MUSIQUALIDADE

0

R E S E N H A     1

 

Artistas: EDSEL GOMEZ e ARISMAR DO ESPÍRITO SANTO

Título: “AMÉRICA”

Gravadora: LUA MUSIC

 

O pianista porto-riquenho Edsel Gomez e o violonista brasileiro Arismar do Espírito Santo reuniram-se e, em apenas um dia, registraram em estúdio quatorze canções que mapeiam a América musical, apresentando um painel de ritmos das várias partes desse imenso continente.

Produzido por Zé Luiz Soares, a idéia era juntar os dois exímios instrumentistas numa espécie de “jam session”, na qual seriam registradas músicas características dos cancioneiros das Américas do Norte, Central e do Sul. O resultado surpreendeu, transformando-se em um disco estupendo, executado com a maestria dos gênios.

Edsel é um pianista que sabe combinar o jazz, a música latina e o suingue brasileiro (que adquiriu quando viveu por aqui na década de oitenta) como poucos. Fã confesso de Chico Buarque, em terras brasileiras chegou a tocar com Cauby Peixoto, Wilson Simonal e Raul de Souza. Já Arismar é um nome de ponta da nossa MPB, tendo atuado em shows e discos de artistas como Gal Costa, Luizinho Eça e Hermeto Paschoal.

O repertório escolhido faz um apanhado do que há de melhor na música das três Américas. Há o jazz super-refinado de George e Ira Gershwin (“But Not For Me”), o bolero de Consuelo Velasquez (“Besame Mucho”), o samba de Lupicínio Rodrigues e Felisberto Martins (“Se Acaso Você Chegasse”), a bossa de João Donato (“Lugar Comum”) e a balada de Hoagy Carmichael (“Georgia on My Mind”).

Dentre tantas pérolas, dá ainda para destacar a romântica “Tu mi Delírio” (de Cesar Portillo de la Luz) e as brasileiríssimas “Dora” (de Dorival Caymmi), “Provei” (de Noel Rosa e Vadico) e “Pra Machucar Meu Coração” (de Ary Barroso). Um grande encontro!

 

 

R E S E N H A     2

 

Cantora: ALCIONE

CD: “UMA NOVA PAIXÃO – AO VIVO”

Gravadora: INDIE RECORDS

 

A maranhense Alcione é a artista brasileira que mais constantemente tem lançado CD’s. Para cada disco inédito que põe no mercado (e isso vem acontecendo com uma freqüência elogiável), sai em seguida um trabalho gravado ao vivo com registros, em sua maior parte, das canções que compuseram o repertório do álbum anterior, feito em estúdio, acrescentados de outros que terminam por dar um gostinho especial ao projeto.

Caetano Veloso e Maria Bethânia também costumam adotar essa estratégia, que não deixa de ser uma espécie de marketing para se manter por mais tempo em evidência na mídia, mas a disposição com que Alcione vem fazendo isso tem chamado a atenção, especialmente depois que ela passou a fazer parte do cast da gravadora Indie Records.

O CD “Uma Nova Paixão”, recentemente chegado às lojas, segue a cartilha que vem sendo cumprida à risca pela cantora nos últimos anos: alterna sambas e baladas românticas em proporções quase idênticas. O resultado tem surtido efeito, já que Alcione continua sendo uma das maiores vendedoras de discos do Brasil.

O novo álbum é incontestavelmente superior ao do estúdio que o precedeu. Alcione mostra que continua em plena forma vocal, o que se comprova, por exemplo, em sua excelente interpretação de “À Flor da Pele” (de Maurício Tapajós e Paulo César Pinheiro), pérola pinçada do repertório de Clara Nunes.

Dentre os sambas, os destaques vão para “Corpo Fechado” (de Telma Tavares e Roque Ferreira) e o Pot-Pourri que homenageia Jovelina Pérola Negra. Já entre as baladas, os melhores momentos ficam por conta de “Coração de Porcelana” (de Chico Roque e Paulinho Rezende) e “Jóia Rara” (de Carlinhos Veloz).

Também disponível em versão DVD, o projeto conta com as participações especiais de Marcelo D2, Leci Brandão e Jefferson Jr. (mostrando um futuro promissor, já que, ao transformar o hit pop “Sábado à Noite”, de autoria de Lulu Santos, em samba, o fez resultar em um dos melhores momentos do CD), além do grupo Os Gênesis e do ator Aílton Graça. Dá-lhe, Marrom!

 

 

N O V I D A D E S

 

·               Durante todos os sábados deste mês de junho, sempre às 20 horas, volta a ser apresentado, no Centro de Criatividade, o espetáculo musical “ÓPERA DO MILHO”. Trata-se de uma produção grandiosa com a participação de mais de vinte atores em cena, além de cantores ao vivo, estes coordenados pelo experiente Neu Fontes. A entrada é gratuita e quem perder vai estar marcando a maior bobeira.

 

·               Já está nas lojas o novo CD de Agnaldo Rayol, um lançamento da gravadora Sony & BMG que leva a assinatura do experiente José Milton na produção. Intitulado “Maria Maria Marias”, trata-se evidentemente de uma homenagem às tantas marias existentes por aí. Dentre escolhas óbvias (como “Maria, Maria”, de Milton Nascimento e Fernando Brant) e outras bem mais interessantes (como “Maria dos Meus Pecados”, de Dunga e Jair Amorim), Rayol mostra estar em forma em interpretações nas quais solta o seu tonitruante vozeirão. É o que acontece em “Ave Maria no Morro” (de Herivelto Martins) e em “Maria Bethânia” (de Capiba). Há belas saudações a Nossa Senhora, através da “Ave Maria” de Jayme Redondo e Vicente Paiva e da “Ave Maria” de Bach e Gonoud, e ainda as participações especiais de Nana Caymmi (em “Maria Ninguém”, bossa de Carlos Lyra) e de Hebe Camargo (em “Por Quem Sonha Ana Maria?”, valsa de Juca Chaves), únicos momentos em que Rayol se permite baixar o tom para acompanhar as convidadas. Outros grandes momentos do álbum ficam por conta de “Maria” (de Ary Barroso e Luiz Peixoto) e de “Maria Rosa” (de Lupicínio Rodrigues e Alcides Gonçalves).

 

·               A cantora Karla Sabah está lançando o CD intitulado “É com Esse que Eu Vou – Drum’n’bossa 2”. O novo álbum conta com as participações especiais de Luiz Melodia, Carlos Lyra e Roberto Menescal.

 

·               Tom Zé acabou de realizar, com grande sucesso, shows na Inglaterra e em Portugal. A propósito, o baiano já prepara as canções que farão parte de seu próximo CD, ainda sem data a ser lançado, e pretende realizar a pré-produção em um estúdio que está montando em seu próprio apartamento.

 

·               João Bosco gravou em fevereiro dois shows que realizou no Auditório Ibirapuera em São Paulo, dando origem a mais um CD ao vivo de sua vitoriosa carreira. Com o título de “Obrigado, Gente!”, o trabalho conta com a participação especialíssima de Djavan e já se encontra disponível nas melhores lojas.

 

·               O tema principal do novo filme de Daniel Filho (“Muito Gelo, Dois Dedos de Água”) será uma versão feita por Rita Lee para a canção “It’s oh so quiet”, sucesso na voz da cantora irlandesa Bjork. A cantora Elza Soares foi a escolhida para fazer a gravação da música que promete se transformar em um sucesso imediato.

 

·               Está em cartaz do teatro do Sesc Copacabana, no Rio de Janeiro, o show “O Poeta, a Rosa e as Canções” que reúne os cantores Pedro Luís e Roberta Sá. Dentre canções inéditas (“Os Beijos”, “Fogo e Gasolina” e “Ponto Enredo”), os dois artistas evocam o encontro de Elza Soares com Miltinho, registrado pela gravadora Odeon em três LP’s da série intitulada “Elza, Miltinho e Samba”.

 

·               Vários artistas brasileiros estão em Berlim, na Alemanha, realizando shows por conta da Copa do Mundo. Um deles é o paraibano Chico César que, no repertório de suas apresentações, tem incluído a canção “Drible”, uma parceria sua com o guitarrista paulista Zezo Ribeiro que atualmente reside em Madrid, na Espanha. A música faz parte do CD intitulado “Brincadeira” que os dois artistas gravaram em 2004, mas que até agora só foi lançado na Europa.

 

·               Acaba de ser lançado o CD MTV ao Vivo da cantora Fernanda Abreu. O DVD correlato, todavia, só será lançado em julho próximo. Do repertório, constam os maiores sucessos da garota sangue bom, além de canções inéditas como “Baile Funk” e “Dance Dance”.

 

·               Max de Castro está lançando pela gravadora Trama o seu quarto CD. O novo trabalho conta com a participação especial de João Donato na faixa “Programa”.

 

·               Já se encontra disponível a trilha sonora nacional da telenovela global “Cobras & Lagartos”. Entre os artistas incluídos, gente como Elis Regina (a música de abertura “Alô, alô, Marciano”), Jair Oliveira, Marina Lima, Ivete Sangalo e Marisa Monte.

 

RUBENS LISBOA é compositor e cantor


Quaisquer críticas e/ou sugestões serão bem-vindas e poderão ser enviadas para o e-mail: rubens@infonet.com.br

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais