Cova dos leões

0

A depender de alguns ex-auxiliares do ex-governador João Alves Filho (DEM), este será lançado à cova dos leões, como fizeram na lenda bíblica com o servo Daniel. Matéria assinada pelo jornalista Chico Freire, no Jornal do Dia, mostra que pelo menos quatro ex-secretários de Estado ouvidos pelo Ministério Público garantiram que João foi o único responsável pela contratação sem licitação da Fubras, uma misteriosa fundação acusada de ter embolsado mais de R$ 25 milhões do Governo sergipano. Uma ação civil impetrada por quatro promotores de Justiça pede a suspensão dos direitos políticos do ex-governador e indisponibilidade de seus bens e contas bancárias no montante do prejuízo causado ao erário. Abandonado pelos aliados, João Alves não deverá ter a mesma sorte do servo Daniel, que foi protegido dos leões por um anjo enviado por Deus.

Tirando onda

O vice-governador Jackson Barreto (PMDB) não perde uma só oportunidade para tirar onda com o primo e deputado federal Almeida Lima. Agora que Almeidinha praticamente está fora do PMDB, Barreto postou no twitter a seguinte gozação contra o primo: “Greta Garbo, quem diria, acabou no Irajá”. Pelo visto, os dois vão continuar se engalfinhando politicamente.

Raul vive!

Morto há 22 anos, completados ontem, Raul Seixas vive graças a músicas antológicas como ‘Gita’, ‘Sociedade Alternativa’, ‘O dia em que a Terra parou’, ‘Por quem os sinos dobram’, entre tantas outras. Em ‘Ouro de Tolo’, outro grande sucesso, o velho Raul deu um chega pra lá na mediocridade ao cantar “Eu que não me sento/ No trono de um apartamento/ Com a boca escancarada/ Cheia de dentes/ Esperando a morte chegar…”

Luto

O blog lamenta a morte do médico urologista Valfredo Tavares, ocorrida ontem no Hospital São Lucas, onde estava internado há dois meses após ter sofrido um acidente vascular cerebral. Oficial da Polícia Militar e médico do Ipesaúde, Valvredo Tavares também era dono do Hospital do Rim, em Aracaju. O corpo do urologista será sepultado daqui a pouco no cemitério Colina da Saudade.

Arco-íris

Realizada ontem na Orla de Atalaia, a 10ª Parada Gay de Sergipe reuniu milhares de pessoas. Promovido por oito ONGs, o evento foi animado por trios elétricos que se concentraram na Passarela do Caranguejo. Entre os participantes, o tema mais discutido foi mesmo a recente decisão do Supremo Tribunal Federal reconhecendo a união civil entre pessoas do mesmo sexo. E viva a diversidade!

Má vontade

O Governo do Estado tem recursos para atender as reivindicações salariais dos servidores. Quem garante é Abílio Castanheira, presidente eleito do Sindicato do Fisco do Estado de Sergipe (Sindifisco). Segundo ele, a arrecadação tem aumentado mês a mês, porém o Governo sempre alega que o caixa está baixo. “Só não faz isso quando quer ajudar as empresas através de incentivos fiscais”, afirma Abílio para demonstrar que o Executivo tem má vontade com os servidores.

Seminário

Professores, pesquisadores, estudantes universitários, dirigentes das Instituições de Ensino Superior, além dos empresários ligados ao setor de Tecnologia, participam em Aracaju do II Simpósio Internacional de Inovação Tecnológica.  O encontro acontecerá hoje e amanhã no Hotel Parque dos Coqueiros, em Aracaju. Além do seminário, também acontecerão a III Oficina de Propriedade Intelectual (OPI) da Universidade Federal de Sergipe e a III Mostra de Tecnologias em Petróleo, Gás e Energia.

Jucese em Propriá

Acontece nesta segunda-feira a inauguração do Escritório regional da Junta Comercial de Sergipe (Jucese) na cidade de Propriá. A solenidade está marcada para as 10h, na avenida dom José Tomaz, 444, centro daquela cidade ribeirinha. A inauguração do escritório faz parte da política de interiorização da Jucese, desenvolvida pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico, da Ciência e Tecnologia (Sedetec).

Debate no PT

‘O papel da reforma política no Brasil e como isso interfere na sociedade’. Este foi o tema do seminário de formação das mulheres do PT, que aconteceu neste fim de semana, em Aracaju. Entre os palestrantes, estava o deputado federal Rogério Carvalho, que falou sobre o relatório da comissão da reforma política. Antes, ele destacou a importância do encontro e do Partido dos Trabalhadores na política brasileira.

Do baú político

O episódio a seguir, ocorrido em 1990, na campanha de Zé Eduardo Dutra (PT) para o governo de Sergipe, foi presenciado pelo amigo, jornalista e publicitário Jairo Júnior. Ele conta que estava no estúdio com Tarcísio Duarte e Valdir (essa era toda a equipe técnica dos programas de TV da época em que o PT tinha ideologia, mas não possuia dinheiro), quando chegam Zé Eduardo, Milson Barreto, o saudoso professor Diomédes e o hoje presidente Lula. “Equipamentos, cenário, assunto que Lula iria falar repassado… e vamos gravar para o horário eleitoral gratuito. Lula começa falando do continuísmo, das oligarquias, e cita os principais adversários políticos do PT em Sergipe como os representantes do atraso, do coronelismo. Nesse instante, pousa uma mosca no nariz do Lula (no nosso estúdio era tudo liberado, até moscas). Ele não perdeu a oportunidade e mandou ver: “Puta que pariu! Foi só eu falar nesses caras que as moscas já sentiram o cheiro de merda!”. Valeu, grande Jairo!

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais