JB e o significado histórico

0

Quando jovem e carteiro, Jackson Barreto teve contato com os membros do Partido Comunista Brasileiro, o PCB. Lá formou-se na luta democrática e nos cursos que eram realizados na clandestinidade.  Depois foi candidato pelo então MDB, já que o PCB era ilegal. E foram anos e mais anos. Em Sergipe os comunistas votaram, por muito tempo, em Jackson e Jonas Amaral, além de outros “camaradas”.

Numa trajetória política sempre de sucesso Jackson Barreto quase chegou ao governo estadual em 1994. Ganhou no 1º turno para Albano Franco, mas no 2º turno perdeu para a força do poder econômico. A trajetória de Jackson só andou como caranguejo, para trás, quando em 1998, novamente sucumbiu, mas desta vez por sua própria culpa, fazendo uma aliança com Albano Franco. No mesmo ano o eleitorado deu-lhe o troco e o recado: perdeu para o Senado. E voltou às origens.

O blog pede que o leitor análise o fato ocorrido ontem do ponto de vista histórico e não partidário ou até mesmo governamental. A posse de Jackson Barreto como governador de Sergipe por 12 dias, não é um marco administrativo, mas é um marco histórico.

Queiram ou não, sendo oposição ou situação, sendo adversário ou não de Jackson, os políticos de Sergipe sabem que ele representa uma geração anterior a de Marcelo Déda que lutou na clandestinidade, com mortes, torturas e sem o direito de expressar suas opções ideológicas publicamente.

É uma homenagem as gerações dos chamados comunistas de verdade, como Manuel Vicente, Pedro Hilário, Lourival, Gervásio (Careca), Burguesia, Lídio da Cocada, José Nunes, Robério Garcia, Antônio Bittencurt e muitos outros que começaram a luta para que Sergipe chegasse ao estágio atual.  Quando jovem este jornalista teve a oportunidade de conhecer Manoel Vicente, do 18 do Forte, Lourival, do Santos Dumont, Careca, Burguesia, Lídio da Cocada e o enfermeiro Bittencourt, bem vivo nos dias atuais que freqüentava semanalmente a residência de José Nunes, avô deste jornalista e que também foi do PCB, sendo presidente do Centro Operário Sergipano.

Não é apenas um saudosismo qualquer. É realidade. Ontem, 13, um simples ato administrativo formal constitucional passou para a história política de Sergipe. Tudo porque um dos participantes, Jackson Barreto, queiram ou não, uma das mais expressivas lideranças políticas de Sergipe das últimas décadas. Isso é história viva. E fortalece a democracia.

Lealdade

Na solenidade realizada ontem,13, de transmissão de cargo, o governador Marcelo Déda disse que tudo na política tem um símbolo, o que melhor representa o ato realizado naquele momento é o símbolo da lealdade e confiança. “Quis fazer abertamente para dizer a Sergipe que estou saindo tranquilamente e deixando nas mãos do meu companheiro Jackson Barreto de Lima a responsabilidade de nesses 12 dias responder pelo nosso governo e vou tranquilo porque tenho plena convicção de sua lealdade”, complementou o governador.

 

Funcionamento

De acordo com Jackson Barreto, sua meta primordial será manter o Estado em pleno funcionamento. “O governador pode viajar tranquilo porque em seu lugar fica o seu companheiro que tem, acima de tudo, no decorrer de sua vida pública, a lealdade como característica do seu comportamento. Quero, de forma muito simples, dizer ao governador: ‘estaremos aqui, no cargo de governador do estado, obedecendo exclusivamente aquilo que diz e manda a nossa Constituição. O Estado continuará trabalhando como já vem fazendo’”, concluiu Jackson.

 

A Caixa da Polícia I

Não é de hoje e tornou-se comum nos programas matinais de rádio da capital as discussões acirradas entre associados, dirigentes ou não, da Caixa Beneficente da Polícia Militar do Estado de Sergipe. As denúncias feitas por diversas patentes acabam deixando no ar uma certa suspeição no que se refere à utilização dos recursos financeiros da entidade, algo que afeta a instituição Polícia Militar e incomoda, em particular, a sociedade que conclui que realmente existe algo de errado na Caixa.

 

A Caixa da Polícia II

Pior: entra diretoria e sai diretoria e o peso das denúncias só tem piorado criando um mal-estar desgastante sem que efetivamente o comando da PM dê um basta nisso tudo. Se é que o comando tem poderes para tanto. O que deve ter, considerando que a Caixa de Assistência leva a chancela da Polícia Militar. Em resumo, é preciso o quanto antes trocar em miúdos o que há com o caixa da Caixa. O que se ouviu ontem no programa de Gilmar Carvalho foi deprimente para a PM. 

 

E-mails recebidos

Por problemas técnicos a produção pede que os leitores que enviaram e-mails ontem e não tiveram resposta que envie novamente. Problemas técnicos  fizeram que o blog perdesse vários e-mails no dia de ontem.

 

Ato de adesão ao PSD

E ontem, 13, o ato realizado de adesão ao PSD contou com cerca de 30 deputados federais, dois senadores, o governador do Amazonas, três vice-governadores (SP, BA e MT) e várias lideranças de todo o país. De Sergipe participaram os deputados estaduais Gustinho Ribeiro e Luiz Mitidieri, o deputado federal Heleno Silva, o ex-deputado Jorge Araújo, o prefeito de Feira Nova, José Carlos, entre outros. Por conta de uma virose a deputada Susana não viajou.

 

Dupla filiação X Sensacionalismo

E ontem alguns “desesperados” escreveram que os políticos terão problemas por conta da dupla filiação. Os analfabetos conscientes (se fazem) sabem que o ato de ontem não foi de filiação, porque o partido ainda será registrado no TSE. Ou seja quem assinou a adesão pode não se filiar e vice-versa. O resto é dor de cotovelo e choro de quem não está acostumado a perder. E vem mais por aí…

 

Ex-presidentes

Enfim, a galeria de ex-presidentes da Assembleia Legislativa já conta com a fotografia do ex-deputado estadual Ulices Andrade. Depois de muita cobrança, eis que resolveram expor a imagem do atual conselheiro do Tribunal de Contas do Estado. Ulices foi presidente da AL por dois biênios (2007/2008 – 2009/2010). Parabéns.

 

Para reflexão do leitor

Muitos foram às ruas mostrar que o Brasil deveria estar acima de tudo, no entanto percebem que Sergipe perdeu espaço no Governo Federal por falta de política regional, diferentes de outros estados, como Bahia e Piaui.  É preciso que os políticos representantes de Sergipe tenham uma reação. O que Sergipe tem de representação em nível de cargos federais? É preciso união neste momento.

 

Aumento do gás natural  reavaliado

Em comunicado a Petrobras anunciou ontem que está reavaliando o aumento do gás natura. O que quer dizer? Que pode ou não aumentar, reduzir ou simplesmente não ter aumento no trimestre. Tomará que o aumento não aconteça.

 

Opinião Pública X Desgaste

Está claro que um setor da imprensa sofreu um grande desgaste nos últimos dias por conta do atrelamento completo a um grupo político. Por isso tenta de todas maneiras reverter a situação, porém a opinião pública já tem sua decisão. E o  pior que o chefão acostumado a vitórias nos bastidores, muitas vezes, passando por cima de todos e de tudo, não conseguiu digerir a derrota que sofreu na semana passada.

 

Prefeito assina ordem de serviço no Lamarão

de entregar mais de 1.000 moradias a famílias que viviam em áreas de risco no bairro Santa Maria, o prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, assinou nesta quarta, 13, a ordem de serviço para a construção de um novo conjunto habitacional com 410 casas no bairro Lamarão. Com a obra, centenas de pessoas que antes viviam em barracos erguidos na ocupação Vitória da Resistência, também chamada de Invasão da Salina São Marcos, serão beneficiadas.

 

Sofrimento

Orçada em R$ 17,2 milhões, a obra de infraestrutura e construção das casas no bairro Lamarão vai acabar com o sofrimento das famílias moradoras da ocupação, que durante quase 10 anos conviveram com a ameaça de despejo. Também vão ser contempladas famílias que vivem em áreas de risco em outros pontos da cidade.

 

Obra importante

“Hoje tem início uma das obras mais importantes de minha administração. Quando passo pela passarela do bairro Veneza, pela entrada da Soledade, entre outras obras, tenho orgulho de ser prefeito da capital sergipana e de poder dizer que nunca se fez tanto por Aracaju como nos últimos anos. O resultado do nosso trabalho está em toda parte”, afirmou o prefeito.

 

O que há no Canal 4?

Estranho: ontem à noite apenas reportagens de duas jornalistas ilustraram o noticiário noturno da TV Sergipe. Geralmente quatro a cinco repórteres participam do telejornal dando mais dinâmica ao principal horário de notícias da afiliada da Globo. Pelo visto, o clima no Canal 4 continua sujeito a chuvas e trovoadas.

 

Estados e municípios fazem contas para cumprir lei do piso docente

Matéria publicada no Valor Ecônomico de ontem mostra que Estados e municípios terão dificuldades financeiras para cumprir determinação do Supremo Tribunal Federal (STF), da semana passada, de pagar um piso de R$ 1.187 como salário-base (sem gratificações) aos seus professores. O governo do Rio Grande do Sul reconhece que não tem condições de alcançar o valor nos próximos anos e cálculos da Confederação Nacional de Municípios (CNM) revelam que as prefeituras brasileiras precisarão de R$ 2,3 bilhões extras para se enquadrar às regras.

 

Carga semanal

As autoridades também estão preocupadas com outro aspecto em aberto da lei, que obriga as redes de ensino a reservar ao professor um terço da carga semanal de 40 horas para a chamada hora-atividade, utilizada para estudo e leitura, preparação de aulas e atendimento de pais e alunos. O tema foi debatido pela corte suprema, mas o julgamento terminou com cinco votos favoráveis e quatro contrários. São necessários pelo menos seis votos, por isso o tribunal aguarda a decisão, ainda sem data prevista, dos ministros Cezar Peluso e José Antônio Dias Toffoli, ausentes da sessão.

 

Professor do Atheneu é exemplo internacional

A professora do Colégio Estadual Atheneu Sergipense, Antônia Íris Pereira da Silva, foi classificada na primeira fase do exame de proficiência do Programa Líderes Internacionais em Educação 2011/2012. O processo seletivo agora vai para a fase da prova escrita, denominada exame TOEFL. Foram classificados 30 professores de todo o país. A promoção é do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) em parceria com a Embaixada dos Estados Unidos.

 

Novo livro de Saracura

Hoje, 14, a partir das 16h, na rua do Turista, o escritor Antônio Saracura estará autografando o livro “Os Tabaréus do Sítio Saracura. A notícia boa é que Saracura já tem um novo livro “Meninos que não queriam ser Padres”, que será lançado em breve, mas alguns exemplares estarão à disposição hoje. Vale a pena conferir “

 

Sem polícia no centro da cidade

Estudantes, funcionários públicos e moradores da região que passam logo cedo pela Travessa José do Faro no centro de Aracaju (ao lado da Câmara de Aracaju e do anexo da AL), são abordados diariamente por pedintes que dormem embaixo das marquises dos bancos e fazem suas necessidades no local. Além do odor insuportável as pessoas são abordadas e até seguidas pelos pedintes que fazem abordagens ameaçadoras. Enquanto isso a polícia, deixa prá lá…

 

Projeto prevê quadras esportivas em escolas públicas

As escolas da rede pública de ensino, com até 500 alunos, terão quadras esportivas cobertas para realização das aulas de educação física e atender a demanda de prática esportiva. É o que prevê o projeto de lei que o deputado Valadares Filho (PSB-SE), apresentou esta semana.  Defensor da ampliação da prática esportiva entre crianças e jovens, o parlamentar, que é vice-presidente da Comissão de Turismo e Desporto da Câmara dos Deputados, demonstra sua constante preocupação com a formação dos jovens brasileiros. “O Estado brasileiro precisa dispor de mecanismos legais que possibilite as condições necessárias à prática esportiva, especialmente, nas comunidades de baixa renda” declarou Valadares Filho.

 

Galpões em Tobias Barreto I

A cidade de Tobias Barreto (a 127 km de Aracaju) sempre foi reconhecida como um importante centro comercial no interior sergipano, em especial no setor têxtil. Mas as crises econômicas nos anos 1980 e 1990 arrefeceram a economia local. Atento a este fato, o Governo de Sergipe passou a investir fortemente na cidade, seja em infra-estrutura urbana, abastecimento de água e também na revitalização da economia local.

 

Galpões em Tobias Barreto II

Para coroar essa última área, a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico, da Ciência e Tecnologia (Sedetec), através da Companhia de Desenvolvimento Industrial e Recursos Minerais de Sergipe (Codise) iniciou nesta quarta-feira, 13, a entrega dos termos de reserva dos galpões que comporão o Centro Empresarial Integrado (CEI) de Tobias Barreto. O evento, realizado no Centro de Serviços de Confecção e Artesanato Sebrae, contou com a participação de diversos empresários do ramo têxtil.

 

Pronese I

O diretor-presidente da Empresa de Desenvolvimento Sustentável do Estado de Sergipe – Pronese, Manoel Hora, recebeu em seu gabinete, a visita do engenheiro agrônomo, Naum de Araújo, presidente da Associação dos Engenheiros Agrônomos do Estado de Sergipe – AEASE, acompanhado do diretor financeiro Arício Resende, do engenheiro agrônomo Fernando Andrade e outros representantes da diretoria.

“O objetivo da visita foi parabenizar o colega e amigo Manoel Hora, associado da AEASE, e dizer que estamos à disposição da Pronese, para tudo que interessa ao

Estado de Sergipe dentro da agropecuária, disse Naum. 

 

Pronese II

Durante o encontro, o presidente da AEASE convidou a diretoria da Pronese para participar no próximo dia 25 de abril, da palestra sobre “O Olhar da Citricultura Baiana com enfoque na Citricultura Sergipana”, que será administrada por um renomado professor da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB).    O presidente da AEASE informou ainda, que nos dias 03 e 04 de maio, estará sendo realizado o Seminário de Arborização Urbana “Debatendo a Arborização de Aracaju”, que é um tema que o mundo todo clama e a AEASE saiu na frente.

Prefeito e ex-prefeita de Itaporanga D”Ajuda são processados

O Ministério Público Federal (MPF) está processando o prefeito, César Fonseca Mandarino, e a ex-prefeita, Maria das Graças Souza Garcez, do município de Itaporanga D”Ajuda. Os administradores, segundo foi apurado pela Controladoria Geral da União (CGU), cometeram atos de improbidade administrativa.Nos anos de 2007 a 2009, ambos, em suas gestões, cometeram irregularidades na administração de verbas públicas federais advindas do Ministério da Educação (MEC).Eles são acusados de cometer o fracionamento indevido de licitação, uma vez que fizeram a divisão em três licitações para a aquisição de um mesmo objeto em intervalos inferiores a seis meses. Nesse caso, as compras devem ser precedidas de planejamento, velando-se para que ocorram de uma só vez. Os valores variaram entre R$ 600 mil e R$ 900 mil.

 

Celi reúne imprensa em almoço especial

Um verdadeiro encontro de amigos, parceiros e colegas de profissão. Em um clima de total confraternização, a Construtora Celi reuniu a imprensa sergipana no último dia 12, no Restaurante Muratto para comemorar o Dia do Jornalista (7 de abril). O evento contou com a presença de profissionais de diversos segmentos (TV, rádio, impresso e internet), que foram carinhosamente recepcionados pelo presidente da Construtora Celi, Luciano Barreto, a vice-presidente de negócios imobiliários, Ana Cecília Barreto Oliveira, a vice-presidente corporativa, Alda Cecília Barreto, a presidente do Complexo Celi Decorações, Maria Celi Barreto, além de diretores da construtora.

 

Parceria

 “Ao longo desses quase 43 anos de existência, a imprensa de Sergipe e do Brasil sempre foi uma grande parceira da Celi. Sempre tivemos profundo respeito e amizade, o que nos dá a certeza de que esse trabalho em conjunto enobrece nossos trabalhos. Todo é dia é Dia do Jornalista. A Celi é uma empresa que valoriza essa belíssima profissão, responsável em formar opiniões e construir uma sociedade bem informada”, agradece Luciano Barreto.

 

Projeto ‘Celi Evolution – Gestão Sustentável’

Na ocasião, a Celi aproveitou a oportunidade para dividir com a imprensa mais um grande passo da construtora: o projeto ‘Celi Evolution – Gestão Sustentável’, uma avançada iniciativa que busca a evolução tecnológica com o foco da gestão voltada para a Sustentabilidade. Apresentaram o projeto, a gerente de SGI (Sistema de Gestão Integrado) da Celi, Andréa Lins, a gerente de Tecnologia de Informação, Cristina Castro, e o gerente de Planejamento, Fábio Luis.

 

Marco para a empresa

“A Celi galga mais um degrau nessa evolução contínua lançando o Projeto Celi Evolution, dando segmento aos projetos ‘Integração’ e ‘Competir’ (de 1999) e ideias fomentados por Luciano Barreto Junior. Desde 2010, a empresa vem implantando mudanças no QSMS em preparação a migração para o SGI, unindo as áreas de Qualidade, Saúde, Segurança do Trabalho e Meio Ambiente. A outra importante evolução se dará na área de Tecnologia da Informação com a implantação do SAP (Software de Gestão de Negócios), uma ferramenta mundialmente conhecida e utilizada pelas grandes empresas. Este será um marco na potencialização das competências da empresa, pois trará maior agilidade, organização, confiabilidade, credibilidade e transparência as atividades cotidianas da construtora”, explica Andrea.

 

Multa de trânsito vai deixar “nome sujo” em São Paulo

Deu na UOL: Além da multa para pagar e do risco de ter o veículo apreendido, o “nome sujo” na praça e a ameaça de ação judicial: é nessa condição que cerca de 690 mil inadimplentes ficarão enquadrados na cidade de São Paulo.Isso porque a gestão Gilberto Kassab adotou duas medidas para apertar o cerco contra pessoas e empresas que não pagaram em torno de 2 milhões de multas de trânsito de 2006 a 2009 -cerca de 10% do total aplicado.Hoje, o principal risco para quem não paga a multa é ter o seu veículo apreendido.

 

Desenvolvimento

Com o objetivo de discutir e elaborar propostas para a promoção do desenvolvimento econômico e social do Estado, o Fórum Empresarial de Sergipe realiza na próxima terça-feira, 19, uma reunião-almoço interna com os 32 líderes empresariais que formam a entidade de classe. No encontro, serão analisadas e discutidas as sugestões apresentadas pelos membros do Fórum Empresarial de Sergipe e elaborada a Agenda para o Desenvolvimento do Estado. Além de conter propostas do Fórum Empresarial para desenvolvimento do Estado, o documento também servirá para pautar as atividades da entidade durante este ano.

 

Sebrae disponibiliza capacitações gratuitas pela internet I

Empresários e futuros candidatos a ter o seu próprio negócio podem participar dos cursos gratuitos oferecidos pelo Sebrae através da rede mundial de computadores. Para ter acesso ao serviço, basta acessar o site www.ead.sebrae.com.br, preencher um cadastro e em seguida realizar a matrícula.

 

Sebrae disponibiliza capacitações gratuitas pela internet II

As capacitações, que possuem duração entre 16 e 40 horas, são oferecidas em dez áreas temáticas: Aprender a Empreender, Análise e Planejamento Financeiro, Como Vender Mais e Melhor, D-Olho na Qualidade, Gestão de Cooperativas de Crédito, Atendimento ao Cliente, Boas práticas nos serviços de alimentação: gestão da segurança, Empreendedor Individual, Iniciando um Pequeno e Grande Negócio e MEG – Primeiros Passos para a Excelência. Mais informações podem ser obtidas por meio dos telefones (79) 2106-7765/7766/7767.

 

Hospital Primavera comemora a Semana da Saúde

No mundo atual, as pessoas buscam muita saúde, qualidade de vida, bem estar, humanização… Pensando em proporcionar uma tarde diferente à população aracajuana, o Hospital Primavera realizou uma programação especial em comemoração ao Dia Mundial da Saúde, 07 de abril. A primeira etapa aconteceu na tarde da última quinta-feira, no Parque da Sementeira, onde foi montado um estande. O técnico de enfermagem Jonathas Lima aferiu a pressão dos visitantes e deu importantes dicas de saúde. E não foi só isso! Foram distribuídas barrinhas de cereal personalizadas e copos de água mineral, para amenizar o calor de quem estava lá para praticar esportes. Muita gente aproveitou a tranquilidade Parque para cuidar da saúde, além de ganhar brindes especiais do Hospital Primavera. Além da ação no Parque da Sementeira, promotoras da Rede Primavera foram até as academias Paulo Bedeu Club, Paulo Bedeu Express, Sport Conection e Olímpica, e distribuíram barrinhas de cereal para os atletas.

 

DO LEITOR

Finalmente chegou o dia: É Jackson governador!

Do leitor Messias Gonçalves: “Desde a tarde/noite de ontem, quarta feira, dia 13 de abril, que as gerações de dos anos oitenta e noventa, finalmente realizaram um sonho. Jackson Barreto de Lima, governador de Sergipe. Pelo fato de ser interino, na ausência do titular Marcelo Déda, que viajou para Europa, descansar, pois ninguém é de ferro. No ano passado, escrevi que ainda dava tempo. Quem vive a política partidária em Sergipe, jamais esquecerá o grande papel de fundamental importância que desempenhou Jackson Barreto à frente das oposições no estado. Jamais esqueceremos aquela eleição em 1994, entre Jackson e Albano para o governo do estado.  Vencemos no primeiro turno. Derrotamos as forças poderosas do estado. Fomos para um segundo turno que até hoje é sinônimo de desconfiança. Como entender uma reviravolta daquelas? Os anos se passaram e finalmente ele passa a condição de governador do estado de Sergipe. Parabéns pra todos nós que durante esses anos, enfrentamos tudo e a todos. E viva a democracia. Lavamos a alma”.

 

Chega desse radialismo!

Do leitor Elcio Conceição de Santana: Acredito que os programas matutinos de rádio, devem ter o caráter de ser uma ferramenta de comunicação e prestação de serviços a comunidade, com único propósito: o de informar com ética, isenção e acima de tudo sem politizar as matérias divulgadas, por ser um meio de comunicação de massa. Os programas matutinos de rádio, tem de ter a responsabilidade de informar a sociedade com imparcialidade e verdade dos fatos. Faço essas colocações em virtude das eleições municipais desse ano e a consequência maléfica que tais informações, manipuladas e inverídicas podem trazer para a sociedade. Lamento que em pleno século 21, ainda existam pessoas que usam da comunicação de massa (o rádio), como instrumento mesquinho e irresponsável de interesses políticos/pessoal em detrimento dos interesses coletivos. Essa subserviência a que se prestam tais profissionais macula a imagem do rádio e afasta a sociedade desse belo meio de comunicação. Tenho convicção que a imprensa deve ter uma postura democrática e limpa, trabalhar com liberdade e profissionalismo. Quando divulgar uma denuncia, deve-se ouvir as partes, não fazer sensacionalismo, não fazer condenação prévia, não colocar os interesses políticos/eleitorais para denegrir pessoas e políticos. A credibilidade dos programas radiôfonicos de Aracaju, depende da imparcialidade, na liberdade de informar, sem  jamais se alicerçar na manipulação da matéria vinculada.Finalizo, sugerindo uma nova forma para alguns radialistas que fazem programa de rádio em Sergipe.  O segredo é esse: mais trabalho e menos arrogância, mais ouvidos e menos boca. O Sergipano, não aceitará ser saco de manobra de nenhum grupo político. A opinião pública é o reflexo da sociedade e é para ela que os radialistas devem desenvolver seus trabalhos com profissionalismo, ética e independência”.

 

Jornalismo do Ctrl C / Ctrl V, sem respeitar os colegas

 

Da colega do Portal Infonet, Aldaci de Souza (jornalista profissional): Fazer jornalismo assim é fácil. Sou de uma geração que tem o jornalismo nas veias e com isso gosto de fazer o meu trabalho bem feito.

 

E você sabe que na maioria das vezes isso dá muito trabalho. Pois bem, estava eu na Câmara de Vereadores de Aracaju na manhã desta quarta-feira, 13 quando peguei o jornal Diário da Tarde para ler. Mas, tomei um susto ao ver a minha matéria, na íntegra, publicada na página 3A sobre a manifestação dos servidores do Detran na Assembléia Legislativa de Sergipe. Tiveram o “trabalho” apenas de mudar a metade do título. E não assinaram ou pelo menos citaram a fonte: Portal Infonet. Nem preciso dizer que fiquei virada. Mas o pior, e que pior, ainda estava por vir: Pegaram a minha matéria, de uma série que estamos publicando no Portal Infonet, sobre o município de São Cristóvão e publicaram como sendo, pasme, o Editorial do Jornal da Tarde.

 

Aí pegaram pesado demais. Desde que decidi ser jornalista, aprendi que o editorial reflete o pensamento do veículo de comunicação. Tudo bem que podiam ter aproveitado o tema e até ter “chupado” alguns dados da minha matéria sobre a violência, mas colocar na íntegra. Nem sabia que eu estava escrevendo para o Jornal da Tarde.

 

É por conta de “profissionais” desse tipo que sinceramente, eu sou uma defensora ferrenha do diploma. Claro que mesmo com diplomas, alguns jornalistas trabalham na base do Ctrl C Ctrl V, mas se é uma coisa que eu sempre tive foi respeito e ética aos leitores e aos colegas profissionais de imprensa, o que pelo visto não existe neste jornal não é mesmo? Acredito que o mínimo que poderão fazer em nome da ética é republicar a matéria e o editorial dando os devidos créditos.

 

TV Sergipe, um lugar vago

 

De um ex-funcionario da TV Sergipe: “No final dos anos 80, não havia melhor personificação do executivo de sucesso do que Gordon Gekko, o personagem principal do filme Wall Street: Poder e Cobiça (1987), dirigido por Oliver Stone. Em um dos papeis mais emblemáticos o ator Michael Douglas era o retrato de uma época em que os fins justificavam qualquer meio, o politicamente correto não imperava e a ambição era fundamental para se triunfar no mercado e na carreira. Gekko era o modelo a ser seguido por aqueles que desejavam serem os melhores, mesmo que para isso fosse preciso colocar a ética e humanidade em último lugar, era ele também, quem representava um estilo de liderança que por muito tempo ficou na moda: chefe arrogante, altamente especializado, despudorado e que não dá a mínima para o sentimento de seus subordinados. 

Um gestor despreparado que tem agenda própria e não esta preocupado com os funcionários contamina todo o ambiente com seu comportamento, ele é aquele que nega, com atitudes os valores da empresa em que trabalha. Essa pessoa não conhece o limite que separa a pressão por resultados da falta de respeito pela equipe. Ele desrespeita as pessoas no seu tom de voz, no discurso, no excesso de centralização e na incapacidade em fazer com que a equipe cresça tratando a todos com desdém, a especialidade desse tipo de chefe é dá ordens sem se preocupar com o coletivo. A ele falta a capacidade de liderar e inspirar pessoas.

Um chefe assim não é exemplo para ninguém, pois, essa pessoa é movida pela ambição e vem puxando e puxa o tapete de qualquer um e continua derrubando um a um todos os que estão em seu caminho porque para esse tipo de pessoa o que importa é conquistar a posição de mando e de poder absoluto. Manipulando, adulando e fingindo preocupação com a empresa ela vem influenciando a acionista majoritária e o Diretor Geral para fazer as coisas como ela acha que devem ser, um gerente neste nível não atrai nem retém os melhores talentos na equipe porque simplesmente sufoca e anula o que todos tem de melhor.

Muitos na emissora são unânimes em afirmarem que a culpa para tudo isso que todos vêm enfrentando é de um ex-diretor que nomeou a pessoa errada para o cargo de gerencia sem ter feito uma avaliação tipo 360 graus para saber se o colaborador esta realmente preparado para assumir o cargo, essa avaliação é uma importante ferramenta de Gestão de Pessoas que corresponde a uma análise sistemática do desempenho do profissional em função das atividades que realiza, das metas estabelecidas, dos resultados alcançados e do seu potencial de desenvolvimento. Este tipo de profissional já tem o discurso formado “virei o seu chefe e vou continuar a mesma pessoa e humilde, agora lamba os meus pés”.

Quando afirmamos que gestores ruins causam baixa retenção de talentos, não estamos falando da boca pra fora, um exemplo claro dessa má gestão esta no fato de que o único colaborador da emissora em condições de colocar em prática todos os processos do RH que foram abandonados desde a saída de Roselito pediu demissão no dia 01 de abril, parece até aquela velha piada sem graça e fora de moda “te peguei mais é mentira hoje é primeiro de abril”.

Em ambientes no qual a desconfiança e a incerteza impera, onde ninguém sabe qual será o próximo a ser demitido, há maior dificuldade de criação de vínculos entre as pessoas com menos troca de informações, o que prejudica a falta de soluções criativas. No lugar dos resultados os funcionários buscam se defender, a incerteza gera medo do conflito, que resulta em falta de comprometimento e perda de foco no resultado. Por isso, líderes admiráveis não demonstram agenda pessoal, pois vivem em função dos objetivos que pertencem ao conjunto, a principal característica desse líder é a humildade. Ser humilde significa aceitar seus limites, respeitar as diferenças, reconhecer os méritos do outro e, acima de tudo, ter a consciência de que tem muito para aprender, aprender não é ficar encastelado em uma sala ouvindo as conversas de meus papagaios de pirata. Se eu tenho um equipe e todos concordo em tudo que falo, isso é sinal de problemas e dos grandes.

Os líderes geralmente copiam as atitudes de quem esta acima deles, por isso, a crise de liderança perdura e se transforma num circulo vicioso dentro das organizações, quem não se deixa contaminar por essa falta de valores acaba buscando mentores fora da empresa. Contudo, tanto para quem responde para um profissional com esse perfil quanto para quem só ouviu falar que ele existe não entende muito bem por que, afinal, as empresas ainda toleram essas pessoas. É cada vez mais comum a projeção da figura da liderança ideal em amigos ou em profissionais admirados pelos liderados. Será que um dia isso mudará?”

 

Paralisação na UFS

Trabalhadores técnico-administrativos da UFS paralisarão suas atividades, nesta quinta, dia 14, em todas as unidades da UFS, inclusive no Hospital Universitário, ressalvadas aquelas atividades essenciais e que não podem sofrer solução de continuidade. A categoria atua na defesa dos hospitais universitários, na iminência da privatização, conforme a MP 520 que cria uma empresa de caráter privado para gerir os hospitais-escola vinculados ao Ministério da Educação, em todo o país. Os técnicos administrativos reivindicam também a garantia de recursos orçamentários com vistas à reajuste salarial em 2011.

Conforme a assembleia da categoria, no Campus do Rosa Elze, às 7h30, acontecerá um arrastão partindo da Prefcamp, até o hall da Reitoria, onde, às 9h, se realizará um debate acerca da MP 520, seguindo-se um ato público e panfletagem.

Já no Campus da Saúde, a partir das 7h, ocorrerá panfletagem junto aos usuários e estudantes, no portão principal e no ambulatório do HU.

Os trabalhadores buscam conscientizar a população e os próprios trabalhadores, quanto aos prejuízos advindos com a EBSERH S.A., definida pela MP 520, por conta da venda de serviços aos planos de saúde, enfraquecendo o SUS e mais ainda o atendimento aos usuários do HU, que deixaria de ser totalmente gratuito.

No tocante aos trabalhadores, a MP 520 ataca a autonomia universitária e, ao criar um novo regime de trabalho, estabelece distinções nas relações entre os trabalhadores, a UFS  e o HU (direitos, deveres, salários etc), o que deverá gerar inúmeros conflitos. Além dessa questão, até o momento, o governo não garantiu recursos orçamentários com vistas ao reajuste salarial em 2011.

Nesta quinta, 14, a Fasubra, entdiade sindical que representa os trabalhadores, se reunirá com o governo, representado pelo Ministério do Planejamento/Secretaria de Recursos Humanos, onde se estima o início de um processo negocial. Trabalhadores das universidades brasileiras encontram-se em vigília desde esta quarta, 13, na porta do Ministério. A seguir haverá uma avaliação da reunião. Na UFS, os técnicos administrativos avaliarão os resultados dessa reunião em assembléia dia 19. Há indicativo de greve para o dia 25 de abril. Caso os resultados sejam considerados insatisfatórios, a categoria técnico-administrativa deverá deflagrar a greve por tempo indeterminado.

No HU, os exames de raios-X, mamografia, tomografia, EEG (eletroencefalografia), exames de laboratório de análises clínicas e dosagens hormonais, cirurgias ambulatoriais (pequenas cirurgias) somente serão realizados para os pacientes internos. As consultas ambulatoriais a depender dos profissionais.

 

Na defesa dos HUs públicos e gratuitos. Abaixo a MP

Pelo fortalecimento dos serviços públicos e reajuste salarial

 

Blog no twitter: www.twitter.com/BlogClaudioNun

Frase do Dia

“Sou como você me vê. Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania, Depende de quando e como você me vê passar”. Clarice Lispector.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários