Gatos de pobre

0

Depois da periferia de Socorro, agora foi a vez de Poço Verde receber uma megaoperação contra ligações clandestinas de água tratada. Os chamados “gatos” foram logo descobertos em 15 residências daquele município. Composta por técnicos da Deso, promotores públicos, policiais e peritos criminais, a campanha contra ladrões de água vai prosseguir em outros municípios. Que bom! Aliás, este trabalho só não é mais louvável por ter começado pela periferia, deixando de lado bairros nobres de Aracaju, onde devem existir robustos “gatos” abastecendo piscinas, lojas comerciais e hotéis de luxo. Em 2011, a Deso resolveu procurar estes “bichanos” na rede hoteleira da orla de Atalaia, tendo descoberto cinco enormes ligações clandestinas. Pressionada, a Companhia de Saneamento recuou e nunca mais se falou no assunto. A pergunta que não quer calar é por que, em vez de ter começado a procura de ligações clandestinas em casas de miseráveis, a megaoperação não bateu primeiro em endereços de luxo? Estaria com medo das unhas afiadas dos “gatos” bem criados nas empresas e mansões de certas autoridades? Cala-te boca!

Abaixo as armas

Ao autorizar o porte de armas para jornalistas, o governo federal coloca as vidas destes em risco. Estando armado, principalmente em áreas de conflito, o comunicador vira alvo fácil dos bandidos e da Polícia. As armas destes profissionais devem ser a palavra e a caneta. A nossa Federação Nacional está certa quando diz ser papel do Estado garantir a segurança dos jornalistas no exercício profissional, ainda que em coberturas nas quais eles são expostos a riscos. Cruzes!

Ao Deus dará

Nenhum dos vereadores aracajuanos saiu em defesa do colega Cabo Amintas (PTB). Acusado de ter pedido propina para abortar a CPI dos shows, o petebista foi proibido pela Justiça de dar entrevistas ou falar na Câmara sobre a tal CPI. A solidariedade a Amintas veio da Assembleia, onde o deputado estadual Georgeo Passos (Rede) achou estranha a decisão judicial. Ontem, o cabo postou nas redes sociais que “Nitinho mentiu” e prometeu falar mais sobre o tema “quando a Justiça permitir”. Então, tá!

Petição de miséria

A Universidade Federal de Sergipe dificilmente continuará funcionando se este governo militar mantiver o corte de 30% (R$ 29,5 milhões) do seu orçamento. Segundo a reitoria da UFS, a drástica redução coloca em risco a manutenção de serviços como energia, água, telefonia, limpeza, vigilância, e pessoal de apoio terceirizado. Estão ameaçados o ensino de graduação e de pós-graduação, as pesquisas e os projetos de extensão, com perdas irreparáveis para toda a sociedade. Crendeuspai!

Canudos proibidos

A Câmara de Aracaju aprovou um projeto proibindo os canudos de plásticos em bares e restaurantes da capital. A propositura determina que os estabelecimentos comerciais forneçam canudos em papel reciclável, material comestível ou biodegradável. De autoria dos vereadores Zezinho do Bugio (PTB), Vinicius Porto (DEM) e da ex-vereadora Kitty Lima (Rede), o projeto seguiu para a sanção ou veto do prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB). Tomara que ele sancione. O meio ambiente agradece!

Mãos abanando

E os governadores que foram, ontem, à Brasília na esperança de ouvir “boas novas” do presidente Jair Bolsonaro (PSL) ficaram a ver navios. Após pedir apoio para a famigerada reforma da Previdência, o capitão de pijama bateu em retirada sem garantir qualquer auxilio aos estados falidos. Desesperados, os governadores permaneceram em Brasília passando a sacolinhas nos ministérios. Devem retornar aos estados de mãos abanando. Homem, vôte!

Faroeste caboclo

Será que, após o governo ter concedido porte de armas para político com mandatos, a Câmara de Aracaju ainda pretende impedir o acesso de vereadores armados no plenário? Ora, se desarmados, os parlamentares quase se matam, imaginem portando um três-oitão. Só pra lembrar: Em 1963, durante uma discussão em plenário, o senador alagoano Arnon de Mello atirou em Silvestre Péricles e acertou mortalmente José Kairala, senador do Acre. Aff Maria!

Tucanos reunidos

Após ter sido reeleito presidente do PSDB sergipano, o ex-senador Eduardo Amorim se encontrou, em Brasília, com Geraldo Alckmin, presidente nacional dos tucanos. Ambos conversaram sobre o atual momento do país e a atuação do PSDB neste cenário. Amorim aproveitou a conversa com o ex-governador paulista para reforçar o compromisso de seguir trabalhando com o objetivo fortalecer o partido em Sergipe. Ah, bom!

Morrendo a míngua

Dos 135 remédios distribuídos obrigatoriamente pelo Ministério da Saúde, 25 estão com o estoque zerado e 18 devem esgotar em breve. Esta grave denúncia é do senador Rogério Carvalho (PT). Segundo ele, com o provável fim do programa “Mais Médicos” a previsão é que aumente o número de mortes por falta de assistência. Só Jesus na causa!

Agora vai

A Petrobras está otimista com as descobertas feitas em águas profundas na Bacia de Sergipe. De acordo com a estatal, nessa área ocorreram seis promissoras descobertas: Cumbe, Barra, Farfan, Muriú, Moita Bonita e Poço Verde. O Plano de Negócios e Gestão 2019-2023 da Petrobras prevê a instalação na Bacia de Sergipe de uma unidade com capacidade para 100 mil barris por dia para produzir, armazenar e transferir óleo e gás. Que ótimo!

Compras online

Os homens são responsáveis por 52% das transações realizadas na internet. Pesquisa do Instituto Marplan mostra que as classes A e B ainda são maioria nas compras eletrônicas, com 72%. Quanto ao nível de escolaridade, 48,1% dos compradores online possuem nível superior incompleto. Os compradores gostam de tecnologia, funcionalidade e praticidade. Marminino!

Recorte de jornal

Publicado no jornal aracajuano O Tempo, em 3 de março de 1949

Resumo dos jornais

Comentários