De bem com o PIB

0

O grande número de empresários presentes ontem ao almoço de final de ano promovido pela Federação das Indústrias mostrou que o governador Jackson Barreto (PMDB) está muito bem com o PIB sergipano. Tradicionalmente, o evento mede o índice de simpatia dos industriais para com o governante de plantão. Ano passado, por exemplo, a frequência foi bem menor devido à impossibilidade de o então governador Marcelo Déda (PT) participar do almoço. E qual o motivo de tanta empolgação com Jackson? Porque o governo dele dispõe de quase R$ 2 bilhões para aplicar nas mais diversas áreas, fato que estimulará o crescimento da indústria, que desde 2007 já investiu em Sergipe R$ 1 bilhão, gerando algo em torno de 40 mil empregos. No almoço de ontem, ninguém escondia o otimismo com 2014.

Moita errada

Entrevistado por um repórter, o prefeito de Moita Bonita, Marco Antônio da Rocha, festejou a descoberta de um grande poço de petróleo leve e gás no município dele. Na verdade, o prefeito e o jornalista estão mal informados. Anunciado pela Petrobrás, o poço 3-BR-AS-1194-SES é conhecido informalmente como Moita Bonita, porém está localizado em águas profundas da Bacia de Sergipe-Alagoas, e 38 quilômetros da costa de Aracaju. Portanto, bem distante de Moita Bonita, localizada no agreste sergipano.

No aquário

E Reinaldo Moura, que se aposentou do Tribunal de Contas do Estado, se filiou ontem ao partido dos peixinhos. Levado pelo filho e deputado federal André Moura, o conselheiro aposentado do TCE assinou a ficha de filiação ao PSC, transformando-se num dos peixes graúdos que habitam o aquário comandado pelo dublê de empresário e político Edvan Amorim. O sonho de Reinaldo é se eleger deputado estadual em 2014.

Recurso

O secretário estadual da Educação, Belivaldo Chagas (PSB), impetrou ontem no Pleno do Tribunal de Justiça uma Ação Cautelar Inominada para tentar impedir a posse da deputada estadual Susana Azevedo (PSC) como conselheira do Tribunal de Contas. Chagas alega a existência de falhas no processo de escolha feito pela Assembleia.

Última chance

E aí, tá devendo o IPVA do calhambeque velho? Então se apresse, pois a Secretaria da Fazenda só negocia o parcelamento do débito, com descontos de juros e multas, até o próximo dia 31. Em situação idêntica à sua, existem cerca de 102 mil pessoas, que devem juntas a bagatela de R$ 31 milhões. A Secretaria da Fazenda já decidiu, inclusive, que depois do dia 31 vai colocar os devedores do IPVA no SPC. Homem, vixe, seu menino!

Fora do ar

O vereador aracajuano pastor Jony (PRB) deixou de apresentar um programa semanal na rádio Ilha/FM de Estância. Pré-candidato a deputado federal, o reverendo usava o espaço radiofônico para se comunicar com os evangélicos. Segundo o site Tribunal Cultural, a saída de Jony da rádio pertencente a Edvan Amorim (PTB) tem a ver com a decisão do prefeito de Canindé, pastor Heleno Silva (PRB), de fechar politicamente com o governador Jackson Barreto (PMDB). Será?

Fim do jeitinho

A nova Minirreforma Eleitoral altera o limite para troca de candidatos, tanto para eleições majoritárias quanto para proporcionais. Agora, a substituição só pode ocorrer caso o pedido seja apresentado até 20 dias antes do pleito, exceto em caso de falecimento de candidato, quando a substituição pode ocorrer após esse prazo. Em 2012, o candidato a prefeito de São Cristóvão, Armando Batalha (PSB), se beneficiou da lei anterior, renunciando 24 horas antes do pleito em favor da esposa Rivanda Farias (PSB).

Saúde ferrada

E quem bateu duro na Secretaria da Saúde de Aracaju foi o vereador governista Agamenon Sobral (PP). Ele garante que o péssimo atendimento prestado pela Unidade Nestor Piva é motivado pela falta de gestão. De acordo com Agamenon, diariamente os profissionais não aparecem para trabalhar, deixando os doentes a ver navios. É o caso, segundo o vereador, do médico de pré-nome Ricardo, que reside fora de Sergipe e vive faltando ao serviço acobertado por atestados médicos. Misericórdia!

Aviso prévio

O governador Jackson Barreto promete só fazer a reforma do secretariado no final de janeiro ou no começo de fevereiro. Isso quer dizer que muita gente vai passar o Natal e Ano Novo à base de Lexotan, torcendo para continuar na “boquinha”. A estes resta um consolo: até a hora da exoneração estão com os gordos salários garantidos, como se tivessem cumprindo o famoso aviso prévio.

Do baú político

Entrevistado pela colega Laura Kummer, da TV Alese, o ex-governador Celso de Carvalho forneceu detalhes sobre a sua ascensão ao Governo de Sergipe, no dia 1º de abril de 1964. Foi marcante quando ele contou ter sido acordado na madrugada pelo major do Exército Lário Lopes Serrano. O militar informou sobre a deposição do governador Seixas Dória, convidou Celso para ir ao Palácio Olímpio Campos e foi na frente. “Quando cheguei lá, o major olhou para mim e disse: governador, eu não sei como passo isso. Estendeu a mão e falou: ‘Está passado’. Então, eu disse: está recebido. Foi assim que assumi o Governo do Estado, às 4 horas da madrugada, sem banda de música, fotografia, nem público”.

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários