Expectativa para Gualberto renunciar e cumprir a palavra dada

0

 

“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

“… todo o mês colocar na conta do servidor a prestação e os juros da operação. Se o governo não cumprir eu renuncio ao meu mandato aqui nesta Casa.” 

A declaração acima foi feita pelo líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Francisco Gualberto, PT, durante a votação que aprovou o projeto de empréstimo no dia 8 de novembro deste ano.

Na última quinta-feira, 13, Belivaldo Chagas, através da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) informou que o pagamento da última parcela do 13º salário para os servidores estaduais foi transferida para 2019.

O blog esperou a sexta-feira, 14, e todo o fim de semana para o ex-líder sindical e deputado Francisco Gualberto cumprir a palavra dada e renunciar ao mandato.

Até a publicação do blog de hoje não tinha renunciado. Será que Gualberto, que já foi um grande deputado, pelo menos terá coragem de renunciar o mandato? É o que espera não só os servidores públicos, mas o eleitorado dele.

Ou está esperando a diplomação hoje, 17, para aproveitar e renunciar anunciando que está deixando de vez a vida pública honrando a palavra dada.

Ou apenas foram palavras ao vento?

 

Finalmente uma notícia boa De Milton Andrade, que foi candidato ao governo pelo PMN ao ler a chamada do artigo de hoje sobre Gualberto ontem, 16, à noite nas redes sociais: “Finalmente uma notícia boa. Não há males que não venha para um bem.”

SE: Valdevan 90 consegue liminar no TSE para ser diplomado nesta segunda-feira. Ele está preso e ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, deferiu parcialmente pedido de liminar permitindo que ele compareça à diplomação com escolta policial e depois retorne ao presídio. Sem comentários. Muitas vezes o silêncio responde a indignação da sociedade.

 

Lagarto: depoimento de administrador de matadouro complica prefeito afastado, Valmir Monteiro Na última sexta-feira, 14, o STJ negou recurso apresentado pela defesa do prefeito afastado do cargo em Lagarto, Valmir Monteiro. No fim de semana circulou pelas redes sociais a íntegra do termo de declaração de Nidinho, administrador do matadouro de Lagarto, dizendo que entregava parte do dinheiro dos abates do boi para Valmir.

Parte do depoimento de Nidinho na justiça  (…) b) o que sobrava do dinheiro, que é muito pouco, o declarante repassava para o prefeito municipal de Lagarto, o Sr. Valmir Monteiro, em dinheiro, entregando diretamente ao prefeito, em espécie. (…) Que na verdade não é um administrador. O acerto com Valmir Monteiro é o seguinte: os bois de Riachão do Dantas, é recolhido o valor do abate, como disse anteriormente, o qual é repassado diretamente para a prefeitura municipal de Lagarto. Quanto aos outros bois abatidos, o declarante recebe os R$ 50,00 relativos ao valor do abate, paga todas as despesas, e repassa O que sobra de dinheiro diretamente para Valmir Monteiro.

A delação da “Marcha à Ré” que há 4 meses deixa muita gente sem sono em SE Tem gente apostando que a “Marcha à Ré” não dará em nada, ou melhor, dará uma ré na própria investigação. Para quem não leu o blog do fim de semana aqui.

Aparecida: Disputa pela Câmara aumenta tensão entre antigos aliados De um lado uma chapa encabeçada por um aliado da prefeita Vera Souza (MDB) e apoiada por vereadores da oposição. Do outro uma candidatura liderada por um vereador da oposição e tendo três parlamentares situacionistas apoiando. Este é o cenário do legislativo de Nossa Senhora Aparecida que deve eleger seu novo presidente em sessão realizada nesta segunda-feira, 17, e coloca frente a frente Marquinho Pereira apoiado pela prefeita municipal e Zé Ferreira do Democratas aliado antigo da família Passos no Município.

Votos Cada um contabiliza quatro votos e lutam pelo desempate do Vereador Zé Lima (PPS) que é ligado ao deputado Georgeo Passos. No último sábado Georgeo passou quase duas horas conversando com Zé Lima para que votasse em Zé Ferreira, mas o vereador não deu uma resposta definitiva. Caso vote no candidato da prefeita Vera, Zé Lima pode perder o prestígio que tem com o deputado e ver Edson Muniz assumir a posição de liderança-mor dos Passos em Aparecida.

Ação do DEM no Supremo ameaça 27 deputados (Estadão) O Democratas entrou com uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF) questionando as novas regras sobre a divisão das cadeiras remanescentes na Câmara. O processo pode fazer com que 27 deputados federais eleitos percam a vaga para outros candidatos. Se o dispositivo for derrubado, o DEM subiria de 29 para 30 deputados; o PRB de 30 para 32. Porém, rifaria Paulinho da Força (SD-SP), que perderia o mandato para Douglas Belchior (PSOL-SP). No entanto, o DEM acredita que, se o dispositivo for derrubado, ele valerá apenas para as próximas eleições. Em Sergipe o beneficiado seria Márcio Macêdo e o prejudicado Fábio Henrique.

Cerca em pleno canteiro da Orla de Atalaia: Corpo de Bombeiros e PMA continuam em silêncio E o Corpo de Bombeiros e a Prefeitura de Aracaju continuam em silêncio sobre a cerca colocada em pleno canteiro central da Orla de Atalaia prejudicando a mobilidade e privatizando o espaço público. Quem passa no local percebe não só os carros do CB, mas veículos particulares no canteiro. Um absurdo! É esperar o MPE tomar as providências e pedir a punição dos responsáveis. O blog continuará tirando foto e postando diariamente.

Ezequiel desmente “aproximação” com Silvany Sukita O ex-prefeito de Capela, Ezequiel Leite (PR), e sua esposa e ex-primeira dama Sônia Penalva desmentem, categoricamente, os rumores espalhados no município por adversários insinuando uma espécie de “aproximação política” de ambos com a prefeita Silvany Sukita.

Sem aproximação Ezequiel explica que foi prefeito por quatro anos, que por opção própria não disputou a reeleição, que decidiu fazer oposição à atual gestão e que não existem razões para qualquer aproximação. “Independente das questões políticas, eu aprendi a respeitar a soberania popular. Fomos colocados na oposição pelo povo e é aqui que vamos continuar”.

Administração Em seguida, o ex-prefeito disse que tem uma vida empresarial respeitada e que deixou uma boa impressão enquanto gestor do município. “Deixamos Capela com os salários em dia, com os fornecedores e prestadores de serviços com seus pagamentos atualizados e com a estrutura da prefeitura funcionando a contento. Fui gestor, tenho um nome a zelar e não preciso fazer esse tipo de negociatas que estão criando”.

Boatos Segundo os boatos espalhados em Capela, Ezequiel e Sônia estariam supostamente negociando uma aliança política com a prefeita em troca de cargos na administração. “Sou empresário e não preciso da política para viver! Fui prefeito com a intenção de fazer o melhor para a minha terra. Tenho consciência que dei o melhor de mim e não me arrependo. Continuo político, mas não faço negociatas e nem tenho intenção de me aproximar desse pessoal”.

Novo abismo A ex-primeira dama de Capela também negou qualquer aproximação com Silvany. “Essa prefeita, junto com seu ex-marido, estão levando Capela para um novo abismo. É triste a realidade do nosso município. As pessoas clamam por assistência do poder público. Nós não precisamos de cargos! Queremos é que a prefeitura trabalhe! Seguimos na oposição, temos um grupo político forte e não existe qualquer tipo de aproximação. Fazemos da política não um meio de vida, mas de transformação social”.

Conselho Regional de Odontologia de Sergipe                                                                          

ATENÇÃO, cirurgiões-dentistas! Esta segunda-feira (17.12) é dia de eleição! Confira as instruções finais para que o seu voto seja computado com sucesso. Você pode votar on-line ou presencialmente, conforme os horários especificados no card ao lado.

Lembrando que para votar on-line é preciso obter uma senha, que já foi enviada por email ou SMS. Caso você não tenha recebido, dirija-se à sede do CRO-SE e vote presencialmente. Caso já possua a senha, mas nao tenha alterado para senha definitiva, revise as instruções sobre como proceder em http://instagram.com/crose.oficial  ou em https://www.facebook.com/crosergipe . A votação on-line foi aberta às 00h.

PELO ZAP DO BLOG CLÁUDIO NUNES – (79) 99890 2018

Servidores públicos estaduais amargam mais um prejuízo por Jeferson da Silva Costa:”Em decorrência do arrocho financeiro pelo qual passam 66 mil pais e mães de família que integram o funcionalismo estadual, em julho do corrente ano, fomos praticamente obrigados a contrair um empréstimo junto ao Banese para receber metade do 13º salário de 2018, o qual teria a última parcela paga ao banco pelo governo do Estado agora em dezembro. Contudo por conta do calote do governo na instituição bancária, no dia de ontem, 15.12, quem contratou novo empréstimo para receber o restante do 13º, acabou sendo surpreendido pelo desconto em suas contas da prestação inadimplente pelo governo; como a operação foi realizada em nome do servidor houve o desconto, resumindo, fomos ludibriados mais uma vez, tendo que absorver mais um enorme prejuízo. Situação lamentável `a qual estamos submetidos!!!!!”

 

Edvaldo Nogueira e a mobilidade urbana Pelo zap: “Em todos os cantos de Aracaju é fácil constatar o descaso da Prefeitura de Aracaju e a falácia do discurso de Edvaldo Nogueira sobre mobilidade urbana. Envio duas fotos: a primeira ao lado do Hiper Bompreço do canal Avenida Gonçalo Prado Rolemberg. E a segunda em frente ao Supermercado G. Barbosa da Avenida Rio de Janeiro. Sabemos que as pessoas colocam o comércio para ganhar seu pão, mas o pedestre não pode ser responsabilizado correndo o risco de atropelamento porque a calçada está ocupada. Tem muitos outros casos em Aracaju, como por exemplo um na Rua Permínio de Souza no Bairro Cirurgia onde um terreno foi invadido, numa esquina que tem uma padaria onde o terreno era de cinco metros, mas o “dono” fez uma casa de 10 metros invadindo a calçada e parte da rua. Um absurdo entre muitos outros…”

PELO E-MAIL E FACEBOOK

ARTIGO 

Carne de Sol de Cedro de São João: Um Patrimônio Cultural por Ailton Francisco da Rocha*

Cresci entre marchantes, magarefes e fateiros (era a principal atividade da minha família), perambulando pelas salgadeiras, acompanhando a carne descansar em aloques após preparo artesanal para posteriormente ser comercializada, apresentando propriedades organolépticas incomparáveis no cheiro, sabor e maciez. Um verdadeiro trabalho de arte que virou uma marca reconhecida nacionalmente. Não sei precisar como surgiu a carne de sol no nosso município, provavelmente uma tradição trazida pelos marranos que habitavam a fronteira da Espanha com a Holanda.

Por sua qualidade, a carne de sol passou a procurada regionalmente, originalmente transportada por comboieiros e canoas de tolda abastecendo praticamente todas as cidades do baixo São Francisco e posteriormente em caminhões passou a ser comercializada inclusive nas capitais, a exemplo de Aracaju, Maceió e Recife, se apresentando como a principal fonte de renda que de forma direta influenciou nos valores educacionais, culturais e sociais da nossa doce gente.

Na gestão do saudoso e operoso Governador Marcelo Déda, foi realizada uma reforma no matadouro, dotando-o de infraestrutura e equipamentos modernos, a ponto de ser reconhecido por especialistas como um dos mais modernos do Nordeste brasileiro. Notadamente que investimento complementares precisavam ser feitos para atender as exigências da normatização sanitária que poderiam ser contornadas desde que fosse dada prioridade política, transformando-o em matadouro-frigorífico regional garantindo a geração de emprego e renda de centenas de famílias e agregando valor econômico a atividade e preservando um patrimônio.

A palavra patrimônio vem de pater, que significa pai e tem origem no latim. Patrimônio é o que o pai deixa para o seu filho. Assim, a palavra patrimônio passou a ser usada quando nos referimos aos bens ou riquezas de uma pessoa, de uma família, de uma empresa, de uma comunidade. Essa ideia começou a adquirir o sentido de propriedade coletiva com a Revolução Francesa no século XVIII.

O patrimônio cultural de uma sociedade é também fruto de uma escolha, que, no caso das políticas públicas, tem a participação do Estado por meio de leis, instituições e políticas específicas. Essa escolha é feita a partir daquilo que as pessoas consideram ser mais importante, mais representativo da sua identidade, da sua história, da sua cultura, ou seja, são os valores, os significados atribuídos pelas pessoas a objetos, lugares ou práticas culturais que os tornam patrimônio de uma coletividade (ou patrimônio coletivo).

De acordo com o Art. 216 da Constituição Federal Brasileira constituem patrimônio cultural brasileiro os bens de natureza material e imaterial, tomados individualmente ou em conjunto, portadores de referência à identidade, à ação, à memória dos diferentes grupos formadores da sociedade brasileira.

Como sabemos a proteção da cultura e da própria vida humana tornam-se indissolúveis. Portanto o fechamento do matadouro significa um agravamento das bases econômicas e sociais da nossa doce terra e a destruição de seu maior patrimônio. Choro o lamento dos aflitos que não tem com quem contar.

* Engenheiro Agrônomo, Advogado e Membro da Academia Propriaense de Letras, Ciências, Artes e Desportos.

DO BLOG ESPAÇO MILITAR

Família Santos e tenente BM Sinério realizam a 15ª Festa do Natal Solidário da Cabana da Vera.

Na tarde do sábado, dia 15, a família Santos, também conhecida como “buscapé”, e o tenente BM Sinério dos Santos, caracterizado como palhaço Foguinho, realizaram a 15ª festa do Natal Solidário da Cabana da Vera, com muita diversão, alegria e distribuição de presentes para crianças na região do bairro Mosqueiro.
Foi uma tarde de lazer com a família se caracterizando dos personagens do programa de TV Chaves, uma homenagem prestada ao idealizador da citada festa, o Sr. Ronaldo Cabelinho, que faleceu este ano, tendo sido entregue um troféu à esposa deste, que não conteve a emoção.
Teve pula-pula, brincadeiras, e cada criança saiu com seu presente, além de guloseimas em uma sacolinha, além da entrega de cestas básicas para mães, com o objetivo de que possam ter um Natal mais feliz.

PELO TWITTER

www.twitter.com/Pontifex_pt  A nossa vida espalha luz quando a gastamos no serviço. O segredo da alegria é viver para servir.

www.twitter.com/FreiJoaoPaulo Não tenho bandido de estimação! Esse silêncio da Família Bolsonaro é estranho! Para quem se dizia contra corrupção tem muita gente calada e agora muita gente defendendo corrupto! Cadê o motorista que sumiu?

www.twitter.com/deltanmd Vários corruptos dentre os mais poderosos têm foro privilegiado e ainda não foram responsabilizados. Uma resposta deve ser dada. O STF deve cumprir seu papel nisso, independentemente da repercussão social/política ou do protagonismo que a sociedade lhe atribua.

www.twitter.com/emirsader Lideres religiosos que geram seitas e fanatismo, sempre dispõem de recursos trilionários e grande quantidade de propriedades, revelando que não se trata só de um fenômeno espiritual, mas profundamente financeiro.

www.twitter.com/Ju_Gomes_ Panetone trufado de gotas de chocolate e recheio duo de creme de ninho e creme de chocolate, e naked cake de massa amanteigada e recheio de três leites. Aqui.

Siga Blog Cláudio Nunes:                                                                                                                 

Instragram

 Facebook

 Twitter

Frase do Dia
“Palavra puxa palavra, uma ideia traz outra, e assim se faz um livro, um governo, ou uma revolução, alguns dizem que assim é que a natureza compôs as suas espécies.” Machado de Assis.

Comentários