“O Bispo” pecador que dá trabalho a JB

0

“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

Ainda atordoado pela derrota fragorosa na eleição do ano passado,onde o adversário, Valmir de Francisquinho, foi reeleito prefeito com 65% dos 

votos, o deputado estadual Luciano Bispo, continua agindo como se não fosse presidente de um Poder. Aliás, se as leis e a Justiça não Brasil fosse outra Luciano jamais seria deputado.

Ontem, 13, ao conceder entrevista a George Magalhães, na FAN FM, resolveu comentar uma pesquisa de opinião que mostra a oposição na frente para o governo e o senado. E diz que o grupo dele não está pensando em eleição neste momento. Uma prova que ainda não recuperou a lucidez após a acachapante derrota em Itabaiana.

Luciano quer passar que as adesões de Laércio Oliveira, Ricardo Franco, Machado, Venâncio Fonseca e Cia não foram pensando em 2018. E em dado momento disse “o povo tem juízo”. Falou a verdade Luciano, tanto é que não quis que o grupo dele retornasse a Prefeitura de Itabaiana após um desastre administrativo sem precedentes, fruto de falta de gestão e compromisso com o povo.

Luciano sonha em assumir o governo, com Jackson saindo para ser candidato ao Senado e “arranjando” uma vaga no TCE para Belivaldo Chagas. Seria a derrocada total do Estado de Sergipe, Luciano Bispo à frente do governo estadual.

Tem jeito não, parece que o Bispo pecador continuará dando trabalho a Jackson. Para desespero dos aliados sérios.

Nova eleição
Definidas as chapas concorrentes na eleição suplementar do dia 02 de abril, em Carmópolis. O grupo da ex-prefeita Esmeralda (PT) lançou Luiz Guimarães (PSB), candidato a prefeito, e Gladston Garcia (PMDB), candidato a vice-prefeito. A oposição vai de Volney Leite Alves (DEM), prefeito, e Beto Caju (SD), candidato a vice-prefeito.

Novo interino
Em face da candidatura do atual prefeito interino Luiz Guimarães, deve assumir a prefeitura, nesta quarta feira, o vice-presidente da câmara de vereadores José Augusto Santos (PSD).

Aliados orquestram entrega do contrato do lixo à TORRE
por NE NOTÍCIAS: “A CAVO, empresa do grupo Estre Ambiental, não consegue se entender com a Prefeitura de Aracaju.A prefeitura diz que nada deve, a empresa insiste em dizer que tem muito a receber.Hoje (13), o diretor-presidente da Emsurb, Mendonça Prado, voltou a dizer à imprensa que a culpada pela suspensão parcial da coleta do lixo é a CAVO.A empresa promete para esta terça.feira, às 14h, sua primeira entrevista coletiva.

Aliados orquestram entrega do contrato do lixo à TORRE II
Continua a matéria: “Enquanto prefeitura e empresa não se entendem, um movimento surge, orquestrado por aliados do prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB), sem a sua participação, objetivando levar o próximo contrato emergencial, a ser assinado em março, para a TORRE, que perdeu, na gestão de João Alves (DEM), a disputa com a CAVO.O movimento não tem a participação de Mendonça Prado.

É grave. Cadê o TCE e o MPE? Se a Torre voltar tem boi na linha ou não…
É grave a matéria. É preciso que o Tribunal de Contas de Sergipe e  o Ministério Público Estadual acompanhe todas as notificações da Emsurb contra a Cavo. E qual o motivo de outro contrato emergencial em março? Quem está sentado no processo de licitação do lixo em Aracaju? Tem boi na via, ou melhor, na linha…Quem é o Rei neste tabuleiro de Xadrez da Torre.

Hospital do Câncer. Depois da construção vem o “lenga lenga” da manutenção
E um médico experiente lembrou o problema maior não é a construção do Hospital do Câncer, mas será mantê-lo funcionando. O custeio é enorme e nem o Estado, nem os municípios têm como mantê-lo. O ideal seria entregar a gestão ao INCA, ao governo federal.Será o grande abacaxi para o próximo governador.

Daniel Fortes na Alese
E o juiz de direito Anselmo de Oliveira concedeu liminar movida pelo suplente de deputado do PEN, Daniel Fortes para assumir a vaga na Alese, por conta do impedimento de Adelson Filho (Tijoi Barreto) de exercer qualquer função pública. Destaca-se o trabalho do advogado Bruno Santiago que conseguiu empossar mais um parlamentar.

Casos subvenções Alese. Querem enganar a sociedade com “dois bois de piranha?” Justiça é seletiva?
Em todas rodas de conversa onde o assunto subvenções da Alese é tocado, a maioria esmagadora de pessoas formadoras de opinião é que estão pegando para “bois de piranhas” apenas dois deputados que não têm “padrinhos” fortes. E os outros? Viram santos? A Justiça em Sergipe é seletiva?

Para comemorar
Diante da evidencia de que a maior parte dos municípios sergipanos está sob o comando de oposicionistas, ainda que os prefeitos fiquem na deles, discretos e silenciosos, até para não sofrerem retaliações, o governador Jackson Barreto (PMDB) tem uma razão muito positiva para comemorar: a Associação dos Municípios da Barra do Cotinguiba e Vale do Japaratuba está nas mãos de um fiel aliado dele, o prefeito da Barra dos Coqueiros, Airton Martins (PMDB).

Telha: população usa redes sociais para clamar por água a Deso e a prefeitura
O print ao lado é de uma moradora indignada do povoado São Pedro, em Telha, mostrando que a população está comprando água porque o

Pelas redes sociais moradores denunciam falta de água em Telha. 

 carro de pipa a mais de 20 dias não aparece para dá suporte a população.

Lançamento de livro
“É um livro para sentir”. Assim a jornalista aracajuana Lara Aguiar descreve a sua primeira obra publicada em formato de livro.  Intitulado “Libertas”, a obra que é permeada pela subjetividade é a mais nova publicação da Editora do Diário Oficial de Sergipe – Edise e será lançada na próxima sexta-feira, dia 17, às 17h, no Museu da Gente Sergipana Gov. Marcelo Déda, em Aracaju (SE).

64 textos
Através do poema em prosa ou prosa poética [gênero contemporâneo que a cada dia tem ganhado mais espaço entre as novas gerações de escritores], a autora brinca com as palavras, fazendo uso de símbolos, signos e da musicalidade, permitindo assim que os leitores mergulhem profundamente em cada um dos 64 textos presentes na obra.

Madame da ginástica rítmica mundial
A ginástica rítmica sergipana está no mais alto degrau da arbitragem mundial. A técnica e árbitra internacional Cristina Vital, que também faz parte do quadro de professores da  SEED, participou, no final do mês passado, de uma prova que avalia a cada ciclo olímpico todos os árbitros internacionais. Nessa prova, que foi realizada no mês de janeiro no Afeganistão, Cristina Vital foi aprovada e elevada ao grau de Madame da ginástica rítmica mundial graças à pontuação que a levou a conquistar  o brevê 1, que é o mais alto posto da arbitragem no mundo.

Madame da ginástica rítmica mundial II
Essa sergipana que já foi ginasta, técnica e coordenadora da seleção brasileira, traz na veia o sangue do desporto. Para quem não sabe Cristina é filha de Epaminondas Vital, um dos fundadores da Associação Desportiva Confiança. Cristina foi também a primeira  brasileira a participar de uma banca de arbitragem na modalidade de ginástica rítmica, o fato aconteceu em 2012 na olimpíadas de Londres.

Madame da ginástica rítmica mundial III
No ano passado ela foi convidada  a participar da olimpíadas do Rio de Janeiro, dessa vez  como árbitro de linha.Hoje, o estado de Sergipe e o Brasil têm em Cristina Vital a maior referência da arbitragem mundial na modalidade de ginástica rítmica. Essa guerreira de sangue nordestino merece todo o respeito, Cristina Vital é medalha de ouro da ginástica rítmica para o Brasil, ela é o orgulho do povo brasileiro. 

PELO TWITTER

www.twitter.com/jrobertotgomes   No Brasil é assim: o meu ladrão é do bem e o seu é do mal, como se não fossem todos ladrões…

www.twitter.com/jrvicenteTN   Piada do século: Direção do PSDB vai expulsar ex-candidata a vereadora flagrada saqueando loja no ES. E os que saqueiam os cofres públicos??

www.twitter.com/clovis_silveira   As pessoas ultimamente andam cada dia mais afastando das outras, daqui uns dias,a solução vai ser conversar com as plantas ou pelo WhatsApp!

www.twitter.com/minc_rj  No Brasil dezenas de milhares de mulheres pobres morrem por ano das consequências de abortos clandestinos. Defesa da Vida??

NOTA DE ESCLARECIMENTO EMGETIS

Referente à nota do leitor publicada em seu blog na Infonet, nesta segunda-feira, dia 13 de fevereiro, intitulada 'Protegidos de Garibalde e Gama fazem lambança na Emgetis. Gratificação retroativa a 2009' esclarecemos que:

1) O benefício citado em nota não se trata de gratificação, mas de adicional de prorrogação de expediente, ou seja, um pagamento feito a empregados que estendem seus horários de trabalho de 7h às 13h, conforme norma da empresa, e passam a trabalhar também no período da tarde, das 15h às 17h30;

2) A diretoria da Emgetis é formada por três diretores, sendo que apenas um deles faz parte do quadro de efetivos da empresa e, com isso, é beneficiário do adicional de prorrogação de expediente.

3) Frise-se que até 2015, dentre todas as empresas públicas do estado de Sergipe que possuem o adicional de prorrogação de expediente, a Emgetis era a única a não conceder este benefício a seus diretores sem vínculo.

4) A partir desta premissa e com base numa decisão judicial (Processo nº 0186800-35.2009.5.20.0004), no âmbito do Estado de Sergipe, que destaca o 'Princípio da Isonomia', o Conselho Administrativo da Emgetis decidiu por nivelar os mesmos direitos a diretores sem vínculo, tendo em vista que os referidos exercem a mesma jornada de trabalho.

5) Quanto ao cálculo apresentado em nota, é importante salientar que o requerimento para pleitear direitos trabalhistas prescreve no prazo de 5 anos, o que inviabiliza a conclusão exposta de que os valores seriam calculados a partir do ano de 2009, principalmente pelo fato de nenhum dos requerentes ter assumido qualquer cargo na empresa durante este período. Pontue-se, ainda, que os requerentes recebem o benefício desde 2015, portanto, o cálculo do retroativo abrange o período de 2012 em diante;

6) Sobre a incidência do benefício de 50% dos proventos, é importante frisar que os servidores sem vínculo, em cargo de comissão, não possuem gratificações. O valor recebido do cargo é único, não podendo haver outra formatação de cálculo;

7) Finalmente, ressaltamos que o requerimento tramitou no sistema eletrônico de documentos (e-DOC) de forma transparente. Daí, o acesso livre ao seu conteúdo por vários funcionários da Emgetis.

Nota de solidariedade à greve dos Assistentes Sociais e demais servidores da PMA

Por meio desta nota, o Conselho Regional de Serviço Social 18a. Região – Sergipe (CRESS/SE) vem manifestar sua solidariedade aos/as servidores/as da Prefeitura Municipal de Aracaju, que estão em greve desde o dia 27 de janeiro, por meio de suas entidades sindicais: Sindicato dos Assistentes Sociais de Sergipe (Sindasse) e demais sindicatos.

Como entidade representativa dos/as assistentes Sociais, este Regional manifesta especial apoio à categoria, mas se estende aos/as psicólogos/as, médicos/as, farmacêuticos/as, enfermeiros/as, nutricionistas, fisioterapeutas, agentes de saúde que atuam na Secretaria Municipal de Saúde e de Assistência Social, todos em greve.

Organizadas, as categorias reivindicam o pagamento dos salários de dezembro de 2016, quando o então prefeito de Aracaju João Alves Filho deixou a gestão da PMA sem repassar os vencimentos dos trabalhadores. Os servidores decidiram parar suas atividades após o descumprimento do acordo firmado pela gestão atual, de regularização imediata dos salários em atraso de forma integral. Os servidores compreendem que são desrespeitosas as propostas apresentadas pela gestão municipal, de parcelamento do salário em atraso em 12 meses ou do acesso aos recursos devidos pela PMA por meio de empréstimo consignado e somente retornarão ao trabalho mediante o pagamento dos salários de dezembro integral, sem empréstimo consignado.

Nós, assistentes sociais e demais profissionais que lidam diretamente com as demandas da população mais vulnerabilizada e com a implementação das políticas públicas, vivenciamos na nossa prática cotidiana as consequências do esvaziamento dessas políticas. Compreendemos, portanto, que não é possível garantir a qualidade dos serviços ofertados sem que haja valorização do trabalhador. E valorização se faz com respeito, condições adequadas de trabalho e com o pagamento de um salário digno e dentro do mês.

Ao reafirmar nossa irrestrita solidariedade à greve dos trabalhadores da PMA, o CRESS/SE reafirma a legitimidade da pauta grevista e reitera a que a greve é um direito e instrumento legítimo da classe trabalhadora, utilizado quando são esgotados os outros meios de negociação. Assim, conclamamos ao Poder Executivo Municipal que retome a negociação com as categorias, no sentido de implementar as condições postas pelos/as trabalhadores/as

Aracaju, 9 de fevereiro de 2017

Conselho Regional de Serviço Social – 18a. Região – Sergipe
Gestão Ousar, Lutar, Avançar

NOTA DE ESCLARECIMENTO – PREFEITURA DE ITABAIANA

Não tem qualquer fundamento a denúncia publicada pelo semanário Cinform em sua edição nº 1766, deste final de semana, segundo a qual os direitos dos segurados no SUS não funcionam a contento no município de Itabaiana. O jornal e o denunciante, o caminhoneiro Manoel Gomes de Oliveira parece desconhecer que, no caso deste paciente se trata de um procedimento de alta complexidade, sob a responsabilidade da Secretaria Municipal de Saúde de Aracaju, através do NUCAAR – Núcleo de Controle, Auditoria, Avaliação e Regulação, para onde são repassados os recursos.

Conforme a secretária de Saúde de Itabaiana, Carla Mendonça, Manoel recebeu todo atendimento possível ao município, como a solicitação da intervenção de um neurocirurgião, através NUCAAR, além do acompanhamento diário desta marcação, para a comunicação ao paciente. Carla lamentou o fato de não ter sido procurada pelo jornal nem pelo denunciante para prestar os esclarecimentos necessários, preferindo politizar o caso.

A secretaria adiantou que a saúde em Itabaiana é prioridade sim e exemplifica que na atual gestão, já foram construídas seis Unidades Básicas de Saúde, reformados e ampliados vários postos na sede e nos povoados e a prefeitura possui uma equipe de 54 médicos, em várias especialidades, atendendo diariamente, inclusive no SESP, maior centro de atendimento de saúde do interior do Estado, reformado e ampliado na atual gestão, inclusive usando recursos próprios.

Com relação a difícil situação financeira que o paciente disse se encontrar, Carla disse que ele deve procurar a Secretaria de Inclusão Social, onde funcionam vários programas que podem ajudá-lo. “O prefeito Valmir de Francisquinho não pode ser responsabilizado por um problema cuja solução não depende da sua administração”, finalizou.

Cláudio Nunes no Face e no twitter:

https://www.facebook.com/blogclaudionunes/

Frase do Dia
“No fim tudo dá certo, e se não deu certo é porque ainda não chegou ao fim.” Fernando Sabino [No fim dá certo – crônicas (1998, Record)].

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários