Estupro é outra coisa

0

O ex-governador João Alves Filho (DEM) carregou nas tintas ao afirmar que houve um “estupro eleitoral” nas eleições de Aracaju. Ora, se ocorreu tão grave crime no pleito passado, a maior parcela de culpa tem que cair sobre a Justiça Eleitoral, a quem coube presidir, de forma proba, a disputa do último dia 5. Talvez no afã de atingir o governador Marcelo Déda (PT), Alves Filho não tenha percebido o desatino que disse, coisa que, aliás, não se admite de um experiente político que já governou Sergipe por três vezes, foi prefeito biônico da capital e ministro do Interior. Além do Judiciário, João afrontou a inteligência popular, ao dizer que tivesse tido 2º turno o deputado federal Mendonça Prado (DEM) derrotaria o prefeito Edvaldo Nogueira (PC do B). Não explicou, contudo, como teria feito para reverter em menos de 30 dias, uma diferença superior a 80 mil votos. O destempero do democrata sergipano fez lembrar a falta de tino do deputado federal e ex-governador paulista, Paulo Maluf (PP). Este, ao falar sobre a violência sexual sugeriu: “Estupre, mas não mate”. Menos João Alves, menos!

Recondução ao cargo

O governador Marcelo Déda (PT) anunciou ontem (28) sua decisão de reconduzir ao cargo por mais dois anos a atual procuradora Geral de Justiça, Maria Cristina Mendonça. Durante entrevista coletiva, o petista disse ter utilizado como critério de desempate a continuidade administrativa, uma vez que a lista continha nomes de absoluta respeitabilidade e reconhecimento tanto no próprio Ministério Público, quanto na sociedade sergipana. Aliás, esta coluna apostou uma mariola como a escolhida seria a procuradora Cristina Mendonça.

Será verdade?

A Árvore de Natal da Energisa está sendo montada desde a semana passada. O local teve que ser mudado por conta das ações do mar que destruiu o chamado “Bico do Pato”, na Coroa do Meio. E por falar em Natal, a coluna ficou sabendo que a ponte Aracaju-Barra não foi incluída na relação dos locais que serão decorados com mutivos natalinos pela Prefeitura da capital. Ora, se isso for verdadeiro, é muita pequenez da administração aracajuana.

Bom começo

O prefeito eleito de Socorro, Fábio Henrique (PDT), foi recebido ontem (28), em Brasília, pelos senadores Antônio Carlos Valadares (PSB), Almeida Lima (PMDB) e pelos deputados federais Pedrinho Valadares (DEM), Albano Franco (PSDB) e Iran Barbosa (PT). A todos apresentou um bem elaborado relatório sobre a situação de Socorro e pediu que o município seja contemplado com as emendas a serem colocadas pela bancada federal no Orçamento da União. Começou bem, muito bem!

Bom exemplo

E o prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PC do B), assinou um decreto vedando aos gestores municipais a nomeação de parentes até o terceiro grau para cargos em comissão. A decisão adequa o Executivo aracajuano às determinações da Súmula Vinculante Nº 13, expedida pelo Supremo Tribunal Federal (STF) contra o nepotismo. O Decreto entra imediatamente em vigor e os casos conflitantes com o previsto em seus artigos devem ser comunicados para a devida investigação e providências cabíveis.

C
heque em baixa

Em meio à crise financeira internacional, os brasileiros dispensam o cheque e partem para outros meios de crédito, como os cartões. Por isso, as consultas ao SCPC Cheque, que sinaliza as intenções de compra à vista, caíram 4,5% no período de 1º a 27 de outubro deste ano, na comparação com o mesmo período de 2007. Já as consultas ao SCPC, que sinaliza as intenções de compra a prazo, registraram crescimento de 1,4% no período analisado.

Mais tempo

O presidente nacional da OAB, Cezar Britto, enviou aos presidentes de Seccionais da entidade o novo texto do provimento nº 125/2008, que alterou o artigo nº 13 do Provimento nº 112/06 da OAB, que dispõe sobre as Sociedades de Advogados. Com a referida alteração, fica ampliado até 31 de julho de 2009 o prazo para adaptação dos contratos sociais das sociedades dos advogados aos padrões previstos no Provimento n° 112/2006 da OAB.

Vaga é da Assembléia

Caberá à Assembléia Legislativa escolher o novo conselheiro do Tribunal de Contas de Sergipe. A afirmação foi feita ontem pelo governador Marcelo Déda. O escolhido substituirá Flávio Conceição, que caiu em desgraça ao ser denunciado como lobbysta da construtora Gautama. Tem gente apostando que o indicado será o secretário estadual da Justiça Benedito Figueiredo. Será?

Casa nova

Com 17 anos de atuação em Sergipe, a Turise Operadora aposta na boa evolução da economia local e entra em nova fase. A empresa, que atende a mais de 95% das agências de viagens de Sergipe com pacotes nacionais e internacionais, está investindo em novas tecnologias, iniciou o processo de implantação do ISO 9000 e atende agora em novo endereço. A moderna sede, localizada na avenida Jorge Amado, 1055, bairro Jardins, foi projetada para atender o crescimento da empresa pelos próximos anos. A inauguração será nesta quinta-feira, às 18 horas, com um coquetel.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários