Ficha suja, barra limpa

0

O Pleno do Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe manteve a candidatura de Diva de Santana Melo (PMDB) à Prefeitura de Pacatuba. O registro dela havia sido impugnado pelo Juízo da 32ª Zona Eleitoral sob o argumento que a prefeiturável responde por atos de improbidade administrativa. Os integrantes do TRE acompanharam o entendimento do Tribunal Superior Eleitoral de que o fato de ter “ficha suja” não deve ser condição sine qua non para impugnar os registros dos que pleiteiam cargos públicos.

Apreensões rápidas

Quem deve e aposta na morosidade do Judiciário pode colocar as barbas de molho. É que o Conselho Nacional de Justiça vai lançar hoje (26) o sistema on-line de restrição judicial de veículos, o Renajud. Com o sistema, juízes poderão, em tempo real, consultar a base de dados do Renavam para bloquear o automóvel, caso o proprietário tenha dívidas, e incluir restrições judiciais para transferência, licenciamento e circulação.  A vantagem do novo sistema é acabar com o desperdício de tempo e dinheiro com a expedição de ofícios para cumprimentos de ordens judiciais.

Viva a vida

A Companhia de Policiamento de Trânsito informou que houve o número de acidentes de trânsito caiu em 27% desde que entrou em vigor a chamada “Lei Seca”, que pune severamente quem dirige após encher a cara. Segundo o capitão Samuel Alves, desde que a Lei entrou em vigor, já foram notificados em Aracaju 36 motoristas. Destes, 16 ultrapassaram o limite de 0,6 decigramas de álcool por litro de sangue. Os demais infratores responderão apenas administrativamente. Eles tiveram a Carteira de Habilitação suspensa por 12 meses pelo Detran e foram multados em R$ 957,70.

Quarto de Milha

Está quase tudo pronto para o 1º Leilão Haras Mucuri e Amigos, que acontecerá no próximo dia 28 no Resort Stafish, na Barra dos Coqueiros. Criadores e admiradores do cavalo Quarto de Milha vão trocar experiências, contar histórias e, como diz o convite do evento, “fazer grandes negócios”. Um dos organizadores do leilão, o criador sergipano Raimundo Oliveira, afirma que a festa apresentará os melhores pedrigrees de velocidade e trabalho. “Será um show de raça e genética”, promete.

O que mais cega

A falta de acesso a óculos encabeça a lista das maiores causas da cegueira no país. É o que revela uma pesquisa inédita encomendada pelo Conselho Brasileiro de Oftalmologia. Outros motivos identificados pela consulta são a catarata, o glaucoma, a diabetes, além da degeneração macular associada à idade. O objetivo da pesquisa foi mostrar a importância de se elaborar políticas públicas que previnam a cegueira. A região brasileira que apresenta o maior número de pessoas com catarata é a Nordeste.

Carros inseguros

Os carros mais vendidos no Brasil, do tipo hatch, não são exemplos de segurança para o motorista e passageiros. A informação é do Centro de Experimentação e Segurança Viária, que pontua os veículos com 0,5 a 5 estrelas, de acordo com a segurança que proporciona. Somente o Citroën C3 1.6 Exclusive obteve 3 estrelas. O Gol e o Palio receberam pontuações que variam de 1 a 2 estrelas para o Gol, e de 2 a 2,5 para o carro da Fiat. As notas mais baixas se referem às versões G4 Rallye do carro da Volkswagen, e do Palio Fire 1.0.

Retrato caro

Uma equipe do ex-deputado estadual José Milton de Zé de Dona pagou R$ 500 para uma senhora tirar da parede de casa uma foto do candidato a prefeito de Itabaiana, Luciano Bispo (PMDB), e colocar uma da prefeiturável Maria Mendonça (PSB). A denúncia foi feita no plenário da Assembléia Legislativa pelo deputado estadual Arnaldo Bispo (DEM). Segundo ele, a proposta inicial foi de R$ 300, mas como a mulher recusou, os cabos eleitorais de Zé Milton aumentaram a oferta para R$ 500. Em sendo isso verdade, a Justiça Eleitoral precisa agir com rigor.

Delegado vida boa I

O
presidente da Associação dos Delegados de Polícia de Sergipe (ADEPOL/SE), Ronaldo Alves Marinho da Silva, não gostou da notinha publicada por esta coluna dando conta que um delegado teria dito que trabalha menos de duas horas por dia. Em nota ao colunista, o representante classista diz que a informação não reflete a realidade e visa denegrir a imagem da categoria. Também estranha porque a coluna não divulga o nome do “gazeteiro” e prossegue afirmando que “nenhuma contribuição apresenta uma denúncia que tem o único objetivo de ofender todos aqueles que trabalham incessantemente na construção de uma segurança pública eficiente e profissional”.

Delegado vida boa II

A coluna informa ao presidente da ADEPOL/SE que a falta de compromisso com o trabalho foi alardeada pelo próprio delegado em um recinto público. Ao divulgar tal fato, este colunista não teve a intenção, como insinua Alves Marinho, de ofender todos os delegados, pois a maioria tem relevantes serviços prestados aos sergipanos. Contudo, não é função do jornalista andar nas delegacias conferindo quem ganha para não trabalhar, muito menos desacreditar em uma autoridade policial quando esta se vangloria da boa vida que leva. Por fim, este jornalista não é dedo-duro.

Mais empregos

O nível de emprego formal em Sergipe registrou um aumento de 0,39% no último mês de julho. Segundo o DIEESE, foram admitidos no período, 7.278 trabalhadores e desligados 6.498, com um saldo positivo de 780 postos. Os setores que mais geraram emprego formal foram construção civil (+1,47% ou +315 empregados), serviços (+0,24% ou +200), e comércio (+0,38% ou +166). Em Aracaju, o nível de emprego cresceu 0,46% em julho, com a admissão de 4.546 trabalhadores e o desligamento de 3.976.

Prepare o bolso

As auto-escolas vão faturar mais em 2009. É que uma resolução do Contran mudou as regras para concessão da Carteira de Habilitação. A partir de janeiro do próximo ano, a carga do curso teórico passará das atuais 30 horas para 45 horas. As aulas práticas também aumentarão, de 15 para 20 horas. O acréscimo na carga horária deve ampliar o valor em até 20%. Além do aumento na carga horária, o novo curso para formação de motoristas terá um reforço no conteúdo teórico.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários