Mendonça anula pretensão dos Amorim

0

Quem armazena ressentimentos dorme com o inimigo, diz o ditado. Mas o inverso também pode ocorrer: quem dorme com o inimigo, armazena ressentimentos. E a inversão vale para a contenda entre o deputado federal Mendonça Prado e seu ex-concunhado Edvan Amorim. Claro que eles não dormiram juntos, mas frequentaram durante muitos anos a mesma cozinha, de João Alves e Maria do Carmo, já que casados com as filhas do agora prefeito e senadora. Portanto, se conhecem. E o pior inimigo é aquele que conhece os defeitos do outro.

Contenda não é a melhor expressão para explicar o entrevero entre eles. Na verdade, Mendonça jogou um quase indefeso Edvan nas cordas e está aplicando duros golpes no dublê de político e empresário. E, com isso, aniquilando a pretensa candidatura de Eduardo Amorim, o protegido irmão senador, ao governo do Estado em 2014.

Edvan Amorim não consegue reagir – a não ser através de ridículos desabafos do agora assessor David Leite – porque não tem munição suficiente para enfrentar Mendonça Prado. O deputado federal é um homem limpo e conhece os podres do inimigo, que não é exatamente um exemplo de honradez e dignidade. Até os pilares do prédio da Assembleia Legislativa sabem disso… E agora, reagir como?

Por um momento, Edvan tentou espernear, mas cada vez que Mendonça voltava à carga seu problema só crescia. Restou-lhe a fuga pela direita, recolheu-se, mas já era tarde. E enquanto o inimigo diminuía, as verdades de Mendonça sobre Edvan vitaminaram sua carreira política.

Publicamente, o deputado federal do DEM ganhou musculatura e cresceu, para espanto dos oportunistas que acharam que Eduardo Amorim no governo era aposta certa.

Saraivada de acusações

Ultimamente, Edvan, Eduardo e David tem sido atacados por uma saraivada de acusações de Mendonça através das redes sociais. O jornalista Valter Lima, do portal Sergipe 247, fez uma compilação. Vale a pena relembrar:

“David Leite dizia que Amorim colocou uma fazenda em Minas Gerais em nome de um laranja, que vem a ser o motorista dele. David Leite dizia que Amorim tinha dado uma calote num banco e cometido fraudes diversas. David Leite dizia que alguns empréstimos eram feitos em nome de laranjas. David Leite falava em compra de medicamentos, falava em transportes. David Leite vai botar o chefe da quadrilha na cadeia. David Leite dizia que Amorim não tinha nada no nome dele para ludibriar a Receita Federal. Isso precisa ser investigado”;

“David vivia dizendo que Amorim falava que era proprietário de fazendas em Minas, mas na verdade a fazenda estava no nome do motorista. Será? Com tantas estórias de David o melhor que pode se fazer é pedir uma investigação minuciosa. Espero que os órgãos competentes investiguem as informações passadas por David. David falava até de absorvente comprado de forma ilegal. Eita David que sabe de coisa! David Leite contava cada coisa relacionada a compra de fazendas por marginais. Coisa de organização criminosa. Como é que alguém consegue fazer certas contabilidades com situações como essas explicitadas por David Leite. E a Receita?”;

“O Eduardo Amorim já estava caindo pelas tabelas, agora com uma ajudinha de David Leite vai ter que tomar suco de laranja para acalmar. Mas de laranja, segundo David Leite, os Amorins entendem bem. Então é só preparar o suco. Eu fiz um desafio para debater com Eduardo Amorim. Agora eu desafio Eduardo, Edvan e David , o grande marqueteiro. Os três de uma vez. Vamos verificar nos cartórios o nome dos proprietários desses bens mencionados pelo ilustre David. David Leite pode aproveitar o São João para assessorar quadrilhas”;

“Os Amorins chamaram David Leite para falar mal das pessoas, mas esqueceram que David metia a ripa neles. Ladrão era pouco. Os Amorins escolheram David Leite pensando que eu vou perder meu tempo com ele. O debate vai ser feito com quem de direito. Os Amorins famosos pelos processos judiciais agora têm no “carismático” David Leite um representante a altura. Que se parecem! O Amorim, famoso réu e condenado em primeira instância por suspeita de ter dado um calote num banco, não podia ter assessor melhor”, disse. E avisou: “Vamos publicar todos os processos de Edvan Amorim e mostrar que o líder do Eduardo Amorim é um frequentador assíduo do Judiciário”;

“David Leite, quantas fazendas estão em nome do seu chefe? Você pode informar isso a Receita Federal? Todos dizem que ele é fazendeiro! Seu chefe lhe prometeu um boi para entrar nessa briga e você está querendo uma boiada para não sair. Segundo especialistas os maiores líderes de organizações criminosas esquentam dinheiro comercializando animais. Quero homenagear David Leite, coveiro de um ensaio de candidatura ao governo do estado de Sergipe. David, você já visitou a Fazenda Sizan? Quem comprou? Como pagou? Cheque? Dinheiro? Quem são os proprietários?”;

E Mendonça foi mais adiante: “o PSC de Sergipe contratou um assessor para defender a turma que responde por formação de quadrilha, estelionato e outras modalidades. Vamos aproveitar esse debate para trazer a público os processos, os inquéritos e tudo que diga respeito ao PSC de Sergipe e Edvan Amorim. Vamos mostrar o que certos caras de pau fizeram na administração pública uma determinada cidade. Os delitos que estão sendo julgados. Vamos procurar os órgãos competentes para saber quais são os procedimentos em relação a farra de Pirambu na época do gaguinho. Esses que fazem o PSC, réus em vários processos por delitos que estão sendo julgados, sonham em governar Sergipe. Imaginem! É preciso que a população saiba quais são os processos que a turma do PSC responde na Justiça. O povo precisa saber”;

Mendonça ainda afirma que Edivan Amorim e o PSC respondem a processos que “envergonham Sergipe, arruínam a política e angustiam a sociedade”. E novamente tentou colar a crítica em Eduardo Amorim. “O Senado da República precisa saber quem é esse senador Eduardo Amorim, o seu partido e o seu irmão em Sergipe. O PSC de Sergipe vai ficar popular com a divulgação dos processos judiciais que envolvem os seus integrantes. O PSC contratou um assessor para me atacar. O correto seria adquirir creolina para limpar a ficha da sua cúpula. Pessoas que respondem a processos quilométricos ingressaram em juízo para cercear a liberdade de expressão de cidadãos de bem. Vocês conhecem o senador Eduardo Amorim? Ele é aquele que o irmão ficou famoso pelos problemas judiciais! O irmão é o líder dele, viu?!”.

Via blog e também por uma fanpage, David Leite chamou Mendonça de “covarde, mentiroso e loroteiro” e de ser apenas o genro de João Alves Filho.

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários