CIOSP: a verdade que não se quer ver

0

O Centro Integrado de Operações em Segurança Pública – CIOSP, custou ao governo estadual cerca de R$ 8 milhões. Um investimento importante que tem o objetivo de otimizar e integrar as ações das policiais para um melhor atendimento a população. Uma ação altamente positiva do atual governo.

 

A polêmica criada nos últimos dias por conta do assassinato de um empresário que havia pedido o socorro da polícia, através do CIOSP, tem apenas uma causa: a falta de treinamento para a grande maioria dos atuais atendentes do sistema. Mas tem um detalhe importante: quando da implantação todos foram treinados e capacitados.

 

A implantação do CIOSP foi neste governo, mas as mudanças feitas após a saída de Kércio Pinto, parece que tinha ocorrido uma mudança abruta. Só para o leitor ter uma idéia: quando da implantação e a contratação da primeira turma os candidatos passaram por testes psicológicos e teóricos e depois fizeram uma prova de digitação. Este foi apenas o primeiro passo.

 

Depois o treinamento teve várias etapas: Um representante de cada Instituição (PM, PC, BM e PT) passou as noções das atividades de cada uma para os atendentes; Treinamento em qualidade no atendimento e o treinamento prático, na sala de atendimento: eram passadas ocorrências fictícias para que fosse analisada a desenvoltura dos atendentes diante de situações de urgência e emergência. Quem entrou depois, naquele período, fazia todas as etapas e passava por um período de observação de seus atendimentos, para  então ocorrer a liberação do atendimento. O treinamento dava-se durante duas semanas, pela manhã e pela tarde.

 

O que ocorre hoje no mesmo governo? As substituições além de não levarem em condições os aspectos técnicos, não há treinamento, segundo informações, há caso de uma atendente ser contratada pela manhã e a tarde já estar no atendimento. Isso tudo sem levar em consideração o aspecto políticos das nomeações. Alguns têm parentesco com membros da SSP.

 

O mais lógico e sensato é retomar o treinamento inicial com a participação de policiais de todos os setores. Agora não é necessário colocar no atendimento vários policiais. Já pensou pela escala, serão necessários no mínimo 100 (cem) policiais para fazer o atendimento. Tirar 100 policiais das ruas será uma insensatez. Seria o mesmo que dá um veneno para curar a doença do paciente. Essa é a verdade. Só não ver quem não quer.

 

 

Grupo de Choque no Cenam I

Ninguém imaginaria que neste governo a situação no Cenam chegaria ao ponto em que se encontra. Além da total falta de controle sobre os adolescentes tutelados pelo estado, a Fundação Renascer irá criar um grupamento especial denominado “Grupo Tático de Ações Socioeducativas” GTAS.

 

Grupo de Choque no Cenam II

O que deveria ser feito era a implantação imediata das medidas socioeducativas previstas no Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo – SINASE e não a criação de um batalhão de choque para “conter” as rebeliões. Afinal a maioria destas rebeliões só existe, porque as medidas socioeducativas não são aplicadas de forma correta e legal. Depois que a equipe de Ana Lúcia saiu das unidades de medidas socioeducativas o que sem tem visto quase que diariamente são fugas, rebeliões e carro da polícia militar diuturnamente na porta do Cenam.

 

Valmir quer “presente de grego”

O prefeito de Lagarto, Valmir Monteiro, aproveitou a inauguração ontem, de duas clinicas de saúde da família, para ironizar quem vem criticando as unidades de saúde. Ele  enfatizou para o governador que o povo está satisfeito com as clinicas e o município vai economizar muito, principalmente com aluguel. “Quem diz que é presente de grego e não quer, então mande para cá governador que Lagarto aceita de braços abertos”.

 

Investimento

Já o governador Marcelo Déda voltou a lembrar que a atenção básica é responsabilidade dos municípios, mas o governo estadual está investindo R$ 70 milhões na construção de 102 clinicas de saúde da família. Ele lembrou que há quatro anos as manchetes dos jornais denunciavam que o governo fechava 10 hospitais e agora as manchetes são de inauguração de hospitais. Ao todo serão 2 regionais e 12 de pequeno e médio porte que vão cobrir todo o estado.

 

1º CultArt de Umbaúba

De 1º a 6 de fevereiro, a cidade de Umbaúba vai se transformar num berço da cultura e da arte sergipana com a realização do 1º CultArte – Semana de Cultura e Arte de Umbaúba. O evento é uma iniciativa da prefeitura, em parceria com o Governo do Estado, o Banco do Nordeste, o Banese e a Petrobras.

 

Zeca Baleiro é uma das atrações

O destaque do 1º CultArte é o cantor maranhense Zeca Baleiro. Zeca começou sua carreira compondo melodias e músicas para peças infantis de teatro, onde se destacou pela qualidade de suas letras. “O 1º CultArte promete, além de animar a população e os visitantes, aquecer o comércio local e proporcionar emprego e renda para muitas famílias. Durante os seis dias de festa, a cidade irá receber grupos folclóricos, apresentações teatrais, além da presença de vários artistas da música nacional e sergipana”, informa o prefeito Professor Anderson Fontes.

 

Programação variada

A programação do FestArt é diversificada e para todos os gostos. Além de Zeca Baleiro, quem for prestigiar a cidade de Umbaúba poderá curtir os shows de Cavaleiros do Forró, Chico Keiroga e Antônio Rogério, Lairton e seus teclados, Cantores de Deus, a banda sergipana de pop rock A Lapada, além de muitas outras atrações.

 

Itabaiana: resposta a Olivier Chagas I

Da assessoria de comunicação da Prefeitura de Itabaiana: “Ao ler a nota de autoria do vereador petista, Olivier Chagas, edição de ontem (28), sobre as críticas do prefeito Luciano Bispo ao governador Marcelo Déda, e que por isso, a cidade de Itabaiana estaria sendo prejudicada. É impressão minha ou o vereador acaba de confirmar que o governo do PT somente faz parceria com cidades às quais os prefeitos são aliados do governo? E onde fica a história de que o governo é de todos? Logo o PT que tem na presidência da República um presidente que não faz distinção de oposicionistas e situacionistas para liberar recursos?”.

 

Itabaiana: resposta a Olivier Chagas II

Continua a assessoria: “Ah! Sobre a possibilidade do prefeito Luciano Bispo sentar com o governador Marcelo Déda para resolver os problemas da cidade, nós estamos aguardando esta oportunidade desde janeiro de 2009. Se o vereador quiser ajudar o povo de Itabaiana, ele mesmo pode agendar uma audiência com sua excelência, que nós estaremos presentes, e quando o povo for atendido, nós seremos os primeiros a publicamente, agradecer a ação do Estado”.

 

BNB bate recorde de contratações

O Banco do Nordeste do Brasil (BNB) aplicou, no ano passado, R$ 20,8 bilhões em toda a sua área de atuação, resultado 50,9% superior ao obtido em 2008. Do total aplicado, R$ 9,1 bilhões foram contratados com recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), sua principal fonte de recursos.

 

Desempenho em Sergipe

 Em Sergipe, o Banco do Nordeste contratou mais de R$ 791 milhões com destaque para os setores industrial e o de comércio e serviços, com cerca de R$ 218 milhões e R$ 348 milhões respectivamente. O Crediamigo alcançou R$ 71 milhões; o Agroamigo, R$ 16 milhões; e o crédito concedido para MPEs com mais de seis mil operações, atingiu R$ 145 milhões.

 

2010: meta é aplicar R$ 950 milhões em SE

Segundo o superintendente estadual  do BNB em Sergipe, Antônio César de Santana, para 2010 a proposta inicial é de aplicar, pelo menos, R$ 950 milhões nos 75 municípios do Estado, o que representará um incremento de 20% com relação ao atingido em 2009. “Quanto a performance do Banco do Nordeste no Estado de Sergipe no ano de 2009, afirmamos que foi fantástico, pois, num ano atípico, com o país inserido numa crise financeira mundial, os investimentos foram confirmados pelos empresários e o BNB teve o melhor resultado da sua história na alocação de recursos – R$ 791 milhões, atendendo aos diversos segmentos econômicos, com ênfase para os setores Comercial, Industrial, Micro e Pequenas Empresas, além do Produtor Rural”, afirmou o superintendente.

 

Ilha do Ouro: Justa homenagem

Amanhã, 30, será inaugurada a rodovia que liga a cidade de Porto da Folha ao povoado Ilha do Ouro, um sonho antigo daquela população. O nome escolhido pelo governador foi do agropecuarista Josino Ulisses de Melo, pai do desembargador Edson Ulisses, do dr. João Ulisses dentre outros filhos. Josino nasceu em 05 de maios de 1905, em Limoeiro, povoado de Pão de Açúcar, chegando em Sergipe ainda adolescentes onde foi morar com os pais em Porto da Folha, na Ilha do Ouro.

 

Legado da honestidade

Josino Ulisses casou com Maria Cândida de Melo, natural do povoado Curralinho, também em Porto da Folha. Os sete filhos nasceram na Ilha do Ouro: José, Fernando, João, Nivaldo, Jason, Edson e Jolinda. Josino, como pequeno agropecuarista extraia da sua atividade diária o honesto sustento de sua família, que vivia na Ilha do Ouro, na rua do Sol. O legado da honestidade deixou para todos os filhos.

 

Amizade e devoção

Josino Ulisses tinha grande facilidade de fazer amigos e pela crença em Nossa Senhora da Conceição, sua santa de devoção, era capaz de produzir curas, mediante imposição das mãos. Mesmo a distância curava animais acometidos por doenças. Ele utilizava dos seus conhecimentos empíricos acerca dos efeitos medicinais das e ervas plantas, ministrando-os em prol das pessoas que o procuravam, de modo gratuito, fruto do seu coração generoso.

 

Educação para os filhos

Querido por quantos habitavam aquela terra, acolhia sempre aqueles que aportavam em ilha do ouro, ao desabrigo, não deixando faltar-lhes o rancho nem o pao com quem sempre repartia, pois nunca lhe era ausente na mesa de sua família. Valorizava os festejos da comunidade, participando das festas religiosas e populares, muito conhecido por sua verve de versejar. A frente de seu tempo, sempre entendeu que o caminho para os seus filhos eram os estudos que, infelizmente, não teve acesso. Com essa visão, mesmo amando sua terra que adotou de coração, pois o acolheu e viu nascerem os seus sete filhos, em 1960, mudou-se para  Propriá em busca de educar seus filhos.

 

Sonhos realizados

Faleceu em 1965, em Propriá, aos 61 anos, sem completar sua obra, embalado pelo sonho de ver seus filhos formados. sua utopia em parte se realizou. Os seus filhos mais novos e netos continuaram na busca do tesouro encravado nas minas acadêmicas e hoje são muitos graduados e outros doutores, já que os primeiros alçaram voo logo cedo em busca de sua autonomia por outras formas, sempre escudados no trabalho, na ética e na honestidade. Sua vida e a de dona Candinha prosseguem através desses novos personagens, que continuam preservando suas raízes e seus valores. Neste ato em que se presta uma homenagem a este homem que soube valorizar a família, acreditando na utopia de vê-los estudar e através do conhecimento, mudarem uma realidade dura, que somente os que a conhecem pode avaliar. (informações enviadas pelo leitor e buraqueiro Raimundinho)

 

Carnaval do Carro Quebrado 2010 I

O Carnaval do Carro Quebrado 2010 vai ser aberto oficialmente, às 20 horas, da sexta-feira, dia 5 de fevereiro, com a Orquestra Los Guaranys fazendo um grande baile à céu aberto no Largo Carro Quebrado (confluência das Avenidas Dr. Edézio Vieira de Melo, Gonçalo Prado Rollemberg, Rua Zaqueu Brandão e Praça Lourival Garcez – Bairro São José).Na noite do sábado, dia 6, no mesmo horário (20 horas), será a vez de Medeiros & Orquestra comandarem o segundo dia da Folia de Momo no Largo Carro Quebrado, oportunidade em que os foliões irão reviver os eternos carnavais de Aracaju.

 

Carnaval do Carro Quebrado 2010 II

Já na sexta-feira, dia 19, acontece a grande noite da Ressaca do Carro com Medeiros & Orquestra, marcando assim o encerramento do Carnaval do Carro Quebrado Edição 2010.Durante as três noites de folia, antes de serem iniciados os bailes oficiais a Bandinha de Frevo do Carro Quebrado vai percorrer as principais ruas do bairro, convidando os foliões a acompanhar o cortejo e também participar da festa que vai ter o seu início, sempre, após a tradicional queima de fogos.No dia 20 de agosto de 2005, o Jornalista e radialista Emmanuel Dantas (idealizador do projeto) e na companhia de Hugo Martins, José Marins Filho, Sérgio Pereira e Jackson Silva (in memoriam), fundaram no Bar da Macaxeira do Popular Everaldo a Confraria do Carro Quebrado que foi o passo inicial para o surgimento do Carnaval do Carro Quebrado.

 

 

DO LEITOR

 

A Festa do CRM

Do leitor Gilson Costa: “Há exatos 35 anos me tornei um visitante de consultórios médicos em diversas especialidades e eventualmente de hospitais. Sempre coberto por um plano de saúde. Confesso que não lembro uma única vez,  em todo esse tempo, quando deixei de ser atendido por qualquer médico e por qualquer motivo. E veja que são incontáveis as consultas, em cardiologia, endocrinologia, gastroenterologia, oftalmos, ortopedia, e por aí vai. Será que tenho dado sorte? Será que todos esses médicos sempre gozaram de boa saúde e por isso nunca faltaram? Ou será que eles nunca trocaram o consultório privado por outros interesses? Por outro lado, sempre fico sabendo pelos meios de comunicação que médicos faltam de forma rotineira quando no serviços público. Chegar atrasado nem se fala! Será que se falta tanto em protesto pela falta de estrutura ou pelo choque de horários entre o público e o privado e se dá preferência a este? Que tal então tornar pública as escalas dos médicos nos diversos pontos de atendimento público dando aos usuários dos serviços a oportunidade de saber quem está e quem não compareceu, quem atrasou? É quase certo que os faltosos estarão nos consultórios ou hospitais particulares. Basta lembrar a revolta provocada entre eles quando se anunciou a colocação de registro de ponto no IPES Saúde. Agora vem o CRM e anuncia que os médicos denunciados pelas faltas no plantão natalino são inocentes. Mas não foi membros desse mesmo conselho que foi à imprensa defendê-los antes mesmo de qualquer apuração? Ou alguém estava a imaginar que depois de tanta manifestação favorável aos médicos denunciados o CRM daria um tiro no pé, desautorizando alguns dos seus dirigentes? Convenhamos que o teatro foi muito mal armado. Fizeram a defesa prévia para depois concluírem que os defendidos eram inocentes. Isso não é próprio de quem vai julgar, investigar. É tarefa de advogados de defesa. E nesse caso o CRM atuou com defensor e como julgador. E isso é grave”. Gilson Costa. CPF 116271825-00/ RG 317001-2 – SSP/SE.

 

Acidente deixa oito feridos em Salgado”

Do leitor Yuri Silveira: “Demorou para acontecer mas ontem foi a prova da imprudência dos motoristas de transportes alternativos, que mesmo com a rodovia interditada para serviço continuam a dirigir em alta velocidade e sem respeita os outros condutores. Na quinta-feira passada viajei até o interior da Bahia passando de Salgado até Poço-Verde onde foi difícil conduzir no momento de passar pelo trecho em obra, que o trânsito fica meia pista sendo fechada até por cones que mesmo assim não impede as ultrapassagens perigosas pelo trecho interditado. Qual o órgão que regulamenta o transporte alternativo? Será que há seleção de condutores? Ser habilitado com carteira de motorista não é ser capacitado para dirigir veículos de transporte público!!”

 

Sinpol – Sobre o caso Birabolo

Do vice-presidente do Sinpol, Antônio Moraes: “Leitor assíduo de seu blog jornalístico, fui surpreendido na manhã desta quarta-feira (27/01/2010), com as notas intituladas “Armas no pré-caju e portaria da SSP” e “Mas será o Benedito? Ou o Birabolo?”. A surpresa se deu não pela notícia em si, noticiar os acontecimentos é papel da imprensa. Mas não apenas noticiar, como também INFORMAR. Não sou jornalista, não tive o devido e necessário preparo técnico nos bancos acadêmicos, todavia sei que tão importante quanto a notícia é a sua fonte. A ler “Todo mundo sabe que um policial civil foi pego no bloco Cajuranas portando uma arma” tive a certeza que o nobre jornalista não teve uma fonte confiável, fidedigna. O policial civil em questão, cujo nome preservo por ser ele integrante de uma das equipes de investigação mais eficientes do Estado, apresentou sua versão quanto ao incidente com um grupo de policiais militares. Se há razão para ele ou para o grupo de policiais militares será o Poder Judiciário que irá dizer dentro de um processo regular. Pela Polícia Civil foi lavrado Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO nº 002/2010) já encaminhado para apreciação de um Juiz e de um Promotor de Justiça. Agora uma coisa é certa: o fato NÃO ocorreu na área dos festejos do Pré-caju. O policial civil deixou o bloco carnavalesco e dirigiu ao local onde deixou sua arma de fogo, resgatou sua pistola e seguiu para sua residência. Assim, já FORA DO CIRCUITO DO PRÉ-CAJU, envolveu-se no multidivulgado incidente. Essa foi a constatação da Corregedoria da Polícia Civil subsidiada pelos depoimentos das partes envolvidas. Assim, pode-se afirmar sim que NÃO houve por parte do policial civil o descumprimento da Portaria nº 10/2010 da SSP/SE. O SINPOL SERGIPE não está tomando partido gratuito do seu filiado, pois não pratica o corporativismo do jeitinho. Na mesma medida, a nós interessa a punição exemplar dos culpados e a sumária absolvição dos inocentes. “A César o que é de César”, ou melhor, “a Bira o que é de Bira”, nem mais, nem menos”.

 

Reflexões políticas ou receita de salada de frutas?

Comentário de Alex Dias: “Caro Cláudio Nunes,ao adentrar sua cozinha jornalística e ler/degustar suas profundas e perspicazes reflexões sobre melancias e kiwis,e mesmo depois de suadas e exaustivas exegeses e elucubrações,confesso que não consegui chegar a outra conclusão a não ser a de que a sua generosa intenção,na verdade,foi dividir com seus queridos leitores a receita do que provavelmente deve ser uma deliciosa salada de frutas. Acertei? Viu como nós, seus leitores lagartenses,apesar de não sermos tão letrados como o senhor,às vezes,mesmo à custa de indizíveis sacrifícios,conseguimos entender certas reflexões,mesmo quando elas aparecem embaladas por quase impenetráveis camadas de erudições quase herméticas? Somos da terra de Sílvio Romero,Cláudio,esqueceu?Desculpe a indesculpável ousadia,Caro Cláudio,mas devo garantir,embora não possua seu talento culinário,que para ficar perfeita sua receita de salada de frutas deve também acrescentar a nossa jaca lagartense. Porque aí,Caro Cláudio, a sua salada de frutas,como num milagre,se transformaria em manjar.Caro Cláudio Nunes,será que a nossa  jaca lagartense tem o mesmo poder inspirador que os seus kiwis e melancias na hora de fazer reflexões políticas? Ou você ainda não testou nosso produto exportação?Ah,e se em vez da nossa jaca eu preferir a maniçoba lagartense,isso ajudaria ou prejudicaria minha inspiração na hora das reflexões políticas?Último abuso,Caro Cláudio: quantas colheres de Lampedusa você adiciona à sua salada de frutas? Isso engorda? Contém glúten? É orgânico? Prejudica a camada de ozônio? Está de acordo com o Protocolo de Kioto? E a OAB,o que acha? Aceito,mesmo sem ainda ter sido convidado,degustar sua próxima sobremesa.Obs.: não precisa usar adoçante,não sou diabético”. Alex Dias,Secretário de Comunicação da Prefeitura de Lagarto.

 

Por dentro da PM

De um policial militar: “Quanto à nossa segurança pública, que aliás anda bem comprometida, chamo a atenção para a Polícia Militar, em especial para as ilegalidades que estão sendo cometidas e reiteradas pelo Comandante-Geral da PM. Como esse blog é um espaço aberto, que prestigia e respeita seus leitores, acredito que seja o caminho certo para tentar moralizar nosso estado e coibir as ilegalidades e improbidades.   Atualmente o Comandante-Geral da PM concedeu diversas medalhas de tempo de serviço aos militares estaduais da polícia militar sergipana, dentre os agraciados tivemos o Cel QCOPM Agnaldo Ramos (Corregedor) e o Cel QCOPM Durvaltécio Bonfim (Chefe da Seção de Pessoal), que foram homenageados com a medalha de 30 (trinta) anos de serviço. Observemos o absurdo que fora cometido, conceder uma medalha de 30 anos de serviço a oficiais que ao completarem 30 anos de serviço devem  ser transferidos imediatamente para a reserva remunerada, conforme prevê o art. 6º da Lei Ordinária nº 4.377/2001: “Ao completarem 30 (trinta) anos de serviço, os Oficiais do Quadro Complementar de Oficiais Policiais-Militares (QCOPM) devem ser transferidos para a reserva remunerada, com as mesmas vantagens previstas para os Oficiais do QOPM.”  É triste termos que conviver com ilegalidades explícitas e não combatidas, corrigidas ou mesmo punidas. Ainda nessa ilegalidade se enquadra o Cel QCOPM Salvador Sobrinho (Chefe do CIOSP), outro oficial com mais de trinta anos de serviço que ainda não fora transferido para a reserva remunerada, como prevê a Lei Ordinária citada anteriormente.  Mas parece que a intenção do Comandante-Geral é prolongar essa ilegalidade. Basta observar o publicado no BGO nº 010, de 15 de janeiro de 2010, onde o Comando da PM nomeia para o exercício de 2010, nas Comissões de Promoção de Oficiais, Promoção de Praças e Outorga de Medalhas, o Cel QCOPM Durvaltécio Bonfim, nas funções de Secretário e de Membro Nato. Não se pode falar em desconhecimento dessa ilegalidade por parte do Comando da PM, mesmo porque o próprio Cel QCOPM Bonfim é o responsável pelo controle de tempo de serviço de todo o pessoal da Polícia Militar. Hilário não é?  Será que o Comandante-Geral não percebe que está enganando o Governador Marcelo Déda? Será que a intenção é prestigiar seus colegas R/2, mantendo-os por mais tempo na atividade? Será que a intenção é dar munição aos políticos de oposição e desgastar o Governador Marcelo Déda nas eleições vindouras?”

 

Participe ou indique este blog para um amigo: 

claudionunes@infonet.com.br

 

Frase do Dia

“Fale sua verdade calmamente e claramente; e escute a dos outros, até mesmo para o estúpido e o ignorante, eles também têm suas histórias”. Max Ehrman.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários