Governistas fecham acordo em Propriá

0

Governistas fecham acordo em Propriá

 

Está decidido: o prefeito de Propriá, Paulo Britto (PT), vai disputar a reeleição com o apoio do ex-secretário estadual do trabalho Renato Brandão (PMDB). Este retirou a pré-candidatura para evitar que os governistas fossem às urnas rachados, o que, naturalmente, beneficiaria o ex-prefeito daquele município, Luciano Nascimento (DEM). O acordo entre Britto e Brandão foi fechado ontem e deverá ser selado nos próximos dias. Com o entendimento, o governador Marcelo Déda (PT) terá mais um palanque para subir na campanha eleitoral que se avizinha. É que, se os dois aliados não tivessem se entendido, ele não participaria da disputa propriaense para evitar contrariar um dos lados.

 

Prefeito renuncia

 

Conforme havia prometido, o prefeito de Neópolis, José Teixeira (PSB), renunciou ao cargo ontem (19). Em seu lugar assumiu o vice Carlos Alberto Guedes de Souza (PTB), que é pré-candidato a prefeito. Teixeira alegou que a renúncia foi motivada pela pressão da Câmara de Vereadores, que decidiu boicotar sua administração. Há quem diga, contudo, que a renúncia pode ser uma estratégia política. É que amanhã (21) o ex-prefeito comemora aniversário em sua fazenda e, fora do cargo, pode ser convencido pelos aliados disputar a reeleição.

 

Mais Alimento

 

O ministro do Desenvolvimento Agrário (MDA), Guilherme Cassel, escolheu Sergipe para lançar no Nordeste o Programa Mais Alimentos, que será lançado nacionalmente pelo presidente Lula (PT) no próximo dia 3, em Brasília. Para que o evento ocorra em território sergipano falta apenas que o governo estadual demonstre interesse, ou seja, viabilize o ato de lançamento. O programa vai ampliar a oferta de alimentos no País através do aumento de produção e produtividade da agricultura familiar.

 

De olho no Banese

 

O Tribunal de Contas de Sergipe vai realizar uma auditagem especial no Banco do Estado de Sergipe (Banese). O objetivo é apurar denúncias do suposto favorecimento em licitações e contratos na área de tecnologia. A auditagem ficará a cargo do conselheiro da área, Carlos Alberto Sobral de Souza. A fiscalização foi proposta pelo procurador-geral do Ministério Público Especial junto ao TCE, João Augusto dos Anjos Bandeira de Mello.

 

Calote menor

 

O volume de cheques devolvidos por falta de fundos recuou 1,9% nos primeiros cinco meses deste ano, em comparação com o mesmo período de 2007. Segundo a Serasa, até maio foram devolvidos 20,3 cheques a cada mil compensados, ante 20,7 em 2007.

 

Parceria trecnológica

 

O governo de Sergipe e a Microsoft Brasil assinam hoje (20) um protocolo de intenções para o desenvolvimento de uma parceria na área de tecnologia visando favorecer a inclusão digital. Entre os itens negociados estão a criação do Centro de Inovação no Estado de Sergipe em parceria com o Sergipe Parque Tecnológico (SergipeTec) e a instalação de um laboratório de Interoperabilidade com a Universidade Federal de Sergipe (UFS) e o SergipeTec. Participarão da solenidade, marcada para as 10 horas, no Palácio de Despachos, o governador Marcelo Déda (PT) e o presidente da Microsoft Brasil, Michel Levy.

 

Se beber não dirija

 

O Diário Oficial da União publica hoje (20) a Lei que torna mais rigorosa a punição para motoristas que dirigirem alcoolizados. Ela prevê que o motorista não pode ter nenhum teor de álcool no sangue, além de proibir a venda de bebibas alcoólicas em estradas federais, exceto em trechos dentro das cidades. Se for flagrado embriagado, o motorista vai ter que pagar uma multa de R$ 955 e tem suspensa por um ano a carteira de habilitação. Antes dessa lei o teor alcoólico permitido era de até seis decigramas de álcool por litro de sangue. Pela nova lei passa a ser obrigatório também o teste do bafômetro, antes opcional.

 

A Sergiportos acabou

 

As ações e serviços prestados pela Empresa Administradora de Portos de Sergipe (Sergiportos) passam agora a ser de responsabilidade da Companhia Estadual de Habitação e Obras Públicas (Cehop). Projeto de Lei estabelecendo a incorporação foi aprovado ontem (19) pela Assembléia Legislativa. Além das atividades, os bens móveis, imóveis, materiais, equipamentos, instalações e recursos financeiros da Sergiportos serão transferidos para a Cehop. Todos os servidores da empresa serão remanejados, estando garantido o vínculo empregatício.

 

Dívida renegociada

 

Uma boa notícia para o pequeno agricultor: o Banco do Nordeste iniciou a renegociação de dívidas com condições especiais para os mutuários do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf – todos os grupos). De acordo com a fonte de recursos utilizada no financiamento, as renegociações prevêem benefícios como: prazo adicional para pagamento; descontos para liquidação de dívidas; redução dos encargos por atraso; e alteração de encargos pós-fixados para prefixados.

 

Carimbo salvador

 

No início da década de 70, o município sergipano de Carira teve um prefeito que não sabia fazer um “O” com um copo. E como isso aconteceu se naquela época só podia votar e ser votado quem soubesse ler e escrever? João de Jesus, o saudoso João Carira, havia sido eleito vice na chapa do prefeito Aroaldo Chagas, que morreu num acidente de carro seis meses após a posse. Nada contra entregar a prefeitura ao vice, que era gente boa demais e honesto até a alma, mas João Carira não sabia ler e, portanto, não tinha como assinar a papelada. Foi aí que alguém deu a idéia: “Pede para ele riscar alguma coisa num papel e mande fazer um carimbo em Aracaju.” Assim foi feito e seu João cumpriu todo o mandato carimbando tudo que lhe pediam.

Até mais!

 

A Infonet publica esta coluna todas as segundas e sextas-feiras.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários