Incêndio Hospital Nestor Piva: questionamentos. Não foi fatalidade!

0

               Blog Cláudio Nunes: a serviço da verdade e da justiça
“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.


Incêndio no Hospital Nestor Piva em Aracaju. Alguns questionamentos levantados por leitores técnicos das áreas de engenharia e segurança:

Como não foi uma fatalidade, mas um incêndio que poderia ser controlado se houvesse uma brigada preparada, o inquérito e os órgãos fiscalizadores pedirão o projeto elétrico no anexo construído no Nestor Piva?

Pedirão informações à Energisa se a empresa terceirizada responsável pediu o aumento de rede no local por conta da nova demanda?

Esse anexo foi feito dentro das normas técnicas, com a aprovação dos órgãos competentes, ou a empresa terceirizada fez apenas um “puxadinho” com gambiarras já que a área seria temporária?

Quem vai recuperar a área afetada? A empresa terceirizada ou a Prefeitura de Aracaju?

Quem será responsabilizado pelos óbitos? A empresa privada? O Poder público? Ou os dois, já que o Poder Público tem a obrigação de fiscalizar e cobrar uma estrutura adequada dentro das normas técnicas?

As indenizações que serão pedidas na Justiça pelas famílias das vítimas serão pagas pela empresa ou pelos gestores responsáveis? Ou sobrará pela a comunidade que não é a responsável, através dos cofres públicos?

A impunidade reinará em nome de uma suposta fatalidade quando na verdade foi negligência e falta de estrutura e segurança adequada? Foram quatro mortos e três vítimas estão em estado grave.

O blog gostaria de receber respostas, não só dos responsáveis, mas também dos órgãos fiscalizadores.

TV Sergipe: a emissora oficial do forró? Só se for em outra dimensão A TV Sergipe precisa explicar porque Deivinho Novaes, cantor de arrocha – nada contra ele, mas cada um em seu quadrado – vai representar Sergipe no São João do Nordeste exibido pela Rede Globo. Quem deseja a desvalorização dos forrozeiros sergipanos? Interesses empresariais? Veja o desabafo:

Fiscalização da PMA no sábado foi uma piada de mau gosto A Prefeitura de Aracaju teve a coragem de enviar um release para a imprensa dizendo que fiscalizou a faixa litorânea no sábado para verificar se os bares estavam cumprindo as medidas restritivas. O blog recebeu denúncias de vários leitores que foram a alguns bares e encontraram todos lotados sem cumprir as normas. Um exemplo? bar da Draga, na praia de Aruana, além de lotado e sem respeitar o percentual máximo, os garçons circularam livremente com as máscaras no queixo. Se o cliente reclamassem ouvia uma risada. Quem pune? Ninguém. Quem fecha? Ninguém!

Só fiscaliza logo cedo para as redes de televisões filmarem Os leitores alertaram que a força tarefa da Prefeitura tem apenas uma preocupação: fiscalizar logo cedo quando as redes de televisões chegam. Depois concedem entrevistas e vão embora. E ainda tem gente ganhando para fazer “o faz de conta.” Parem de fazer piada de mau gosto e pare de enviar release para a imprensa.

Poço Verde: prefeitura vem dando exemplo nas restrições para conter o avanço do coronavírus E no município de Poço Verde toda equipe comandada pelo prefeito Iggor Oliveira está preocupada e voltada para restringir o avanço do coronavírus. Para isso, semanalmente são publicados novos decretos com medidas restritivas de acordo com os dados e percentuais do crescimento da pandemia e do número de pessoas infectadas na região.

Antecipação No fim de semana, a feira livre foi suspensa e a próxima terá o dia antecipado. No fim de semana foi proibida também a comercialização, venda, entrega e distribuição de bebidas alcoólicas, como também a abertura dos demais estabelecimentos comerciais. As medidas restritivas estendem-se para o dia dois ao dia sete de junho. Durante este período, a circulação de pessoas, exceto quando comprovada a necessidade ou urgência, também é terminantemente proibida.

Exigências Já as farmácias, consultórios odontológicos, padarias, serviços de distribuição de água mineral, de gás de cozinha e de distribuição exclusiva de gêneros alimentícios deverão seguir algumas exigências. Por exemplo, as farmácias só com delivery e passe e pague sem acesso às dependências comerciais. Os consultórios odontológicos atenderão apenas em casos de urgência e emergência, com limitação de um atendimento por vez. Os serviços de distribuição de água mineral, de gás de cozinha e de destruição exclusiva de gêneros alimentícios funcionarão apenas em modalidade delivery. As padarias funcionarão apenas em modalidade de passe e pegue. Os clientes não poderão ter acesso às dependências comerciais;

Crescimento do número de casos De acordo com o prefeito Iggor Oliveira, a decisão foi tomada para tentar frear o crescimento do número de casos no município, o aumento drástico do uso de insumos hospitalares e o risco de desabastecimento, bem como a indisponibilidade de leitos de UTI e de vagas para a regularização de pacientes graves em todo o Estado. Também foram consideradas as restrições pelo Estado da Bahia e de seus municípios que fazem divisa com Poço Verde, que potencializam o aumento do fluxo de pessoas advindas da divisa, expondo a população de Poço Verde ao risco de contagio. Durante o período de vigor das medidas restritivas, os serviços de distribuição de combustíveis, borracharias, serviços de manutenção e assistência automotiva atenderá com prioridade as demandas da Saúde e Segurança Pública.

         

São João de Estância 2021 – Uma tradição que não se apaga! Live hoje, 31 A Prefeitura de Estância trabalha para manter vivo o sentimento de pertencimento do estanciano pela maior festa da Capital Brasileira do Barco de Fogo, a Salva Junina, e por isso este ano, mais uma vez, a Salva será realizada através de live hoje, 31, a partir das 18h, pelo youtube oficial da Prefeitura: https://www.youtube.com/c/PrefeituradeEst%C3%A2ncia/featured Transmissão acessível com os intérpretes de Libras: @rubia4883 @allesoares49 @stefano.santos2019



Corrupção: programa de prevenção será lançado hoje Voltado aos gestores públicos de todo o País, o Programa disponibiliza ferramenta de autoavaliação, orientações e treinamentos para implantação de boas práticas de controle e prevenção à corrupção. O Fórum de Combate à Corrupção de Sergipe (Focco-SE) realizará a primeira reunião técnica do Programa Nacional de Prevenção à Corrupção (PNPC), nesta segunda-feira, 31 , às 10 horas, através do canal do Youtube da Escola de Contas do Tribunal de Contas do Estado de Sergipe (Ecojan/TCE-SE). A ideia é apresentar o PNPC para os órgãos públicos do estado de Sergipe a as funcionalidades da plataforma e-Prevenção. O evento, aberto ao público, é voltado para gestores, controladores e demais colaboradores de 286 organizações públicas cadastradas em Sergipe. As inscrições para receber certificado podem ser feitas até o dia 30 de maio, pelo site da Ecojan (https://www.tce.se.gov.br/ecojan/ ). A abertura contará com a presença do ministro do Tribunal de Contas da União, Augusto Nardes, e do conselheiro-presidente do TCE-SE, Luiz Augusto Ribeiro.

Mecanismo “Esperamos adesão de todos os órgãos no estado de Sergipe. Temos uma grande oportunidade de mudar a realidade das organizações quanto ao enfrentamento da corrupção. E o melhor de tudo isso é que serão os próprios gestores os atores principais dessa mudança, pois o e-Prevenção, por ser uma plataforma de autosserviço, identifica as oportunidades de melhoria e indica os caminhos para o aperfeiçoamento dos mecanismo de prevenção à corrupção”, afirma Jackson Souza, coordenador do Focco-SE e secretário do TCU em Sergipe.

Plataforma Nesta etapa inicial do Programa, as organizações de todos os poderes e das três esferas terão acesso à plataforma e-Prevenção, no conceito de autosserviço, em que a organização avaliará seu próprio desempenho em seis mecanismos: Prevenção, Detecção, Investigação, Correção, Monitoramento e Transparência e Participação Social. São cerca de 18 mil organizações públicas em todo o país, sendo 286 em Sergipe.

Melhorias A partir dessa avaliação, a plataforma gera um plano de ação para a implementação das melhorias, tendo os próprios gestores como agentes de mudança e incremento de boas práticas, com uma integração entre gestores e controles internos e externo. Com as medidas implementadas, espera-se o fortalecimento das estruturas de prevenção à corrupção nas organizações públicas do país a partir da disseminação de condutas éticas e de integridade e redução de níveis de fraude e corrupção a patamares similares a outros países que possuem baixos índices de corrupção.

Estratégia nacional O PNPC integra as ações da Estratégia Nacional de Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro (Enccla 2021) e conta com o apoio de instituições nacionais como o TCU, a Controladoria Geral da União (CGU), a Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon), o Conselho Nacional de Presidentes dos Tribunais de Contas, (CNPTC), a Associação Brasileira dos Tribunais de Contas dos Municípios (Abracom), o Conselho Nacional de Controle Interno (CONACI), a Confederação Nacional de Municípios (CNM) e o Instituto Rui Barbosa (IRB).

Vacinação para trabalhadores do SUAS O Conselho Regional de Serviço Social 18ª Região (CRESS Sergipe) se reuniu na sexta-feira (28), com a secretária de Estado da Saúde (SES), Mércia Feitosa, para solicitar a inclusão de todos/as trabalhadores que atuam no Sistema Único de Assistência Social (SUAS) no Plano Estadual de Vacinação Contra a Covid-19. Participaram da reunião virtual com a secretária, a presidente do CRESS Sergipe, Dora Rosa Horlacher; o vice-presidente do CRESS-SE, Walisson Hipólito; e os conselheiros Aloísio Júnior e Indiana Vieira. Durante a reunião, os conselheiros defenderam a vacinação destes/as trabalhadores/as, que incluem assistentes sociais, por estarem atuando na linha de frente em diversos setores e serviços de assistência à população.

Vacinação para trabalhadores do SUAS II Segundo a secretária Mércia Feitosa, é indiscutível a importância e atuação desses profissionais no atual momento pandêmico e muito importante que o CRESS, que representa a categoria, tenha vindo dialogar e atualizar a secretaria com os dados reais desses profissionais. “Sou enfermeira, e trabalhava em parceria com a assistência social. Conversei com Dora e também com a secretária de Estado da Assistência Social, Lucivanda, e entendo que é necessário o diálogo da Saúde com a Assistência, principalmente nos municípios”. A secretária solicitou um levantamento ao CRESS de quantos assistentes sociais que atuam no SUAS e que ainda não foram vacinados por município, assim como quantos são os trabalhadores do SUAS que faltam ser vacinados.

Encaminhamentos Ao final da reunião, ficou definido que o CRESS irá fazer o levantamento dos profissionais de Serviço Social que atuam no SUAS que ainda não estão vacinados, por município sergipano, e a quantidade total de trabalhadores do SUAS nos municípios menores para apresentar posteriormente à SES. Concomitantemente à busca de dados a ser realizada pelo CRESS, a secretária se prontificou a ficar responsável por dialogar com os gestores para a inclusão desses profissionais, de acordo com as demandas de cada município.

PELO ZAP DO BLOG CLÁUDIO NUNES – (79) 99890 2018


Os presos estão sendo vacinados. E os cidadãos comuns que cumprem a lei? De um cidadão indignado: “Os presos estão sendo vacinados, liguei pra um programa de Rádio e fiz as seguintes perguntas: quando um meliante for preso e encaminhado para o sistema prisional vai ter direito a vacina, e os que estão em delegacia e os que chegam a toda hora, o interlocutor da prefeitura de Aracaju ficou no KKK e ficou de falar sobre isso em outra oportunidade. Enquanto isso a fila por idade não anda. Além de ter direito a vacina, tem direito a um salário mínimo pelo auxílio reclusão, e a alimentação paga por nós contribuintes.”

Aracaju (Condado de Areia Branca). Por Antônio Samarone (foto e texto), médico sanitarista: “A bucólica arquitetura rural do Aracaju, integrada com a natureza, antes da chegada das construtoras com o seus muros, cercas elétricas, concretos e blindex. Esta harmonia está com os dias contados.”


EVENTOS ONLINE – É SÓ ENVIAR PARA DIVULGAR NESTE ESPAÇO



Prêmio TJSE de Jornalismo será lançado amanhã, 01. Solenidade online

Por ocasião das comemorações alusivas ao DIA DA IMPRENSA – 1º DE JUNHO, o Presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Sergipe, Desembargador Edson Ulisses de Melo, durante entrevista coletiva virtual, que acontecerá na próxima terça-feira às 10 horas, lançará oficialmente o “Prêmio TJSE de Jornalismo”.

Segundo o Presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Sergipe, Desembargador Edson Ulisses de Melo, o Prêmio TJSE de Jornalismo é uma forma de manter o Poder Judiciário mais próximo aos comunicadores e à sociedade, e busca estimular e valorizar a produção de trabalhos jornalísticos veiculados na imprensa sergipana, relacionados ao Judiciário, com objetivo de atingir aqueles que retratem a sua atuação na defesa contra injustiças sociais e na promoção dos direitos humanos à sociedade, alcançando divulgações de ações positivas com os mais diferenciados aspectos retratando o dia a dia da justiça do nosso Estado.

“A imprensa é fundamental para o desenvolvimento da sociedade. Por isso, preservar a liberdade de expressão e de imprensa é um dever no Estado Democrático de Direito”. Ressaltou Edson Ulisses.

O Prêmio TJSE de Jornalismo abrange seis categorias, sendo cinco voltadas para jornalistas profissionais, radialistas, repórteres cinematográficos e repórteres fotográficos e uma para estudantes de Comunicação Social – Jornalismo.

Para o Jornalismo impresso, o prêmio será concedido à melhor reportagem publicada em língua portuguesa em jornal impresso ou revista instalados no Estado de Sergipe, de periodicidade diária, semanal ou mensal. Para o radiojornalismo será concedido à melhor reportagem veiculada em língua portuguesa em emissora de rádio AM ou FM instalada no Estado de Sergipe. Já no telejornalismo será premiada a melhor reportagem veiculada em língua portuguesa em emissora de TV aberta ou fechada instalada no Estado de Sergipe.

O Webjornalismo também foi reconhecido pelo Prêmio TJSE de Jornalismo, e será concedido à melhor reportagem veiculada em língua portuguesa em site, blog ou portal de notícias instalados no Estado de Sergipe, desde que estruturada por meio das características do webjornalismo. Na área de fotojornalismo será premiada a melhor fotografia veiculada em matéria para site, blog, portal de notícias, jornal ou TV no Estado de Sergipe.

Destinado também aos acadêmicos da área de comunicação, o Prêmio TJSE de Jornalismo será concedido ao melhor trabalho publicado em língua portuguesa por meio de jornal, TV, rádio, web (site, blog) ou ainda fotografia desde que referendado pelo professor e instituição de ensino. O lançamento seguido da entrevista coletiva virtual será realizada por meio da plataforma zoom, e os colegas interessados podem acessar, para participar e realizar perguntas, através do link: https://us02web.zoom.us/j/82932860414 ou assistir a transmissão simultaneamente pelo Canal oficial do Youtube TJSE Eventos. Informar participação através do email: dircom@tjse.jus.br


ATEC promove live sobre nova lei de licitações, na próxima quarta-feira, 02 A ATEC Contabilidade Pública promove napróxima quarta-feira, 02, às 18h, uma live para esclarecer aspectos relevantes e principais alterações da nova lei de licitações (Lei nº 14.133/2021), que foi sancionada pelo presidente da República em abril passado. O palestrante será Matheus Carvalho (Procurador da Fazenda Nacional) e a mediadora será Íris Fernanda S. Nascimento (Advogada, Coordenadora de Licitações e Contratos e Analista de Controle Interno da ATEC). É importante frisar que o normativo substituirá, após dois anos de transição, a Lei Geral das Licitações (Lei nº 8.666/1993), a Lei do Pregão (Lei nº 10.520/2002) e o Regime Diferenciado de Contratações/RDC (Lei nº 12.462/11), além de agregar diversos temas relacionados a contratações públicas. O normativo já pode ser aplicado, mas ainda será possível lançar licitações pelo regime tradicional, a fim de que os órgãos e entidades se adaptem gradativamente às novas regras. Ao final do biênio, ela passará a ser obrigatória para todos. O objetivo da live, que será transmitida pelo canal do Instagram da ATEC, é orientar equipes técnicas das gestões municipais a respeito da nova lei, que ainda provoca muitas dúvidas. Aqui: https://www.instagram.com/ateccontabilidadepublica/


PELO E-MAIL nunesclaudio@infonet.com.br E FACEBOOK


O Beato Pedro Batista. Uma comunidade no sertão – Uma crônica empreendida há mais de dez anos pelas veredas dos sertões da Bahia e de Sergipe pelo jornalista e pesquisador, Gilfrancisco, serviu de pretexto para que Cid Seixas transformasse o material neste pequeno livro eletrônico. Na sua agradável e curiosa narrativa o pesquisador baiano, há muitos anos renascido cidadão sergipano, dá conta do misticismo em torno da curiosa figura do Beato João Pedro Batista, personagem que tem como marca, talvez única entre os messias do sertão, o fato de ser um empreendedor capaz de transformar a vida de uma comunidade. Introdução de Cid Seixas no livro. Vale muito conferir:beato-pedro

 

OPINIÃO 

Governador Alessandro Vieira vem aí     Por Pedro Valadares, jornalista

O delegado Alessandro Vieira deu um show nas eleições de 2018, bateu velhos generais da política sergipana e elegeu-se senador da república, brilhantemente. Ganhou com a cara e a coragem.


Como senador iniciante, Alessandro não está indo mal, coleciona altos e baixos, é verdade, mas ninguém pode desconhecer que se trata de um político novo, íntegro e com boas ideias na cabeça.

A falta de experiência legislativa e uma agenda às vezes mais voluntariosa que conceitual, atrapalham um pouco o seu desempenho. Mas que o cara é foda, ah, isso é.

O senador Alessandro Vieira se mantém politicamente longe de Bolsonaro e distante de Lula. Anda em caminho próprio, em via alternativa.

Se fosse senador por um estado grande, com grande potencial econômico e grande expressão eleitoral, já teria sido lembrado até como candidato a presidente da república.

Alessandro Vieira joga bem pelo meio, ataca e defende com precisão e eficiência e, claro, marca lá seus gols decisivos. O time dele é bom.

Segundo as pesquisas, cerca de 40% da população ainda se declara indecisa ou em busca do candidato ideal para consolidar sua intenção de voto.

Alessandro tem cara, tem jeito e conteúdo para representar a terceira via, inclusive aqui no estado como candidato a governador.

No chinelo

Agora com a sua muito boa atuação na CPI da saúde, ele vai ganhando mais visibilidade e maior respeitabilidade.

Nesse quadrado aí tem deixado pra trás o seu colega de CPI, senador Rogério Carvalho, como se diz nos boxes do automobilismo simplesmente “… no chinelo”.

Alessandro estuda os assuntos, se prepara adequadamente para as discussões mais técnicas, exibe bom conteúdo em suas exposições, debate firmemente e respeitosamente com seus interlocutores. Mostra até muita maturidade para um jovem estreante no parlamento nacional.

O nosso velho Rogério, por seu turno, continua o mesmo: bem intencionado, bom de briga na foice e no martelo, mas instável e variante no campo da civilidade social e democrática. Essa semana, ao vivo e em cores pela Tv Senado, quase esganou a doce e competente Maria Cloriquina.

É isso, cada um tem seu jeito, seu estilo e suas características.

Governador

Quem quiser, portanto, que pense que a oposição não terá um candidato forte a governador nas próximas eleições.

O candidato Alessandro Vieira vem aí e vem com força, entra na briga pra valer aproveitando-se do desgaste de alguns líderes petistas relacionados com antigos casos de corrupção e dos bolsonaristas pelos sucessivos exemplos de maluquice e má administração do seu tosco líder.

Essa sua nova e positiva exposição na mídia nacional, aliás, com imensa repercussão aqui no estado de Sergipe, vai ajudar o senador Alessandro na junção de lideranças para a formação de um bloco politico competitivo e, por conseguinte, na conquista dos votos que poderão levá-lo ao segundo turno.

E chegando ao segundo turno, só não ganhará as eleições, em 2022, se Belivaldo e Rogério se entenderem e mantiverem a unidade do forte grupo governista que lideram.

Fala-se na mídia local que Rogério, Ulices e Luciano Bispo já estariam conversando nas alcovas e preparando a mesa do entendimento com Belivaldo e Edivaldo, Laércio, Fábio e Jackson Barreto, na sala de jantar.

Se o senador Alessandro Vieira vier a ser o novo governador, tudo bem. Faz parte. É do jogo democrático.

Mas, nessa hipótese, seria um governador solitário brigando lá em cima por recursos federais para Sergipe que dificilmente chegariam.

Entretanto, um governador – como Ulices Andrade, só a título de exemplo – com Rogério em Brasília, ao lado do presidente Lula, seria muito bom para Sergipe e para os sergipanos nesse momento.

Essa turma toda aí, junta, inclusive reforçada por André Moura e outros bons captadores de recursos federais, seria capaz de fazer Sergipe dar um grande salto para o futuro, apesar das atuais e imensas dificuldades.

Não importa muito quem vier a ser o governador, pois sem nova matriz econômica, já que o nosso petróleo está em franca e definitiva decadência, somente muitas verbas conseguidas por prestígio pessoal e alinhamento político, financiaria um novo projeto de desenvolvimento do estado e nos salvariam de uma nova e iminente tragédia social.

Mas, e se o Bolsonaro der no couro e ganhar a reeleição ? Bom, aí vai ser foda… Trataremos disso noutro comentário.

 



PELO TWITTER

www.twitter.com/GadoDecider Controlando o Cara de vaca. @dukechargista


www.twitter.com/minc_rj  Na Ditadura houve muita corrupção:
Coroa Brastel
10% na ponte Rio Niterói
15% na Trans Amazônica
20% em Angra 1
Repórter que denunciava desaparecia nas masmorras do DOI CODI

www.twitter.com/AnaMari56782081 Muitos dos que defendem a ditadura alegam que naquele tempo não havia corrupção, que tinha mais segurança e justiça, educação era melhor… Na verdade, tudo isso é uma grande mentira. Um sistema mantido à base da tortura, opressão, repressão, doutrinação e abusos.

www.twitter.com/MarceloLins68 Quem é pela Vida, pela Ciência, pela Cultura, pela Liberdade de expressão e pela Democracia só pode ser contra tudo isso que está aí. Nao tem meio termo e é simples assim.

www.twitter.com/Ancelmocom Recado da irmã de Paulo Gustavo para Bolsonaro: ‘nunca mais coloque o nome do meu irmão na boca’. Paulo Gustavo, presente! @JuAmaral00 #PauloGustavo #PauloGustavoEterno #Covid_19

 


www.twitter.com/paulobetti3 Fora bolsonaro! Viva a criatividade!!!Bandeira do BrasilCâmera de vídeoArtes cênicasHomem fazendo malabarismoCoração vermelhoBandeira do Brasil


Siga Blog Cláudio Nunes:     


Instragram

 Facebook

 Twitter



Frase do Dia
Por omissão perde-se um aviso, por um aviso perde-se uma ocasião, por uma ocasião perde-se um negócio, por um negócio perde-se um reino. (…) As omissões sãos os mais perigosos de todos os pecados. (…) A omissão é um pecado que se faz não fazendo. Padre Antônio Vieira, Sermão da Sexagésima.

https://www.vaticannews.va/pt/papa/news/2021-05/papa-francisco-angelus-30-maio-2021-santissima-trindade.html

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais