Flávio vai ouvir o CD da delação

0

Flávio vai ouvir o CD da delação
E a desembargadora Clara Leite de Rezende determinou que a presidência do Tribunal de Contas de Sergipe entregue um CD reivindicado pela defesa do conselheiro afastado do TCE, Flávio Conceição de Oliveira Neto. No CD estão as gravações interceptadas pela Polícia Federal por determinação da ministra do STJ Eliana Calmon. As informações contidas no CD compõem o Inquérito que resultou na Operação Navalha, deflagrada em de maio do ano passado e que terminou com a prisão de mais de 40 pessoas em todo o país, inclusive do conselheiro Flávio Conceição. De Sergipe também foram presos o empresário João Alves Neto e o ex-deputado federal Ivan Paixão (PPS).

Vale para já
O presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro sergipano Carlos Ayres Britto (foto), disse que a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que altera o número de vereadores, aprovada ontem (28) em segundo turno pela Câmara dos Deputados, pode valer para as eleições de 2008. Isso acontecerá se for aprovada antes do início do processo eleitoral, ou seja, até o dia 30 de junho, que é o prazo final para a realização das convenções partidárias. Carlos Britto não quis se pronunciar sobre o teor da Proposta que, se aprovada pelo Congresso Nacional, modifica entendimento fixado na Resolução 21.702/04 do TSE sobre o quantitativo de vereadores.
 
Reunião tucana
O presidente nacional do PSDB, senador Sérgio Guerra (PE), chega amanhã (30) em Aracaju. Vem participar, juntamente com outras lideranças nacionais e locais do partido, do Seminário sobre “Democracia e Desenvolvimento”. O evento acontecerá no Hotel Parque dos Coqueiros. Temas vinculados ao pleno funcionamento da democracia serão abordados durante as palestras dos líderes do PSDB no Senado e na Câmara, respectivamente, o senador Artur Virgílio (AM) e o deputado federal José Aníbal (SP), além do presidente do ITV, o deputado federal Luiz Paulo Velloso Lucas (ES). O deputado federal Albano Franco, presidente de honra do PSDB em Sergipe, e o senador Sérgio Guerra encerrarão o Seminário.

Atendimento chinfrim
Quer um exemplo que estamos no mato sem cachorro? Pesquisa feita pela revista Consumidor Moderno revela que os serviços de atendimento ao consumidor, seja por telefone ou internet, estão cada vez piores. Conforme a consulta, o tempo médio que o consumidor gasta no telefone à espera de um atendente, enquanto ouve musiquinhas ou gravações sobre as excelências da empresa, quase triplicou em três anos. Eram 1m24s em 2006; hoje, são 3m46s. O pior é que quando finalmente consegue falar com um ser humano, a pessoa descobre que os atendentes têm cada vez menos capacidade para entender os pedidos dos clientes e são menos capazes de resolver problemas na primeira ligação.

Contra imposto
“É bem verdade que a saúde pública no país apresenta sinais de calamidade, merecendo destinação de recursos específicos, porque é atividade-fim do Estado. Mas, este resultado pode, e deve ser obtido por meio de uma profunda reforma tributária”. A afirmação é do presidente nacional da OAB, o sergipano Cezar Britto. Segundo ele, a intenção de recriação ou de edição de novo imposto, independentemente do seu nome ou destinação, repete o que chamou de “a velha e combatida lógica” de que é mais fácil aumentar a carga tributária do que cortar despesas públicas. Cezar está correto!

Inativos na bronca
Dirigentes do Sindicato dos Auditores Tributários do Estado de Sergipe (Sindat) vão reunir nesta quinta-feira (29) os auditores aposentados e pensionistas para discutir o fato de os inativos não terem direito a 25% da chamada produtividade variável que foram concedidos aos auditores em atividade. Apesar de não concordar com a não concessão deste benefício aos aposentados, o Sindat ressalta o avanço das negociações com o governo de Sergipe, O sindicato cita o inegável esforço financeiro para que fossem resolvidas algumas distorções e garantido o reajuste dos vencimentos, de forma linear, em 5 % para todas as categorias.

Reforma agrária
O governo de Sergipe inicia o processo de reforma agrária com a desapropriação de três fazendas adquiridas pelo Estado em Canindé. A solenidade de assinatura de escritura da desapropriação acontece nesta quinta-feira (29), na fazenda Umburana, em Canindé. Os imóveis fazem parte do projeto de assentamento de trabalhadores rurais sem terra e é fruto de convênio entre o Ministério do Desenvolvimento Agrário e o governo sergipano. Juntas, as três fazendas possuem 2.598,9 hectares e vão beneficiar, de forma direta, 66 famílias de agricultores rurais.

A casa caiu
Após investigações que duraram dois meses, a Polícia sergipana prendeu ontem (28), em Aracaju, seis integrantes do PCC. A organização criminosa vinha fortalecendo o tráfico de drogas em Sergipe, principalmente o de crack. Segundo informações, os presos estavam em Aracaju há cerca de cinco meses e tinham como objetivo criar uma base de operações do PCC em Sergipe. A Polícia ainda está em diligências na tentativa de prender outros integrantes da quadrilha. Estão presos Wellington Brandão de Aragão, Andréa Cristina Martins, Roberto Esteves dos Reis, Breno Diego do Amaral, Luís Eduardo Marcondes Machado de Bastos e Alécio Luiz Cavalcante Freitas.

Lendo pouco
Você sabia que o brasileiro não lê nem cinco livros por ano? Pelo menos foi isso que constatou uma pesquisa feita pelo Ibope. O trabalho apontou que a média de obras lidas pelo brasileiro a cada ano é de 4,7 títulos. Esse dado considera a população estudantil e os livros didáticos obrigatórios que lêem. Quando a consulta desconsidera os estudantes, a média de leitura cai para 1,3 livro ao ano. Esses índices mostram que grande parte daquilo que é lido acaba sendo fruto dos títulos obrigatórios de escolas e das listas de vestibular.

Viva a Bíblia
Você é capaz de responder qual é a obra mais lida pelos brasileiros? Qual foi o último título que você leu? E qual é a publicação mais importante para sua vida? Se para as três perguntas você respondeu a Bíblia, está com a maioria dos brasileiros. Por exemplo: para o questionamento feito pelo Ibope sobre o último livro que a pessoa estava lendo ou havia lido, a Bíblia lidera com 18 vezes mais citações que o 2o lugar, “O Código Da Vinci”, de Dan Brown.
Comentários