No mato sem cachorro

0

É visível o desinteresse da maioria dos auxiliares do governador Marcelo Déda (PT) com a administração pública. Até parece que ao lado dele estão adversários, que torcem pelo quanto pior melhor. Senão como explicar que os três carros rebecões do IML quebraram de uma só vez, deixando cadáveres expostos nas ruas? E o que dizer da falta de combustíveis para abastecer a frota da Polícia? Mas não é só isso: a má gerência e falta de vontade contribuem para que a saúde pública permaneça na UTI, apesar dos elevados investimentos feitos no setor. Muitas escolas estão em petição de miséria, os servidores públicos são tratados a pão e água, e a Deso virou um saco de pancadas. Para agravar o quadro, a maioria da bancada situacionista na Assembléia silencia às criticas da oposição, enquanto os prefeitos não se cansam de reclamar da falta de atenção do governo que apóiam. Ou Déda abre o olho, ou os que o cercam – claro que há exceções – vão transformar sua administração num verdadeiro caos. E aí, adeus Senado!

Briga tola

Lideranças governistas estão brigando pelo que não existe. Umas ficaram irritadas porque o governador Marcelo Déda (PT) não convidou o senador Eduardo Amorim (PSC) para ouvir do ministro da Saúde, Alexandre Padilha, a promessa de liberação de R$ 18,6 milhões para o Hospital do Câncer. Outras acham que, como a emenda para o empreendimento é de bancada, Déda teria que convidar todos os parlamentares federais. Essa briga tola mostra que tem gente mais preocupada em visibilidade política do que com a saúde dos sergipanos.

Deixe de fumar

Previsto para entrar em vigor em 1º de dezembro próximo, o reajuste do IPI sobre os cigarros só começará a valer em maio de 2012. Apesar de o aumento ter sido adiado, o início do novo modelo tributário para o produto foi mantido para 1º de dezembro. A carga tributária sobre o produto, atualmente entre 58% e 60% em média, passará para 81% no regime geral e ficará entre 68% e 70%, em média, no regime especial.

Greve na Deso

Evite procurar hoje os serviços da Deso. É que os empregados da empresa vão cruzar os braços nesta terça-feira porque até agora a presidência não apresentou contra-proposta às reivindicações salariais da categoria. Também vão protestar em frente à sede da estatal contra a forma deselegante como o presidente Bosco Mendonça tratou os empregados, chamando-os de velhos e ultrapassados. É, a coisa tá feia!

Flores em alta

É grande a procura por flores para o Feriado de Finados nas lojas do Bompreço e Hiper Bompreço. A data de 2 de novembro é a maior responsável pelas vendas, superando o Dia das Mães e o Dia dos Namorados. Com uma variedade de mais de 30 tipos de flores, o crisântemo é o preferido pelos consumidores para homenagear aqueles que se foram. A expectativa é que em 2011 o aumento no percentual de vendas ultrapasse 15%. Nas lojas da rede, o cliente pode encontrar essa flor a partir de R$ 5,00.

Desabrigos

Evite ficar embaixo dos abrigos instalados nos pontos de ônibus de Aracaju. Quem arriscar pode terminar se acidentando devido ao péssimo estado de conservação dos equipamentos. Ontem, o ponto de ônibus da avenida Osvaldo Aranha desabou por conta da ferrugem em sua base. Há 10 dias ocorreu o mesmo na praça Olímpio Campos. E a turma da SMTT ainda diz que o usuário do transporte coletivo tem um serviço de excelente qualidade. Ô galera, respeite o povo!

Na posse

O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PC do B), participou ontem, em Brasília, da posse do deputado federal Aldo Rebelo no Ministério do Esporte. “Além de amigo, Aldo Rebelo é quadro do PC do B, onde tem o apoio unânime, e um político respeitável, que presidiu a Câmara e está no sexto mandato de deputado federal por São Paulo”, afirmou Nogueira.

Tem chance

Não brinquem que o Flamengo é time de chegada. Para quem acha que o Mengão não tem mais chance de ser campeão brasileiro vale recordar a trajetória do time em 2009, quando levantou a taça de campeão. Segundo matéria do jornal O Globo, na 32ª rodada do Brasileiro de 2009, o Flamengo perdeu para o Barueri e ficou na sexta posição, uma atrás da atual. A distância para o então líder, o Palmeiras, era de seis pontos. Ou seja, a mesma de hoje. Não esqueçam que o jogo só termina quando acaba.

'Crédito sem garantias'

Na próxima sexta-feira, durante a 8ª edição do Almoço com Empresários, os associados da Associação Comercial conhecerão as diversas modalidades de crédito sem garantias reais oferecidas pelos bancos públicos. O tema será abordado pelo presidente do Banese e os superintendentes da Caixa, Banco do Brasil e BNB. O Almoço acontecerá a partir das 12h, no Hotel Mercure Aracaju, na Orla de Atalaia.

Comissão da verdade

O deputado federal Márcio Macêdo (PT) falou ontem na Câmara sobre a importância da Comissão da Verdade.  Segundo ele, "nós somos tudo aquilo que lembramos, nós somos a memória que temos! A reprovação moral dos crimes passados, feita de forma difundida e oficial, influencia na formação da identidade de uma sociedade e na seleção de suas memórias. Validar a dor das vítimas e conhecer a verdade é o único passo para reconstruir o tecido social e conquistar uma paz verdadeira". Está certíssimo!

Do baú político

Já no final do seu segundo mandato de governador, Albano Franco organizou uma grande festa para marcar a inauguração do Teatro Tobias Barreto, obra iniciada em Aracaju por seu antecessor João Alves Filho. Na noite de gala, casa cheia, o mestre de cerimônia Gilvan Fontes convida o governador para discursar. Depois de falar sobre a obra e a importância de os governos investirem na cultura, Albano pega a programação e começa a falar sobre as atrações convidadas. Para surpresa de todos, ele cita a peça “o Mágico de Ózê”. A platéia não reage e ao fim do pronunciamento aplaude o governador de pé. Quando Gilvan retoma a palavra e anuncia que entre as atrações estava a peça “O Mágico de Oz”, houve-se uma estrondosa gargalhada no teatro. Sentado na primeira fila, o próprio Albano também riu muito de sua garfe.

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais