De direita ou de esquerda?

0


            Blog Cláudio Nunes: a serviço da verdade e da justiça
“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

Por Washington Olivetto*

As brigas entre os radicais de direita e de esquerda, se multiplicaram nos últimos anos. E devem se multiplicar ainda mais agora que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pode voltar a ser candidato.

Um fato curioso dessa história é que os radicais de direita, apesar de serem historicamente mais mal humorados do que os radicais de esquerda, têm sido mais engraçados.

Brigam entre eles mesmos, comemoram e aplaudem a troca dos seus generais, almirantes e brigadeiros, e enxergam comunistas em qualquer esquina.

Uma simples placa de trânsito com a indicação “vire à esquerda” é vista por eles como coisa dos comunistas, daqueles que invadem propriedades e comem criancinhas.

Eu, que detesto radicalismos de qualquer espécie, e me treinei desde adolescente para ser ambidestro, tanto com os olhos, quanto com a cabeça, imagino que, mais dia menos dia, os radicais de direita começarão a acusar todo e qualquer canhoto de comunista.

Partindo do princípio de que aproximadamente 10% dos seres humanos são canhotos, e boa parte deles extremamente talentosa, passariam a ser considerados comunistas os canhotos da música Jimi Hendrix, Eric Clapton, Paul McCartney, Bob Dylan, Paul Simon e Eminem.

Os canhotos da política Ronald Reagan, Bill Clinton e Barack Obama. O canhoto da Fórmula 1 Ayrton Senna. A canhota do cinema Julia Roberts. A canhota bilionária Oprah Winfrey e o canhoto bilionário Bill Gates.

Os canhotos da Física Albert Einstein, suspeitíssimo por causa dessa tal “Lei da Relatividade”, e Isaac Newton, “que andou metido nessas histórias de Astronomia.”

Seriam também taxados como comunistas o violonista brasileiro Américo Jacobino – apelidado de Canhoto porque executava o dedilhado do seu instrumento com a mão esquerda, sem a inversão do encordoamento -, a misteriosa canhota Greta Garbo, o canhoto filósofo, Friedrich Nietzsche, o maior dos escritores canhotos, Machado de Assis, o canhoto mais kafkiano, Franz Kafka, e o canhoto, político, escritor e beberrão que fazia política melhor, escrevia melhor e bebia melhor do que qualquer um, Sir. Winston Churchill.

Ainda estariam na lista: os canhotos cinematográficos Tom Cruise, Robert de Niro e Spike Lee, sendo o último considerado o mais comunista de todos, por além de ser canhoto, ser negro.

Os canhotos das artes, Leonardo da Vinci, Vincent Van Gogh e Pablo Picasso.

Os lutadores de boxe canhotos – que, segundo o biógrafo Jonathan Eig, autor de “Muhammad Ali: Uma Vida”, eram os que Ali tinha maior dificuldade de vencer – e o canhoto Mike Tyson, com quem Ali nunca lutou.

E os canhotos da literatura Johann Wolfgang von Goethe e Lewis Carroll.

Complementando o pacote de canhotos temos o canhoto do pacifismo Mahatma Gandhi, o canhoto do cinema mudo e do cinema falado Charles Chaplin, o canhoto do stand-up comedy Jerry Seinfeld e o canhoto esgrimista italiano, Edoardo Mangiarotti, que conquistou 13 medalhas em Olimpíadas.

Acrescente-se a essa lista de canhotos, os gênios do futebol Roberto Rivellino, Diego Armando Maradona, Lionel Messi, e a brasileira Marta, eleita seis vezes a melhor jogadora de futebol do mundo.


Por falar em futebol, esporte que é o preferido dos políticos de direita e de esquerda, na hora de fazer média com o povão, existiu entre os anos de 1950 e 1960, um jogador perfeito – pela posição que ocupava e o apelido que tinha – para ser apontado pelos radicais de direita como o maior comunista de todos os tempos: o ponta esquerda Canhoteiro, do São Paulo Futebol Clube, um dos grandes dribladores da história do futebol mundial.

Melhor driblador do que Canhoteiro, só o seu contemporâneo Mané Garrincha, que jogava no Botafogo, era destro, ponta direita e morreu sem saber que esse negócio de comunismo existia.

*Texto publicado no jornal O Globo.

Nota Pública dos membros e ex-membros da Igreja do Evangelho Quadrangular em Sergipe Nós, membros atuantes e ex-membros da Igreja do Evangelho Quadrangular de diversas unidades situadas em Sergipe, mulheres vítimas de assédio sexual, esposos e familiares presentes na manifestação realizada no último domingo dia 11/04/2021, às 16h30, em frente às unidades Jardins e Estação (Sede) desta instituição, vimos, por meio desta, expressar nossa indignação com a nota oficial emitida pela Igreja referente aos fatos ocorridos, e esclarecer o nosso posicionamento acerca da narrativa distorcida e inverossímil contida na nota.

Nota Pública dos membros e ex-membros da Igreja do Evangelho Quadrangular em Sergipe II 1. Em primeiro lugar, somos pessoas que como membros ativos e e ex-membros servimos nesta Igreja durante muitos anos. Alguns durante vinte anos, outros quinze, outros dez, muitos dos quais batizados, e acolhidos por ela durante longos anos, bem como atuantes no seu serviço ministerial. Não somos, portanto, pessoas de um “movimento da internet” como veiculado na nota oficial. Fomos e continuamos sendo Igreja independentemente de denominação porque servimos a Cristo nosso redentor; 2. Declaramos aqui que a manifestação ocorrida não possuiu em absoluto nenhum vínculo com o Movimento Púlpito Reformado ou com o pastor Maurício Romeiro, pois nos organizamos e decidimos nos manifestar sem nenhuma interferência ou anuência de quaisquer autoridades religiosas, e o fizemos apenas em respeito às vítimas de assédio sexual e às nossas próprias consciências que clamam por justiça e verdade.

Nota Pública dos membros e ex-membros da Igreja do Evangelho Quadrangular em Sergipe III 3. As declarações contidas na nota oficial da Igreja alegando que houve por parte deste grupo “agressões públicas verbais” – “perturbação à cerimônia dos cultos de Santa Ceia” – “incitação ao ódio e constrangimento” – “coação dos nossos membros para entrada e saída do local”- “insensibilidade com a vizinhança”, são levianas, falsas e desrespeitosas com as famílias, mulheres assediadas, maridos, membros e ex-membros presentes à manifestação. Sobretudo, estas acusações são mentirosas e passíveis de causa coletiva impetrada junto à justiça por serem caluniosas, o que constitui crime contra a honra previsto no nosso Código Penal. “O pai da mentira é o diabo” João 8:44. Leia toda nota aqui:14.04 NOTA PÚBLICA

A foto acima é de um terreno que foi derrubada toda vegetação ao lado do condomínio Wave na rodovia Sarney na praia de Aruana, em Aracaju. Tem uma placa informado que o projeto ambiental foi aprovado pela Adema, mas não tem uma placa sequer informado o que será construído. É aguardar as licenças da Emurb e do CREA/SE.

Nota de Esclarecimento Funesa: obra na rede de esgoto do CEO de Propriá A Fundação Estadual de Saúde (Funesa), através da coordenação dos Centros de Especialidades Odontológicas da gestão estadual, esclarece a situação de uma obra na rede de esgoto de Propriá/SE, na Rua Largo José Alves Nascimento, onde funciona o Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) do respectivo município. Ao realizar inspeção no local, a equipe técnica de infraestrutura da Fundação encontrou um vazamento na calçada da unidade, próximo à caixa de passagem, e solicitou avaliação da Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso) sobre o caso. Durante a visita, a Deso informou que a caixa de passagem do esgoto do CEO é compartilhada com o domicílio vizinho.

Nota de Esclarecimento Funesa: obra na rede de esgoto do CEO de Propriá II A Funesa entrou em contato com o(a) proprietário(a) da residência e comunicou a necessidade de demolir a calçada para examinar a caixa de passagem, onde o esgoto do CEO é destinado. O serviço foi iniciado no dia seguinte, quando foi identificado uma redução no diâmetro da tubulação que tem origem na caixa de passagem interna, com 100mm, e percorre na caixa de passagem externa, com 75mm (artifício usado indevidamente para esse tipo de linha de esgoto). A equipe da Funesa acredita que o vazamento está no lugar onde foi feita essa redução na tubulação, pois, com vários problemas de entupimento, era utilizado um vergalhão para desobstruir a tubulação, o que pode ter ocasionado a ruptura dessa redução.

Nota de Esclarecimento Funesa: obra na rede de esgoto do CEO de Propriá III Todos os trâmites legais já foram realizados e, na próxima semana, será feito o isolamento da tubulação antiga (que passa embaixo de dois alicerces), além da instalação de uma nova tubulação, a partir da caixa de passagem interna. Será necessário demolir o alicerce estrutural da recepção e sala da gerência para interligar a linha de esgoto da Deso. Diante da situação, a Funesa também informa que o CEO é um espaço democrático, que está à disposição da comunidade para continuar garantindo atendimento de qualidade ao cidadão.

OPA da Rede Energia A Energisa comunicou ontem que enviou à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) o edital da oferta pública de aquisição de ações (OPA) da Rede Energia. O leilão de aquisição será realizado em 14 de maio. De acordo com a companhia, poderão ser adquiridas até 8,9 milhões de ações da Rede Energia, ao preço de R$ 8,11 cada, de acordo com o mecanismo previsto em edital. Com o ajuste, o preço seria de R$ 8,42, descontados R$ 0,3171 em dividendos intercalares pagos por ação em 29 de março (Valor Econômico).

Deputado defende músicos e critica suspensão de “live” “Enquanto em todos os Estados da Federação, as “lives” musicais prosperam e dão suporte aos artistas proibidos de trabalhar, em Sergipe, seguindo ordens do Governo do Estado, a Polícia Militar suspende uma “live” solidária, onde os trabalhadores lutavam para arrecadar o pão de cada dia”, salientou o deputado Gilmar Carvalho na sessão da Assembleia.

Solidariedade Gilmar explicou que a Polícia Militar foi usada pelo Governo para interromper um evento remoto que seguia todo o protocolo para evitar a disseminação do coronavírus e que servia de instrumento de solidariedade e de caridade para com o grupo de músicos sergipanos que padece com as medidas do Governo e chega até a passar fome. O evento estava sendo realizado na tarde do último domingo (11) em Itabaiana.

Crise O parlamentar ficou estarrecido e disse que o Poder Público está errado. “Não se coloca trabalhador para impedir que trabalhador seja solidário com quem está precisando de ajuda e com fome. O Estado tem obrigação de fazer a parte dele e não é colocando trabalhador para perseguir e prejudicar trabalhador”, salientou. Gilmar disse que é arbitrário o ato de tirar a esperança das pessoas que tentam em tempos de crise ter uma vida melhor. Ele disse, ainda, que a fiscalização precisa ser feita com cautela e responsabilidade.”É revoltante essa política de destruição de sonhos”, salientou o parlamentar, que questionou: “Com que cara essas mesmas pessoas terão a coragem de bater na porta de trabalhadores para pedir voto nas próximas eleições”?



PELO E-MAIL nunesclaudio@infonet.com.br E FACEBOOK




PELO TWITTER

www.twitter.com/profanselmo Mais uma vez o Presidente faz ameaças ao Poder Judiciário quando este não atender os seus anseios. Mais um crime contra a Constituição.Bolsonaro diz aguardar sinal da população para tomar providências na pandemia, de novo sem indicar quais

 

www.twitter.com/gilbertotv Se você não tem olhos para o sofrimento alheio, você não está preparado pra nada nessa vida.


www.twitter.com/LaercioFederal Tenho uma preocupação muito grande neste momento com a pandemia. Da forma como ela se alastrou, os hospitais não tem condições de suportar. Precisamos de mais vacinas e união de todos. Precisamos cuidar das pessoas, eu como agente público e cidadão tenho feito o meu dever.


www.twitter.com/belivasretado No fim das contas, não foram 12,9 bilhões que bozo mandou pra saúde. Se ligue nos fatos pra cair em esparrela #fakenewsdobozo



www.twitter.com/J_LIVRES Por Toni d’Agostinho @tonidagostinho
#BolsonaroGenocida #BolsonaroGenocidaNaCadeia #ImpeachmentDeBolsonaroUrgente #CPIdaPandemiaJa



Siga Blog Cláudio Nunes:

Instragram

 Facebook

 Twitter



Frase do Dia
“Somos todos irmãos, não porque dividamos, o mesmo teto e a mesma mesa: divisamos a mesma espada, sobre nossa cabeça.” Ferreira Gullar.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais