Filiação de Almeida no PSDB é blefe

0

Almeida blefa sobre PSDB
O senador Almeida Lima vinha blefando sobre sua filiação ao PSDB e saída do PDT. A comprovação foi feita hoje pelo líder do PSDB na Assembléia, deputado Ulices Andrade, ao apresentar certidão negativa do Tribunal Regional Eleitoral comprovado que o senador está filiado, de “forma regular” no PDT desde o dia 20 de março de 1990. Ou seja, ele jamais deixou o partido. Como pode estar filiado em um partido e ser vice-líder de outro partido? Diante dessa situação Ulices Andrade encontrou a palavra da moda: “Almeida Lima está prevaricando”.  

 

Mas Almeida se filiou ao PSDB, assinou a ficha que foi abonada pela

direção nacional do partido na presença do deputado federal e presidente estadual do partido em Sergipe, tentou corrigir Garibaldi Mendonça (ainda no PDT). Para espanto de todos, Ulices apresentou a certidão negativa da justiça eleitoral que informa a filiação do senador ainda no PDT e complementou; “Se nem vossa Excelência deputado Garibaldi, confiou em trocar o PDT pelo PSDB, como é que seu chefe faria isso”, questionou Ulices a título de comprovar que Almeida não conseguirá o comando do PSDB em Sergipe.

 

Mesmo ainda estando filiado ao PDT o senador Almeida Lima foi indicado vice-líder do PSDB no Senado. Até meados da tarde desta terça-feira as certidões emitidas pela justiça eleitoral continuavam acusando a permanência de Almeida no PDT. (ver cópia ao lado)

 

 

Pode perder mandato

Um advogado com experiência em legislação eleitoral informou hoje na Assembléia que se ficar comprovado que o senador Almeida Lima está exercendo a vice-liderança do PSDB estando ainda filiado ao PDT, ele poderá ser submetido à comissão de ética do Senado e pode até perder o mandato.

Resta saber se alguém vai se pré dispor a formalizar a denúncia junto à Mesa do Senado!

 

Não cita nome

O deputado Ulices Andrade (PSDB) informou ontem que não tratará mais o senador Almeida Lima pelo nome. “Vou lhe dispensar o mesmo tratamento dado pela imprensa nacional”. Vai chamá-lo a partir de agora de Rolando Lero e de Darlene…

 

Não deixou PDT

O deputado estadual Garibaldi Mendonça, informou hoje continuar no PDT. “Só entro no PSDB depois que o senador Almeida Lima assumir o comando”, anunciou, sendo retrucado por Ulices Andrade (PSDB), “assim sendo o senhor não entrará no PSDB nunca”.

 

Recadastramento

O PPS dá inicio esta semana ao processo de recadastramento de seus filiados em todo o país. Sexta-feira última o partido esteve reunido para cobrar agilidade aos dirigentes dos 65 diretórios da legenda em Sergipe neste processo e também para preparar a reunião com o Secretário Geral, Rubens Bueno, que acontecerá nesta quinta-feira, dia 03, aqui em Aracaju.

 

Albano governador

O PSDB entregou documento ao ex-governador Albano Franco, sábado passado, cobrando sua candidatura ao Governo do Estado no próximo ano. “O PSDB terá candidato a governador e será Albano”, garantiu Ulices ao deixar claro que não haverá aliança com o PT do prefeito Marcelo Déda.

-O PSDB não é aliado do PT, garantiu.

 

José Araújo é jornalista

josearaujo@infonet.com.br

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais