Contra o povo

0

E os delegados de Polícia decidiram trabalhar em apenas uma delegacia do interior, além de não mais fazer hora extra pra seu ninguém. Prometem só voltar a realizar o que faziam se o governo lhes conceder um reajuste salarial de exagerados 35%. Enquanto não se chega a um acordo, 21 municípios sergipanos ficarão sem delegados. Diante da decisão dos ‘home’ de não fazer hora extra, a coluna fica imaginando uma autoridade policial perseguindo um bandido quando, de repente, olha para o relógio e percebe que seu expediente acabou. Como é que faz? Será que suspende a perseguição para recomeçar no dia seguinte? Convenhamos, nem todo burocrata chega a ser tão radical quando sabe que sua atitude vai prejudicar milhares de cidadãos, que pagam impostos sonhando em ter o mínimo de segurança pública.

Briga de classe

Nem os policiais civis concordam com a forma isolada como os delegados estão reivindicando melhoria salarial. O Sindicato dos Policiais de Sergipe (Simpol) denunciou que a Associação dos Delegados de Polícia (Adepol) agiu equivocadamente ao fazer uma comissão para negociar isoladamente o reajuste salarial com o governo. “Entendemos que os delegados também são policiais civis e, por isso mesmo, devem reivindicar melhorias juntamente com a categoria a que pertencem”, ensina o representante do Simpol, Marivaldo dos Santos. Tá certo!

A casa caiu

Uma investigação de um ano e meio da Polícia Federal, requisitada e acompanhada pelo Ministério Público Federal em Sergipe, resultou, na manhã desta quarta-feira, na prisão de uma quadrilha que fraudava leilões judiciais e de empresários que se utilizavam dos seus serviços. Já foram presas até agora 16 pessoas, sendo realizadas buscas e apreensões nas residências dos acusados.

Quem mente?

O superintendente da SMTT, Antônio Samarone, disse ontem que os parquímetros ainda não voltaram a funcionar no centro de Aracaju porque a empresa vencedora da concorrência não quer se responsabilizar pelos carros estacionados nas áreas dos equipamentos. A TV Sergipe procurou a empresa, que desmentiu Samarone na lata. Alegou que jamais deu tal informação a Samarone. Também informou que os parquímetros não estão funcionando porque após ganhar a concorrência não foi chamada pela SMTT para discutir o assunto. Quem está mentindo?

Restos a pagar

Prorrogar a validade dos restos a pagar até o final do ano. Este é objetivo de três encontros dos quais o prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PC do B), participará nesta quarta-feira em Brasília. Após a solicitação de prefeitos de todo o país, o governo federal decidiu prorrogar a validade dos restos a pagar referentes a 2007, 2008 e 2009, que seriam cancelados em 30 de abril. Os prefeitos defendem a criação de uma política clara para os restos a pagar, para garantir que o pagamento seja feito no Orçamento do ano seguinte.

União estável

O avanço dos direitos dos homossexuais será colocado à prova hoje à tarde no Supremo Tribunal Federal (STF). Os ministros avaliarão, pela primeira vez, se a união homoafetiva pode ser enquadrada no regime jurídico de união estável. O tribunal também analisará se a união de pessoas do mesmo sexo pode ser considerada como entidade familiar. Caso a resposta a essas perguntas seja afirmativa, casais homossexuais de todo o país terão dezenas de direitos assegurados, entre eles a herança e a adoção.

Insatisfeitos

O acordo político que vem sendo construído pelo prefeito de Itabaiana, Luciano Bispo (PMDB), e o PT daquele município pode ser o primeiro de tantos outros entendimentos esdrúxulos. E por que isso acontecerá? Porque boa parte da base do PT no interior sergipano está por aqui com o governo de Marcelo Déda, que tem preterido os velhos amigos petistas para garantir bons salários no governo a novos aliados, muitos dos quais sempre votaram contra ele.

Código florestal

Está marcada para as 10h de amanhã uma audiência pública na Assembleia Legislativa para discutir sobre o Código Florestal. Contando com a presença do deputado federal Márcio Macedo (PT), o evento vai discutir temas ligados ao meio ambiente, a exemplo de água e áreas florestais. A audiência pública está sendo organizada pela deputada estadual Conceição Vieira (PT). Recentemente, ela apresentou uma indicação ao Legislativo defendendo o uso racional da água e propondo o pagamento de bônus para quem economizar o precioso líquido.

Do além

Um cidadão dizia ontem ter psicografado o finado Bin Laden, e este teria feito apenas uma afirmação: “Digam aos norte-americanos que dei minha vida pela reeleição do querido amigo e presidente dos Estados Unidos Barack Obama”. Isso é que é amizade, sô!

Do baú político

A anunciada campanha de desarmamento pelo governo federal faz lembrar o tempo em que todo mundo andava com um ‘trezoitão’ na cintura. No dizer do ex-deputado estadual e ex-prefeito de Lagarto, Rosendo Ribeiro, o “Ribeirinho”, nas décadas de 60 e 70 “todo deputado ia armado para a Assembléia. “O revolver era a gravata do cidadão”, conta. Quando foi candidato a prefeito de seu município, a oposição espalhou que “Ribeirinho” era um homem violento e, por isso mesmo, não se separava do revolver nem para dormir. Ele aproveitou um concorrido comício na Praça da Piedade para desfazer a acusação. “No meio do discurso afirmei que ia mostrar a única arma da qual não me separava e abaixei para apanhá-la. Teve gente que correu com medo. Foi então que me levantei com um crucifixo na mão, provocando gargalhada geral do povo. Daquele dia em diante nunca mais me acusaram de ser violento”, afirma.

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais