Casa de condenados

0

Ultimamente, a Assembleia assemelha-se mais a um refúgio de condenados da Justiça. O próprio presidente do Legislativo sergipano, deputado Luciano Bispo (PMDB), foi apenado por improbidade administrativa e o irmão dele, Roberto Bispo, teve que deixar ontem a direção geral da Casa por determinação expressa da Justiça Federal. Assim como o mano, ele foi condenado por mau uso de verbas federais na Prefeitura de Itabaiana. Mas não fica só neles: o deputado estadual Valmir Monteiro (PSC) também já foi condenado por improbidade e vive fugindo pela garagem do Parlamento para não ser intimado. Vários outros parlamentares estão respondendo processos sob a acusação de terem se locupletado com as famigeradas verbas de subvenção. Todos correm sérios riscos de seguirem o caminho do presidente, do ex-diretor e de Valmir. É esta a Assembleia que se diz representante do povo. Aqui pra nós, o sergipano trabalhador e honesto merecia uma melhor representação.

Amnésia

Aconselha-se ao departamento médico da Assembleia fazer uma rigorosa avaliação clínica no presidente Luciano Bispo. Procurado por jornalistas para explicar a condenação judicial dele e do irmão Roberto Bispo, o deputado disse não se lembrar de coisa nenhuma: “Só vendo o processo, tem tanto tempo que não recordo de nada”, reagiu. A continuar assim, Bispo vai terminar se perdendo a caminho do Legislativo. Coitado!

Urnas cedidas

A Ordem dos Advogados do Brasil voltará a utilizar urnas eletrônicas nas eleições para presidentes estaduais e nacional da entidade, marcadas para novembro. A liberação das urnas foi autorizada pelo presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Dias Toffoli. A presidência nacional da OAB entende que a urna eletrônica afasta qualquer possibilidade de fraude na apuração dos votos. È vero!

Valentão

O estudante Carlo Felipe de Souza prestou queixa na Polícia contra o prefeito de Salgado, Duílio Siqueira (PSB). “Kacazinho”, como é conhecido o jovem acusador, diz no Boletim de Ocorrência ter sido esbofeteado em praça pública pelo prefeito, que não teria gostado de ter sido vaiado durante o desfile estudantil de 7 de Setembro.

Cartão vermelho

A Executiva Estadual do SD expulsou de seus quadros o vereador lagartense Carlos da Brasília. O cartão vermelho foi enviado ao parlamentar via Sedex. Carlos, que ainda não decidiu qual será seu novo domicílio eleitoral, faz duras críticas ao presidente do SD em Sergipe, deputado federal Laércio Oliveira. Cobra, inclusive, a prometida emenda parlamentar para pavimentar ruas do povoado Brasília.

De olho no lixo

Tem gente apostando na suspensão da licitação a ser promovida pela Prefeitura de Aracaju para escolher a nova empresa coletora de lixo. Ontem, a Torre impetrou medida cautelar no Tribunal de Contas do Estado alegando existir uma série de irregularidades no anunciado pregão eletrônico. Interessadas no milionário contrato, as empresas Locar (PE) e Vital (RJ) subscreveram o recursos da Torre. Vai feder!

Briga de foice

Não convidem para o mesmo rega bofe o secretário de Comunicação de Aracaju, Carlos Batalha, e o radialista David Leite. O primeiro ficou uma fera com as críticas feitas pelo comunicador ao prefeito João Alves Filho (DEM): “Você está sendo ingrato com quem, durante um bom tempo, custeou seus estudos nos Estados Unidos”, fustiga Batalha. David não se intimidou e prometeu seguir criticando a administração de Alves Filho: “Não devo nada a ele, nem ele a mim”, escreveu.

Sem prévia

A deputada estadual Ana Lúcia (PT) só aceita ser candidata a prefeita de Aracaju se o partido desistir de realizar prévias entre os petistas interessados em concorrer ao cargo. Integrante da tendência Articulação de Esquerda, a parlamentar garante que se for mesmo candidata em 2016 não aceitará qualquer adjutório de empresas privadas. Então, tá!

Porões revisitados

Depois de organizar a sua estrutura de funcionamento, a Comissão da Verdade de Sergipe vai dar início à fase de coleta dos depoimentos das pessoas que foram atingidas pela ditadura militar de 1964. Até agora apenas o senhor Edgar Odilon encaminhou seu depoimento. A CEV listou 20 nomes de pessoas que serão convidadas a depor. A informação é do blog Primeira Mão.

Outro partido

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou ontem a criação da Rede Sustentabilidade (REDE), que passa a ser o 34º partido político brasileiro. Organizado pela ex-senadora Marina Silva, o REDE terá o número 18 nas urnas eletrônicas. Também ontem, o TSE negou o registro do Partido pela Acessibilidade e Inclusão Social (PAIS), por não terem sido apresentados todos os documentos exigidos pela legislação eleitoral.

Prima de volta

E quem já está novamente entre nós é a esfuziante Primavera, estação do ano que se segue ao Inverno e precede o Verão. É tipicamente associada ao reflorescimento da vegetação. Iniciada às 5h20 desta quarta-feira, a Primavera deve sofrer a influência do El Niño, fenômeno caracterizado pelo aquecimento das águas do Oceano Pacífico e que deve afetar o regime de chuvas no Brasil. Mesmo assim, bem vinda Prima!

Recorte de jornal

Publicado na Tribuna de Aracaju em 4 de julho de 1932

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários