Cartas embaralhadas

0

O jogo da sucessão em Sergipe só começa pra valer no final de junho próximo, quando os partidos realizarão as convenções visando definir as coligações e os candidatos majoritários. Até lá, as cartas seguem embaralhadas e permitindo, quando muito, alguns palpites sobre quem marchará com quem. Portanto, qualquer prognóstico antes de as alianças serem fechadas será mero exercício de futurologia, sem qualquer serventia para os cientistas políticos. Já é possível afirmar que o principal embate eleitoral se dará mesmo entre o governador Jackson Barreto (PMDB) e o senador Eduardo Amorim (PSC), porém discutir favoritismo só mesmo quanto as cartas forem distribuídas aos participantes desse intrincado e empolgante jogo político.

Esperando

A Vale do Rio Doce informou ao portal G1 que ainda aguarda a conclusão dos processos de licenciamento e segurança jurídica para decidir sobre o projeto Carnalita. Embora a Assembleia já tenha aprovado um projeto oficializando o acordo entre Japaratuba e Capela para a divisão do ICMS gerado pela exploração do minério, a Câmara capelense ainda não votou as mudanças na legislação de tributos. Orçado em R$ 4 bilhões, o projeto da Vale visa aumentar a produção de potássio no país.

Luto

Será sepultado hoje à tarde o vereador de Japaratuba, Demóstenes da Fonseca Moura, o ‘Deco de Moura’ (DEM), que morreu ontem à tarde vítima de acidente automobilístico na BR-101. Com apenas 27 anos, o jovem político era filho do ex-prefeito japaratubense Pedro Moura e primo do deputado federal André Moura (PSC). O corpo do parlamentar está sendo velado na Câmara Municipal de Japaratuba.

Devo, não nego

Sergipe está entre os cinco estados mais endividados do país. É o que mostra matéria da Agência Brasil. A reportagem revela que a proporção da dívida consolidada líquida (DCL) em relação à receita corrente líquida (RCL) cresceu mais em Roraima, Sergipe, Acre e Pernambuco. A explicação para isso é o fato de o Tesouro Nacional ter autorizado os governos estaduais a contrair mais empréstimos, tipo o Proinvest, para fazer investimentos.

Investimento

A descoberta recente de uma grande jazida de petróleo na Bacia de Sergipe e Alagoas contribuiu para a Petrobras aumentar em 131% os investimentos previstos para os dois estados pelo Plano de Negócios e Gestão (PGN) do quinquênio 2014/2018. Vão ser aplicados US$ 12,5 bilhões, contra os US$ 5,4 bilhões projetados pelo PNG 2013/2017. “Esse aumento demonstra claramente o nível de prioridade da empresa para os projetos de exploração e produção da nossa Unidade”, afirma Luiz Robério Silva Ramos, gerente geral da Petrobras para Sergipe/Alagoas.

Otimismo

O varejo sergipano está muito otimista com as vendas para o próximo Dia das Mães. Segundo o empresário Gilson Figueiredo, presidente da Federação da Câmara dos Dirigentes Lojistas (FCDL), o preço médio do presente deve ficar entre R$ 120 a R$ 130, maior do que o praticado no ano passado, que foi de R$ 100 a R$ 110. Entre os produtos preferidos pelos filhos estão confecções, perfumes, bijuterias, calçados, eletroeletrônicos, celulares, flores e os do segmento de informática.

Sufoco

Por conta do feriado de 1º de maio, o 5º dia útil deste mês será ainda na próxima quinta-feira (8). Nem precisa dizer que os aposentados não gostaram nadica de nada desse distanciamento do calendário, pois só vão botar a mão na grana referente ao mês de agosto na quinta que vem. Que sufoco!

Lançamento

O professor Afonso Nascimento, do Departamento de Direito da Universidade Federal de Sergipe, lançará dia 30 deste mês o livro “Incursões de um intelectual na mídia escrita”. Será a partir das 19h no hall da Reitoria da UFS. Trata-se de uma coletânea de artigos jornalísticos escritos pelo jurista Afonso Nascimento e publicados no Jornal da Cidade.

Sem votos

Veja o que publica o colega Gilvan Manoel no Jornal do Dia: “Com poucas chances de vitória numa eleição proporcional, o ex-prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PCdoB), quer ser candidato a senador na chapa do governador Jackson Barreto (PMDB). Sozinho, Edvaldo só foi eleito para um mandato de vereador na capital. Foi vice-prefeito de Marcelo Déda (PT) por dois mandatos e depois reeleito em função da força do então governador, que caiu em campo para assegurar a vitória do comunista”.

Últimos dias

O prazo para o eleitor tirar o título pela primeira vez ou pedir a transferência do documento para outro domicílio eleitoral  termina na próxima quarta-feira. Para resolver as pendências, basta procurar o cartório eleitoral mais próximo. Para quem vai tirar o título pela primeira vez, é preciso levar documento oficial com foto, comprovante de residência e certificado de quitação do serviço militar, no caso dos homens maiores de 18 anos.

Recorte de jornal

Publicado no jornal aracajuano Gazeta do Povo em 23 de agosto de 1926

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários