Distúrbios Vasculares – Você sabia?

0

1) – Os distúrbios cardiovasculares são a principal causa de mortes no mundo com 17 milhões de óbitos – o equivalente a uma em cada 3 mortes. No Brasil, somam 300.000 por ano;

 

 

2) – Que este crescimento está intimamente associado ao aumento dos casos de obesidade, hipertensão e stress;

 

3) – Que para justificar a falta de cuidado com elas próprias, as pessoas costumam dizer que o corre-corre do dia-a-dia as impede de fazer ginástica, observar uma boa dieta, abandonar um cigarro ou ir ao médico com regularidade. Essa é, no entanto, uma meia-verdade;

 

4) – Que se cada um examinar o fundo de sua consciência, é bem possível que chegue a conclusão de que os hábitos nocivos incorporados ao cotidiano são mesmo fruto de uma opção, e não de uma possibilidade;

 

5) – Que para se começar a idade para início de prevenção passou dos 40 para os 20 anos. Com isso, os médicos esperavam salvar milhões de vida. O motivo da mudança é que o número de vítimas jovens é cada vez maior;

 

6) – Que nos anos 60, sessenta e cinco por cento das mortes por distúrbios cardíacos ocorriam entre pessoas com mais de 65 anos. Hoje cerca da metade das vítimas fatais tem menos de 55 anos;

 

7) – Que quanto menor a idade, mais fulminantes tendem a ser infartos e derrames. A explicação é que, com o passar dos anos, o organismo desenvolve uma rede auxiliar de vasos sanguíneos. Eles entram em ação quando uma veia principal entope. Aos 40 e 50 anos, ainda não houve tempo para a formação dessa trama de vasos secundários;

 

8) – Que de acordo com a Associação Americana do Coração, o ideal é que aos 20 anos, todos já estejam cientes dos riscos que correm de desenvolver algum tipo de doença cardiovascular. Mulheres inclusive, porque elas estão cada vez mais suscetíveis a sofrer do coração;

 

9) – Que é necessário conhecer o histórico familiar de males cardiovasculares e diabetes, medir com freqüência a pressão sangüínea  e não perder de vista o índice de massa corporal, a circunferência abdominal e os níveis de colesterol e açúcar no sangue;

 

10) – Que segundo a A.A.C, dos 20 a 30 anos  o ideal é fazer exames preventivos de cinco em cinco anos. A partir dos 40 anos, uma vez por ano.

 

11) – O sedentarismo está relacionado a 54% das mortes por distúrbios cardíacos e a 50% dos derrames fatais. Em comparação ao indivíduo fisicamente ativo, o sedentário tem 40% mais probabilidade de sofrer um infarto. Outro dado que chama a atenção é o do cigarro: os médicos não só condenam o ato de fumar como agora aconselham veementemente aos não-fumantes que se mantenham longe do fumacê produzido por quem está ao lado. Isso porque foi provado que o fumante passivo tem o dobro de probabilidade de sofrer uma doença cardíaca em comparação a quem não convive com ———————

 

 

OBS: Informações coletadas através da Associação Americana do Coração.

 

* Araujinho Qualificação: Instrutor Técnico registrado pelo Confef – Conselho Federal de Educação Física – nº 000072/T-SE, CREF – Conselho Regional de Educação Física – e pela FSCMF – Federação Sergipana de Culturismo Musculação e Fitness – reconhecida pelo COB – Conselho Olímpico Brasileiro e filiada a IFBB – International Federetaion Of Body Building -; árbitro de Culturismo e Fitness da FSCMF; vice-campeão sergipano de Musculação, Técnico em musculação pela NABA, Federação Paulista de Musculação, Consultor Fitness em exercícios resistidos, vice-presidente da Federação Sergipana de Fisiculturismo e Fitness reconhecida pela IFBB e acadêmico do curso de Educação Física pela Universidade Tiradentes – Unit – e ex-acadêmico da Universidade Federal de Sergipe – UFS.

Dúvidas e Sugestões: araujinhopersonal@infonet.com.br (0xx79) 9978-6799

O conteúdo das colunas assinadas no Portal InfoNet são de inteira responsabilidade de seus respectivos autores.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários