pessoa, que será lançado hoje, 16 de abril, às 18h30, na Rua Celso Oliva, 484. O livro é fruto da tese de doutorado da autora, que foi defendida junto à Universidade Federal da Bahia.

 

Mostra de Cinema Francês no Cinemark Jardins

A semana passada, o projeto Cine Cult deu o ponta pé inicial para as comemorações do ano da França no Brasil com uma mostra de Cinema Francês composta somente por diretores em início de carreira. A celebração a uma das cinematografias mais tradicionais do mundo prossegue até o dia 30 de Abril, quando a Mostra encerra, tendo oferecido a oportunidade necessária para que seis diretores estreantes apresentassem ao cinéfilo local o talento de uma nova geração de artistas da sétima arte.

 

Apoio institucional

A partir desta sexta-feira, em duas sessões diárias, realizadas com o apoio institucional da Embaixada da França no Brasil e Governo do Estado de Sergipe, serão exibidos os filmes “Nas cordas” (Dans les cordes; França, 2007), de Magaly Richard-Serrano; e 7 anos (7 ans; França, 2007), de Jean-Pascal Hattu. Maiores informações no blog do Cine Cult: http://cinevideoeducacao.wordpress.com

 

MPE: TRE mantém multa aplicada a Almeida Lima

O pleno do Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe manteve a multa aplicada ao senador Almeida Lima por propaganda eleitoral antecipada, quando da inauguração da sede do PMDB em Aracaju, no dia 15 de maio de 2008. Na época, o senador foi representado pelo promotor Eleitoral Marcílio de Siqueira Pinto e condenado ao pagamento de multa de 50 mil reais pela juíza Patrícia de Almeida Menezes. O Ministério Público Eleitoral alegou que o evento, na verdade, constituiu-se no lançamento público da candidatura de Almeida Lima à prefeitura municipal de Aracaju. A suposta inauguração contou com a animação da banda Psirico e contando com a presença do presidente do Senado Garibaldi Alves.

 

Recurso perdido

O senador Almeida Lima recorreu ao TRE, mas perdeu por quatro votos a dois. A maioria dos juízes seguiu o entendimento do juiz relator Gilson Félix, que mantinha a multa, reduzindo-a para 20 mil reais. O procurador Regional Eleitoral Paulo Gustavo Guedes Fontes defendeu na sessão a manutenção da multa, alegando que a lei eleitoral foi ofendida de duas formas, tanto porque na época a propaganda não era ainda permitida, como por ter sido realizado um verdadeiro “showmício”, também vedado pela legislação desde 2006.

 

ILBJ busca novas parcerias

Sempre preocupado em levar oportunidades para os seus alunos, o Instituto Luciano Barreto Júnior – ILBJ (Responsabilidade Social Celi) está buscando novos meios de encaminhamento para estágios. Uma das possibilidades em negociação é uma possível parceria com o Banco do Estado de Sergipe (BANESE) que inicialmente, segundo a Gerente Izabela Teixeira, mostrou-se bastante receptivo para envolver os jovens do ILBJ em suas seleções. O objetivo do Instituto é divulgar, entre os seus alunos, as melhores formas de aprendizado no mercado de trabalho, fazendo com que possam adquirir conhecimentos através da vivência no meio profissional.

 

CTB Sergipe  realiza encontro estadual da juventude 

A CTB-SE realizará entre os dias 17 e 18 de abril o I Encontro Estadual da Juventude Trabalhadora, no Centresesi – Centro de Treinamento Sindical. A atividade, que precede o Encontro Nacional, contará com mesas de discussão com a presença de palestrantes e debatedores, como Wellington Santos, da CTB/BA, Ana Rita Miranda Secretária Nacional de Juventude da CTB e Fernando Guedes, superintendente do Ministério do Trabalho/SE. Para participar é preciso estar trabalhando ou estagiando, ter até 35 anos e estar vinculado ao Sindicato.

 

“O Casamento Suspeitoso”

Retornando de Curitiba/PR, quando realizou apresentação no festival de teatro que acontece anualmente naquela cidade, o Grupo Oxente de Teatro, vai encenar o espetáculo “O Casamento Suspeitoso”, peça de Ariano Suassuna, no dia 19/04/2009, às 20h, no Teatro Tobias Barreto – TTB. Àqueles interessados, adianto que os ingressos podem ser adquiridos na bilheteria do próprio teatro no valor de R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia entrada). Além disso, quem optar por comprar antecipadamente, até o dia 17/04, os ingressos estarão no valor promocional de R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia entrada).

 

Frase do Dia

“Sob a direção de um forte General, não haverá jamais soldados fracos” Sócrates.

 

 

 

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários