Corrupção eleitoral

0

É forte o movimento de vários setores da sociedade contra os ladrões de consciência, aqueles políticos que enxergam o eleitor como gado preso no curral e pronto para ser vendido. Hoje mesmo, será lançado em Aracaju o Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral. Apoiado por várias entidades de classe e, naturalmente, pela sociedade sergipana, o movimento vai desenvolver ações de combate a abusos e crimes eleitorais durante a campanha. Será estabelecido um canal de diálogo com a Procuradoria Regional Eleitoral e a Polícia Federal para encaminhar as denúncias de crimes e abusos. Iniciativas como esta são importantes para inibir as ações dos maus políticos que pensam ser a eleição um trampolim para o enriquecimento ilícito. Ao povo cabe denunciar os vigaristas eleitorais, pois vender o voto é perder a cidadania.

Déda explica

O candidato à reeleição Marcelo Déda (PT) tem uma explicação para a troca de farpas entre os candidatos ao senado Antônio Carlos Valadares (PSB) e Eduardo Amorim (PSC). Segundo ele, muitas vezes as conjunturas municipais levam os grupos políticos locais a escolherem candidatos distintos. Déda lembrou que o seu papel é trabalhar para eleger os dois senadores da coligação. “Eu ajo no sentido de unir, de valorizar a palavra, fortalecer a aliança e prestigiar o compromisso assumido”, destacou. O petista fez as afirmações ao ser entrevistado ontem pela TV Atalaia.

Sindat convida

O Sindicato dos Auditores Tributários do Estado de Sergipe (Sindat) quer conhecer as propostas dos candidatos a governador para a área das finanças públicas. A entidade já encaminhou ofícios a todos eles convidando-os para fazer uma exposição sobre o tema, focando inclusive projetos para incrementar a receita pública estadual. “O crescimento do Estado é a principal preocupação dos que fazem o Sindat”, justificou o auditor técnico de Tributos II, Marco Aurélio Monteiro.

Ruas sujas

A panfletagem feita pelos cabos eleitorais dos candidatos está emporcalhando as ruas e avenidas de Aracaju. A turma distribui ‘santinhos’ com os motoristas que dispensam o material pelas janelas dos carros. O resultado é um monte de papel nas ruas e canteiros da cidade. Pior é que deve aumentar o volume de propaganda política jogada nas vias públicas. Isso é horrível para uma cidade que se orgulha da limpeza de suas ruas e avenidas.

Ato público

Jornalistas e radialistas fazem daqui a pouco um ato público no Calçadão da rua João Pessoa para denunciar as péssimas condições salariais e a exploração a que são submetidos. Segundo o presidente do Sindicato dos Jornalistas, George Washington, desde o final de fevereiro as categorias vêm tentando negociar o reajuste salarial, mas os patrões só apresentam o que lhes interessa: mais trabalho, criação de banco de horas, retirada de direitos e apenas reposição da inflação, com aumento real zero para as categorias. Assim é flórida!

Segunda via

O eleitor que perdeu ou teve o título extraviado, têm até o dia 23 de setembro para pedir uma segunda via do documento, em qualquer cartório eleitoral. Só podem pedir a segunda via os eleitores que já tinham ou pediram o título até 5 de maio deste ano, data em que foi fechado o cadastro eleitoral de 2010. Este ano a Justiça Eleitoral reiterou a obrigatoriedade da apresentação do título e de um documento oficial com foto para votar nas próximas eleições.

Dia do Advogado

Hoje é o Dia do Advogado e aniversário da lei que criou os cursos jurídicos no Brasil em 1827. O 11 de agosto é também conhecido como o “Dia do Pendura”, uma tradição do início do século passado, quando comerciantes costumavam homenagear os estudantes de Direito deixando-os comer de graça. O dia é até hoje temido por donos de alguns restaurantes de São Paulo e Recife, onde a tradição de comer sem pagar permanece.

E do Garçon

Este 11 de agosto também é dedicado ao garçon, profissional que se esmera para atender bem. Eles são, em sua grande maioria, pacientes ao extremo para não estourar com determinados sujeitos que bebem além da conta e perdem o juízo. Portanto, a homenagem desta coluna aos milhões de garçons deste país, em particular a Coelhinho, Vadinho, Luciano, Luiz, João, Farias, Brás, Miguel, Bisquí, seu Álvaro, Josias, Sarará, Dias, Cabeção, etc, etc, etc… Um brinde a todos vocês!

Sabatina

O Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia de Sergipe (Crea) abre hoje à noite, o ciclo de palestras que vai ouvir todos os candidatos ao governo do Estado. O primeiro palestrante será o ex-governador João Alves Filho (DEM). O objetivo da iniciativa é permitir que os candidatos apresentem suas propostas para a área de infraestrutura do Estado. A palestra vai acontecer às 20 horas na sede da Associação dos Engenheiros Agrônomos de Sergipe (Aease).

Do baú político

Udenista de carteirinha, o hoje segurança aposentado do Senado, Cosme Fateira, não nega que ‘afogou’ muitas cartas e telegramas no rio Sergipe. Foi na década de 60, quando ele era carteiro da Empresa de Correios e Telégrafos. O número de correspondências em Aracaju não era grande como hoje, e Cosme conhecia o perfil político da maioria dos destinatários. Quando a missiva estava endereçada a um filiado ou simpatizante do PSD, ele não perdia tempo em entregá-la, preferindo jogá-la no rio. Pelo volume de cartas e telegramas arremessado no estuário do Sergipe, é bem capaz que alguns peixes tenham aprendido a ler. Cosme garante que ele não era o único que ‘naufragava’ as correspondências: “Os carteiros ligados ao PSD faziam a mesma coisa com as cartas endereçadas ao pessoal da UDN”.

 


 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais