II – Democracia sangra: desmoralização, intimidação e autocensura

0

“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

Continuando a análise de ontem, tendo como base o livro “Como as democracias morrem”, best seller do New York Times, o Brasil vê suas instituições comprometidas, um presidente intimidador e uma tentativa de enfraquecer e desacreditar a imprensa.

Bolsonaro se aproveita da crise econômica e da paralisia política para enfraquecer a democracia, sem golpe, mas intimidando e tentando desmoralizar a imprensa.
Como bem analisou o livro, as democracias podem morrer por meios diferentes. Não precisa de um golpe. O retrocesso começou nas urnas, não há tanques nas ruas, mas armas voltadas para desmoralizar as instituições e a imprensa.

Os meios de comunicação não são fechados, mas são comprados, intimidados e levados a se autocensurarem. “A erosão da democracia é, para muitos, quase imperceptível”, explica o livro.

Outro lembrete é de que os demagogos extremistas surgem de tempos em tempos em todas as sociedades, mesmo em democracias saudáveis. Os autocratas eleitos subvertem a democracia; aparelhando tribunais e outras agências neutras e usando-os como armas, comprando a mídia e o setor privado (ou intimidando-os para que se calem) e reescrevendo as regras da política para mudar o mando de campo e virar o jogo com os oponentes.

E conclui: o paradoxo trágico da via eleitoral para o autoritarismo é que os assassinos da democracia usam as próprias instituições da democracia – gradual, sutil e mesmo legalmente – para matá-la.

Propriá: possível candidatura de Valberto Lima já incomoda E nos últimos dias, o atual secretário de Estado da Saúde, Valberto Lima, médico que foi candidato a prefeito de Propriá em 2016, vem sendo bombardeado por setores da mídia por uma razão: pesquisas internas mostram que ele venceria a eleição hoje. Valberto ainda não definiu se será candidato novamente.

Barganha Inclusive, o blog foi informado que tem um áudio que será disponibilizado mostrando um profissional liberal tentando “barganhar” para parar com as críticas. O blog só vai acreditar se o áudio for divulgado.

Propriá: prefeito do PSB decepciona O sentimento de decepção é uma tônica na população de Propriá. O prefeito, Iokanaan Santana, PSB, faz uma administração pífia que vem recebendo diversas críticas e com um alto índice de rejeição. Já se fala na possibilidade dele não disputar à reeleição.

Propriá: candidato do PSD Outro que deve ser candidato em Propriá é o vereador Aelson Santos, pelo PSD, que reuniu diversas lideranças num ato de filiação ao partido no último sábado. O discurso de Aelson é voltado para o desenvolvimento econômico do município.

Título de cidadania A Assembleia Legislativa de Sergipe entregou no final da tarde de ontem, 12, o Título de Cidadão Sergipano ao comandante do 28º Batalhão de Caçadores Batalhão Campo Grande coronel de Infantaria José Fernandes Carneiro dos Santos Filho. A autoria é do deputado Georgeo Passos (Cidadania).

Histórico Natural da cidade de Salvador, na Bahia, José Fernandes Carneiro incorporou ao Exército em 18 de fevereiro de 1991, na Escola Preparatória de Cadetes do Exército, sediada em Campinas – São Paulo. Foi declarado aspirante-oficial da arma de infantaria, em 1995, sendo classificado no 19º Batalhão de Caçadores, em Salvador, onde desempenhou as fincões

Foto: Edu Almeida/ALESE

de comandante de pelotão e Subunidade de Operações Especiais e comandou a Companhia de Fuzileiros de Selva em Tucuruí, no Pará.

Mesa A solenidade foi presidida pelo deputado Luciano Pimentel (PSB), tendo ainda na composição da Mesa, o major Gustavo Melo de Matos, chefe do Departamento Militar do Governo, representando o governador Belivaldo Chagas; o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Osório de Araújo Ramos; o secretário da Defesa Social e da Cidadania, Luís Fernando Silveira de Almeida, representando o prefeito Edvaldo Nogueira; o capitão dos Portos de Sergipe, Guilherme Fontes Padão, o comandante do Destacamento de Controle do Espaço Aéreo, capitão André da Silva; o juiz federal Gilton Batista, representando a Justiça Federal em Sergipe e o reitor da Universidade Tiradentes, Jouberto Uchôa.

Convocação presidente do Banese O deputado estadual Gilmar Carvalho preocupado com os possíveis impactos da venda de ações normativas e preferenciais d Banco do Estado de Sergipe (BANESE), protocolou o Requerimento ontem, 12, solicitando a convocação do presidente do Banco, Fernando Mota, para comparecer em sessão especial na Alese para apresentar os fatores que levaram a essa decisão. A venda de parte das ações do banco foi aprovada pelo Conselho Deliberativo do Banese na última segunda-feira (5).

Conversas Citada como forte candidata à sucessão municipal, a vereadora Emília Corrêa (Patriota), vice líder da oposição na Câmara Municipal de Aracaju (CMA), esteve conversando com o deputado estadual, Rodrigo Valadares (PTB) e o empresário Milton Andrade (NOVO), paralelamente. Em pauta, a formação de um bloco e a unificação para que haja uma junção na apresentação de um nome único entre esses partidos.

Tumores ginecológicos A oncologista clínica, Erijan Andrade, palestrou sobre os destaques da reunião anual da Sociedade Americana de Oncologia Clínica (Asco) 2019 em relação aos tumores ginecológicos e do sistema nervoso central, na noite de quarta-feira (7). Durante a palestra, foi apresentado estudo sobre novo medicamento para tratamento do câncer de ovário. De acordo com a oncologista, o medicamento Olaparib é o grande destaque deste ano nos estudos do tratamento deste tipo de câncer.

Grande ganho “A gente teve um grande ganho em novembro do ano passado com o lançamento do Olaparib, que é uma droga que vem para revolucionar o câncer de ovário em termos de manutenção de tratamento em uma paciente metastática. Ou seja, uma paciente que já fez muita quimioterapia, que já tem metástase, agora pode passar um tempo longe da quimioterapia, com um tratamento que gera poucos sintomas, apenas um pouco de náuseas e de cansaço, mas todos os outros efeitos da quimioterapia não vai ter”, explicou.

Novo medicamento Para Erijan, a maior vantagem desse medicamento é que é um comprimido e evita que a paciente tenha que sair de casa para fazer o tratamento. “A paciente pode ter um tratamento com uma melhor qualidade de vida, fazendo o tratamento em casa tomando apenas o medicamento. Estamos no terceiro estudo da droga, que foi lançado esse ano, onde mostra o que pode ser feito não apenas no câncer inicial, mas também para as pacientes que já fizeram vários tipos de tratamentos. Então, essa droga veio para mudar a forma como tratamos o câncer de ovário. É um medicamento aprovado pela Anvisa, mas ainda não faz parte do rol dos planos de saúde da ANS, mas a análise do rol já começou e o resultado será no final de 2019 até início de 2020 e no início de 2021 será instituída”, salientou a oncologista.

Sistema Nervoso Central Sobre os estudos do Sistema Nervoso Central, Erijan Andrade explicou que há uma tendência em reduzir o tempo do tratamento de quimioterapia. “Fazer menos quimioterapia. Há uma tendência de fazer menos adjuvância do que antes, ou seja, ao invés de fazer um ano de quimioterapia realmente parece que fazer seis meses é igual a fazer um ano. Isso só ficará definido em março do ano que vem com o novo estudo que será lançado. É uma tendência mundial reduzir o período de tratamento a longo prazo, que está cada vez mais diminuindo, e essa tendência também será usada para o sistema nervoso central”, ressaltou.

PELO ZAP DO BLOG CLÁUDIO NUNES – (79) 99890 2018

Seminário Internacional em SE com Nobuaki Kanazawa No próximo dia 05 de setembro a noite no Colégio Master em Aracaju, os praticantes do karate e das artes marciais terão uma oportunidade impar de participarem de um seminário internacional com o mestre Nobuaki Kanazawa – presidente da SKIFW e filho de um dos maiores mestres da história do karate, Kanazawa – que estará pela primeira vez no Brasil realizando seminários em poucos estados (RJ,MG, GO e SE). Ele foi tetracampeão mundial e representou todas as federações do Japão. Independente de federação e de estilos o evento é aberto para todos. A participação para crianças será das 18h às 19h30. E para os adultos de 19h30 até às 22h. O evento da Shotokan Karate Do Internacional/Brasil está sendo organizado pelo professor e atleta Yoacan Jócelis. Maiores informações pelo telefone: 79 – 98809 – 0037. O evento conta com o apoio do Sesi, Trimídia , Colégio Master, Gráfica Diogo, Óticas Carol, Indaiá, Probiótica e Suma Surf Shop.

PELO E-MAIL E FACEBOOK

ARTIGO

O livro de Ana Medina Por Antônio Samarone

A pretexto de escrever um ensaio biográfico sobre o médico Valmir Fernandes Fontes, a imortal Ana Medicina fez um passeio pela vida patriarcal de Boquim. Os velhos engenhos, a chegada da laranja na fazenda Garangau, as farinhadas, as viagens de carro de boi, as famílias, os casamentos, as festas, os modos e costumes, nada escapou ao olhar de Medina.

“A cidade de Boquim era muito tranquila, as crianças podiam brincar na rua, mas cedo se recolhiam para a declamação do terço, jantar e dormir. Às 22 horas a Usina de força apagava todas as luzes da cidade, tendo antes dado o alerta, com um apito agudo e, em seguida, a luz se tornava bruxuleante. A cidade virava um breu.”

Fiquei sabendo que a comunidade se mudou da Lagoa Vermelha para o Boquim Velho, com medo das enchentes do rio Piauí; e que o ginásio chegou à cidade pelas mãos do padre Gumercindo, de Itabaiana.

Num texto leve, Ana Medina apresentou o Dr. Valmir, filho de Jota e Marieta. Pelas mãos da parteira Dona Otávia Josefa, Valmir Fernandes Fontes veio ao mundo em 10 de janeiro de 1932, no Engenho Palmeira, em Boquim. O Dr. Valmir é um afilhado de Nossa Senhora.

O Dr. Valmir cresceu na Fazenda Palmeira, pescando piabas, brincando de cipó queimado e esconde-esconde. Aos seis anos se mudou para Boquim, para estudar no Grupo Escolar Severiano Cardoso. O curso Ginasial o Dr. Valmir fez no Salesiano e o científico no Atheneu, em Aracaju.

Formou-se médico na Bahia, pela Escola Baiana de Medicina e Saúde Pública, em 08 de dezembro de 1958. Especializou-se em cardiologia em São Paulo, onde exerceu a medicina com destaque. Casou-se com Dona Meily Rolim, um paulistana, e por lá estabeleceu família.

Ana Medina dedicou os capítulos finais do ensaio a vida médica do Dr. Valmir Fernandes Fontes. Um belo currículo. O texto se completou com importantes depoimentos. O Dr. Valmir foi um pacificador.

Sergipe passa por um momento de “vacas magras” em sua produção intelectual. Muita coisa sofrível, subliteratura. Um desperdício de papel e tinta. O livro de Ana Medina é um oásis. Bem escrito, denso e simples, de fácil leitura.

 

PELO TWITTER

www.twitter.com/CFcomunicologo “Não temos sido efetivamente ensinados a praticar o diálogo nas escolas, muito menos nos governos.” Para o professor, Paulo Freire ensinou, acima de tudo, que precisamos aprender “a ouvir, a entender e a respeitar uns aos outros” e a “trabalhar juntos nos problemas”. Simpson.

www.twitter.com/frednavarro Alguns brasileiros precisam saber onde pisam. Nas praias do Ceará, Alagoas, Bahia e Noronha, não falta turista “sulista” dizendo: “Lembra o Caribe. Nem parece que estamos no Brasil.”

www.twitter.com/jgprates “No creo en brujas, pero que las hay, las hay”

 

Siga Blog Cláudio Nunes:

Instragram

 Facebook

 Twitter

Frase do Dia
“Ninguém poderá ser feliz construindo a sua vida sobre a infelicidade ou desgraça dos outros.” Padre Juca.

Um absurdo! A morosidade do recapeamento da Avenida Beira Mar – com a Prefeitura só trabalhando algumas horas pelo dia nos horários de maior trânsito tem causando indignação da sociedade. Parece que a morosidade é proposital para que a obra só acabe no fim do ano. As fotos acima são do último sábado à noite, em frente a Praia Formosa, antes do Iate, onde a Prefeitura fez o serviço de frisagem há algum tempo, mas não passa o recapeamento. Este é apenas um dos vários veículos que já tiveram pneus furados no local. Um total desrespeito!
Comentários