Memória fraca

0

Memória fraca

O ex-governador João Alves Filho (DEM) parece que está com a memória fraca. Nas entrevistas que concede, principalmente no interior, ele repete sempre que Sergipe não enfrentou falta de água em seu último governo. Ora, como não? Foi exatamente a ausência do precioso líquido nas residências de Tobias Barreto que levou a maioria do eleitorado daquele município a votar expressivamente em Marcelo Déda (PT). Sem falar nas agruras vividas pelos moradores do sertão sergipano. Em Aracaju, a Deso andava as voltas com as constantes faltas de água, principalmente na região Norte da cidade. Como se vê, ou João Alves está sofrendo de amnésia, ou, como dizem em Carira, anda comendo muito queijo ultimamente, a ponto de esquecer de fatos tão relevantes e que causaram tantos transtornos aos sergipanos.

Dinheiro novo

Quinze anos após a criação do real, a moeda do país vai ganhar cara nova. Cédulas de R$ 50 e R$ 100 com tons de cor diferentes dos atuais e tamanhos maiores começarão a circular em maio deste ano. Em 2011, será a vez das notas de R$ 20 e R$ 10. Por fim, em 2012, entrarão em circulação as novas notas de R$ 2 e R$ 5. As notas atuais continuam valendo e não é preciso trocar em banco.

Contra os gays

As Forças Armadas não devem aceitar a presença de gays. Quem pensa assim é o general Raymundo Nonato de Cerqueira Filho, indicado para uma cadeira no Superior Tribunal Militar. Após afirmar que os homossexuais não inspiram respeito dos soldados, o militar mandou ver: “Não é que o indivíduo seja criminoso, e sim o tipo de atividade. Se ele é assim, talvez haja outro ramo de atividade que ele possa desempenhar”. O oficial admitiu a existência de gays nos quartéis, mas disse que eles só devem ser aceitos se mantiverem a opção sexual em segredo, ou seja, se permanecerem no armário. Uau!

Imposto menor

A partir de amanhã, a Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) ficará menor para a gasolina. A alíquota cairá de R$ 0,23 para R$ 0,15 por litro. A desoneração valerá até 30 de abril. A mudança visa compensar o aumento no preço do combustível decorrente da redução de 25% para 20% da mistura de álcool na gasolina, que entrou em vigor segunda-feira passada. A redução também reduzirá o ICMS cobrado sobre a gasolina. Isso porque este tributo incide sobre a alíquota da Cide.

Sessão extra

A Câmara Municipal de Aracaju realizará hoje sessão extraordinária para apreciar e votar os projetos de lei concedendo reajuste salarial aos servidores municipais. O aumento linear concedido é de 9%, mas as categorias vão receber benefícios diferenciados, que chegam a 100% de reajuste. Os reajustes, incluindo o do magistério, representam um impacto anual na folha de pagamentos da Prefeitura de mais de R$ 45 milhões. Os vereadores não receberão nada pelo trabalho extra desta quinta-feira.

Na perna

Para protestar contra a mudança da escala de plantão e da transferência de 12 oficiais sem aviso prévio, os policiais militares que atuam na Orla de Atalaia estão trabalhando a pé. Eles se recusam a dirigir as viaturas sob a alegação que não são pagos para isso. Em resposta a reação dos subordinados, o comandante do 1º Batalhão da PM, tenente-coronel Jackson Nascimento, afirmou que os PM´s querem manter a folga de três dias para fazer serviços extras’. “A Polícia não precisa mais fazer ‘bicos’ porque já recebem bons salários. A sociedade merece respeito e não pode ficar nas mãos de soldados rebeldes”, fuzilou o oficial.

Não saiu

O concurso da Mega-Sena, que será sorteado no próximo sábado, deve pagar R$ 24 milhões para a aposta que acertar as seis dezenas sorteadas, segundo estimativas da Caixa Econômica Federal.  Ontem, nenhum bilhete acertou os números do concurso 1.150, e o prêmio acumulou. Os números sorteados foram: 15 – 17 – 28 – 31 – 35 – 52.

 As apostas para concorrer à ‘bolada’ da Mega-Sena devem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio. A aposta mínima, de seis números, custa R$ 2.

Mais genéricos

O setor de medicamentos genéricos cresceu 19,4% em 2009 impulsionado pela crise econômica. Esses remédios são uma opção para que o consumidor mantenha sua qualidade de vida, sem precisar cortar o uso de medicamentos, gastando, em média, 50% a menos. Cada vez mais, doenças são tratadas com genéricos, com o vencimento da patente dos medicamentos. Hoje, quase 90% das enfermidades podem ser tratadas com esse tipo de remédio.

Protesto no Palácio

Os empregados demitidos do Banese vão fazer vigília hoje e amanhã em frente ao Palácio de Despachos do Governo. O objetivo é chamar a atenção para a forma como perderam seus empregos de 1995 a 2004. Segundo eles, cerca de 800 baneseanos foram “obrigados” a aderir ao Plano de Demissão Voluntária – PDV -, e outros 200 foram demitidos “sem justa causa”. O ano passado, a deputada estadual Goretti Reis (DEM) apresentou um projeto, que anistia os demitidos do Banese. A matéria ainda não foi votada na Assembléia.

PEC da comida

Após quase sete anos tramitando na Câmara dos Deputados, foi aprovada ontem em segundo turno a Proposta de Emenda Constitucional de autoria do senador Antonio Carlos Valadares (PSB-SE), que torna a alimentação um direito constitucional do cidadão. Segundo o parlamentar sergipano, com a aprovação da matéria, é preciso também que os governos tracem políticas efetivas de apoio à agricultura, especialmente à familiar, garantindo recursos financeiros que proporcionem a produção e oferta farta de alimentos à população. 

Twittadas

Do twitter: Fiquei sabendo que se vende cerveja abertamente nos estádios de futebol do interior sergipano. E o Estatuto do Torcedor?/ Alô meninas, Jesus está solteirinho da Silva. Segundo um tablóide britânico, ele e Madonna acabaram o relacionamento. Não entendo a razão de setores do governo em se preocupar tanto com o discurso do prefeito Luciano Bispo (PMDB). Ao agirem assim, só o valorizam./ A Igreja está fula com o projeto que descriminaliza o aborto, a união de pessoas do mesmo sexo e impede a ostentação de símbolos religiosos ./ O folião deve se vacinar contra meningite ao ir à Bahia. É bom se apressar, pois a vacina só faz efeito entre 10 e 14 dias após aplicada./ Brasil é o país com o maior número de dentistas. Também é um dos primeiros no mundo em número de banguelos. Por que será?/

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais