Debate X O silêncio que fala

0

É comum se ouvir, quando alguém está sendo alvo de uma acusação e não se defende, que "quem cala, consente".  Quem assistiu ao célebre filme "o homem que não vendeu sua alma", que retrata a vida de Thomas More, um homem íntegro, que resolveu calar-se, e por conta disso sucumbir diante do libelo do Chanceler Thomas Cromwell, sabe bem que o silêncio em determinadas circunstâncias representa uma aceitação ou assentimento. As razões que levaram Thomas More a silenciar eram legítimas, ditadas pelo seu profundo sentimento religioso que confrontava com a vida desregrada e amoral do seu "amigo", o Rei Henrique VIII, que, por ironia do destino, viria a ser o seu verdugo.

Mas nem todo o silêncio é legítimo, sobretudo quando quem pode, e mais do que isso, deve dar explicações é um homem público, quando questionado acerca de atos administrativos praticados sob o seu comando. É o caso de João Alves Filho que, segundo a sua assessoria de imprensa, não pretende ir ao debate que será promovido hoje pela TV Sergipe, que vem a ser um fórum adequado para os candidatos apresentarem as suas propostas e prestarem eventuais esclarecimentos aos cidadãos.

Então, pergunta-se: será que é legítimo e defensável fugir de um debate (mais um, dentre tantos outros) ao argumento de que determinado adversário irá acossá-lo? E por que o medo? Será que João Alves tem alguma culpa no cartório e tem receio de que não tenha respostas para determinadas perguntas? Será que as supostas acusações que Almeida Lima hipoteticamente venha a formular contra o mesmo são tão inverídicas assim que não merecem atenção e respostas, mas tão só o desprezo? Mas se são infundadas e levianas, por isso mesmo não merecem uma reprimenda à altura? É possível a Almeida Lima provar uma verdade com uma mentira? Se não é, então por que o temor de comparecer ao debate?

Diante de tantas perguntas que não querem calar, uma certeza: quem se defende, o faz em relação aos fatos, pouco importando quem seja o acusador.

O silêncio de João Alves Filho diante das inúmeras e incisivas acusações que o cercam imprime à sua biografia um atestado de pouco apreço à transparência e de pouco respeito à sociedade, que pode vir a elegê-lo prefeito sem ao menos conhecer a sua versão para as graves acusações que lhe são imputadas.

Talvez, para aqueles que ouvem muito além do silêncio, esse gesto omisso e fugídio seja muito eloqüente. Talvez, para essas mesmas argutas pessoas, esse silêncio fale por si… e bem alto!

Carreata no bairro Santa Maria de João Alves
O bairro Santa Maria terá o 1º Centro de Tratamento de Dependentes de Drogas de Sergipe. Essa é apenas uma das propostas previstas no plano de governo do candidato a prefeito pela coligação “Aracaju não pode esperar”, João Alves Filho (DEM), que vai renovar e valorizar a Zona de Expansão de Aracaju.

Mensagem de esperança
No final da manhã de ontem, 03, o candidato participou de uma carreata pelas ruas do Santa Maria ao lado da senadora e esposa, Maria do Carmo. Juntos, os dois levaram mensagens de esperança de uma vida melhor para os moradores do bairro.

Obras
João Alves já tem previsto em seu plano de governo uma série de obras no local, que incluem a urbanização, construção de praças poli-esportivas com espaços de lazer para as crianças, além da construção de uma maternidade pública com cem leitos, entre outras obras que mudarão a vida das famílias carentes que moram no bairro. Isso sem contar que, com a volta de João Alves, o programa “Pró-Mulher, Pró-Família”.

De São Paulo,  Déda pede votos para Valadares Filho
Em um pronunciamento gravado em São Paulo, onde se encontra em tratamento de saúde no Hospital Sírio-Libanês, o governador de Sergipe, Marcelo Déda, apareceu ontem, 03, no último programa de televisão no horário eleitoral de Valadares Filho, candidato a prefeito da coligação “Aracaju Segue em Frente”, encabeçada pelo PSB.

Futuro
O governador agradeceu as correntes de oração, a torcida e o pensamento positivo em favor do seu restabelecimento, antes de ir direto ao assunto: pedir o voto do aracajuano para Valadares Filho, na eleição do dia 7 de outubro.“Agora é hora de fazer uma escolha pelo futuro”, disse o governador, que pediu também uma reflexão aos eleitores de Aracaju na hora de escolher o futuro prefeito da capital.

Votar em quem “rouba mas faz”
Ainda no último programa eleitoral o candidato Valadares Filho reconheceu que uma parcela da população hoje anda desconfiada dos políticos, mas pediu: “Não podemos nos acomodar ou repetir velhos erros”. Entre os erros, citou aquele de votar, “como diz o ditado popular, em quem ‘rouba mas faz’ ou em quem acha que grandes obras são mais importantes que cuidar das pessoas”.O candidato disse também que é de uma geração que nasceu sob a democracia, que “respeita as instituições, os servidores públicos, a transparência e e a ética” e garantiu que será prefeito até o último dia do mandato.

Fora Amorim
Não durou muito a relação entre João Alves e seu ex-genro Edvan Amorim restabelecida recentemente apenas por interesses políticos. Assim que começaram os trabalhos, o genro Mendonça Prado – inimigo pessoal de Amorim – foi chamado e assumiu a coordenação da campanha e, com esse gesto estratégico, João propositadamente afastou de suas proximidades o presidente do PTB. O senador Eduardo, ainda é tolerado, mas o ex-genro foi defenestado definitivamente das hostes demistas.

O Troco
Bom de briga e sempre pragmático, Edvan Amorim não passou recibo da grosseria do ex-sogro, mas o troco veio nesse fim de semana com a liberação dos candidatos a vereadores dos seus partidos para que votem, quando for de seus interesses, em Valadares Filho (PSB). As contribuições financeiras minguaram e a conversa entre eles no segundo turno vai ser muito complicada. E muito mais valorizada, claro.

Pânico no segundo turno
Nos bastidores da coligação de João Alves (DEM) bateu o pânico do segundo turno. Todo mundo está cruzando os dedos para o que até há algumas semanas era impensável. Sapato alto, as mazelas de Zé Carlos Machado e derrapagens de marketing – por culpa dos políticos do grupo, não dos profissionais – podem levar João a uma derrota histórica nessas eleições. Uma coisa, porém já está acertada: Machado não aparecerá mais nos programas e comerciais de João.

Novo erro: não ir ao debate
Novo erro de João. A alegação de que Almeida Lima (PPS) poderia usar o programa para lhe fazer acusações é irreal. Tem razão o Valadares Filho (PSB) quando diz que João é um candidato com ideias do século passado. Esse continuo desrespeito pela opinião pública – ele não foi a nenhum debate com os seus adversários – é sinal de sua personalidade política imutável, muito próxima de um velho coronel da ditadura militar à qual serviu sem nenhum pudor.

Denuncias eleitorais: PRE e promotorias abertas no sábado e domingo
O Ministério Público Eleitoral (MPE) vai funcionar em regime de plantão nos próximos sábado e domingo (06 e 07 de outubro) para atender a população durante as eleições. A Procuradoria Regional Eleitoral em Aracaju e todas as promotorias eleitorais do Estado estarão abertas para receber denúncias de compra e venda de votos, boca de urna e qualquer outras irregularidades que atrapalhem o processo eleitoral.

Equipe
A Procuradoria Regional Eleitoral terá à disposição equipes de servidores tanto para o trabalho interno quanto para diligências externas. O mesmo plantão já foi realizado no último sábado e domingo (29 e 30 de setembro). A PRE funciona na sede do Ministério Público Federal, localizada na Avenida Beira Mar, nº 1064, Bairro Treze de julho. O telefone para denúncias é o 3301-3777. A população também pode fazer denúncias de crimes eleitorais à Polícia Federal e, nos municípios onde a Polícia Federal (PF) não esteja presente, à Polícia Civil.

Portas abertas

A procuradora Regional Eleitoral, Lívia Nascimento Tinôco explica que o MPE está de portas abertas para atender a população e receber denúncias, que podem ser feitas pessoalmente, na Procuradoria Regional Eleitoral (PRE) e nas promotorias eleitorais, ou por telefone. “Estamos prontos para fiscalizar e garantir a tranquilidade do processo eleitoral, consolidando o Estado de Direito como Estado democrático”, afirma a procuradora.

Forças policiais
No dia da eleição, 07 de outubro, a Polícia Federal funcionará com bases fixas nos municípios de Aracaju, Lagarto, Itabaiana e Capela. A procuradora Regional Eleitoral explica que, no dia da eleição, nos municípios onde não houver base da PF, a Polícia Civil atua subsidiariamente, com todas as atribuições que a Polícia Federal teria, podendo ser acionada em casos de irregularidades no processo eleitoral.

Recuperação da Capela do antigo engenho Penha
O presidente da Cohidro, Mardoqueu Bodano, se reuniu na manhã desta quarta-feira, 03, com a secretária de Cultura, Eloisa Galdino, para discutir a recuperação da Capela do antigo engenho Penha, bem patrimônio cultural brasileiro, que fica localizada no assentamento Dandara, nas terras do perímetro irrigado Jacarecica II, em Riachuelo. Além do presidente, o diretor de irrigação da Cohidro, João Quintiliano da Fonseca e a equipe da SECULT participaram do encontro.

Corrente de oração
Será realizada nesta sexta-feira, às 8h30 no pátio da Seides, na Rua Santa Lúzia uma missa pelo padre Peixoto para fortalecer a corrente de oração em prol do governador Marcelo Déda. A ideia surgiu de alguns servidores e inclusive, na próxima semana será realizado um culto evangélico com o mesmo objetivo.

Robson da Laranja na frente em Itabaianinha
Pesquisa realizada pela W1emcampo, entre os dias 23 e 26 de setembro, com 600 eleitores daquele município e registrada junto ao TRE-SE sob o número SE-00086-2012, aponta vitória folgada de Robson da Laranja (PSDB) na corrida à Prefeitura de itabaianinha.

Números
Na estimulada, Robson da Laranja (PSDB) aparece com 48,5% dos votos, seguido do Peixe (PPS) com 39,8% e Klecinho de Farmacinha (PP) com 1,0%. 3,8% afirmaram votar em nenhum/branco/nulo, e 6,8% dos entrevistados se disseram ainda indecisos entre os candidatos colocados. A margem de erro da pesquisa é de 4,0 pontos percentuais.Quando são considerados apenas os votos válidos, a vantagem de Robson da Laranja (PSDB) fica ainda maior em relação ao Peixe (PPS), segundo colocado na sondagem, chegando a abrir 9,7% de frente.

Eleitorado
Itabaianinha possui um eleitorado de 24.707 eleitores. Desconsiderando-se os votos dados às opções nenhum/branco/nulo e a não sabe/não respondeu, que totalizariam 2.619 votos, restariam 22.088 votos válidos para ratear entre os três candidatos citados. Desta forma, teríamos os seguintes números: Robson da Laranja (PSDB) com 11.994 votos; o Peixe (PPS) com 9.851 votos; e Klecinho de Farmacinha (PP) com 243 votos. Isso se traduz numa vantagem de 1.900 votos de Robson da Laranja (PSDB) em relação aos votos dos seus dois concorrentes juntos.
Restando apenas quatro dias para as eleições, esse resultado aparenta uma certa definição do eleitorado de Itabaianinha em relação aos candidatos a prefeito em disputa. (CS).

Eleições I
A última eleição direta para presidente da República após a redemocratização ocorrida em 1946, foi realizada em 1960. Era eleito para comandar a nação brasileira o ex-governador de São Paulo, Jânio da Silva Quadros, que sucedeu JK, mas renunciou ao posto de presidente do Brasil em agosto de 1961. João Goulart, o vice-presidente, foi impedido de assumir, vez que vetado pelos militares. Foi, então, fechado um acordo para a implantação do parlamentarismo, logo revogado através de plebiscito. Em 1964, ocorre o golpe de Estado que instala a ditadura militar que, por sua vez, durou até 1985. Começa a Nova República. Tancredo Neves derrota Paulo Maluf no Colégio Eleitoral, mas quem assume é José Sarney, em consequência da doença e depois da morte do político mineiro.

Eleições II
Somente em 1989 realiza-se a primeira eleição direta para presidente. Fernando Collor derrota Lula no segundo turno. O ex-governador de Alagoas sofre “impeachment” e é substituído pelo vice de Collor, o senador mineiro Itamar Franco. Em 1994, Fernando Henrique Cardoso é eleito presidente e em 1998, reeleito. Em 2002, Lula assume o poder. Em 2006, é reconduzido. Finalmente em 2010, Lula indica Dilma Rousseff, que derrota José Serra e assume a presidência da República. A próxima eleição presidencial ocorrerá em 2014. Por enquanto, os candidatos mais prováveis são Dilma e Lula, pelo governo, e Aécio Neves e José Serra, pela oposição. Correndo por fora, aparecem o governador de Pernambuco e presidente nacional do PSB, Eduardo Campos, e Marina Silva, que concorreu em 2010.

Eleições III
Em nível estadual, a primeira eleição direta ocorreu ainda no período do regime militar, em 1982, quando se falava em abertura “lenta, gradual e segura”. O pleito em Sergipe foi vencido por João Alves Filho, que foi sucedido por Antonio Carlos Valadares. Daí em diante, tivemos João, Albano e novamente João. Em 2006, Marcelo Déda elege-se governador do Estado e em 2010 é reeleito. Em ambos os pleitos, a liderança de Déda, que já tinha sido comprovada quando foi eleito e reeleito para a Prefeitura de Aracaju, ficou novamente evidenciada, pois as duas vitórias aconteceram no primeiro turno.

Importância dos sindicatos I
A organização dos sindicatos no Brasil data do início do século XX. Em 1906, os operários trabalhavam 14 horas por dia. O intervalo de almoço era de meia hora e olhe lá… O comércio fechava por volta das 10 horas da noite. A semana tinha seis dias de trabalho e o descanso era apenas aos domingos. Greves começavam a ser deflagradas, aqui e ali. Estivadores, ferroviários, motorneiros, tecelões, sapateiros, pedreiros, todos começavam a lutar pelos seus direitos. Eram fundados, então, os primeiros sindicatos.

Importância dos sindicatos II
De uma forma resumida, SINDICATO é “associação de trabalhadores assalariados visando à defesa de seus interesses perante os patrões e o Estado. Reúne trabalhadores de uma mesma profissão, de um mesmo ramo de atividade ou empresa.” Na história da Humanidade, os sindicatos têm exercido um papel de importância emblemática nas lutas encetadas pelos trabalhadores. Por melhores salários, por melhores condições de trabalho, os sindicatos representam uma trincheira na defesa dos legítimos anseios dos trabalhadores.

Eric Hobsbawm
Uma grande perda para a Humanidade. Com 95 anos, faleceu na última segunda-feira, em Londres, um dos principais intelectuais britânicos. Nasceu em 1917, no Egito, após a Revolução Russa. Viveu momentos cruciais da história contemporânea. Escreveu mais de 30 livros. Os mais famosos são A ERA DAS REVOLUÇÕES, A ERA DO CAPITAL, A ERA DOS IMPÉRIOS e A ERA DOS EXTREMOS.

SENAI abrirá suas portas à comunidade
Nos dias 18 e 19 de outubro, a maior e melhor escola de ensino técnico-profissionalizante da América Latina, estará abrindo suas instalações em Aracaju para que a comunidade verifique a qualidade do ensino. Esse será o Mundo SENAI, evento que tem por objetivo apresentar as últimas novidades pedagógicas que ajudam no desenvolvimento da aprendizagem dos alunos e no desenvolvimento da mão de obra qualificada para a indústria sergipana.

Revolução de 1930
Importante fato político ocorre no mês de outubro, com a vitória de Vargas e o término do período chamado de República Velha. O movimento eclodiu uma rebelião deflagrada no Nordeste e no Sul do país. No fim do mês, os chefes militares depõem o presidente Washington Luís, e, em 3 de novembro, Getúlio Vargas chega ao Rio de Janeiro, vindo do Rio Grande do Sul, e assume o governo provisório. Começa, então, a Era Vargas. Getúlio, por decreto, promove uma verdadeira revolução nas relações capital/trabalho, criando a CLT – Consolidação das Leis do Trabalho, instituindo a jornada de oito horas diárias e, mais tarde (1940), o salário mínimo. Várias medidas de cunho nacionalista foram tomadas por Getúlio Vargas, que comandou a nação até 1945, sendo que a partir de 1937, Vargas dá um golpe e implanta o Estado Novo.

Petrobras
Em 1953, é criada a PETROBRAS e instituído o monopólio estatal do petróleo. Essa política provoca a reação dos conservadores, liderados pela UDN – União Democrática Nacional, cujo maior líder era o jornalista e político Carlos Lacerda.

Alan Kardec
Transcorreu ontem, 03.10, mais um aniversário de nascimento do codificador da doutrina espírita, a maior expressão da corrente filosófica e moral denominada espiritismo. Francês de nascimento, escreveu, inspirado pelos espíritos superiores, as obras basilares da referida doutrina, que incorporou o seu nome, o “kardecismo”. “O Livro dos Espíritos” e “O Evangelho Segundo o Espiritismo” são seus livros mais difundidos em todo o mundo. A referida doutrina surgiu na França, na segunda metade do século XIX, uma época de extremo materialismo naquele país europeu.No Brasil, o maior nome da doutrina espírita é Francisco Cândido Xavier, o Chico Xavier.

Flagrantes esportivos
Fiasco internacional. Gerador do estádio quebra e jogo entre Argentina e Brasil pelo superclássico das Américas não é realizado, na cidade argentina de Resistência. Depois de esperar em vão durante muito tempo, a arbitragem da partida resolveu aceitar as ponderações dos dois goleiros e o encontro reunindo Argentina e Brasil ficou, mesmo, para outra data. A delegação brasileira chegará em São Paulo por volta das 5 horas de hoje (04.10). Foi, de fato, um grande fiasco, frustrando a torcida presente. Já entre os jogadores brasileiros, os maiores decepcionados foram Arouca e Tiago Neves, que, escalados pelo técnico Mano, teriam sua primeira oportunidade na seleção do Brasil. À equipe brasileira, um simples empate seria suficiente para vencer, pela segunda vez, a competição. /// Confiança contrata o técnico Rocha e o atacante Da Silva. /// FSF vai marcar reunião para discutir como será o campeonato estadual de 2013. /// Rodada do Brasileirão (Série A) terá jogos hoje e sábado. /// Domingo não haverá partidas em todo o país, por causa das eleições municipais.

Curtas
Segundo o Datafolha, Russomanno cai 5 pontos e embola disputa com Serra e Haddad. /// Russomanno – 25, Serra, 23 e Haddad – 19. /// João Alves informou, oficialmente, à TV Sergipe, que não irá ao debate desta noite. /// Barbosa condenou Dirceu, Genoíno e Delúbio por corrupção. /// OTAN faz reunião de emergência sobre bombardeio da Turquia. /// Russomanno recusa-se a debater com Haddad e afirma: “chegue no segundo turno”. /// Venda de carros cai, e atividade do comércio recua em setembro. /// Em Curitiba, Ratinho Júnior continua na frente. /// Polícia amplia buscas por criança desaparecida no Reino Unido. /// China promete comprar mais dívida espanhola a curto e a longo prazo. /// João Alves foge do debate da TV Sergipe, que terá quatro participantes: Valadares Filho, Vera Lúcia, Almeida Lima e Reinaldo Nunes. /// Termina o horário eleitoral gratuito. /// IBOPE divulga pesquisa no sábado.

PELO TWITTER

www.twitter.com/RadiodoMoreno  Eu tenho um amigo que sempre consegue dar um cavalo de pau na adversidade. Nos meus momentos difícies, peço a Deus: Dai-me a fé do Déda!

www.twitter.com/joserobertoSE Pesquisa da Exata(bom nome)deu 28% votos brancos,nulos e indecisos. Deve ser inédito no Brasil este %. Estranho, no mínimo, este resultado.

www.twitter.com/silviosantospt Em Laranjeiras, duas pesquisas: uma aponta vitória de Juca, outra mostra Marta na frente. Não é hora d acabar c/a malandragem das pesquisas?

www.twitter.com/diogobsouza Pesquisas deveriam ser proibidas nos 30 dias que precedem as eleições, a disparidade nos números é gritante, quero ver as explicações depois.

www.twitter.com/AntonioJMoraes O tráfico de drogas, jogo do bicho e compra de votos. Todos sabem como e onde ocorrem. E nada é feito preventivamente.

www.twitter.com/erico_melo Na época de eleição o candidato diz que fez o que não fez e promete o que não vai fazer. O Procon deveria agir por propaganda enganosa.

www.twitter.com/valter_jornal Processo da Navalha, que está em Cláudio Nunes hoje, é um alerta ao passado, de como se deu o maior ato de corrupção em Sergipe.

DO LEITOR

Campanha eleitoral em Monte Alegre
José Cleuso De Freitas (cleusofreitas@hotmail.com): “Venho através deste, repudiar a parcialidade do senhor Gilmar Carvalho. O mesmo estar fazendo campanha abertamente nos meios de comunicação que trabalha, que são concessões públicas,  para o candidato Tonhão em Monte Alegre de Sergipe. O grupo liderado por Osmar Farias, que o senhor Gilmar na campanha de Déda usou o microfone e pediu para que o povo desta terra não votasse na quadrilha de Osmar Farias. Quanta demagogia. Monte Alegre de Sergipe, o2 de Setembro de 2012”.

Escolha de conselheiros dos TCE`s
E-mail de Virgilho Filho: “Creio que tudo isso decorre da inexistência de uma legislação específica para dirimir questões desta natureza e fazer desaguar tudo relacionado aos TCE's no STF; tal legislação poderia possibilitar uma maior agilidade nos julgamentos, evitando situações como hoje ocorrem. Seria até mesmo o caso de se fazer uma proposta de Emenda à Constituição Federal no sentido de incluir alguma regra onde situações análogas a esta fossem somente dirimidos perante o STF, evitando possibilidades e remédios jurídicos dos mais variados, inclusive proibindo o preenchimento de qualquer outra vaga antes de dirimir as dúvidas quanto ao preenchimento da vaga anterior”.

Incoerências de pesquisa eleitoral em Poço Verde
Do leitor Fabiano Araújo(fabianopetry@hotmail.com): “Acompanho o seu blog diariamente, leio alguns comentários seus sobre pesquisas eleitorais, opinando que estas deveriam servir somente para consumo interno dos partidos, haja vista existirem pesquisas eleitorais que fogem gigantescamente dos resultados pós-eleições. Deste modo, me chamou atenção uma pesquisa eleitoral (registrada no TRE no dia 27/09/2012 sob nº SE-00092/2012) distribuída no município de Poço Verde, em que o candidato Iggor Oliveira tem 46,8%, Thiago Doria 41,1%, Rafael de João Abreu 3,0%, Alexandre Figueiredo 1,0%, Luís Américo 1,0%, Nenhum/B/N 1,1% e NR/NS 6,0%. Acontece que esse resultado foi obtido por meio de 500 entrevistas diferente do número de 600 entrevistados conforme registrado no TRE, portanto, podemos afirmar que o instituto W1emcampo responsável pela pesquisa em Poço Verde realmente entrevistou 600 pessoas. Aí é que está o xis da questão, como podemos corroborar a autenticidade de uma pesquisa que omite a opinião de 100 entrevistados? Quais os reais motivos para a omissão de 100 entrevistados? Porque nas vésperas da eleição é distribuída tal pesquisa. Sabendo da sua responsabilidade jornalística gostaria de saber a sua opinião sobre o assunto, haja vista as incoerências suscitadas. Segue em anexo a pesquisa obtida através das 500 entrevistas, o registro no TRE da pesquisa onde consta os 600 entrevistados, Plano Amostral da Pesquisa Poço Verde, Questionário:http://pesqele.tse.jus.br/pesqele/publico/pesquisa/Pesquisa/visualizacaoPublica.action?id=14015”

Blog no twitter: www.twitter.com/BlogClaudioNun

Frase do Dia
Apenas um raio de sol é suficiente para afastar várias sombras. O4 de Outubro, Dia de São Francisco de Assis, santo católico

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários