Maia preparou sua própria reforma

0

As redes sociais estão em polvorosa. Tudo por conta de uma especulação em torno de um possível golpe de Estado que estaria sendo urdido pelo Presidente da Câmara dos Deputados, Sr. Rodrigo Maia. Há também outro fato especulativo: Maia estaria preparando a votação de um projeto alternativo da Reforma Previdênciária, já que o projeto oficial parece não andar com a celeridade desejada.  Já há algum tempo o relacionamento entre Bolsonaro e Rodrigo Maia anda passando por percalços. Maia parece ser um poço de ressentimento, sentindo-se desprestigiado em vários aspectos do governo. Maia achou que, com a inexperiência de governar de Jair Bolsonaro, ele seria a Rainha da Inglaterra. Não tem sido consultado para muita coisa. Bolsonaro prefere atender seus filhos para resolver problemas do governo, o que deixa Rodrigo Maia enciumado. Bolsonaro não vê com bons olhos esse projeto alternativo da Previdência. O interessante é que essa crise na alta esfera não chegou ao noticiário do rádio e da  televisão. Nenhuma emissora tocou no  domingo nessa crise de egos. De qualquer forma está mantida a passeata, em todos os Estados brasileiros, de apoio ao Presidente Bolsonaro programada para o próximo domingo. Pelo menos dois  partidos já foram convidados a não participar alguns movimentos que sempre apoiaram Bolsonaro, desde que ele era candidato,  também não vão. Frise-se que toda esta crise foi provocada pelo Presidente da Câmara, Rodrigo Maia, que não se sentiria bem se fosse jogado a escanteio pelo Presidente da República. Pois é, foi um domingo de crise  nas páginas da internet. Se Bolsonaro não chamar o feito a ordem, vai sobrar prá ele, evidentemente. O próprio Rodrigo Maia quer atribuiu a crise ao Presidente Bolsonaro. ”Ele não sabe governar”, comentou.

Nitinho assume a Prefeitura

Foi na tarde de sábado que o vereador Josenito (Nitinho) Vitale, Presidente da Câmara, assumiu a chefia do Poder Executivo pelos próximos quinze dias, período que o Prefeito Edvaldo Nogueira tomou para curtir suas férias, a primeira em dois anos e quatro meses de administração.  Ao que se sabe, Edvaldo Nogueira não deixou nenhuma recomendação especial. ”Deixo a Prefeitura em boas mãos O vereador Nitinho é um amigo, uma pessoa por quem tenho carinho, admiração e que tem dado grande colaboração à gestão municipal, nos ajudando no parlamento a aprovar projetos que beneficiam os cidadãos”, declarou o Prefeito Edvaldo Nogueira, ao passar os rumos da administração municipal. Na Câmara de Vereadores, o vereador Thiaguinho Batalha assume interinamente à presidência, em substituição a Nitinho.

Saúde Mental
A mudança na formulação de politicas públicas de saúde mental e atenção psicos social é resultado de um percurso histórico e civilizatório: a Reforma Psiquiátrica  permitiu assegurar o direito à realização  de um tratamento humano com respeito a inserção social para as pessoas com transtornos  mentais. Mas toda essa conquista histórica e civilizatoria está prestes a ser engessada  por um cenário  de retrocesso.  Com o objetivo  de defender essa política de estado o mandato do deputado Iran Barbosa  promoveu a audiência pública “Saúde mental  será sempre de resistência. O cuidado em liberdade  é o caminho”, na ultima sexta-feira, 17, na Assembleia Legislativa.

Arrecadação federal
A arrecadação  de tributos federais no Estado, em março  chegou a R$ 444,3  milhões. Em termos relativos, a soma arrecadada assinalou retração de 12,8%  em relação a fevereiro deste ano. No entanto, quando comparado com março  do ano passado , verificou-se alta de 28,8%. As variações em termos reais , ou seja, consideram os efeitos da inflação no período que são medidas pelos Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). No mês analisado, a Receita Previdenciária foi a principal fonte de arrecadação no Estado somando mais de R$ 271,2 milhões, compreendendo 61% do total recolhido aos cofres da União. Em seguida, o Imposto sobre a Renda figurou em segundo  lugar, alcançando mais de R$ 60,3 milhões, abrangendo 13,6% do montante arrecadado.

 

 

Comentários