Nilson não apoiará João Alves

0

 

 

Nos bastidores comenta-se que Nilson Lima, pré-candidato ao governo do Estado pelo PPS, está sendo pressionado para fazer uma aliança com o ex-governador João Alves Filho. Nilson apoiaria João Alves e em troca seria o candidato a vice-governador.

 

Na verdade quem tenta passar essa proposta deseja apenas criar intriga com Nilson Lima, já que por convicção, ele jamais subirá no mesmo palanque de João Alves Filho, por vários motivos e um dos mais fortes chamava-se o genro do ex-governador: Mendonça Prado.

 

Quem não lembra do celebre debats de Nilson Lima e Mendonça Prado nos programas de rádio, onde Mendonça Prado tentou justificar o contrato de consultoria com a Fundação Franco-Brasileira de Desenvolvimento (Fubras), do qual Nilson Lima levantou diversos questionamentos. De posse dos resultados dos inquéritos administrativos abertos pelo atual governo, Nilson Lima mostrou uma série de irregularidades, entre elas, os R$ 11 milhões recebidos no governo passado e mais R$ 5,7 milhões que tentaram receber no atual governo, mas não foram pagos. 

 

Nilson Lima, quando ainda governo, chegou a ler no programa de rádio o relatório completo, mostrando outras coisas, vícios na execução dos contratos, subcontratação irregular, entre outros. Ou seja, não há clima para Nilson Lima no palanque do DEM. Que diga Mendonça Prado. A não ser que Mendonça assuma a culpa e diga que Nilson está correto nas declarações.

 

A intenção de Nilson Lima é construir a chamada terceira via em Sergipe que já foi tentada por muitos, mas sem sucesso. Nilson Lima apoiando a candidatura de João Alves seria a negação do discurso. Negação esta que ele tanto combate do atual governo.

 

Desespero

Para desespero de muitos este blog está prestes há completar quatro anos com um crescimento continuo do número de acessos diários. Por isso já foi montada uma pequena estrutura para responder as dezenas de e-mails diárias dos leitores. Ninguém joga pedra em arvore que não dá frutos.

 

Credibilidade

Tem gente que não entende que credibilidade se conquista com muito trabalho e sacrifícios. Já outros pensam em usar a rede apenas para lançar sites – com patrocínio escondido de um partido da oposição – com conteúdos duvidosos apenas para satisfazer o universo eleitoral do grupo de um ex-governador com o apoio de um seguimento religioso/partidário. O bom em Aracaju é que todo mundo se conhece.

 

Emoção e orgulho I

Ao conversar com a imprensa antes de tomar posse como desembargador do TJ de Sergipe ontem, 28, o juiz Ricardo Múcio não escondia a emoção e o orgulho de chegar ao cargo depois de 20 de magistrado. Ricardo disse que pretende continuar dando a sua humilde contribuição para a Justiça sergipana com base nos ditames da lei e da ética.

 

Emoção e orgulho II

Para ele é um orgulho ser membro do Tribunal de Justiça de Sergipe considerado pelo CNj um dos mais céleres  e eficaz do país. Ricardo se emocionou ao lembrar que seu pai, Aloísio Abreu,  foi desembargador do TJ de SE por 17 anos. “A química do tempo já vem transformando, aos poucos, minha juventude em maturidade. Vim para aprender e para somar esforços, objetivando prestações jurisdicionais adequadas aos casos concretos”, disse Ricardo durante o discurso de posse que contou com a presença de familiares, amigos e autoridades, entre elas o governador do Estado.

 

 

Esvaziamento no NE ameaça bancada de senadores do DEM

Matéria do jornal Valor Econômico de ontem, 28, mostra um declínio do DEM no NE.: Um lento processo de esvaziamento do DEM no Nordeste, a região que manteve o partido, desde a sua criação, em 1985, com grande bancada no Senado, pode ser consumado em outubro. Do total de 14 senadores do partido, oito encerram seus mandatos – cinco eleitos pelo Nordeste e três pelo Centro-Oeste. Os senadores Gilberto Goellner (MT), Antonio Carlos Júnior (BA) e Adelmir Santana (DF) são suplentes e não disputarão em outubro.

 

Campanha dura

Outro trecho da matéria: Se for confirmada a tendência de declínio do partido nos Estados em que disputa a reeleição ao Senado, os atuais parlamentares terão uma campanha muito dura. Em Pernambuco, o senador Marco Maciel está em primeiro lugar nas pesquisas de opinião – na última, estava pouco acima de João Paulo (PT), que desistiu em favor do ex-ministro Humberto Costa (PT), também considerado um forte concorrente. Mas Queiroz considera que esse é só o começo. Maciel tem como adversária uma chapa fechada e muito forte: o governador Eduardo Campos (PSB) é o favoritíssimo candidato à reeleição e os dois candidatos ao Senado na chapa dele são Costa e o ex-presidente da CNI Armando Monteiro (PTB). Este último disputa na faixa de eleitorado do senador do DEM.

 

Situação vexatória na BA

O senador Antônio Magalhães Júnior (BA) é filho e suplente do senador Antonio Carlos Magalhães, que morreu em 2007. A direção do DEM disse que ele não será candidato por razões pessoais. Queiroz não acredita que o DEM – que concorrerá com o ex-prefeito de Feira de Santana José Ronaldo de Carvalho, ou com o deputado José Carlos Aleluia – consiga uma das vagas. O DEM também tem dúvidas quanto a isso. Para o diretor do Diap, uma das vagas ficaria com o candidato da chapa do governador Jaques Vagner (PT) e a outra, de César Borges (PR). É uma realidade dramática a da Bahia, que foi quase uma capitania hereditária de ACM. Em 1998, o então PFL elegeu um senador, que se somou aos dois eleitos em 1994, e uma bancada de 20 deputados federais e 23 estaduais, além do governador. Em 2006, perdeu as eleições para o governo e para o Senado e elegeu 13 federais e 16 estaduais. 125 prefeitos assumiram em 2001. Em 2008, foram eleitos só 43.

 

Orientação nacional

A matéria do Valor Econômico não cita Sergipe, onde o DEM manterá a vaga de Maria do Carmo até 2014, mas colabora com a opinião de algumas lideranças de Sergipe que ainda pensam na possibilidade do ex-governador João Alves ser candidato ao Senado, para fortalecer o partido nacionalmente, já que tem uma vaga quase certa se resolver disputar uma das duas vagas.

 

Edvaldo é eleito vice-presidente nacional da FNP

O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, foi eleito vice-presidente nacional da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), movimento organizado de gestores municipais de todo o país que tem como missão resgatar a autonomia e defender os interesses dos municípios. A eleição, realizada em caráter extraordinário, ocorreu na terça-feira, dia 27, na 57ª Reunião Geral da FNP, aberta no último domingo no Costão do Santinho, em Florianópolis (SC).

 

Café com Mendonça no Aquarius

O deputado federal Mendonça Prado (DEM/SE) oferece um café da manhã para a imprensa, no restaurante do Hotel Aquarius, a partir das 7h da próxima sexta-feira, 30 de abril, quando concederá entrevista coletiva e fará o lançamento oficial do portal: www.mendoncaprado.com

 

 

Decisão do pleno do TRE

A decisão do pleno do TRE, de rejeitar uma denúncia impetrada pelo Ministério Público Eleitoral contra o governador Marcelo Déda – por conta de dois out-doors –  mostra que alguns juízes sabem separar bem o que é propaganda eleitoral de outras ações. O relator do processo, o juiz Ronivon Aragão deu um parecer que merece a reflexão.

 

Parecer

No parecer, o juiz deixou claro que não se tratava de propaganda antecipada, já que “não houve pedido de votos; não foi atribuída qualquer qualidade especial do representando; não houve enaltecimento de suas ações à frente do governo, sequer de forma implícita, qualquer ilação no sentido de que o representado seja um político em que o povo deve confiar; não se fez referência a qualquer agremiação partidária, nem ao cargo e nem eventual pretensão de reeleição”.

 

Paz e saúde

Ainda no parecer o juiz disse que “a mensagem invocando especialmente a expressão paz e saúde, presente nos outdoors, deveu-se muito mais à enfermidade de que então o representante era acometido do que a uma pretensão de veicular propaganda de cunho partidário”. O juiz Ronivon Aragão lembrou ainda que o fato é notório, por conta do afastamento por longo período das atividades à frente do governo do Estado.

 

Socorro: Obras entram em fase final

As obras de contenção do leito da Rua da Caixa D` Água, no povoado Taboca, localizado na zona Oeste de Nossa Senhora do Socorro, entraram em fase de acabamento. A intervenção é composta pela construção de um muro de contenção com seis gabiões em sistema de caixa, para conter erosões. Em seguida, será executada a obra do novo calçamento da via pública.

 

Durabilidade do aterro

O trabalho é contratado pela prefeitura do município por meio da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos. Os gabiões são montados em estruturas em arame galvanizado preenchido com pedra granulométrica de 10 e 20 cm. “A utilização dessa técnica vai segurar a encosta e garantir a durabilidade do terreno aterrado e evitar algum tipo de erosão no solo de base, que possa ocorrer pela força da água. Ao todo são aproximadamente 200 metros de extensão de obra”, informou Wagner Lucena, secretário de Obras de Socorro.

 

Reajuste para aposentados

Mais uma vez o senador Valadares, líder do PSB no Senado, defendeu em plenário o reajuste também para os aposentados que ganham acima de um Salário Mínimo. Valadares, em aparte ao senador Valter Pereira (PMDB-MS), que falava sobre o projeto de reajuste de 7,71% para os aposentados, disse que seu partido, o PSB, dá apoio total ao reajuste e que este tema com certeza virá à tona amanhã, durante reunião com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva para tratar do projeto do pré-sal.

 

Sanção do projeto de lei do REFIS

Hoje, 29, às 16h no auditório do Palácio de Despachos, o governador Marcelo Déda sanciona o projeto de lei aprovado pela Assembléia, que cria o Programa de Recuperação Fiscal – REFIS,  voltado para a regularização dos débitos fiscais relativos ao ICMS, inscritos ou não na Dívida Ativa do estado.

 

Ausência da PM

O governo reuniu-se com algumas pastas para discutir políticas estadual de combate ao crack. Muito interessante, mesmo que um pouco atrasado. O que chama a atenção foi a ausência da pasta responsável por essa política, a secretaria de Justiça, além da ausência de um segmento estatal que efetivamente participa, 24 horas por dia, desse combate: a Polícia Militar. Não se entende porque a Sejuc insiste em excluir a PM das discussões de governo, onde a própria PM terá papel fundamental. Não ainda a desculpa de dizer que a PM estava representada pelo secretário da SSP, pois o superintendente da policia civil também estava lá. Será uma exclusão proposital?

 

Centro Vocacional Tecnológico em Carmópolis I

Representantes da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico, da Ciência e Tecnologia e do Turismo (Sedetec) e da Petrobras estiveram reunidos na noite da última terça-feira, 27, para discutir a implantação de um Centro Vocacional Tecnológico (CVT) no município de Carmópolis, em uma área pertencente à empresa estatal.

 

Centro Vocacional Tecnológico em Carmópolis II

A ideia do Governo é formar mão-de-obra para a indústria petrolífera, e oferecer serviços ligados tanto ao setor tecnológico quanto às pequenas e médias empresas da região. Para que isso seja possível, a administração estadual pretende, em parceria com a empresa, transformar o Centro Petrobras de Desenvolvimento Sustentável – construído pela estatal e que oferece atividades de capacitação de cunho social – em um espaço destinado ao ensino de cursos profissionalizantes.

 

Centro Vocacional Tecnológico em Carmópolis III

Segundo o secretário, o Governo de Sergipe também pretende buscar a parceria de alguma instituição ligada ao ensino profissionalizante, como o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), ou fomentar a criação de uma organização social para coordenar a rede de CVTs. O órgão também ficaria responsável por viabilizar a sustentabilidade dos Centros. Ainda de acordo com Jorge Santana, a Prefeitura de Carmópolis será convidada a participar das discussões.

 

Centro Vocacional Tecnológico em Carmópolis IV

O representante da Petrobras e coordenador Nacional do Programa de Mobilização da Indústria Nacional de Petróleo e Gás Natural (Prominp), José Renato Ferreira de Almeida, revelou que há o interesse da empresa em apoiar o projeto.

 

Santa Rosa de Lima I

Sobre a paralisação dos professores em Santa Rosa de Lima a assessoria da Prefeitura informou que a secretaria de finanças procurou o Sintese estadual e municipal para mostrar a realidade dos números do município em março deste ano. Inclusive uma reunião que foi marcada para às 9hs, no Sintese em Aracaju, só aconteceu às 10h25, por conta do atraso do representante do sindicato.

 

Santa Rosa de Lima II

Na última terça-feira as portas da prefeitura foram abertas para o Sintese, onde com a presença de cinco membros do sindicato foram apresentados os números da administração. A proposta dos professores é de 74,5% dos recursos do Fundeb, sendo que no mês de janeiro/10 a prefeitura pagou 80,50% do Fundeb, exclusivamente, aos professores. Segundo a assessoria eles querem um aumento de 62,80% de 2009 para 74,50%, mas em janeiro de 2010 foi pago 80,50%, e em fevereiro o percentual cai um pouco, mas em março o percentual chega a ultrapassar os 82% dos recursos do Fundeb. Foi mostrado aos professores que em abril, os recursos não dará para pagar a folha dos professores, sendo necessário a utilização de mais de 100% dos recursos.

 

Santa Rosa de Lima II

O quadro em Santa Rosa: são 77 professores, representando 15 alunos para 01 professor, sendo que a média nacional é de 25 para 01; são mais 78 funcionários na educação, merendeiras, serviços gerais e vigilantes; são 11 escolas municipais, onde alguns professores lecionam para 07, 06, 10 e até 12 alunos. Ou seja, não há necessidade de concurso. E outro problema para a prefeitura: a folha total ultrapassa o limite da LRF e o Sintese não apresentou uma solução para o problema.

 

 

Leitores e grileiro

Alguns leitores enviaram e-mails ontem questionando a participação, do que denominaram, de grileiro urbano, num programa de rádio. Segundo eles o grileiro que era alvista de carteirinha virou dedista.

 

Cadê os empacotadores nos supermercados?

Leitores voltam a reclamar da falta de empacotadores em diversos supermercados de Aracaju. Eles cobram a fiscalização do MP que esqueceu de fiscalizar e punir os chamados “grandes”.

 

Saudação matinal

Os petistas encontraram uma nova maneira de saudarem as pessoas no período matinal sem esquecer da pré-candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff. Trocam o bom dia por uma alegre e consistente Bom Dilma! Até as eleições presidenciais, em outubro, será assim, todas as vezes que cumprimentarem na parte matinal um amigo, entrarem num táxi, no elevador ou chegando ao ambiente de trabalho. Bom Dilma!

 

Textos depreciativos

Nos últimos dias o blog vem recebendo textos depreciativos sobre os dois principais pré-candidatos a presidência: Dilma e Serra. Não publicará nenhum deles em respeito aos leitores. Quem desejar enviar textos criativos, como o publicado acima, tudo bem.

 

80 anos de Horácio Fontes

Ao registrar na sessão desta quarta-feira, na Câmara, o transcurso dos 80 anos do empresário e político sergipano de Boquim, Horário Fernandes Fontes, o deputado federal Albano Franco (PSDB) disse que ele é uma figura emblemática de Sergipe e uma referência nacional em matéria de probidade administrativa e, que, “infelizmente, homens de sua estatura cívica somam uma minoria no atual panorama político-administrativo da nação”.

 

PROCON itinerante no Bugio, dia 4 I

Visando levar cidadania a sociedade em geral, a Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor – PROCON, em parceria com a Defensoria Pública do Estado de Sergipe, estará realizando no próximo dia 4 de maio, O PROCON Itinerante no Conjunto Bugio, zona-norte de Aracaju. A ação vai oferecer a comunidade serviços e esclarecimentos sobre seus direitos como consumidor e promover o atendimento as denuncias no próprio local. No dia 4 serão oferecidos serviços referentes a reclamações e informações; plano de saúde, telefonia, cartão de crédito, contratos, empréstimos, propaganda enganosa, cartilhas.

 

PROCON itinerante no Bugio, dia 4 II

 Com total apoio da Secretaria de Justiça e Cidadania, que através do secretário Benedito Figueiredo, recebeu incentivo para a realização do projeto, o PROCON  Itinerante estará oferecendo serviços em diversas áreas. A associação de moradores do Conjunto Bugio convidou o órgão para que realizasse palestra para o grupo de idosos, Deus é Fiel, sobre defesa do consumidor. “Essa é, sem dúvida, uma oportunidade de informar a população e, ao mesmo tempo, levar a essas pessoas o atendimento de que necessitam sem que precisem se deslocar de seu bairro”, frisou a coordenadora do PROCON, Gilsa Brito.

 

CTB mobiliza para o 1º de Maio

A Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Secção Sergipe, vive uma semana de mobilizações em referência ao Dia do Trabalhador. O ápice dessa mobilização será no sábado, dia 1º de maio, quando acontecerá um grande ato na Praça do Conjunto Sol Nascente, a partir das 9h. O ato tem como objetivo dialogar com trabalhadores e trabalhadoras da cidade e do campo sobre as bandeiras de luta da CTB – redução da jornada de trabalho sem redução de salários, valorização do salário mínimo, fim do fator previdenciário, reforma agrária, democratização dos recursos do pré-sal, mais educação, saúde e democracia.

 

Medday acontece no Hospital Primavera

Nos dias 23 e 24 de abril, o Hospital Primavera recebeu os estudantes do curso G8 para a segunda edição do MedDay. O evento teve como objetivo motivar ainda mais os alunos que irão fazer o vestibular para medicina na Universidade Federal de Sergipe em 2011, mostrando toda a beleza e desafios desta área tão importante e encantadora. Nestes dois dias, os alunos assistiram palestras da médica psicanalista Débora Pimentel, do médico urologista Alexandre Barotto e do médico oftalmologista Vinícius Góis.

 

Modernidade

Segundo o professor Victor Rollemberg, um dos diretores do G8, a escolha de realizar o MedDay no Hospital Primavera foi unânime entre os organizadores. “Escolhemos o Primavera por ser um Hospital moderno, muito bem equipamento, com um corpo clínico dinâmico e, por acreditarmos que ele é o Hospital do século XXI”, afirma o professor. Após o ciclo de palestras, os futuros acadêmicos fizeram um passeio por todo o Hospital Primavera e conheceram toda a estrutura.

 

Medicamentos falsos

A Diretoria de Vigilância Sanitária estadual (Divisa) e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) lançam nesta quinta-feira, 29, em Sergipe, a campanha do medicamento verdadeiro. Trata-se de uma ação informativa para combater a falsificação de medicamentos. O lançamento está marcado para as 9h30, no auditório da Secretaria de Estado da Saúde (SES), na Praça General Valadão, 32, centro de Aracaju. 

 

Bazar do Amor acontece a partir deste domingo

 A partir deste domingo acontece mais uma versão do Bazar do Amor, uma feira de artesanato realizada anualmente em benefício da Associação de Pais e Amigos dos Deficientes Auditivos do Estado de Sergipe (Apada) e da Legião Feminina de Educação e Combate ao Câncer. Os recursos são destinados para a manutenção dos serviços assistenciais desenvolvidos por ambas as instituições no Estado de Sergipe, que prestam relevantes atendimentos à população assistida. O Bazar do Amor será iniciado às 15h deste domingo, dia 2, e se estende até a quarta-feira , dia 5, sempre das 8h às 19h no Espaço Samam, localizado à Avenida Delmiro Gouveia, em frente ao Shopping Riomar.

 

ESPAÇO CULTURAL

 

Curta-SE 2010 – inscrições até 7 de maio

A 10ª edição do Festival Ibero-americano de Cinema de Sergipe (Curta-SE) que acontecerá de 14 a 18 de setembro ainda está com as inscrições abertas, até o dia 07 de maio, para as Mostras Competitivas de Curtas-metragens em 35 mm, Vídeo (DVD, Internet e CD ROM), Vídeo de Bolso (celular) e Vídeos Sergipanos e Filmes de Longa-metragem. Os interessados podem conferir o regulamento e outros detalhes no site www.curtase.org.br

 

Balaio Cultural será lançado dia 2

Está chegando a hora da cultura e do típico forró tomar conta de Aracaju. No próximo dia 02, tem início o projeto Balaio Cultural que promete abrilhantar, com o muito arrasta pé e atrações genuinamente sergipanas, as noites na Praça de Eventos, na Orla de Atalaia. O Balaio Cultural é um novo espaço de apresentações artísticas, voltadas para o período junino e terá como função promover e auxiliar na circulação do produto cultural do Estado, com foco em expressões culturais como música, quadrilha junina, bandas de pífano, repentistas e cordelistas. A iniciativa é da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), em parceria com o Banese, a Empresa Sergipana de Turismo (EMSETUR) e Secretaria de Estado da Inclusão e do Desenvolvimento Social (Seides). As apresentações ocorrerão durante os sábados que antecedem o período junino e será uma forma de valorização dos artistas do autêntico forró sergipano. “O Balaio Cultural é um projeto que dialoga com nossa classe artística, pois através dele iremos antecipar o período junino e criar um ambiente favorável para a movimentação dos nosso forrozeiros, cordelistas, grupos folclóricos, entre outros, para assim preparar o ambiente para o Arraiá do Povo. A ideia é trabalhar o ciclo junino como promoção turística para o ano todo”, explicou a secretária de cultura Eloísa Galdino.

 

 

DO LEITOR

 

Obra que fere a legislação com pouco recuo

Do leitor Norberto Nunes de Andrade: “Na esquina na Rua Geru com Rua Itabaianinha, no prédio onde outrora funcionou a Delegacia do Ministério da Saúde em Sergipe, está sendo executada um obra que fere a legislação municipal que trata sobre o assunto. O antigo prédio fora construído com o correto recuo de 5 metros, como deve ser em toda edificação de esquina. Ocorre que o imóvel foi alugado e o locatário está executando uma reforma irregular, avançando no recuo com uma cobertura metálica apoiada sobre paredes e pilares. Não sei lhe confirmar, mas a conversa corrente é que o prédio foi alugado por uma empresa comercial do ramo de eletrodomésticos. Já denunciei o fato mais de uma vez à EMURB que me garantiu ter notificado a empresa, porém ela não tem poder de polícia para proibir a continuidade da mesma, tendo que recorrer à Justiça para paralisar a obra ou para demoli-la depois de pronta. O que ela poderá fazer após a conclusão da obra é negar a emissão do Habite-se e da Inscrição Municipal até que o infrator regularize a situação do imóvel. Solicito-lhe que, usando de sua influência, faça ecoar esta denúncia e que cobre da Prefeitura de Aracaju uma ação mais dura contra essa e outras obras irregulares que ocorrem na nossa cidade”.

 

 

ARTIGO

 

A COHIDRO é sim uma empresa eficiente – Osvaldo Nascimento*

 

Estranho e desprovido de bom senso o artigo do secretário de Comunicação de Itabaiana, o senhor Marcos Aurélio, sobre a atuação da COHIDRO em 2009. O próprio mostrou que leu somente parte do balanço divulgado na imprensa. Se fosse mais atento, veria que todos os questionamentos feitos em seu artigo estão respondidos no relatório de gestão, também publicado no mesmo balanço.

Mas vamos à verdade dos fatos. A COHIDRO exerce um papel importante e, porque não dizer, essencial e fundamental, à agricultura de Sergipe. Além dos gastos governamentais para a manutenção dos seis perímetros de irrigação (pagamento da energia elétrica e manutenção das estações de bombeamento), a empresa ampliou a assistência técnica aos produtores através de desenvolvimento de projetos, de receituários agronômicos e visitas técnicas.

Atualmente, a COHIDRO oferece condições para diversificação das culturas implantadas, numa área de 5.019 hectares, produzindo 63.620 toneladas de frutas, 758.548 litros de leite, e 53.055 quilos de queijo, beneficiando uma população de 19.000 pessoas e proporcionando 7.000 empregos diretos. Para conhecimento do senhor Marcos Aurélio, os perímetros irrigados produzem 75 % das hortaliças produzidas no Estado e com a introdução de novos projetos, tem-se a previsão de suprir o mercado local com perspectiva de exportação.

Vale frisar que este foi um ano marcado pelo início de uma reestruturação completa na empresa. Ao longo dos últimos 20 anos, a COHIDRO sofreu com a falta de investimento público tanto na área administrativa quanto na área operacional, e a situação encontrada era de total sucateamento.

Para enfrentar esse quadro, o Governo Marcelo Déda priorizou três ações de democratização e transparência da administração: revisão do planejamento estratégico, que resultou em um plano de ação de médio prazo; a negociação e implantação do novo Plano de Cargo e Salário, que proporcionou maior equidade salarial e melhor clima organizacional; e a recuperação dos perímetros, através de estudos e alocação dos recursos para sua operacionalização.

No ano passado, foram realizadas ações de recuperação dos perímetros Jabiberi e Califórnia. Foi realizado estudo de readequação do perímetro da Ribeira e a elaboração do projeto básico para manutenção elétrica preventiva e corretiva nas Estações de Bombeamento e Pressurização nos perímetros Califórnia, Porção da Ribeira e Jacarecica que gerará uma redução imediata no valor das faturas de energia, estimada em R$ 50.000,00 mensais, bem como maior segurança operacional.

A COHIDRO focou também suas atividades no fortalecimento da organização associativa nos perímetros irrigados, realizadas através da formação de 01 associação no perímetro PEPIA, com 23 associados (APC orgânico), de 01 cooperativa no mesmo perímetro (COOPASUL – Cooperativa Agropecuária dos Produtores dos Territórios Centro Sul e Sul de Sergipe) com 30 associados, e da aplicação do cadastro sócio econômico no perímetro Jacarecica II em Malhador.

As ações de fortalecimento e incentivo na comercialização da produção dos perímetros foram realizadas através da elaboração e acompanhamento de projetos de comercialização junto à CONAB, contemplando 175 pequenos produtores, reuniões realizadas em parceria com o SEBRAE e orientações às associações de piscicultores para comercialização nas  feiras livres.

Outra ação importante foi a celebração de várias parcerias com entidades reconhecidas no Estado, como o Sebrae, Embrapa/Tabuleiros Costeiros, Empresa Feltrir e Top Seed, SRH/Funerh, Pronese e outras. Entre os inúmeros benefícios, podemos citar a assinatura de convênio, no valor de R$ 1.200.000,00, para dois anos, nas ações de revitalização e modernização de estações agrometeorológicas; implantação de projetos de cultivo comercial de pescados com a elaboração de  02 projetos a serem contratados com recursos do PRONESE, no valor total de R$ 179.625,00.

No primeiro Plano de Ação para a convivência com a seca foram trabalhadas 120 horas de tratores de esteira  nos meses de março a agosto de 2009, através de termo de cooperação entre a COHIDRO e a Secretaria de Estado da Inclusão Social – SEIDES, com ações de recuperação de 121 aguadas localizadas nos territórios do Alto Sertão, Agreste Central, Centro Sul e Médio Sertão, aplicando recursos da ordem de R$ 892.710,00.

Na perfuração de poços, outra ação estratégica da COHIDRO, em 2009 foram perfurados 32 poços, envolvendo os serviços de perfuração, desobstrução, bombeamento, limpeza e teste de vazão, além da recuperação de 59 poços distribuídos em todos territórios  sergipanos.

Em novembro, firmamos um termo de cooperação também com a SEIDES, no valor de R$ 3.000.000,00, que dará continuidade às ações para a convivência com a seca com previsão para perfuração de 28 poços, recuperação de 47 poços, construção de 06  médias aguadas,  30 pequenas aguadas e 100 cisternas.

Nossa política interna foi pautada na reestruturação organizacional, iniciada com a revisão do planejamento estratégico, a aprovação de um novo organograma e implantação do novo Plano de Cargos e Salários, resolvendo uma situação de promoções ilegais existentes na empresa.

A implantação do Acordo e do novo Regulamento mostra o compromisso do governador Marcelo Déda com a classe trabalhadora, uma vez que encontramos na empresa uma situação extremamente delicada por conta da aprovação, no Governo passado, de gratificações e incorporações sem critérios legais e que elevaram de forma substancial salários de alguns servidores que ficaram em situação privilegiada em relação aos demais. Com o Acordo e o novo Regulamento, houve um ganho espetacular para mais de 90% dos empregados. Os outros 10% não perderam nada.

Além disso, a COHIDRO vem realizando pagamento dos dissídios de governos passados. Foi também nessa administração que mais de R$ 6 milhões foram aprovados pelo Crafi para investimento e custeio variável, aqui aplicados pelo Governo no ano de 2009. Há mais de 15 anos não se investia importância dessa envergadura na COHIDRO.

O senhor Marcos Aurélio conclui, mostrando total desconhecimento das regras da empresa, “que o contribuinte sergipano teve que desembolsar a quantia de R$ 46,1 milhões. Isso só em 2009. Ao somarmos com os dados de 2008, esse montante chega a R$ 81,3 milhões.” Os números são verdadeiros porque fazem parte do balanço da COHIDRO, mas a conclusão é ilógica. Por sua função social junto ao homem do campo, a Companhia não tem receita própria, pois todos os seus serviços (fornecimento de água, manutenção dos perímetros, perfuração e manutenção de poços, entre outros) são gratuitos. Quem financia tudo isso é o Tesouro do Estado. Este valor é referente a todo custeio não só dos perímetros, mas também ao custeio da própria empresa, aos investimentos e pagamento de salários e encargos trabalhistas.

Portanto, a COHIDRO continuará mantendo sua política de expansão e benefícios para os municípios sergipanos. Podem ter a certeza que nenhum outro governo investiu na Companhia e em seus servidores como este. Essa é uma conquista que ficará para sempre na história dessa empresa, que tem um papel social relevante e continuará sendo o braço direito dos pequenos agricultores de Sergipe, ao lado da Emdagro, cuja atuação também esta focada na implementação de políticas públicas voltadas ao homem do campo. *Diretor-Presidente da COHIDRO.

 

 

Participe ou indique este blog para um amigo: 

claudionunes@infonet.com.br

 

Frase do Dia

“A Justiça e a caridade têm esferas distintas, mas a Justiça com caridade é mais justa”. Frase de São Thomaz de Aquino citada ontem, 28, pelo juiz Ricardo Múcio ao tomar posse como desembargador do TJ de SE.

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários