É Natal

0

É Natal, tempo de acalentarmos sonhos e de vivermos momentos de harmonia, de paz e de alegria. Comemoramos o nascimento de Jesus, O Salvador.

O natal representa começo e, também, o recomeço. Momento de esperança e também de renovação da esperança.

Aproveitemos, pois, esta oportunidade para uma profunda reflexão; ação um pouco esquecida ou negligenciada por nós durante todo o ano que passou.

Estamos refletindo muito pouco, o que é de se lamentar.

É, talvez por isso, que em alguns casos, erramos mais do que acertamos.

Este é, portanto, o momento para revermos conceitos, matar orgulhos, revisar procedimentos e fazermos projetos para o novo que se inicia.

A primeira reflexão deverá ser feita sobre nós mesmos: o que fizemos, onde acertamos e, sobretudo, onde erramos?

Como foi a nossa influência sobre o nosso próximo mais próximo? Nós mesmos? Nossos cônjuges? Nossos filhos? Nossos pais? Nossos amigos? Nossos vizinhos? Nossos companheiros no trânsito?

E com aqueles que não estão nem tão próximos assim? Nossos irmãos que sofrem, seja na nossa cidade, na nossa região, no nosso Brasil ou até fora dele? 

Acredite, este é o melhor período para pensar. Porque natal combina com o novo, com o devir, com o vir a ser.

Pelo menos, metaforicamente, iniciemos por imaginar este tempo que se descortina, trazendo uma sensação novidadeira para refletirmos mais sobre o essencial de nossas vidas e nossas ações nesta estação mágica de passagem.

Fechemos nossas contas com o velho e iniciemos uma contabilidade nova de mais sonhos e mais buscas no caminho da paz, da ordem, do culto ao amor e ao sucesso.

Novos sonhos, novos projetos e, sobretudo, novas ações. É natal, tempo de dar presente e, mais ainda, de se doar como presente.

Tempo de cuidar melhor de nossos pensamentos que se transformarão, infalivelmente, em nossas linguagens que, por sua vez, gerarão os nossos atos, que construirão os nossos hábitos que formarão as nossas atitudes que serão as responsáveis pelo nosso destino.

Um feliz natal a todos e que 2012 traga, para todos nós, aquilo que mais almejamos.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais