Do quadro nacional e o quadro em SE

0

“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

Enquanto o quadro nacional para a disputa presidencial a cada semana ganha um lance novo, com os percentuais em declínio da presidente Dilma, crescimento dos candidatos Aécio Neves e Eduardo Campos e a campanha “Volta Lula” que cada dia ganha mais corpo junto a base aliada, o quadro das coligações em Sergipe não terá nenhuma definição até o mês de junho.

Para deixar claro: maio será mais um mês de conversas, especulações e sem nenhuma definição sobre apoio e coligações. Tudo porque nacionalmente o atual quadro pode mudar se Dilma continuar caindo e Lula aceitar os “apelos” de alguns aliados para ser candidato a presidente.

Agora tem algo de concreto: os candidatos que têm o apoio de Dilma nos Estados começam a se preocupar. Se a queda for mesmo sintomática e as próximas pesquisas confirmarem a redução dos percentuais, além de deixar a oposição eufórica, o “volta Lula” ganhará força e será a última alternativa para manter o atual grupo no poder nacional.

E ninguém duvide, que se a queda for mesmo sintomática e insistirem com Dilma, que em muitos Estados os aliados de hoje vão começar a procurar os candidatos Aécio e Eduardo Campos. É o que os políticos chamam de “sobrevivência política”.

ProRedes remendado
Depois de muitos capítulos acabou ontem a primeira temporada da novela ProRedes. Primeira temporada porque com certeza a segunda será quando do veto do governador as emendas aprovadas pela oposição. É só esperar a próxima temporada.

Pedra no caminho
Para o líder do governo, Francisco Gualberto, as emendas aprovadas significam a pedra no caminho, pois não estão alinhadas com o tipo de financiamento proposto pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). “Agora virá outro capítulo, pois o governador é obrigado a vetar as emendas porque não contemplam as especificações do BID”, disse, explicando que os programas de financiamento do banco obedecem regras para o mundo inteiro. “Não é somente para Sergipe”.

Emendas inviabilizam financiamento do ProRedes
A secretária de Estado da Saúde, Joélia Silva Santos, acompanhou toda votação do ProRedes e disse que as emendas aprovadas podem prejudicar o financiamento porque não estão dentro da finalidade pretendida.

UPA e maternidade
A secretária falou ainda sobre as emendas que tratam da construção de mais uma UPA e da ampliação de 50 leitos na maternidade de baixo risco em Aracaju. "Para Aracaju foi ofertada uma UPA pelo Ministério da Saúde no ano passado e o município recusou a proposta com financiamento fundo a fundo. Sobre a construção da maternidade de baixo risco e risco habitual, é preciso lembrar que já existe um convênio de R$ 14.900.000,00, celebrado entre o Fundo Nacional de Saúde e o Fundo Municipal de Saúde de Aracaju, desde o ano de 2012, cuja obra ainda não fora iniciada e encontra-se na condição de cláusula suspensiva do contrato de repasse com a CEF, a qual deverá ser solucionada até o prazo de 19 de junho, para envio dos projetos complementares, sob pena de perda do recurso," falou a secretária.

Centros
Em relação às emendas que propõem a construção de Centros Especializados em Estância e Nossa Senhora da Glória, Centro de Referência à Saúde da Mulher, na cidade de Tobias Barreto, e Centro de Imagens no município de Laranjeiras, a secretária informou que a dificuldade era exatamente pelo diagnóstico feito pelo Banco que, para este Projeto, prioriza os equipamentos de serviços já existentes e implantados, considerando que há número insuficiente de profissionais para manter as escalas de serviços de forma pulverizada como prevê o conjunto de emendas.

Banese
Para a emenda que propunha uma conta bancária específica, a secretária disse que apesar de facultado pela legislação a possibilidade do recurso ser depositado na Conta Única, no tocante à programas específicos oriundos de negociações financeiras com o BID, é praxe a abertura de conta específica. "E que priorizasse a prata da casa", ressaltou Joélia Silva. O banco apontado, e aprovado, foi o Banese.

Hospital de trauma
Em relação à construção de um hospital especializado em trauma, a secretária afirma que "a linha de financiamento do Proredes não prevê financiamento para ações as quais o Ministério da Saúde não estabelece como sendo Política do Sistema Único Nacional. Os hospitais gerais devem ter serviço de traumato-ortopedia, inclusive com porta aberta 24 horas, além dos investimentos atuais na discussão da linha do trauma contemplarem o Huse como o maior centro de trauma do estado", acrescentou.

Dependentes
Quanto à construção de um Centro de Recuperação para Dependentes Químicos, Joélia Silva esclarece que "esta é mais uma emenda que inviabiliza a assinatura de execução do Proredes junto ao Banco, pois tal equipamento considerado como comunidade terapêutica não apresenta financiamento na Rede de Atenção Psicossocial estabelecida pelo Ministério da Saúde, e que hoje é financiado pela Secretaria Nacional Anti-Drogas através da contratação de Organizações Não Governamentais para internação desses usuários".

Luciano Barreto reafirma apoio a Gilmar Carvalho
Na reunião/almoço  semanal da Associação Sergipana de Empresários de Obras Públicas e Privadas – ASEOPP, o presidente da entidade, Luciano Barreto, aproveitou a presença do deputado Gilmar Carvalho (SDD) para reafirmar o apoio dele a reeleição do parlamentar. Na semana passada Luciano já tinha anunciado o apoio ao deputado federal Rogério Carvalho como candidato ao Senado.

Relacionamento correto
Luciano Barreto disse aos associados que Gilmar Carvalho na ALESE vem ecoando a voz do setor, através de um relacionamento correto cujo compromisso é com o desenvolvimento de Sergipe. “Todo Sergipe sabe que Gilmar Carvalho é meu candidato a deputado estadual”, reforçou Luciano.

Carta Compromisso
Ao falar para os associados, o deputado Gilmar Carvalho sugeriu que a ASEOPP apresente uma Carta Compromisso aos principais candidatos ao governo do Estado para que eles assinem o compromisso com as reivindicações da entidade. Gilmar Carvalho lembrou que o setor da construção civil representa hoje cerca de 52% dos empregos com carteira assinada e que, como todo segmento, deve ser respeitado e ter suas reivindicações ouvidas.

Preço justo
“Defendo que a obra tenha o preço justo, nem sempre o menor preço é o melhor”, disse o deputado afirmando que cabe aos órgãos de fiscalização fazer a sua parte. O deputado estadual explicou que defende o modelo de Parceria Pública Privada – PPP, porque é preciso que a gerência privada chegue a vida pública. “Com meritocracia, com modelos avançados e sem atropelar a legislação”, disse, defendendo mais celeridade. Gilmar deixou claro também sua defesa na Assembleia de que as obras de Sergipe sejam preferencialmente realizadas por empresas sergipanas.

Mobilidade e dignidade
Proporcionar condições melhores para mobilidade das pessoas com deficiência ou com mobilidade reduzida é preocupação constante do deputado Valadares Filho (PSB-). O parlamentar deu entrada em projeto de lei que propõe que os estabelecimentos comerciais de vestuário devam dispor de provadores reservados para pessoas com deficiência ou com mobilidade reduzida. “Nosso propósito é avançar em direção à dignidade das pessoas”, disse o deputado sergipano.

Avanços
Na justificação do projeto, Valadares Filho destaca que o Brasil tem avançado muito, nos últimos anos, em sua política de acessibilidade, tendo como impulsionadores a Lei nº 10.098/2000 e as estruturas governamentais, em todas as instâncias, criadas para que os princípios da norma sejam observados.

Outra lei
Valadares Filho também é autor PL 7333/2014, que propõe que estabelecimentos de uso público ou comerciais como lan houses e cybercafés, que ofertam a locação de computadores para acesso à internet devem dispor de espaços reservados para pessoas que utilizam cadeira de rodas e de lugares específicos para pessoas com deficiência auditiva e visual de modo a facilitar-lhes as condições de acesso.

Fábio Reis e Lila buscam soluções para Lagarto
O deputado federal Fábio Reis participou ontem, 29, de reunião no Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). Ele foi acompanhado do prefeito de Lagarto, Lila Fraga, e dos secretários de obras e educação, Fábio Henrique e Islene Prata, respectivamente. O objetivo do encontro foi buscar soluções para as pendências do município, geradas, principalmente, pela gestão anterior.

Obras
Foram tratadas as obras da creche no loteamento mesquita, a creche jardim campo novo, o espaço educativo rural e a cobertura de duas quadras escolares. Todas elas encontram-se paradas por problemas na execução das obras, entre eles embargos, problemas na infraestrutura, abandono da empresa vencedora de licitação e problemas no processo licitatório.

Má gestão

O prefeito, os secretários e o deputado receberam da técnica do FNDE, Marlúcia Amaral, orientações de como proceder para tentar sanar os problemas e, assim, liberar o sistema para receber novas demandas de obras. “Aqui está uma prova do que uma má gestão pode causar”, afirmou o deputado Fábio Reis. “É preciso ter muita cautela agora e tentar agir da melhor forma possível para salvarmos o município e não repassar esses problemas para o próximo gestor”, salientou.
 
Palestra REDESIM
Os integrantes do Conselho Deliberativo Estadual do Sebrae Sergipe participaram de um encontro na sede da Instituição ontem, 29. A proposta foi assistir uma palestra sobre a REDESIM.  "Convidamos o George da Trindade Gois, Presidente da JUCESE, para explicar o que é a Rede Sim – Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios. Ela irá integrar à Junta Comercial todos os órgãos e ampliar o Simples para todos. Uma causa nobre, que vale o apoio da sociedade sergipana", destaca Antonio Carlos Araujo, presidente do CDE.

Novo conselheiro 
Durante o encontro o presidente e empresário Antonio Carlos deu posse a o novo conselheiro suplente, Roberto Bispo de Lima, que assumiu pela SEDETEC. O CDE é formado por 15 entidades que representam os setores produtivos sergipanos no comércio, indústria, agricultura, além do Governo do Estado. Seu papel é estratégico na construção de políticas públicas que visam o desenvolvimento da micro e pequena empresa sergipana.

Lucas fala sobre acidentes de trabalho
No dia 28 de abril é comemorado o Dia Mundial em Memória das Vítimas de  Doenças e Acidentes de Trabalho e o tema foi abordado pelo vereadorLucas Aribé (PSB), na Câmara de Aracaju, ontem, 29. Segundo Lucas, o Brasil conseguiu uma redução nas estatísticas dessas ocorrências, porém, centenas de pessoas sofrem diariamente com isso. "Fiz questão de registrar essa data nesta Casa pois, apesar dos avanços, ainda perdemos muitos trabalhadores em decorrência da falta de equipamentos de segurança e da falta da orientação correta", ressaltou.

Lucas fala sobre acidentes de trabalho II
O vereador lembrou de um caso recente de um jovem que morreu em Aracaju aos 18 anos vítima de um acidente de trabalho. "Perdemos um jovem trabalhador recentemente e isso ainda é comum, acontece frequentemente. Temos que melhorar as condições de segurança de trabalho e fazer com que as pessoas possam trabalhar de forma digna sem correr risco de morte", explicou. Lucas Aribé finalizou o discurso na Tribuna da CMA lembrando que o 28 de abril é ideal para promover o debate. "Esse momento serve de reflexão para a redução e quem sabe a eliminação total de qualquer possibilidade de morte por falta de segurança em ambiente de trabalho", destacou.

Descaso da Deso no conjunto Augusto Franco
Já o  vereador Max Prejuízo (PSB) fez um apelo a Deso, para finalizar as obras de saneamento na região do conjunto Augusto Franco e Farolândia, cujo prazo terminou em abril de 2013.“Nós moradores do Augusto Franco ficamos felizes quando a Deso em 2007/2008 resolveu junto com o Governo Federal e o do Estado de Sergipe garantir o saneamento básico da região. Porém o prazo de entrega terminou o ano passado e até o momento as obras ainda não foram concluídas. O Augusto Franco virou um esgoto a céu aberto. Ou seja, aonde você chega, seja qual for à rua, tem uma fossa estourada em cada esquina”, disse Max Prejuízo.

Fiscalização e campanha
O parlamentar chamou atenção para a falta de fiscalização da Companhia e de uma campanha educativa, já que muitas pessoas estão usando de forma equivocada a parte já concluída, mas ainda não liberada pela Deso. “Muitas casas já fizeram a ligação com a rede, mesmo sem a conclusão das obras.  A situação é preocupante. A Deso recebe a reclamação, mas nada resolve. É preciso que haja a conclusão das obras com urgência, a comunicação a população e a devida fiscalização” disse Max.

Nova imagem de Itabaiana
O discurso do vereador João Cândido, ontem, 29, na Câmara de Itabaiana mostrou a nova realidade do município que na administração anterior só aparecia em manchetes negativas na imprensa, principalmente por conta de decisões judiciais.“Antes o que nutria a imprensa do Estado era a negatividade da administração pública de Itabaiana. Obras inacabadas, paralisadas, servidores sem receber. Nossa cidade era referência negativa”.

Obras
“Hoje tenho em mãos uma matéria do Jornal da Cidade, conceituado em todo Sergipe, que mostra a grandiosidade do nosso povo. Nela são citadas as grandes obras de infraestrutura que foram feitas e entregues pela atual administração e com isso a nossa economia ganhou impulso”, disse. “Hoje, além de Itabaiana ocupar páginas de destaque no noticiário, a população também reconhece nas ruas que o desenvolvimento chega com uma força cada vez maior”, avaliou João Cândido.

8º Serjeep Fest tem apoio da Prefeitura de Aracaju
A Secretaria Municipal da Indústria, Comércio e Turismo de Aracaju, mantendo sua política de apoio logístico a eventos que promovem o turismo em nossa capital, vem apoiando a realização do 8º Serjeep Fest que acontecerá em Aracaju de hoje, 30  a 4 de maio e é promovido pelo Serjeep Off Road.

Potencial
O evento chega a Aracaju prometendo explorar todo o potencial do mundo off Road  com trilhas, raids, passeios e diversão para toda a família. A TV Offroad fará a cobertura total do evento, registrando os melhores momentos para todo o mundo via internet, através do seu portal http://www.tvoffroad.com , e para todo o Brasil através de seu programa semanal na TV, pelo Canal Esporte Interativo, que vai ao ar todas as quintas-feiras a partir das 12h, e aos sábados, pelo Esporte Interativo Nordeste, a partir das 10h15.

Turismo
Para o Secretário Municipal da Indústria, Comércio e Turismo de Aracaju, Walker Martins Carvalho, o evento é importante para fomentar o turismo em nossa capital. "Já tivemos experiências positivas com este tipo de evento em Aracaju. O turismo recebe uma injeção de incentivo muito grande com ocupação hoteleira e consumo em estabelecimentos do segmento como bares, restaurantes e locais turísticos da cidade", disse Walker Carvalho.

Governo estadual não decreta facultativo
A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e a FCDL/Sergipe tiveram seus pleitos atendidos pelo governador Jackson Barreto que informou hoje, terça-feira, 29, que não decretará ponto facultativo no Estado na próxima sexta-feira, 02, um dia após o feriado do Dia do Trabalho, 01 de maio.

Atitude grandiosa
A medida foi vista como uma “atitude grandiosa” por parte do executivo estadual, principalmente diante dos sucessivos feriados já ocorridos em abril e que, segundo os lojistas, diminuem o fluxo de pessoas no comércio e provocam a queda nas vendas.   “O governador Jackson Barreto nos comunicou que não iria decretar o facultativo e querermos enaltecer esse gesto de quem pensa no desenvolvimento do Estado”, reforça Samuel Schuster, presidente da CDL.

Fechamento lixões
Aracaju e Socorro comemoram um ano do fechamento, respectivamente, dos lixões dos bairros Santa Maria (Terra Dura) e

Palestra comemorou um ano de fechamento dos lixões

 Palestina. A partir de abril de 2013, todo o lixo produzido nas duas cidades passou a ter como destino final o Aterro Sanitário do município de Rosário do Catete. Para marcar a data, a Estre Ambiental promoveu a palestra “Disposição e tratamento adequado para o lixo urbano” no auditório da Unit. Na foto ao lado o engenheiro Francisco Aragão, gerente geral da Estre, está ao lado do professor mestre Pedro Linhares, palestrante do evento.

ILBJ é apresentado na UFPE
O Instituto Luciano Barreto Júnior (ILBJ), responsabilidade social da Construtora Celi, alia o trabalho realizado pela instituição à realidade das pesquisas acadêmicas nas áreas de mídias na educação, infoinclusão social e tecnologias da informação e comunicação. Prova disso foi o convite do Grupo de Estudo e Pesquisa em Mídias na Educação (GESPME) que é ligado à Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) para que fosse apresentado o projeto de infoinclusão social do ILBJ. A apresentação da gerente do instituto, Valéria Freire, contou com alunos das graduações e pós-graduações, além do corpo docente do Departamento de Comunicação Social da UFPE.

Legado da Copa do Mundo
O Instituto Luciano Barreto Júnior (ILBJ), responsabilidade social da Construtora Celi, tem se articulado com instituições legais que trabalham para garantir os direitos dos adolescentes e jovens no Brasil. A gerente do instituto, Valéria Freire (dir. da foto), esteve no estado de Pernambuco reunida com o secretario municipal de Esportes e Copa do Mundo, Danilo Moreira (centro da foto), que também é vinculado ao do Conselho Nacional da Juventude (regional). O objetivo da reunião é articular a discussão junto com a juventude do nordeste o legado que será deixado pela copa do mundo. Essa discussão tem ganhado notoriedade em todo o país e o CNJ tem buscado agregar a essa discussão jovens de todo o país através das redes de computadores.

Agenda
30 de abril, quarta-feira. Dia do Ferroviário e Dia Nacional da Mulher.
Nesta quarta-feira, a presidente da Petrobras, Graça Foster, deverá ser ouvida na Câmara. O IBGE divulga a pesquisa Perfil dos Municípios Brasileiros. A VALE divulga balanço do primeiro trimestre. Amanhã, quinta-feira, a Força Sindical promove ato em São Paulo para comemorar o dia do trabalhador. Em Aracaju, centrais sindicais, como a CTB e a CUT realizam atos públicos com o mesmo objetivo. Estreia em circuito nacional o filme “Getúlio”, com Tony Ramos. A chanceler alemã, Angela Merkel, visita os Estados Unidos. Na sexta-feira, a presidente Dilma e o ex-presidente Lula participam do Encontro Nacional do PT.  Os Estados Unidos divulgam taxa de desemprego.

Curtas
POLÍCIA DIZ QUE IRMÃOS DE CASEIRO SÃO CÚMPLICES NA MORTE DE CORONEL NO RIO DE JANEIRO. /// PARA A COMISSÃO DA VERDADE, CHEFES MILITARES SABIAM DO CASO RIOCENTRO. /// DEPUTADOS VÃO À PAPUDA CHECAR REAL SITUAÇÃO PENAL DE DIRCEU. /// AÇÕES DE BANCOS SOBEM E MANTÊM BOLSA NO AZUL. /// RENAN DECIDE: CPI NO SENADO COMEÇA NA PRÓXIMA TERÇA-FEIRA, 6 DE MAIO. /// PESQUISA CNT/MDA: DILMA – 37 POR CENTO – AÉCIO – 21,6 E CAMPOS – 11,8. /// POLÍCIA FEDERAL DESARTICULA ESQUEMA DE FRAUDES DE 100 MILHÕES DE REAIS.

ESPORTE  – O  ESPAÇO DO ALCEU –  por Alceu Monteiro

Real Madrid arrasa o Bayern
Com dois gols de Cristiano Ronaldo e dois de Sérgio Ramos, o Real Madrid conquistou uma vitória antológica, por 4 X 0, diante do Bayern, considerada a melhor equipe do mundo na atualidade. O jogo foi realizado em Munique, na Alemanha. O Bayern foi eliminado da Champions League, enquanto que o Real está classificado para a final, a ser disputada em Lisboa, a capital portuguesa.

Chelsea X Atlético Madrid
A segunda partida das semifinais entre ingleses e espanhóis vai acontecer hoje, em Londres. No primeiro jogo, na semana passada, houve empate de zero a zero. O vencedor de hoje será o adversário do Real Madrid, na grande final, que, portanto, poderá vir a ser disputada por dois clubes de uma mesma cidade: Madrid. 15,45, no horário brasileiro, terá início o confronto entre o Chelsea, que conta com vários jogadores brasileiros, e o Atlético Madrid, que tem em suas fileiras o sergipano de Lagarto Diego Costa.

A Taça em Aracaju
No próximo dia 9, estará sendo exposta para o público sergipano a Taça FIFA, no shopping Jardins. O valioso troféu percorreu dezenas de países e agora está sendo exibido em todas as capitais do país.

Ralf e Romarinho
Para equilibrar as finanças, o Corinthians deverá negociar, ainda este ano, um destes dois jogadores. Ou os dois.

Convocação
Aproxima-se a data em que o técnico Felipão vai anunciar a lista de convocados para a Copa do Mundo, que começa no dia 12 de junho, em São Paulo, na Arena Corinthians. Será no dia 7 de maio.

Mergulhão
O governador Geraldo Alckmin inaugurou ontem, na capital paulista, um túnel de 500 metros de extensão, denominado mergulhão, no entorno da Arena, na região de Itaquera, que deverá facilitar o trânsito nas cercanias do novo estádio.

Confiança X Sergipe
A grande atração do feriado de amanhã, consagrado ao trabalhador, será o clássico Confiança X Sergipe, que será disputado no Estádio Presidente Médici, em Itabaiana. O jogo é válido pelo campeonato sergipano e servirá para marcar os 78 anos de existência do Dragão do Bairro Industrial.

PELO TWITTER

www.twitter.com/riltonmorais  Não somos todos macacos. Há alguns burros, vacas, cobras, sanguessugas, elefantes e muitos bichos com chifre. A fauna é diversa.

www.twitter.com/anabee  Barbosa diz que Lula tem "dificuldade para entender o Judiciário". Isso é preconceito, eu tenho pós-doutorado e não entendo o judiciário!

www.twitter.com/FalaSergipe  O Proredes foi mais emendado do que bóia de banhista de lagoa.

www.twitter.com/palmeriodoria  O Mais Médicos que se prepare para nova fuzilaria da mídia: 74% da população o aprovam, segundo o Instituto MDA.

www.twitter.com/Anselmocosta_Se Discursos sensacionalistas as custas da saúde do povo não levam a nada principalmente de quem já teve a oportunidade de fazer e não fez.

www.twitter.com/sargentoedgard  Se o deputados entendiam que o Proredes não é a salvação da saúde, porque aprovaram?

www.twitter.com/RicMarquesTV  Ganhar dinheiro é uma coisa boa. O ruim é que nem todo mundo ganha o suficiente. Pior é que tem muitos que não ganham nada. #redeRM

DO LEITOR

Perigo e omissão da Emurb. Rsico de desabamento
Relato de Carlos Nascimento: “Todas as vezes que acontece um acidente ou incidente que poderia ser evitado por sua previsibilidade surgem os inevitáveis questionamentos: de quem é a culpa? quem se omitiu? etc.  assim como acusações de toda ordem.No ano passado uma residência localizada na avenida Carlos Burlamaqui , no Centro de Aracaju, sofreu danos em seu telhado e paredes por conta da demolição irregular da casa vizinha. Por sorte uma das residentes, uma senhora septuagenária, sofreu apenas pequenas escoriações. Depois do ocorrido chegaram CREA, Defesa Civil e Emurb e a obra, que não tinha nenhuma licença, foi interditada.Esquecida a interdição, e sem que fosse providenciada as licenças os proprietários do imóvel localizado na avenida Carlos Burlamaqui, 84 retomaram as obras, e sem nenhuma orientação técnica escavam junto e por baixo do muro e fundações da casa vizinha, a mesma que fora danificada no ano passado, um dos moradores ligou para a Emurb para denunciar a situação e o engenheiro que atendeu respondeu que somente poderia agir se já houvesse sinais de que a casa estava em perigo, a exemplo de rachaduras nas paredes, informou ainda que não poderia atender pois tem um cronograma de visitas a fazer.Mesmo quem não é engenheiro acende o sinal de alerta quando associa escavação de mais de 1,5m de profundidade junto a um muro e terreno molhado (caso na Emsurb não se saiba está chovendo bastante em Aracaju). Será preciso que mais uma vez haja um desabamento para que as autoridades interditem uma obra que já deveria estar interditada por não possuir licenciamento? Com a palavra a Prefeitura Municipal de Aracaju.”

ARTIGO

O Ciclo "Facebookiano" de comportamento. Por Anderson Defon*

Faz-se evidente quando algum fato com relevância social ou apenas polêmico repercute na imprensa.

1 – Inunda-se a rede com postagens que têm exatamente a mesma abordagem que a imprensa deu. Cria-se frases de efeito moral, fotos com gestos ou hashtags. Tudo para massificar mais uma campanha que visa aliviar a consciência dos que nada fazem pelo coletivo. Além de fazer a pessoa se sentir mais engajada, tem o mesmo efeito "analgésico de consciência" de doar para o Criança Esperança.

2 – Surge então o grupo dos detentores de toda razão e crítica. Eles parecem mais inteligentes, mas a estratégia é simples. Discordam automaticamente da opinião de qualquer maioria. No fundo, estão extremamente enciumados por não estarem encabeçando a mais nova "onda". Então eles criticam e desqualificam toda a mobilização. Afinal, só eles sabem criticar algo de maneira coerente.

3 – Com a discussão já completamente fora do foco inicial, tudo já se transformou numa disputa de quem parece mais profundo e filosófico.
Um colunista da Veja aborda a questão, um da Piauí também.  Mas, todos já esqueceram esse assunto.

Os macacos que nos desculpem, estamos mais para ovelhas.

* 26 anos, Secretário de Finanças e Planejamento do PT/Aracaju.

ARTIGO

Se o indivíduo for fraco, até o espírito adoece. Por   Edgard Menezes*

Me refiro ao alto poder destrutivo do militarismo, enquanto novo na idade e novato na profissão o militar não percebe, mas com o passar dos anos é inevitável o profissional militar não perceber os malefícios da profissão.

Aos cinquenta anos de idade e vinte e três de profissão, chegou para mim o peso que impõe sobre o ser humano, a arcaica e maléfica legislação militar.

A farda que outrora era motivo de orgulho, se torna um objeto de insatisfação, fadiga, desmotivação, baixa autoestima e perturbação familiar, claro que isso ocorre dentro do nível mais baixo das corporações militares, ou seja, entre as praças.

Nas instituições civis quando o profissional adoece, se afasta do serviço e trata-se com liberdade para ficar curado, nas instituições militares, começa o tratamento debaixo da pressão dos gestores para que o militar fique logo curado, o doente é considerado alguém que ficou doente para não trabalhar, dificulta-se até o afastamento do moribundo, pois os médicos de fora das instituições militares tem que receber o aval do médico militar para afastar um paciente assistido pelos mesmos, detalhe, nem sempre da mesma especialidade.

Em instituições civis por exemplo, problemas com o alcoolismo é tratado como doença, nas instituições militares profissionais com esse tipo de problema são tratados como alcoólatras irresponsáveis e são logo abertos processos administrativos para demiti-los, claro se for do baixo clero.

A profissão Policial Militar, é considerada uma das mais estressantes do mundo, porém ao primeiro sinal de estresse ou depressão, o militar se torna inimigo da corporação, o malandro que não quer trabalhar.

De tantas injustiças e maldades triunfarem nas corporações militares, se indivíduo não for forte, até o espírito adoece. Antes que perguntem se já não era sabido que o militarismo é assim, respondo, sim sabíamos, não quer dizer que tenhamos que concordar e não tentar melhorar o ambiente no qual trabalhamos.

Alguém um dia disse isso, “ Não é porque eu lhe presenteei com um instrumento musical, que você terá que tocar apenas a música que eu pedir”

Fique com Deus, abraço.

*cidadão brasileiro

Blog no twitter: www.twitter.com/BlogClaudioNun   

Frases do Dia
" A liberdade deve ser tão ampla quanto a incluir o direito de ser livre. "

" Muitas vezes, malícia ou estupidez colocar obstáculos na ideia nova; portanto, é necessário lutar muito para conseguir tolerância mútua incondicional. Apenas flores e assim a ciência avança, porque sua fundação é a experimentação livre e pesquisa. "

Max Nettlau, anarquista e historiador alemão, nasceu em 30 de Abril de 1865 e morreu em 1944

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários