Marx, Déda e o Bobo da Corte

0

Neste período onde os maiores capitalistas de todo mundo que comandam suas multinacionais, estão orientando aos seus executivos para que leiam Marx, Engels e Cia, por conta da crise financeira mundial é preciso relembrar que a filosofia marxista entende por novo, não tudo que nasce e existe, mas unicamente o que nasce para se desenvolver, o que tem um porvir e acelera o progresso da sociedade em conjunto ou em alguns dos seus aspectos. O novo é o motor do desenvolvimento.

 

O leitor pode analisar friamente. Depois de 2006, onde foi candidato a governador e ao invés de aumentar a votação, já que era um cargo majoritário, João Fontes, então deputado federal, despencou. Este ano chegou a anunciar que seria candidato a vereador e num artigo em 03 de julho deste ano, este colunista desafiou o mesmo a ser candidato. Seria desmoralizante. Não deu outra, resolveu desistir da candidatura. Sabendo das reais chances de Edvaldo ser reeleito prefeito ele pulou no barco que já estava ao sabor do vento em mar aberto.

 

Agora, como seu nome não é ventilado para nenhum cargo nas reformas que os governos estadual e municipal vão anunciar, resolveu aparecer na mídia. E tenta criar um fato com uma possível candidatura a senador, que não existirá, já que o PPS está hoje no bloco do governador. E mais, tenta agora desconstruir a candidatura do senador Valadares, dizendo que o mesmo está velho e é preciso renovação.

 

No seu desespero para aparecer, Fontes não está atacando o senador Valadares, mas o governador Marcelo Déda, do qual o ex-deputado é fã de “carteirinha” neste momento, depois de todas as agressões verbais graves contra ele e Lula em  2006. Quem mais defende a candidatura à reeleição ao Senado Federal é o próprio governador Marcelo Déda que em entrevista a imprensa deixa claro que “a continuidade de Valadares no Senado é imprescindível para Sergipe”.

 

E mais, o neo-aliado Fontes pula no barco quando a regata foi vitoriosa e quer ditar como os campeões devem se comportar. João Fontes, que neste caso representa o velho, esquece que o povo já o tirou da vida pública. E no caso de Valadares caberá também ao povo determinar a hora que ele deve sair. Assim como outros que têm mais tempo na política de Sergipe, como João Alves Filho, Albano Franco e Jackson Barreto.

 

Voltando a filosofia marxista, é preciso distinguir o que é efetivamente “novo” e entre o que o é em aparência. Ou seja, a filosofia marxista entende por “velho” tudo o que cessa de ser o motor do progresso e se converte num obstáculo para marchar à frente. Cai bem para João Fontes. Enquanto Valadares, há mais de 10 anos está sintonizado com as mudanças e o chamado bloco de “esquerda”, Fontes, apesar de novo, está ultrapassado e passa agora, a imagem que deseja um cargo nos governos estadual ou municipal, mesmo que seja para ser o chamado Bobo da Corte.

 

Quem sabe o governador Marcelo Déda ou o prefeito Edvaldo Nogueira ajudam a Fontes a encarnar na teoria o papel que já vem fazendo há alguns anos na prática na política de Sergipe. Só faltam a nomeação oficial e aquela roupa colorida com três sininhos na cabeça.

 

Obs: Quando hoje PPS, era o histórico “Partidão”, o Partido Comunista Brasileiro, seus novos filiados participavam de cursos sobre marxismo, debates filosóficos e estudava o materialismo e o empiriocriticismo de Lênin. Por ser o único partido que este jornalista se filiou no início da década de 80, conhece bem sobre todos eles e muitos outros filósofos socialistas e comunistas. Ao contrário de Fontes que não deve saber nem o que é dialética…

 

Floro: fuga anunciada

Por várias vezes este espaço alertou para os jeitinhos que estavam dando para que Floro Calheiros deixasse a penitenciária e ficasse internado no Hospital da PM ou no Hospital São Lucas. Após idas e vindas, para escolher o melhor lugar para fugir, ontem, 21, no início da noite, Floro Calheiros fugiu do hospital São Lucas, algemando três pessoas. Quem estava no local disse que ele fugiu vestido com um jaleco de médico e peruca.

 

Presídio federal

Um meliante como Floro Calheiros era para estar preso num presídio federal. Ele já protagonizou outra fuga histórica, envolvendo integrantes da polícia. Apuraram e quem foi punido na primeira fuga? Agora, a fuga foi anunciada porque estavam “com pena” dele, por conta de alguns problemas de saúde. Floro vai passar o Natal e o ano novo comemorando e torrando o dinheiro público. E quem “passou a mão na cabeça” dele, terá estomago para comer o peru do natal. Ou será um pato?

 

Punição para quem mente

O mais engraçado! Cadê a comissão de ética da OAB de Sergipe? É correto um advogado afirmar na imprensa que o mesmo está morrendo e tudo mais e que é preciso ficar num hospital e de repente, o meliante foge? Não é mentira.

 

Inércia também ajuda

O governador Marcelo Déda peca quando demora a fazer a anunciar as mudanças. E o pior que vão passando os dias e todo mundo já sabe. Por exemplo, Valmor Barbosa vai para Infra-Estrutura; que Osvaldo Nascimento, vai para a Cohidro; que Vander Costa, vai para uma diretoria do Pronese; que na Esporte Lazer vai outro nome indicado pelo PSB. E outros, que ainda não podem revelados…

 

Aperipê TV transmitirá campeonato sergipano

A Aperipê TV ganhou a concorrência para transmitir o campeonato sergipano de futebol. Ela disputou com a TV Atalaia. O governo do Estado, através da direção da Fundação Aperipê está preparando uma equipe técnica somente para cuidar da transmissão. Serão cinco câmeras durante a transmissão do jogo e com dois replays. Toda direção da Fundação Aperipê está se empenhando para exibir durante as transmissões uma qualidade técnica de primeiro mundo.  A cada rodada um jogo será transmitido e por isso a direção está melhorando a recepção no interior sergipano. O campeonato começa em 18 de janeiro.

 

Sarina de Jadinho é eleita com 71,33% dos votos

Com 71,33% dos votos válidos Sarina Moreira da Silva Faro, a Sarina de Jadinho (PRB) venceu a eleição para prefeito de Malhador, ocorrida neste domingo, 21. O candidato do DEM, Élan Araujo, teve 28% dos votos válidos. O total de votantes foi de 6689 eleitores, quase dois mil deixaram de ir às urnas nesta eleição, contabilizando um alto índice de abstenções (14,16%). Feliz com a vitória, Sarina agradeceu a Deus, ao seu marido Jadinho que foi substituído por ela para concorrer  e ao povo de Malhador. “O povo daqui precisa de um líder que lute por eles. O povo quis mudança e nos estamos aqui para cumprir essa missão de preparar a cidade de Malhador para o desenvolvimento”, declarou. Sobre o alto numero de eleitores que não foram às urnas, a candidata eleita disse que acredita que as declarações do seu opositor divulgadas pela cidade desde de ontem, de que ele era candidato único por conta da suspensão do registro de Jadinho,confundiu os eleitores e acabou inibindo-os. (Infonet/Carla Sousa).

 

João sobre primeira derrota para 2010

Em ritmo de campanha para o cargo de governador em 2010, o ex-governador João Alves esteve em Malhador no dia de ontem, 21, para apoiar o candidato Élan. Ao lado de Mendonça Prado, João Alves sentiu que o clima não era dos melhores.  “Ele é um bom administrador e um político de futuro. O partido cresce muito com sua vitória”, disse João Alves durante visita ao município ontem, 21.

 

Especulações ou verdades?

Especula-se em Aracaju o nome do novo Secretário Municipal de Saúde. O nome mais cotado e aprovado é o de Antônio Samarone, que ainda não declarou se vai ou não aceitar o convite do prefeito Edvaldo Nogueira. Nesta indecisão apareceu o nome de um ex-secretário de Estado da Saúde com um passado não muito limpo, que respondeu por desvio de verbas em sua gestão, lembram-se os sergipanos.  Será que o prefeito iria dar este tiro na cabeça? É melhor ele no legislativo!

 

Sem prestígio

O pequeno grupo de “lideranças” empresariais comandado por José Guimarães amargou mais uma derrota semana passada: apesar de grande esforço, não conseguiu encontrar, no universo de mais de 600 associados da Associação Comercial e Empresarial de Sergipe (ACESE), 7 nomes para compor uma chapa e disputar a eleição para a diretoria daquela entidade, que vai acontecer em janeiro próximo. Esqueceram eles que a ACESE tem uma longa tradição de independência e de total afastamento da política partidária, expressamente proibida em seu estatuto, o que agrada a esmagadora maioria do quadro de associados. Assim, a eleição, como nos anos anteriores, transcorrerá a partir de um grande consenso, tendo como candidato a presidente o industrial Sadi Gitz. É a ACESE exercitando, mais uma vez, sua prática de alternância de poder e de revelação de novas lideranças, que vem se repetindo a cada dois anos.

 

Sangue nas mãos de Dra. Bióloga

O Hemose (HEMOLACEN) entregou uma parte importantíssima da coleta de sangue em Sergipe a uma bióloga que insiste em ser chamada de Doutora.  Nada contra os biólogos, mas cada um no seu espaço. A referida moça está determinando de forma verbal soroterapia aos pacientes que apresentem mal-estar e os auxiliares de enfermagem achando que a mesma tem formação que a autorize a tanto, estão administrando. Usa roupas inapropriadas para suas atividades. Não tem compostura ao atender os doadores e além do mais recentemente muitas bolsas de sangue que estão sobre sua responsabilidade foram jogadas fora por falta de controle. O que está havendo que Dr. Roberto Gurgel não está enxergando isto? Os funcionários estão de olho e logo  vão levar o caso ao Ministério Público.

 

Curiosidades Huseanas

Há poucos dias saiu a notícia nos jornais sergipanos sobre uma adolescente, vítima de acidente automobilístico, que o Estado teve que transferir para o Albert Einstein em São Paulo. Eis que para “nem tanta” surpresa de todos, a família trouxe um relatório médico daquele hospital para conhecimento do Ministério Público de Sergipe.  A equipe do Albert Einstein questionou e condenou todo o tratamento dispensado à garota no HUSE. Da bactéria adquirida, medicação utilizada aos cuidados dispensados pela enfermagem. Que qualidade de assistência é esta? Logo no Hospital Governador João Alves Filho, que sempre teve profissionais competentes… Na hora que se questionam as contratações de pessoas sem concurso, sem experiência, é por esta falta de preparo todos temem.Será que toda equipe de comando da saúde tem plano particular de saúde ou é atendida pelo SUS?

 

STF quer ouvir Câmara sobre recusa de PEC dos Vereadores

O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Celso de Mello pediu ontem informações à Câmara sobre a recusa em promulgar a PEC que aumenta o número de vereadores no país.Ao adiar a deliberação sobre o impasse, Mello argumentou que, se concedesse uma decisão liminar ao pedido do Senado para forçar a Câmara a promulgar a PEC, na prática estaria esgotando o assunto. “Por isso, é altamente recomendável que se ouça previamente, por intermédio de seu ilustre presidente [Arlindo Chinaglia, do PT-SP] a Mesa da Câmara.”O Senado aprovou a recriação de 7.343 vagas de vereadores, mas Chinaglia se recusou a promulgar a emenda constitucional porque os senadores tiraram do texto artigo que previa a redução de gastos pelas Câmaras. O presidente do Senado, Garibaldi Alves (PMDB-RN), apresentou um mandado de segurança no STF para tentar obrigar a Câmara a avalizar a PEC. Os defensores da proposta pressionam por uma decisão neste ano, o que permitiria empossar em 1º de janeiro os novos vereadores -e os que acabaram “eleitos pelo Senado”. (FSP).

 

TJ inocenta Marcos Prado

Este blog já tinha abordado o tema sobre um processo contra Marcos Prado Dias, quando o mesmo era secretário da Educação, com a contratação de transporte escolar. Estava claro que não havia irregularidade e na semana passada,  por unanimidade os desembargadores Netonio Machado, Edson Ulisses e Suzanna Carvalho, foi absolvido em segunda instância.

 

Para quem o Samu Sergipe trabalha?

Uma denúncia foi feita a este blog de que o SAMU Sergipe estaria realizando transferências do Hospital Primavera sem que tenha legitimidade para isto. Existem regras que delimitam o espaço de atuação do SAMU Aracaju e do SAMU Estadual, que não estão sendo respeitadas. A rede privada é quem leva a vantagem, mas por que será que a coisa é tão ágil e tão frequente? A denúncia questiona ainda se é coincidência o fato de diretores do Primavera serem também os Coordenadores do SAMU Estadual? Quem está ganhando?  E o quê? O blog vai apurar tudo para informar com mais detalhes ao leitor.

 

Qualidade das perguntas no Bom Dia Sergipe

Há alguns dias este espaço vem recebendo e-mails de leitores questionando a qualidade das perguntas feitas no telejornal Bom dia Sergipe, da TV Sergipe. Todos criticam o nível baixo e o desconhecimento sobre o assunto que deveria ser abortado com o entrevistado. Para não cometer injustiça  e por raramente assistir o telejornal por conta do tempo, este jornalista só vai analisar o fato após comprovar assistindo alguns telejornais.

 

DO LEITOR

 

Divisão de Inteligência da PC I

E-mail de Yumara Góis: “O objetivo deste é lembrar ao senhor que dentre os pontos positivos relacionados à Segurança Pública, não foram mencionados os que dizem respeito à Divisão de Inteligência da Polícia Civil – DIPOL, setor que apesar de esquecido ou não lembrado, desenvolve atividade de grande importância, não só para a Polícia Civil, mas também para a sociedade, pois vem desvendando diversos crimes, que sem sua participação nunca seriam desvendados. A título de exemplo posso relacionar alguns casos: – Desvendou o homicídio do deputado Joaldo Barbosa; Prisão de Floro Calheiros; Prisão dos membros do PCC que tentava se instalar no Estado; Todos os assaltos a bancos foram desvendados pela Divisão;Tráfico internacional de drogas e Tráfico nacional de drogas”.

 

Divisão de Inteligência da PC II

Continua o e-mail: “Todos os casos aqui relacionados, como outros crimes apurados pela Divisão são acompanhados pelos policiais de carreira que trabalham naquele setor com afinco, responsabilidade e total dedicação. Existem ali, trabalhando, pessoas que têm família e muitas vezes passam dias sem poderem dar atenção a ela. Para aqueles policiais (os integrantes da Divisão de Inteligência) não existe sábado, domingo, feriado, hora de almoço ou hora de descanso quando uma investigação está em andamento. Isto porque a Secretaria de Segurança teve muita sorte na formação dessa equipe: Há ali somente policiais que tem o compromisso de desvendar crimes e quem sabe livrar a sociedade deles. Contudo, trata-se de um setor totalmente esquecido no que diz respeito ao reconhecimento, pois há exatamente 02 ( dois ) anos vêm lutando pela reestruturação legislativa que tem um impacto em folha no valor de R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais). Não esqueçamos que o intuito dessa reestruturação é o de igualar a Divisão de Inteligência de Sergipe às de outros Estados. Não esqueçamos que por trás de um bom Delegado, que aparece na mídia, existe a Divisão de Inteligência da Polícia Civil – DIPOL”.

 

Prestadoras de serviço

De um leitor: “Gostaria de expressar minha indignação e saber de quem é a competência de fiscalizar os serviços que a Deso e suas prestadoras de serviço executam em Aracaju, pois é revoltante você frequentar por Aracaju onde eles estão “executando serviço”;se  pararem para prestar atenção nos bairros São José, Hermes Fontes, mais precisamente no conj. Leite Neto vocês vão me entender, pois a Deso com sua equipe quebra todo pavimento asfástico para fazer um serviço mas depois não asfalta o que quebrou, é uma falta de respeito tremenda com a população, fora o incomodo com a bagunça que fica  com areia, buracos nas ruas causando muitos transtornos pelas localidades onde esses malditos da Deso passam; e mais revoltante é saber que nós pagamos um absurdo por um serviço que não funciona direito, portanto queremos saber de quem  de quem é a obrigação de fiscalizar por esses serviços e fazer com que faça de verdade”.

 

Deu jabú

Do leitor Messias Gonçalves: “A imprensa sergipana, esperou que o governador Marcelo Déda, se redimisse do grande “erro”, quando formou a sua primeira equipe de governo e, anunciasse a nova turma de “notáveis”, para resgatar a “imagem” e deixar de fazer politicagem nos municípios, para começar a trabalhar, como recomendou um outro “notável”, o ex-governador João Alves Filho. É mole? Déda recebendo “pito” de Pinóquio? Todos almoçaram, beberam e, nada. Saíram como entraram. Sem “mudanças”. As incertezas são tão grandes que um dia, Nilson Lima não prestava, no outro, já presta. Tendo a crise  mundial como desculpa, poderá ficar na SEFAZ. E tem que ficar. Ele não foi o único no governo que não dançou com a música tocada pelo governador. Na verdade, foi uma orquestra do crioulo doido. Déda tinha um tom, Gualberto outro, Nilson outro, Valadares outro totalmente diferente, Jackson, também, até Albano se deu ao luxo de dar pitada nesse grupo, sem contar com os “Amorins”. Uma outra suposta força, remanescente dos Pinóquios, cheios de “boas” intenções, para exigir espaços.  É muito cacique para pouco índio. Para resumir, quem acabará não prestando, segundo as especulações, na verdade, será um “amigo”, um “aliado”. Osvaldo Nascimento. Será sacrificado em nome de acordos feitos com adversários.  Será o responsável pelo marasmo, pela ociosidade desempenhada na sua equipe. As obras, as realizações, só aparecem nos discursos.  E a culpa de quem será? Osvaldo Nascimento. Tudo está perfeito no DER/SE, na DESO, na CEHOP, na SERGÁS. Menos na SEINFRA. É assim que se resolve. Coloca um na fogueira. Para esse papel, melhor um amigo, um aliado. Aos adversários, tudo. Afinal, os fins justificam os meios. E assim, caminha a humanidade”.

 

Tercerizados do Detran

De um leitor: “Venho através deste informa sobre o sofrimento no qual os tercerizados do Detran estão passando, são mais de 200 pessoas sem receber as suas verbas rescisórias por conta da  empresa Postdata que se recusa a pagar as mesma, alegando não ter dinheiro em caixa para quitar, sendo que desde do dia 08/12/2008 era para ter sido pagas todas as rescisões, pessoas com até 13 anos de serviços sem nenhuma garantia que vai receber o que é de direito seu”.

 

Frase do Dia

“Nenhuma coisa tanto desejam os homens, como distinguir-se e extremar-se dos outros: o melhor é mais fácil modo para um homem se distinguir é o se fazer bom”. Padre Antônio Vieira.

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários