Foi-se a militância

0

 

  Lembram daquela militância espontânea, onde a turma se envolvia por cerca de seis meses com o apoio a uma candidatura, saindo de casa com o nascer do sol e retornando na madrugada do dia seguinte? Pode-se dizer com certeza, com todas as letras, que ela não mais existe. Hoje o que se observa são moradores da periferia, pessoas que vivem em estágio de carência plena, arregimentadas para realizar um trabalho profissional. E neste pleito a profissionalização entre os colaboradores de campanha evoluiu de tal forma que a legislação em vigor deveria exigir a existência de contrato além dos recolhimentos de INSS e ISS.

  Nos principais cruzamentos das vias públicas é fácil observar esses colaboradores que já adotaram um kit básico composto de um banquinho plástico, uma garrafa térmica para água e no horário do almoço aparece uma topic transportando as quentinhas. Pronto, foi dessa forma que substituíram a antiga militância. Os antigos militantes tinham garra, desprendimento e uma vontade incontrolável de ver o seu candidato ganhar o pleito. Se preciso fosse, entrariam até em luta corporal para defender seu candidato. Já a militância profissional está lá para quem quiser ver,apática, tristonha e na maioria dos casos é possível que não consiga nem mesmo lembrar do nome do candidato para o qual ela passa todo o dia segurando a faixa ou bandeira e, certamente no dia primeiro de outubro votará em outro.

  É lamentável, mas é uma realidade. Eles não possuem ideologia, não defendem causa alguma e o compromisso político resume-se ao recebimento dos R$ 10,00 (dez reais) diários. Essa situação foi forjada a partir do comportamento de políticos que preferem remunerar essas pessoas a ter que assumir com elas compromissos políticos que envolvam o exercício do mandato. A antiga militância era aguerrida, mas exigia a participação no bolo do poder e como esse poder tem sido distribuído apenas para parentes e financiadores, tornou-se difícil conviver com militantes espontâneos. A cobrança será bem menor.

 

Troca de serviços por combustível

Um órgão federal muito importante em Sergipe até o ano passado pagava algumas despesas, a exemplo de fotografias, com combustível.  Algo muito estranho, um órgão federal pagar prestação de serviços com combustível. Aguardem mais detalhes…

 

Petista pode ter denunciado petista I

Um leitor inconformado enviou um e-mail sobre as declarações do deputado Gualberto (PT) sobre corrupção eleitoral. No e-mail o leitor questiona a imprensa e lamenta que ninguém desconfia do que ele denunciou. Segundo o leitor, Gualberto só denunciou isso porque um companheiro de partido dele, também candidato a deputado estadual  estaria comprando as “lideranças”. Deu como exemplo uma liderança de Gararu, que estava apoiando Gualberto e recebeu alguns reais de outro. Se o leitor resolver assumir tudo que escreveu no e-mail o mesmo será publicado na integra.

 

Petista pode ter denunciado petista II

Ontem, este jornalista conversou por telefone com alguns petistas. Mesmo não preferindo entrar em detalhes um deles confirmou que o problema entre Gualberto e Rogério existiu realmente no município de Gararu, onde uma importante liderança petista local mudou de lado depois de uma “conversa de pé de orelha”. Esta coluna está checando todos os detalhes para divulgar na próxima segunda-feira.

 

 

PFL processa rádio Xingó FM

Por conta de uma entrevista concedida pelo senador Valadares e o prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira no dia da derrubada de barracos dos sem terra no município, a rádio Xingó FM, de Canindé do São Francisco está sendo processada pela coligação pefelista. Detalhe: na mesma rádio o governador e candidato à reeleição em menos de um mês participou de dois programas (um de 40 minutos e outro de 20 minutos) onde fez criticas duras à oposição e anunciou obras na região. Não recebeu nenhum processo. Ou seja, a rádio só é democrática quando o objetivo governamental é atendido.

 

É preciso muita prudência hoje

É possível que hoje, aproximadamente às 17h os militantes dos candidatos João Alves e Marcelo Deda se encontrem no centro de Aracaju. Os de João vêm numa carreata que sai em frente do parque da Sementeira. Do outro lado os militantes de Deda saem numa caminhada da praça da Bandeira. Os organizadores, dos dois lados, precisam ter prudência para que os ânimos não sejam acirrados e ocorra algo pior. Até porque do jeito que anda a política no Brasil não será impossível que nas próximas eleições estaduais o PFL e o PT estejam juntos no mesmo palanque. Ou alguém tem coragem de apostar?

 

Representação contra João, Maria e Fabiano

O Ministério Público Federal, através do Procurador Regional Eleitoral Eduardo Botão Pelella, propôs ontem Representação contra João Alves Filho, candidato ao cargo de Governador do Estado, Fabiano Oliveira candidato a Vice-Governador, e Maria do Carmo Alves, candidata a Senadora, todos pela pela Coligação “Sergipe no Rumo Certo”, em virtude da afixação de  placas publicitárias, bastante semelhantes a outdoors, exibidas na Avenida Beira Mar, na porta do que parece ser o Comitê Eleitoral da Coligação. Para Eduardo Pelella, a propaganda dos candidatos afronta o art. 39, § 8º, da Lei n.º 9.504, que veda a propaganda eleitoral mediante outdoors.Na Representação, o procurador requer ao Tribunal Regional Eleitoral que determine a  retirada imediata das placas dos endereços indicados e a condenação dos representados ao pagamento de multa entre 5.000 e 15.000 UFIRs.

 

 

Representação contra André Moura

O Ministério Público Federal, através do Procurador Regional Eleitoral Eduardo Botão Pelella, propôs ontem representação junto ao Tribunal Regional Eleitoral contra  André Moura em virtude de propaganda eleitoral antecipada.O procurador argumenta que  a propaganda antecipada consistiu na afixação de faixa em mini-trio elétrico durante evento realizado em 2 de junho de 2006, muito antes do período de campanha permitida, que foi iniciado em 6 de julho último.Eduardo Pelella requer ao TRE a procedência da ação, para aplicação de multa ao representado.

 

Bobinas no ralo da Deso

Deu no boletim do Sindisan desta semana: “Cerca de 500 caixas de bobinas com formulários de faturas da Deso estão perdidas. Foram compradas fora do novo padrão exigido. É um prejuízo de mais de R$ 200 mil reais para empresa”. A direção da Deso deve uma explicação pública à sociedade sergipana.

 

Críticas são à tônica de programa

Estão claras as mudanças que foram feitas no programa eleitoral do PFL. Definiram um rumo e passaram a trabalhar  em cima das brechas apresentadas no programa da coligação petista, o que é um ponto positivo. As criticas a Deda aumentaram muito. Resta saber se elas surtirão o efeito desejado.

 

Hospitais municipais defendidos

Um leitor lembrou que a Secretaria de Saúde Municipal, realiza de 20.000 atendimentos nos dois

 hospitais em Aracaju. “Se você consegue atender um numero  desses e por que tem estrutura.Agora enquanto criticam que não é hospital porque não tem estrutura para ser  Hospital, o governo do estado fecha as portas de 90%  dos Hospitais do interior e agora no quente das  eleições promete reabri-los. Como um simples cidadão acho que entre um Hospital pequeno funcionando e uns  elefantes brancos fechados pelo interior a fora  fico com a primeira opção”.

 

Gilmar defende promotores

O ex-deputado estadual Gilmar Carvalho (PSB) disse ontem que, se for eleito para um novo mandato na Assembléia Legislativa, vai propor uma lei que permita aos promotores de Justiça participar da  eleição para a escolha do Procurador-Geral de Justiça.Ele lembra que o artigo 128 da Constituição Federal diz expressamente em seu § 3º que “Os Ministérios Públicos dos Estados e o do Distrito Federal e Territórios formarão lista tríplice dentre integrantes da carreira, na forma da lei respectiva, para escolha de seu Procurador-Geral, que será nomeado pelo Chefe do Poder Executivo, para mandato de dois anos, permitida uma recondução”.

 

Ao invés de avançar, desacelerar

De um leitor sobre o programa do PFL chamando José Eduardo Dutra de forasteiro:“…quanto à estratégia dos marqueteiros de D. Maria espicaçando o forasteiro, equivale a um corredor de formula 1 que está na frente, muito na frente, não consegue nem ver o segundo colocado direito, faltam quatro voltas/semanas para o final e ele então resolve , ao invés de ir avançar , desacelerar  e começa a buscar o segundo colocado no retrovisor com a intenção de deixar que ele se aproxime para impedir a ultrapassagem.Primeiro lugar disparado voltando – se para bater em segundo lugar,  lá atrás? Pelo -amor  de  Deus, alguém aí já ouviu falar em James Carville?”

 

Centenário de Gonçalo Rollemberg I

O Poder Judiciário do Estado de Sergipe, através do Memorial do Poder Judiciário estará abrindo exposição “Centenário do Dr. Gonçalo Rollemberg Leite”, nesta segunda-feira, dia 04 de setembro, às 18 horas. A mostra visa enaltecer o centenário de nascimento do grande sergipano que foi Gonçalo Rollemberg. Advogado, jurista, político, professor, mestre de ilustres sergipanos e marcante na história cultural de nosso povo, Gonçalo Rollemberg marcou também pela luta em favor da criação da Academia de Direito do Estado de Sergipe.

 

Centenário de Gonçalo Rollemberg II

A mostra apresentará depoimentos de ex-alunos, a postura política diante do golpe militar de 1964, fotografias, medalhas, documentos, recortes de jornais etc. O notável sergipano ainda hoje é exemplo de altivez moral e profissional, deixou um legado de coragem e dedicação, honrou o Ministério Público, a cátedra universitária e foi membro da Academia Sergipana de Letras. O Memorial cumprindo sua missão de resguardar a memória cultural do seu Estado, abre suas portas para abrigar a exposição do centenário deste que foi um eminente cultor da ciência do direito, desta forma enriquece-se o mundo jurídico e a sociedade ganha em qualidade biográfica sobre seus vultos.

 

 

 

Geologia em debate

Acontece neste domingo, dia 3 de setembro, às 19 horas, no Teatro Tobias Barreto, a Sessão Solene de Abertura do XLIII Congresso Brasileiro de Geologia. Realizado pela Sociedade Brasileira de Geologia Núcleo Bahia-Sergipe, o evento contará com a participação de congressistas, palestrantes e autoridades dos Estados de Sergipe e da Bahia.

 

  

Frase do Dia

“Existe um tempo para melhorar, para se preparar e planejar; igualmente existe um tempo para partir para a ação.”  Almyr Klink.

 

 

Comentários