Carlos Lacerda da vez: a rede Globo

0

   “O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

É incrível como a rede Globo e todo o seu sistema de comunicação aumentou nas última semanas o que se pode chamar avanço do lacerdismo no intuito de massificar nas cabeças de milhares de brasileiros a necessidade do golpismo, através do impeachment, sem envolvimento direto da presidente em nenhum caso de corrupção.

Então Cláudio, você está defendendo a corrupção? Não! Todos os envolvidos devem pagar, não só civilmente, mas criminalmente. A diferença é que este jornalista reconhece que a corrupção está impregnada em todos os partidos. Ninguém escapa. Não dá para ouvir dizer que Aécio Neves é a solução. Só se for para o aeroporto de Cláudio (não meu), mas do município de Minas onde ele construiu com dinheiro público nas terras de um parente. Entre outras.

É estranho que a rede Globo não publique o ranking dos partidos mais corruptos. São eles: DEM, PMDB, PSDB, PP e PT. Mas para a rede Globo só o PT tem corruptos.

A rede Globo hoje é o Carlos Lacerda da vez. Aquele que tentou golpes por várias vezes, inclusive não queria no poder um dos maiores presidentes da história deste país, Juscelino Kubitschek.  Lacerda foi jornalista e dono de jornal e, se dependesse dele, o Brasil seria uma eterna ditadura militar comandada pelos Estados Unidos.

O lacerdismo foi um dos responsáveis pelo golpe militar e hoje a Rede Globo usa fortemente a mesma estratégia. São dezenas de matérias acabando com a economia diariamente e na área política a corrupção passa ao longe do PSDB  e de apadrinhados da emissora. Todos são blindados. Com a delação ontem, de propina recebida pelo pupilo da Globo, Eduardo Cunha, a emissora entrou numa saia justa.

A rede Globo não faz uma agenda para discutir os interesses nacionais. E muito cobra dos políticos e das autoridades essa discussão. Prefere a política do “quanto pior, melhor”.

O Carlos Lacerda da vez não vencerá. E uma das trincheiras são as redes sociais que não só estraçalham em poucos minutos as mentiras, mas também expõem o que a Globo camuflou.

Tornada sem efeito nomeação de assessor de Valmir para Detran/SE
E depois da repercussão negativa da nomeação do braço direito do deputado da oposição, Valmir Monteiro, como representante da ALESE no Conselho Estadual de Trânsito de Sergipe – CETRAN/SE. A publicação saiu no Diário Oficial de hoje,17. Toda polêmica tem apenas um autor: O mui-amigo de Jackson, Luciano Bispo, que para fazer média com Valmir pediu a indicação de um nome.No lugar de Anderson Souza de Andrade, foi nomeado Daniel Haack Rodriguez do Nascimento.

Em Brasília, Valadares Filho diz que aracajuanos têm 30 meses de promessas não cumpridas

O deputado federal Valadares Filho, PSB, fez um discurso forte na Câmara ontem, 16, contra a administração de Aracaju. Ele lembrou dos diversos compromissos e promessas de João Alves e disse que após 30 meses o sentimento é de frustração e desânimo.

Filas virtuais
Um exemplo dado foi a promessa que os aracajuanos não permaneceriam nas filas para marcar consultas e exames.. “O que vemos hoje são várias filas. A população vai aos postos de saúde e verifica que não ha médicos suficientes para o atendimento e a marcação de exames, na maioria das vezes, é estendida a 3 ou 4 meses”, explica.

Zona de Expansão
Ele lembrou também da promessa que a Zona de Expansão seria transformado em um bairro modelo. . “Os problemas já existentes pioraram e a Zona de Expansão esta abandonada e sem obras estruturantes. Para realizar essa promessa, o Prefeito chegou a contratar o arquiteto e urbanista Jaime Lerner, mas tudo não passou de marketing”, cita Valadares.

Candidato a prefeito pelo PSB
Na última quarta-feira, 15, em entrevista a rede Ilha, o dirigente nacional do PSV, Carlos Siqueira anunciou que o PSB não abre mão da candidatura de Valadares Filho a prefeito de Aracaju. Ela será uma das prioridades da direção nacional, assim como a da senadora Marta Suplicy em São Paulo.

Novo superintendente da Caixa em Sergipe tem 34 anos no banco
Com a experiência de 34 anos como empregado concursado de carreira da Caixa Econômica Federal, desde o início deste mês, José Ronaldo Cunha Maia assumiu a superintendência regional do banco em Sergipe. No currículo diversas funções de natureza gerencial, com formação na Universidade Católica de Salvador e pós-graduação em gestão pública. E o mais importante: indicação meramente técnica.

Com a palavra a SMTT
os agentes de trânsito fiscalizam os shoppings quanto ao estacionamento de veículos nas vagas destinadas aos idosos e deficientes físicos. Até aí tudo bem. Agora cabe uma pergunta ao dirigentes da SMTT: por que os agentes de trânsito também não fiscalizam os veículos que estacionam dentro da prefeitura, no prédio Aloísio Campos, logo na entrada existe uma placa proibido estacionar, mas diariamente veículos estão desrespeitando essa proibição. Se não é para proibir, porque colocou a placa?

Turismo Canindé: documentário começa a ser gravado
Começaram  ontem, 16, as gravações do documentário sobre o Turismo  Canindé. A primeira locação foi na Fazenda Mundo Novo.

Lá foram feitas imagens de trilhas onde podem ser vistas pinturas rupestres, conhecer a fauna e a flora da caatinga, e um dos esconderijos de Lampião e seu bando, qegundo relatos, teria permanecido até dois meses acampado, além de uma infraestrutura para acomodação dos turistas que encontram chalés é um restaurante com comidas típicas do Nordeste.

Minisséries
A fazenda já serviu de cenário para minisséries e novelas nacionais.O visitantes pode se banhar em um dos mais belos locais de Canindé, às margens do Velho Chico com paredões com mais de 100 metros de altura.

Mérito em Solidariedade da LBV
O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado de Sergipe (SINDIJOR-SE) foi homenageado na última quarta-feira, 14, pela Legião da Boa Vontade (LBV). A homenagem aconteceu na sede da LBV em Aracaju. Além de apresentações artísticas com grupos de idosos e crianças, o SINDIJOR foi agraciado com a placa Mérito em Solidariedade – um reconhecimento ao importante papel social da entidade de classe que representa os jornalistas e o Jornalismo em Sergipe.O SINDIJOR foi representado pelo seu presidente Paulo Sousa e pelo vice Edmilson Brito.

Senado aprova projeto de Valadares que cria federação dos partidos
Os senadores aprovaram ontem, 15, projeto que garante que dois ou mais partidos poderão formar uma federação, que será registrada na Justiça Eleitoral, e poderá atuar como se fosse uma agremiação única, sujeita a todas as normas que regem o funcionamento parlamentar e a fidelidade partidária, algo como uma fusão temporária de partidos. O PLS 447/2015, de autoria do senador Antonio Carlos Valadares (PSB), segue agora para análise da Câmara dos Deputados.

Identidade
O projeto também assegura a preservação da identidade e da autonomia dos partidos integrantes da federação.A criação dessa federação de partidos deverá cumprir algumas exigências: só poderão integrar a federação partidos com registro definitivo no Tribunal Superior Eleitoral (TSE); os partidos reunidos em federação deverão permanecer a ela filiados, no mínimo, por quatro anos; a federação poderá ser constituída até a data final do período de realização das convenções partidárias; as federações terão abrangência nacional e seu registro será encaminhado ao TSE.

Sem justa causa
O projeto aprovado estabelece ainda que perderá o mandato o detentor de cargo eletivo majoritário que se desfiliar, sem justa causa, do partido que integra a federação. E veda a formação de federações de partidos após o prazo de realização das convenções partidárias. O partido que sair da federação durante esses quatro anos também ficará sujeito a penalidades.

Quociente eleitoral diferente
Relator da matéria, o senador Romero Jucá (PMDB-RR) explicou que, diferentemente das coligações, cuja constituição se encerra no momento da proclamação dos eleitos, as federações de partidos mantêm compromisso com o exercício do poder político compartilhado no Parlamento, por parte dos partidos que a integram.Já o senador Valadares  esclareceu que o cálculo do quociente eleitoral será diferente para as coligações e para as federações.

Plano Diretor: audiência no bairro Suissa dia 24
A Prefeitura de Aracaju comunica que em virtude das festividades em homenagem a Nossa Senhora do Carmo, na paróquia que leva o nome da Santa, no Bairro Suissa,  a audiência pública de revisão do Plano Diretor que estava marcada para ontem, 16, na Escola Municipal General Freitas de Brandão, localizada a Rua Porto da Folha, também no Bairro Suissa, foi adiada para o próximo dia 24/07, no mesmo local.

Esclarecimentos
O vereador Jailton Santana (PSC)  participou da audiência no bairro Siqueira Campos e avaliou como fundamental esta oportunidade de esclarecimentos sobre o assunto. “É preciso priorizar o trânsito, promovendo ainda mais a mobilidade urbana, as áreas verdes, além de evitar a degradação dos rios, tratando os esgotos, para que possamos ter mais qualidade de vida”, pontuou Santana.

Casas
Na última terça-feira, 14, a prefeita de Malhador entregou 13 casas populares que foram construídas pelo Programa Nacional de Habitação Rural (PNHR), num projeto coordenado pela prefeitura. Durante a solenidade de entrega das chaves, a prefeita anunciou, ainda, as pavimentações do Conjunto Popular do povoado Saco Torto, povoado Adique, Conjunto Floro Alves e Conjunto João Alves.

Formação de jovens aprendizes
O Programa Jovem Aprendiz beneficia milhares de pessoas em todo o Brasil. Nele, jovens entre 14 e 24 anos, de preferência pertencentes a famílias em situação de vulnerabilidade socioeconômica, são recrutados por empresas que oferecem a chance do primeiro emprego. Em Sergipe, a Celi também desenvolve o programa e, desde que o implantou há cerca de oito anos, vem contribuindo ainda mais para a formação profissional de centenas de adolescentes e jovens, uma ação que, sem dúvida, reforça a responsabilidade social inerente à construtora.

Genuinidade
“Apesar de ser uma legislação, o Programa Jovem Aprendiz é para a Celi um modo genuíno de fazer com que jovens aprendam, de fato, algo para o mercado de trabalho”, afirma Gabriela Fonseca, gerente de Recursos Humanos da Celi. Além do desenvolvimento profissional, o Programa se destina a formar cidadãos, garantindo a esses jovens um futuro melhor.

Jovens do ILBJ no programa
Segundo Gabriela Fonseca, aliás, diversos jovens que se formaram no Instituto Luciano Barreto Júnior (ILBJ), braço de responsabilidade social da Celi, acabam sendo selecionados para participarem do Programa Jovem Aprendiz no escritório da empresa. Além deles, filhos de colaboradores também ganham a oportunidade do primeiro emprego na construtora. Mas qualquer pessoa pode ter a chance de ingressar na Celi como jovem aprendiz.

Capacitação
Para ter ideia da abrangência do Programa na empresa, hoje, há mais de 100 jovens se capacitando profissionalmente. “Temos jovens aprendizes em todos os setores da construtora. Esses garotos ajudam bastante”, reconhece a gerente de Recursos Humanos.Vale destacar que a Celi conta com a parceria do Senai/SE, para onde os jovens aprendizes são encaminhados.

Universidade Corporativa
O Banco do Estado de Sergipe está anunciando a criação da Universidade Corporativa Banese (UCB), que terá a modalidade de Educação a Distância (EAD) como principal ferramenta para a disseminação de conhecimentos corporativos entre os colaboradores da empresa.

Ambiente Virtual de Aprendizagem
A Universidade Corporativa contará com um Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) personalizado para as necessidades do banco, a ser disponibilizado na rede de comunicação interna da empresa (Intranet/Colaborando), assim como na internet. Com a possibilidade de acessar o AVA fora do ambiente de trabalho, o colaborador que tiver interesse poderá realizar os cursos ofertados com mais comodidade e flexibilidade.

Lançamento em breve
Vinculada à Superintendência de Gestão Estratégica do Banese, a Universidade Corporativa será lançada em breve, beneficiando, inicialmente, 250 funcionários do banco por mês. Segundo o superintendente de Gestão Estratégica, Luciano Cerqueira Passos, o projeto é importante para a qualificação profissional e pessoal dos colaboradores do Banese. “A EAD no universo corporativo é uma importante ferramenta para o desenvolvimento de competências técnicas e pessoais, pois possibilita o acesso a capacitações para um maior número de colaboradores, de maneira plural e igualitária”, destacou o superintendente.

Democratização do conhecimento
Além disso, de acordo com a assessora da Presidência do Banese, Léa Monteiro Rocha, a UCB irá proporcionar a democratização do conhecimento no banco, promovendo a universalidade de ideias e saberes. “O Banese, com o lançamento da UCB, estará entrando numa nova fase do seu processo de gestão, voltado para preparar o seu corpo funcional, já que são as pessoas o maior ativo de uma organização. A democratização do conhecimento deve levar em consideração a meritocracia e o interesse por novos conhecimentos. Isso tudo se justifica pela necessidade de oferecer serviços com cada vez mais qualidade”, finalizou.

Redução da maioridade penal
Tivessem os nossos ilustres parlamentares empregado todo o seu empenho visando à atualização e aperfeiçoamento do ECA – Estatuto da Criança e do Adolescente – assim como na construção de novos presídios e na atenção aos menores infratores nas áreas da educação, da cultura, do esporte e do lazer, certamente a situação seria outra, em nosso país. Com tantos problemas a equacionar, os eminentes deputados e senadores preferiram dar prioridade a uma disputa de caráter meramente eleitoral, para apresentarem-se como as estrelas do espetáculo. Ainda bem que faltam quatro votações, duas na Câmara e duas no Senado. O Congresso vai entrar de recesso. E trabalho, que é bom, somente a partir do próximo mês. Revisar um tema complexo, que exige experiência em vários setores, inclusive com a participação da sociedade civil, seria o desejável. Lamentavelmente, porém, o nível dos atuais parlamentares deixa muito a desejar. A começar pelo uso desastroso do Português, “a última flor do Lácio, inculta e bela”.

81 Anos
Vão comemorar os bancários sergipanos filiados ao SEEB/SE. A referida organização sindical, atualmente presidida por Ivânia Pereira, foi fundada em 14 de julho de 1934. Em agosto, uma programação especial terá lugar. A data de criação do Sindicato dos Bancários de Sergipe foi escolhida para reverenciar o dia da queda da Bastilha e a data nacional do povo francês.

Encontro Estadual

De baneseanos e baneseAnas ocorrerá o próximo dia 15 de agosto.

Senadores protestam contra operação da PF
Muitos deles consideram inteiramente arbitrárias as invasões de residências de parlamentares.

Em São Paulo
Professores repõem aulas sem merenda para os alunos.

Chapa esquentou
O clima está inteiramente modificado quanto às eleições da FSF – Federação Sergipana de Futebol. Um grupo de 27 clubes subscreveu solicitação encaminhada oficialmente ao presidente Carivaldo de Souza, pedindo ao primeiro mandatário do futebol sergipano que marque uma Assembleia Geral, que, por sua vez, terá como fito definir uma data para a realização do pleito, previsto para ocorrer de primeiro de julho a 31 de dezembro do ano corrente. O presidente encaminhou o ofício ao setor jurídico da federação, a quem caberá orientar o atual presidente na situação que se apresenta neste momento.

Apoio
O grupo que apoia Milton Dantas é formado por Luís Roberto, presidente do Confiança, vários dirigentes do Dragão e de outras agremiações, por Joaquim Feitosa, presidente do América de Propriá e também por clubes amadores. Já o presidente Carivaldo, que comanda  o futebol sergipano há 26 anos, é, evidentemente, apoiado pela CBF, que pretende eleger a maioria dos dirigentes estaduais. A batalha está apenas começando.

Morre Gighia
Vitimado por violento ataque cardíaco, faleceu ontem, em Montevidéu, no Uruguai, Alcides Gighia, o carrasco do Brasil na trágica decisão da Copa do Mundo de 1950, realizada no Brasil. Ele foi  autor do gol da vitória da celeste olímpica, aos 34 minutos do segundo tempo. O episódio ficou conhecido como Maracanazo. O goleiro Barbosa foi tido, durante décadas, injustamente, como um dos maiores vilões do futebol brasileiro.  Base da seleção uruguaia, na Copa de 50, tinha grandes nomes como o goleiro Máspoli, Obdulio Varela, Schiafino, Miguez e Vidal, além do próprio Gighia.

Confiança vai enfrentar o América
Em Natal, no domingo, o Dragão jogará contra o América potiguar, em Natal. O América vem de uma derrota diante do Vasco, por 3 X 1, pela Copa do Brasil.

PELO TWITTER

www.twitter.com/WilliamFonseca  Perfeição é um dos conceitos mais abstratos. O que me encanta é a harmonia dos detalhes mais simples. O óbvio é cansativo. Enjoa fácil.

www.twitter.com/rossiniespinola  Eduardo Cunha ameaçando o Governo por temer ser indiciado/preso, etc. É mesmo o fim do mundo, ninguém faz nada?

www.twitter.com/clovis_silveira  Não adianta tapar o sol com a peneira: Até que prove ao contrario, Câmara, Senado, TCU, Governo, Grande empresa, estão todos desmoralizados!

www.twitter.com/palmeriodoria  Cá pra nós, o Conselheiro Acácio, personagem imortal do Machado de Assis, dava de 10 em José Eduardo Cardozo.

www.twitter.com/AnderChrisSouza  Desesperança é pior do que a dificuldade em si. Ao perder a fé na resolução, você duvida de sua capacidade. Sem fé, nada feito! #BoaNoite

www.twitter.com/marciorocha1  Quem sabe o que almeja persegue seu objetivo.

SINDIFISCO

Sistemática de cálculo do governo estadual X LRF

A Lei de Responsabilidade Fiscal, em conjunto com a Lei Federal 4320/64, estabelece normas de finanças públicas no país. Apesar de possuir em seu bojo um conjunto de medidas restritivas a despesa de pessoal, ainda assim o atual Governo do Estado se esmera em contrair os recursos destinados ao pagamento da folha de pessoal ou quando realiza os cálculos infla a despesa, contrariando conceitos e critérios estabelecidos nas referidas leis.

Assim o Sindifisco aponta três pontos, quando o Governo calcula a Receita Corrente Líquida e a Despesa Líquida de Pessoal, utilizando critérios e sistemática que divergem da legislação pertinente, quais sejam:1 – Despesa Bruta com Pessoal menos as despesas não computadas ( Inativos ).Transcrevo abaixo trechos da LRF que trata claramente o assunto.
       Art. 18. Para os efeitos desta Lei Complementar, entende-se como despesa total com pessoal: …………….
     
      Art. 19. Para os fins do disposto no caput do art. 169 da Constituição, a despesa total com pessoal, em cada período de apuração e em cada ente da Federação, não poderá exceder os percentuais da receita corrente líquida, a seguir discriminados:
II – Estados: 60% (sessenta por cento);
§ 1o Na verificação do atendimento dos limites definidos neste artigo, não serão computadas as despesas:
        VI – com inativos, ainda que por intermédio de fundo específico, custeadas por recursos provenientes:
        a) da arrecadação de contribuições dos segurados;
        b) da compensação financeira de que trata o § 9o do art. 201 da Constituição;
        c) das demais receitas diretamente arrecadadas por fundo vinculado a tal finalidade, inclusive o produto da alienação de bens, direitos e ativos, bem como seu superávit financeiro.

Lembramos que o artigo 19, inc II, define em 60% o limite máximo com despesa com pessoal para todo o Estado (todos os poderes e órgãos estaduais), para o Executivo o limite máximo é de 49% e o limite prudencial 46,55% (art. 20,II, c; art. 22 parágrafo único da LRF).

Está claro que a despesa com Inativos não pode ser computada para efeito de calculo da Despesa Líquida de Pessoal, e o governo seguia a determinação da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) até abril de 2012.

A partir desta data deixa de não computar somente parte da despesa com inativos. No exercício de 2014 do total de 1bilhão e 469 milhões da despesa com inativos lança como despesa não computada 1 bilhão e 70 milhões. Inflando assim a despesa liquida de pessoal em 399 milhões de reais.

Se fizesse o calculo corretamente a Despesa Líquida com Pessoal cairia de 2 bilhões 871milhões para 2 bilhões 472 milhões; o índice de comprometimento da despesa com pessoal cairia de 48% para 41,3%. Dados referentes ao período de janeiro a dezembro de 2014, a situação permanece praticamente a mesma se levarmos em consideração os números de abril de 2015.

Continuaremos detalhando esse assunto num próximo texto e abordando também outras duas questões:  – Imposto de Renda Retido na Fonte exclusão da Receita e da Despesa. – Dedução dos recursos transferidos para o FUNDEB da Receita Corrente Líquida.

Paulo Pedroza – Presidente do Sindifisco

Blog no twitter: www.twitter.com/BlogClaudioNun
 
Frase do Dia
“O único ditador que eu aceito é a voz silenciosa da minha consciência.”Mahatma Gandhi.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários